Você está na página 1de 4

SEMANA I - O QUE É AVIVAMENTO ESPIRITUAL

ESBOÇO RESUMIDO

Fui crucificado com Cristo. Assim, já não sou eu quem vive, mas
Cristo vive em mim. A vida que agora vivo no corpo, vivo-a pela fé
no filho de Deus, que me amou e se entregou por mim. Gálatas
2.20

INTRODUÇÃO

Há muito “animamento” e pouco avivamento.


O que significa avivamento espiritual.

1. Fui crucificado com Cristo.

2. Cristo vive em mim.

3. Esta vida é pela Fé em Cristo.

CONCLUSÃO

SEMANA I - O QUE É AVIVAMENTO ESPIRITUAL

ESBOÇO AMPLIADO

Fui crucificado com Cristo. Assim, já não sou eu quem vive, mas
Cristo vive em mim. A vida que agora vivo no corpo, vivo-a pela fé
no filho de Deus, que me amou e se entregou por mim. Gálatas
2.20

INTRODUÇÃO

Fala-se muito em avivamento mas parece que ha mais


“animamento” que avivamento.

Avivamento Espiritual é uma intervenção de Deus no meio de uma


sociedade, provocando um movimento de volta à comunhão com
Ele. É caracterizado por um retorno ao temor a Deus, seguido de
confissão de pecados, consertos nos relacionamentos e
restituições. Resumindo é uma volta para Deus.

O Pastor Roy Hession no seu livro “A Senda do Calvário” (Editora


Betânia) apresenta as seguintes marcas do avivamento espiritual:

 Uma nova experiência de convicção de pecado entre os


salvos.
 Uma nova visão da cruz de Jesus e da redenção.
 Uma nova disposição para o quebrantamento, o
arrependimento, a confissão e a restituição.
 Uma alegre experiência do poder do sangue de Jesus para
limpar completamente do pecado, restaurar e curar tudo que
o pecado arruinou e tudo que nos fez perder.
 Uma nova compreensão da plenitude do Espírito Santo e do
seu poder de realizar sua própria obra através do seu povo
 Uma nova volta dos perdidos para Jesus.

Fui crucificado com Cristo. Assim, já não sou eu quem vive, mas
Cristo vive em mim. A vida que agora vivo no corpo, vivo-a pela fé
no filho de Deus, que me amou e se entregou por mim. Gálatas
2.20

Esta afirmação bíblica mostra a essência de um avivamento


espiritual. O Senhor Jesus é a vida (João 14.6), portanto somente
nele teremos a verdadeira vida espiritual. Os detalhes do texto
apresentam o caminho para o verdadeiro avivamento espiritual:

4. Fui crucificado com Cristo.


Claro que o texto não está falando da crucificação do corpo, mas
do velho homem, que sãoas tendências de maldade e pecado da
pessoa sem Cristo.. O mesmo Apostolo Paulo afirma o seguinte:

Pois sabemos que o nosso velho homem foi crucificado com ele,
para que o corpo do pecado seja destruído, e não mais sejamos
escravos do pecado. Romanos 6.6

Devemos, então nos considerarmos mortos para o pecado, para o


mundo, para o diabo e para os costumes do velho homem.

5. Cristo vive em mim.


Não ha como viver o cristianismo pelos nossos próprios esforços.
A única forma de vivermos de acordo com a vontade de Deus e os
princípios cristãos é pela própria vida de Cristo em nós.

A Bíblia mostra claramente que o proposito de Deus é que


sejamos semelhantes a Jesus Cristo: Pois aqueles que de
antemão conheceu, também os predestinou para serem
conformes à imagem de seu Filho, a fim de que ele seja o
primogênito entre muitos irmãos. Romanos 8.29Deus quer que
sejamos conformes a imagem de seu Filho, e fica claro que não é
a imagem física mas a espiritual.

O Apóstolo Paulo ajuda a colocar o conceito em prática: Tornem-


se meus imitadores, como eu o sou de Cristo.
 I Coríntios 11.1 Na
prática podemos examinar nossas palavras e atitudes, para ver se
são condizentes com o que Jesus ensinou.

Notem que há a realidade espiritual que o nosso velho homem já


foi crucificado e Cristo vive em nós; há também a nossa
participação, imitando a Cristo no nosso viver.

Será uma grande revolução na nossa sociedade quando todos


aqueles que se dizem cristãos, começarem a considerarem-se
mortos para o pecado, e permitirem que Cristo viva sua vida
neles.

6. Esta vida é pela Fé em Cristo.

No final do texto a Bíblia afirma que A vida que agora vivo no


corpo, vivo-a pela fé no filho de Deus, que me amou e se entregou
por mim. A única forma de termos esta vida crucificada com
Cristo e vivermos como Ele viveu é pela fé. Este conceito somente
pode ser aplicado em nossa vida pela.
A fé agrada a Deus, e evidencia sempre a nossa dependência
dele. A fé elimina o impossível, e elimina nossas desculpas de não
conseguir ter esta qualidade de vida.

Sem duvidas, pela fé podemos ter uma vida santa, ter as atitudes
e o caráter de Cristo. E isto é o que Deus espera de todo aquele
que se diz cristão.

CONCLUSÃO
A verdadeira vida cristã é o nosso EU crucificado, e Cristo vivendo
em nós pela fé.