Você está na página 1de 4

DICAS

Cabo balanceado e desbalanceado


Básico de som para igrejas
Textos e adaptações por: Fernando José Peixoto Lopes.
Técnico de Áudio Profissional
Diretor Técnico da Master db Sound.
fernando@masterdbsound.com.br
(27) 9-9518-4250 Whatsapp
https://www.facebook.com/masterdbsound/?ref=bookmarks
contato@masterdbsound.com.br

APOIO:
Cabo balanceado e desbalanceado.
Neste artigo onde eu comento sobre algumas questões do cabo de áudio, um tema
que muitas vezes deixa-se de lado, no sentido de que talvez não tivesse nenhum
prejuízo nos sistemas de som, mas em seguida, verifica-se que ao conectá-los
comprados de uma loja sem critérios técnicos rígidos por falta de opção ou mesmo
sem noção alguma do que realmente é bom, ou apenas buscam cabos que possuem
marca de nome de industrias brasileiras feitos, mas que apenas colocam seu nome
pois são feitos sem critérios técnicos e controle de qualidade, mas sim preço em
indústrias chinesas.

O cabo de áudio também é importantíssimo para a conexão dos equipamentos, você


tem que pensar que por eles passam todas as informações sonoras (áudio) na forma
de tensão e isso deve sair de um equipamento e entrar em outro sem que daí resulte
perda alguma, ou um áudio degradado que não possua um som real.

É muito importante compreender isso, que embora falasse de cabo balanceado ou


desbalanceado temos que ter em mente o que é balanceado ou não, que nada mais é
que o sinal de áudio que passa através do cabo, pois o cabo em si não tem nenhuma
propriedade para ser balanceado ou desbalanceado.

Antes de falarmos sobre cabo balanceado ou desbalanceado deixe-me comentar o


que é o sinal balanceado ou desbalanceado, estes que alimentam nossos
equipamentos de áudio, tanto na sua saída balanceando o sinal, como na sua
entrada, desbalanceando o sinal.

Cabo balanceado e desbalanceado.

Quando se fala de cabos, por exemplo, é importante ser claro sobre a diferença entre
cabo balanceado e desbalanceado.

Dependendo do tipo de instalação, a placa de som que você utilize, no sistema de


reprodução ou decodificação de áudio home theater, deve-se ter em conta que as
entradas ou saídas dos equipamentos são balanceadas ou não!

Cabo Balanceado:

Um cabo de áudio balanceado, é aquele que possui três conjuntos de ligações, dois
(2) vivos e uma malha ou massa, que vem recolher o sinal de derivações de
correntes do Chassi dos equipamentos, evitando que o ruído interfira no sinal de
áudio

Este cabo faz o transporte de sinal de áudio para a saída de uma equipamento
através de dois sinais vivos, de forma que se envie um sinal dobrado, um positivo e
outro negativo mas 180 graus um do outro para entrar no equipamento seguinte
onde é convertido novamente em sinal completo positivo e assim recuperar toda a
potência do sinal, sem que haja colocado interferências elétricas no áudio.

• Cabos e conexões de ligação com 3 condutores: sinal de massa (0 V) e o sinal de +


- (o mesmo sinal, mas sua fase invertida com um sinal + ciclo positivo e o outro 180
graus ciclo negativo como -).
• São menos frágeis frente a interferências.
• É a forma profissional universal de se conectar equipamentos de áudio.

Devemos nos lembrar, que dentro dos equipamentos, os sinais são sempre
desbalanceados, o balanceamento só ocorre apenas quando o sinal está para ser
transportado de um lugar (equipamento) para outro para evitar a degradação.

As maiorias dos produtos eletrônicos de áudio profissional trabalham com entrada


balanceada. Nestes dispositivos o circuito de entrada leva à diferença de potencial
entre os dois condutores que transportam as tensões de sinal opostos, rejeitando
assim o ruído que tem o mesmo sinal em ambos os fios. Conector que podem
transportar o sinal balanceado tem três pinos, tais como XLR (Cannon) e TRS ¼
"estéreo (Jack).

Uma das maiores vantagens do cabo balanceado, é que você poderá fazer conexões
com cabos longos balanceados (até 100 m) sem medo de ter perdido o sinal sem se
preocupar muito com interferências.

Cabo Não Balanceado:

O Cabo de áudio não balanceado possui apenas um condutor que leva o sinal de
áudio e uma malha que envolve e protege o cabo das possíveis interferências
eletromagnéticas, as quais não poderiam se anular de nenhuma maneira se entrem
no circuito do cabo.

A desvantagem deste tipo de cabeamento é que a distância entre os equipamentos


seja aconselhável que não exceda 5 m, ou menos, para evitar interferências. Caso
contrário, use um cabo balanceado ou não dependerá principalmente de como são as
entradas e saídas do equipamento.

Eu sempre recomendo que você procure as entradas e saídas de equipamentos de


áudio que sejam sempre iguais, balanceada com balanceada e desbalanceada com
desbalanceada, para evitar interferências e perdas de sinal.

Também é importante considerar que sejam conexões balanceadas ou não, procure


usar o menor tamanho em metros de cabo possível. Ou seja, porque se os
amplificadores dos alto-falantes ou placa de som estão 1mtr não use um cabo de 5m.
Quanto maior o tamanho do cabo, mas possibilidades de ter problemas de sinal.

Posso fazer uma nota final, se me permitem, embora pareça um absurdo o que posso
dizer, perguntem em qualquer loja que sejam dedicados minimamente ao áudio
profissional, irá dizer-lhe o mesmo que eu, ”Devemos gastar com cabos de áudio de
qualidade em média cerca de 10% do que custa o equipamento todo de áudio". Assim
será garantida a cadeia de qualidade.

Espero ter ajudado sobre cabos balanceados e desbalanceados e o conceito de sinal


balanceado e desbalanceado.

Não hesite em perguntar o que você precisa,

Interesses relacionados