Você está na página 1de 9
o GUGs QANLA Cot U0 COPIA DE TRABALHO NORMA PORTUGUESA Aparelhos de elevagéo e movimentagéo Verificagées e ensaios Appareils de levage et manutention ‘preuves et essais Lifting and handling equipment ‘Test code cpu 621.867 Descritores Equipamento de elevagao: definig6es; veriicagao; ensaio; especificagtes do processo Correspondéncia Homologagao Diario da Republica, Ill Série, N? 194, de 1990.08.23 Elaborado por Edicdo CTBI (SQ) Outubro de 1990 (© 1PO reprodunto proba istituto Portugués da i : ' NP 3460 1990 p83 de 10 1. Objectivo A presente norma destina-se a estabelecer: ~ as modalidades de realizacdo das veriicagdes e dos enssios de aparelhos de ‘elevagdo e movimentacdo, sempre que estes sejam recepcionados, reparados ou remontados; 0s critérios a considerar para determinar ee um aparelho esté em condigdes de entrar em servigo para as cargas nominais; = 08 métados e as cargas de ensaio; = quem deve conduzir as veriicagdes @ os ensaios. 2. Campo de aplicagdo ‘AS veriicagées @ os ensaios deseritos na presente Norma aplicam-se aos seguintes tipos de aparelhos de elevacdo e movimentagdo: 2) pontes rolantes; b) porticos; ©) pérticos de contentores com consola; ) gruas méveis; 9) gruas moveis sobre pneumatioas ou lagartas; 1) gruastorre; 9) outros tipos de apareihos de elevagdo © movimentagSo excepto gruas tiutuantes, 3. Referéncias NP 1938 ‘Aparelhos pesados de elevagdio e movimentagao. Terminologia itustrada. Lista de termos equivalentes. NP 1939 Aparelhos de elevagaio e movimentagao. Regras de seguranca. FEM (Fédération Européenne de Manutention) - Section | Apparels lourds de levage et manutention, 4. Definigées Para os fins da presente norma sio aplicaveis as definigdes da NP 1938, 5, Operagées preliminares ‘5.4. Técnico responsdvel pela condugao das verificagdes @ dos ensalos 5:11. As vetiicagdes ¢ os ensalos de recepga0 deve ser conduzides pelo fornecedor que para o efelto deve nomear um técnico responsével. Para assistir a estas verificagdes € ensaios 0 proprietério devera também nomear tum técnica, de preferéncia o futuro técnico responsével pela exploragao do equipamento. 5.1.2, Quando 0 equipamento for recondicionado ou remontado, as verificagdes € 0s ensaios devem ser conduzidos pelo técnica responsavel pela exploragdo ou manutengao do equipamento, 5.2. Exame geral \Verificar se as caracteristicas gerais esto de acordo com as especificagdes do contrato @ se 0 cabo de elevagdo foi calculado tendo em conta o coeficiente de NP 3460 1990 p 4 de 10 utilizag4o") aconselhado pela norma ou recomendagao especificada, A carga de rotura a considerar seta a que figurar no cettificado do construtor do aparelho ou do fabricante do cabo. Na sua euséncia poder-se-d proceder a ensaios. Na impossibilidade destes, considera-se que @ carga de rotura é pelo menos 90% da determinada pelo célculo, supondo que os arames que entram na composigao do cabo tém uma resisténcia nominal de 1600 Nimm?. 5.3. Inspecodo visual Deve ser efectuada uma inspecgao visual a fim de controlar a conformidade das especificagées elou 0 estado de todos os elementos esserciais (veja-se NP 1939) para verificar se ndo existe causa aparente de perigo nos equipamentos @ condigées seguintes: a) mecanismos ¢ equipamentos eléctricos, dispositivos de seguranca, trelos, ‘comandos, sistemas de sinalizagéo e iluminagéo; b) estrutura do aparelho de elevacdo, escadas e meios de acesso, cabine, plataformas e protecgbes que deverdo estar de acordo com as normas de seguranga; ©) cabos de ago e suas fixagoes, ¢) roldanas, saus eixos, melos de fixagéio e lubrificaga @) emendas em cabos eléctricos; 4) terreno de fundegao compacto e sem risco de desmoronamento. 8.4, Dispositives de seguranga Devem ser verificados quanto & sua operacionalidade todos os fins de curso, limitadores de seguranca e drgdos de seguranca eléctrica. Estas veriicagdes $0 electuadas sem carga. 5.5. Local dos ensaios Este local deve encontrar-se horizontal e desobstruido, a fim de os ensaios poderem ser realizades sem risco para as pessoas que os electuam, bem como para as que eventualmente se encontrem nas proximidades, 8.6, Condigdes climatéricas Os ensaios de conformidade sé podem ser realizados dentro das condigdes de clima, para as quais o aparelno pode ser utllzado normalmente, quando sujeito & carga nominal. Salvo espectficagao contraria, os ensaios estatica, dinamico ¢ de estabiidade dever8o ser realizados a uma velocidade de vento inferior a 83 mis (30 kmv/h). 5.7. Documentos: ‘Antes dos ensaios todos os documentos requeridos para estes deve ser apreciados pelo técnica responsavel. Assim, deverdo existir: a) instrugdes de operagdo é funcionamento; b) instrugdes de montagem. Nos aparelhos que tenham futuras montagens @ 70 coeliciente de utlizagdo ¢ definido pela férmula: Foon Pn om que: Re - carga de rotura efectiva do cabo novo Pm + carga de utlizagéo nominal N= nimero de vias