Você está na página 1de 1

Guatapara (Letra) Compositor: Cerezo

ERA UM PORTO VELHO SEM NAVIO|ERA UM TREM VARANDO A PONTE O RIO|

PELAS MATAS CORREM GUATAPARAS|TINHA FORMA DE UM FORNO A BRASA

TINHA UM CHEIRO DE PÃO FEITO EM CASA|NO CALOR DO BARRO GUATAPARA

TINHAM TREPADEIRAS NA VARANDA|BRINCADEIRAS DE RODA ( CIRANDA )

TINHAM ROSAS NO JARDIM DA INFANCIA|PÉS DESCALSOS PISANDO O TERREIRO

TRAZ A SOMBRA DE UM ABACATEIRO|UMA BRISA FRESCA PRA DESCANSAR

ERA UM PORTO VELHO SEM NAVIO|ERA UM TREM VARANDO A PONTE O RIO

PELAS MATAS CORREM GUATAPARAS|TINHA FORMA DE UM FORNO A BRASA

TINHA UM CHEIRO DE PÃO FEITO EM CASA|NO CALOR DO BARRO GUATAPARA

E O CAFE DO TEMPO DA COLHEITA|TINHAM CARPIDEIRAS E PALHEITAS

E UM FEITOR DE RONDA SÓ PRA MANDAR|TINHA FÉ NO SANTO PADROEIRO

E O ANDOR NO OMBRO DO ROMEIRO|TINHA ATE PROMESSA PRA SE CASAR

A SAUDADE A GENTE NÃO EXPLICA|TA NO JEITO DA MOÇA BONITA|NA JANELA VENDO A TARDE PASSAR

A SAUDADE DA NO FIM DO DIA|DA SEIS HORAS TRES AVE MARIAS|TA NO CORAÇÃO MEU GUATAPARA

TA NO CORAÇÃO MEU GUATAPARA|TA NO CORAÇÃO MEU GUATAPARA