Você está na página 1de 5

1

Aula: Teóricos – Abordagem Psicanalítica


Matutino: Diana, 27 de outubro, das 10h00 as 11h30 (Terça-feira)
Noturno: Esny, 27 de outubro, das 21h00 as 22h30 (Terça-feira)

FORMAÇÃO GERAL
QUESTÃO 1

(Colecção Roberto Marinho. Seis décadas da arte moderna brasileira.


Lisboa: Fundação Calouste Gulbenkian, 1989. p.53.)

A “cidade” retratada na pintura de Alberto da Veiga Guignard está tematizada nos versos
(A) Por entre o Beberibe, e o oceano
Em uma areia sáfia, e lagadiça
Jaz o Recife povoação mestiça,
Que o belga edificou ímpio tirano.
(MATOS, Gregório de. Obra poética. Ed. James Amado. Rio de Janeiro: Record, 1990. Vol. II, p. 1191.)
(B) Repousemos na pedra de Ouro Preto,
Repousemos no centro de Ouro Preto:
São Francisco de Assis! igreja ilustre, acolhe,
À tua sombra irmã, meus membros lassos.
(MENDES, Murilo. Poesia completa e prosa. Org. Luciana Stegagno Picchio. Rio de Janeiro: Nova
Aguilar, 1994. p. 460.)
(C) Bembelelém
Viva Belém!
Belém do Pará porto moderno integrado na equatorial
Beleza eterna da paisagem
Bembelelém
Viva Belém!
(BANDEIRA, Manuel. Poesia e prosa. Rio de Janeiro: Aguilar, 1958. Vol. I, p. 196.)
2
(D) Bahia, ao invés de arranha-céus, cruzes e cruzes
De braços estendidos para os céus,
E na entrada do porto,
Antes do Farol da Barra,
O primeiro Cristo Redentor do Brasil!
(LIMA, Jorge de. Poesia completa. Org. Alexei Bueno. Rio de Janeiro: Nova Aguilar, 1997. p. 211.)
(E) No cimento de Brasília se resguardam
maneiras de casa antiga de fazenda,
de copiar, de casa-grande de engenho,
enfim, das casaronas de alma fêmea.
(MELO NETO, João Cabral. Obra completa. Rio de Janeiro: Nova Aguilar, 1994. p. 343.)

QUESTÃO 2

(Laerte. O condomínio)

(Laerte. O condomínio)

(Disponível em: http://www2.uol.com.br/laerte/tiras/index-condomínio.html)

As duas charges de Laerte são críticas a dois problemas atuais da sociedade brasileira,
que podem ser identificados pela crise
(A) na saúde e na segurança pública.
(B) na assistência social e na habitação.
(C) na educação básica e na comunicação.
(D) na previdência social e pelo desemprego.
(E) nos hospitais e pelas epidemias urbanas.
3

COMPONENTE ESPECÍFICO
QUESTÃO 3

Na literatura e na filmografia contemporâneas, a presença do humano que se revela um


robô atesta o reconhecimento de um tipo de personalidade cada vez mais frequente em
nossa cultura. Trata-se de uma pessoa cuja característica principal, segundo Winnicott, é
a alienação “do mundo subjetivo e da abordagem criativa dos fatos” e, nos termos de
Bion, a produção empobrecida de “elementos alfa” e exagerada de “elementos beta”.
Esse tipo de personalidade, em Psicopatologia Psicanalítica, é denominada
(A) normótica.
(B) falso-self.
(C) melancólica.
(D) esquizóide.
(E) perversa.

QUESTÃO 4

O “estádio do espelho”, segundo Lacan, é uma operação psíquica na qual predomina o


registro do
(A) Real, que se refere a um “resto” impossível de transmitir.
(B) Imaginário, que designa o lugar do Simbólico determinante do sujeito.
(C) Simbólico, segundo o qual o significante é de fato a própria essência da função
simbólica.
(D) Imaginário, que se refere a uma relação de indistinção com o outro.
(E) Real, que designa o objeto do desejo do sujeito, que escapa à simbolização.

QUESTÃO 5

O mecanismo que se traduz por fantasias em que o indivíduo introduz a sua própria
pessoa totalmente ou em parte no interior do objeto para lesá-lo, para possuí-lo ou para
controlá-lo é denominado identificação
(A) projetiva, segundo Freud.
(B) projetiva, segundo Klein.
(C) adesiva, segundo Bion.
(D) adesiva, segundo Winnicott.
(E) simbólica, segundo Lacan.
4

QUESTÃO 6

Considere as afirmações abaixo, relativas à proposta teórico-metodológica de Carl


Rogers.
I. O autoconceito é concepção nuclear de sua teoria da personalidade.
II. A auto-realização é concepção nuclear da terapia centrada no cliente.
III. Abordagem centrada na pessoa e terapia centrada no cliente são sinônimos e referem-
se à técnica de refletir os sentimentos do cliente.
IV. A percepção tem papel central na formação do autoconceito e a Psicologia da Gestalt
foi uma influência fundamental para esta teorização.

Está correto o que se afirma APENAS em:


(A) I e II
(B) II, III e IV
(C) II e IV
(D) I, III e IV
(E) I, II e IV

QUESTÃO 7

De acordo com a teoria de personalidade elaborada por Jung,


(A) o inconsciente coletivo designa o substrato mais profundo, que contém os
fundamentos comuns a todos os homens.
(B) o termo libido é empregado para indicar a energia psíquica de origem sexual.
(C) o processo de individuação refere-se ao mais completo desenvolvimento do
individualismo.
(D) os arquétipos são imagens e idéias inatas.
(E) os sonhos expressam idéias e imagens que se referem às experiências recalcadas do
indivíduo.
5

Aula: Teóricos – Abordagem Psicanalítica


Matutino: Diana, 27 de outubro, das 10h00 as 11h30 (Terça-feira)
Noturno: Esny, 27 de outubro, das 21h00 as 22h30 (Terça-feira)

FOLHA DE RESPOSTAS
Nome: _____________________________________________________________

Data: ____/10/2009

Semestre: ( ) 8º ( ) 10º

Período: ( ) Matutino ( ) Noturno

FORMAÇÃO GERAL
QUESTÃO 1 (A) (B) (C) (D) (E)
QUESTÃO 2 (A) (B) (C) (D) (E)

COMPONENTE ESPECÍFICO
QUESTÃO 3 (A) (B) (C) (D) (E)
QUESTÃO 4 (A) (B) (C) (D) (E)
QUESTÃO 5 (A) (B) (C) (D) (E)
QUESTÃO 6 (A) (B) (C) (D) (E)
QUESTÃO 7 (A) (B) (C) (D) (E)