Você está na página 1de 3

Métodos de estudo: introdução à educação a distância

1. Organizando o tempo

Quando pensamos em estudar, devemos lembrar que, para fazê-lo, é preciso


ter tempo. Tempo é um fator essencial da atividade de estudos.

Sabemos que a rotina das pessoas hoje em dia é extremamente corrida, cheia
de compromissos que envolvem trabalho, auto-cuidado, família, lazer, entre
outras responsabilidades.

Neste cenário, torna-se um desafio encaixar a atividade de estudo. Muitas


vezes, quando chega a hora de estudar estamos cansados e desanimados, o
que torna o estudo mais difícil. Isso é ainda mais verdadeiro quando falamos
de educação a distância, em que não há a obrigatoriedade de ir a um
determinado local para estudar e fica mais fácil ceder ao cansaço e ao
desânimo.

Como lidar com isso?

Em primeiro lugar, é preciso ter consciência de que estudar demanda tempo, e


que, quando falamos de educação a distância, disciplina é uma questão
fundamental. Isso quer dizer que quando se planeja uma hora de estudos por
dia, é preciso ser rigoroso e cumprir o planejado. Isso é um desafio, pois
sabemos que, quando estamos cansados, qualquer motivo é desculpa para
fugir da atividade de estudo planejada.

Estudar é um hábito. Colocar o estudo na rotina diária ajuda no processo de


criar este hábito tão importante em nossa vida.

Para isso, começaremos propondo uma atividade:

1) Organize uma tabela com todas as atividades que você já desempenha no


seu dia-a-dia;

2) Encontre espaços de no mínimo uma hora por dia em sua tabela e inclua a
atividade de estudo nestes espaços;

3) Execute a rotina com a atividade de estudo por uma semana e observe se


conseguiu de fato estudar nos horários propostos;

4) Caso não tenha funcionado, reorganize sua tabela e reinicie o processo.

Vamos tentar?

Neste site há uma versão interessante de planilha para fazer este


planejamento: https://www.aprenderexcel.com.br/2015/planilhas/planilha-
controle-de-horarios-no-excel

Você pode encontrar diversos outros modelos na internet ou ainda construir


seu próprio modelo.

1
FENIX EDUCAÇÃO, INOVAÇÃO E TECNOLOGIA
Métodos de estudo: introdução à educação a distância

2. Espaço

Agora que já falamos sobre o tempo, é preciso encontrar um espaço para


estudar.

Quando falamos do local de estudo, é preciso pensá-lo com cuidado. Há


certas características do espaço que favorecem a concentração e outras que
tornam o estudo mais difícil.

Características ideais do local de estudos:

- É silencioso;

- Tem iluminação adequada (isso ajuda a escapar do sono);

- Tem poucas distrações (não está perto da TV ou da sala onde pessoas


ficam conversando);

- Está organizado (os materiais necessários estão organizados e de fácil


acesso).

Não precisa ser necessariamente um local específico para o estudo, mas sim
um local que, no momento em que você vai estudar, tenha estas
características.

É importante se livrar de distrações, como a TV e o celular, deixando-os longe


do alcance durante seu horário de estudo.

Controle o tempo por um relógio (pode ser daqueles baratinhos que


encontramos em lojas de R$1,99), e isso te livra da tentação de olhar o
Facebook ou o Instagram cada vez que for ver as horas. Outra opção é colocar
o celular para despertar ao fim do tempo destinado aos estudos. Neste caso
você só pega o celular quando ele despertar.

Ter um espaço livre de distrações é muito importante.

3. Planejamento

Imagino que agora você já tenha organizado um horário para seu estudo e um
local adequado, mas é só isso?

Muitas vezes, mesmo quando estamos com tudo organizado, não sabemos
bem por onde começar.

Nosso próximo passo será planejar os estudos. Como fazer isso?

Comecemos por fazer uma lista de tudo que há para ser estudado. Você pode
fazer isso por disciplina ou até de forma mais detalhada, listando quais
atividades você precisa fazer dentro de cada disciplina. Por exemplo, nesta
disciplina há textos (leitura), questionários, trabalhos.

2
FENIX EDUCAÇÃO, INOVAÇÃO E TECNOLOGIA
Métodos de estudo: introdução à educação a distância

Tendo listado o que há para fazer, divida as atividades no seu cronograma de


estudo, estipulando exatamente qual tarefa você irá realizar em cada dia e
período de estudos.

É provável que você gaste algum tempo fazendo isso, mas com certeza esse
processo tornará sua atividade de estudo mais produtiva e você não precisará
ficar correndo atrás de prazos em cima da hora.

Vamos praticar?

Faça um levantamento de suas tarefas de estudo e coloque-as no sua tabela


de horários.

4. Ferramentas de estudo

Agora que já sabemos quando, onde e o que estudar, precisamos buscar


o como estudar. Será que todos estudam e aprendem da mesma maneira?
Será que existem estratégias que facilitam a atividade de estudo?

Existem diferentes formas de estudar. Assistindo aulas, ouvindo podcasts,


lendo, resolvendo exercícios, elaborando resumos, mapas mentais e outros
materiais, enfim, há uma infinidade de técnicas que podem facilitar os estudos.
Como decidir qual delas utilizar?

Primeiro, é preciso conhecer cada ferramenta. Algumas, como assistir aulas, já


nos são familiares. Outras, nós estudaremos em breve. Quando sabemos
como cada estratégia funciona, fica mais fácil escolher qual usar para cada
disciplina. A escolha deve se basear em suas características pessoais (o que é
mais fácil para você?), nas características da disciplina e nas possibilidades
que a técnica te oferece.

Nossos próximos materiais e atividades serão relacionados a algumas dessas


diferentes técnicas de estudos. Esperamos que elas ampliem suas estratégias
de estudo e forneçam ferramentas para sua caminhada ao longo do curso.

Encerramos nosso pequeno livro convidando-os a seguir com as próximas


leituras e atividades.

Bons estudos!!

3
FENIX EDUCAÇÃO, INOVAÇÃO E TECNOLOGIA