Você está na página 1de 2
_ BCIb B4FE ore GE AS ae —_ MINISTERIO PUBLICO DE CONTAS DO DISTRITO FEDERAL } Z PROCURADORIA-G: OPIA ee OFICIO N° 472/2019- MPC/PG Brasilia, 18 de junho de 2019. Exm(a). Sr(a). Promotor(a) de Justiga, Na Edigio n° 90, Segao I, p. 1, do Diario Oficial do Distrito Federal - DODF, de 15/5/2019, foi publicada a Ordem de Servio n° 39, de 6/5/2019, que tornou publica a realizagéo de Concurso Cultural para a escolha da Logomarca em comemoraco 20s 60 anos do Cruzeiro. __ Em sintese, pela leitura do disposto no $.1 do art. 1° da referida OS, a aludida Administracdo Regional premiava o participante vencedor com um TABLET e com o direito de participar, com um representante legal, de um passeio civieo pela cidade acompanhado do Deputado Reginaldo Sardinha. Dessa feita. a Quarta Procuradoria do MP de Contas ofertou a Representagao n° 7/2019-G4P, tendo em vista a aparente violacio aos principios da impessoalidade e da mor: je, capitulados no art. 37 da CF/1988, bem como no art. 19, caput c/e 22, V, a, da Lei Organica do Distrito Federal. Na oportunidade, 0 Ministério Publico de Contas requereu medida cautelar, visando a suspens%o dos efeitos da “premiacdo” alusiva ao Parlamentar, bem como a imediata retirada do item 5.1 da Ordem de Servigo n° 39/2019, no que tange & expressio “direito de, com um representante legal, participar de um passeio civico pela cidade acompanhado do Deputado Reginaldo Sardinha”, até ulterior deliberagdo Plenaria acerca do mérito. Por sua vez, foi instaurado 0 Processo n° 11.647/2019-e no ambito do e. TCDF, no qual, mediante o Despacho Singular n° 284/2019 — GCRR, sob a égide do art. 40 da LC n° 01/1994, tomou-se conhecimento da Representacio n° 7/2019-G4P, deferiu-se a medida cautelar requerida e concedeu-se prazo ao Administrador Regional do Cruzeiro para que apresentasse esclarecimgntos a respeito das questée; io e de direito suscitadas na referida Representagao. A A Promotoria de Justica de Defesa do Patriménio’ —PRODEP/MPDFT Eixo Monumental, Praga do Buriti, Lote 2, Sede do MPDFT, Sala 303 CEP: 70.091-900 - Brasilia/DF OO MINISTERIO PUBLICO DE CONTAS DO DISTRITO I PROCURADORIA-GERAL Vale destacar que o MPC/DF teve conl 100, p. 15, de 31/5/2019, de que, mediante a Ordem de n° 39 foi tornada sem efeito. Nesses termos, considerando que, a teor .429/1992. praticar ato visando fim proibido em! revisto, configura improbidade a i da Administracao Publica, este Parquet de documentagao em anexo para avaliacao ¢ providénc Atenciosamente,