Você está na página 1de 2

Superior Tribunal de Justiça

EMBARGOS DE DIVERGÊNCIA EM RESP Nº 853.618 - SP (2007/0247399-4)

RELATOR : MINISTRO JOÃO OTÁVIO DE NORONHA


EMBARGANTE : JOÃO ALFREDO MANEIRA DA SILVA E OUTROS
ADVOGADO : JOSÉ ROBERTO MARTINEZ DE LIMA E OUTRO(S)
EMBARGADO : FAZENDA NACIONAL
PROCURADORES : CLAUDIO XAVIER SEEFELDER FILHO
ANDÉA CRISTINA DE FARIAS E OUTRO(S)
EMENTA

PROCESSUAL CIVIL. EMBARGOS DE DIVERGÊNCIA. REMESSA


NECESSÁRIA. AUSÊNCIA DE RECURSO VOLUNTÁRIO DA FAZENDA
PÚBLICA. JURISPRUDÊNCIA PACIFICADA NO SENTIDO DO ARESTO
EMBARGADO. INAPLICABILIDADE DO INSTITUTO DA PRECLUSÃO
LÓGICA. INCIDÊNCIA DA SÚMULA N. 168/STJ.
1. A Corte Especial do Superior Tribunal de Justiça pacificou entendimento no
sentido de que a ausência de recurso da Fazenda Pública contra sentença de primeiro
grau não impede, em razão da remessa necessária (art. 475, do CPC), que ela recorra
do aresto proferido pelo Tribunal de origem. Não se aplica aos casos da espécie o
instituto da preclusão lógica.
2. Superado o dissenso em relação ao tema objeto do recurso, visto que a
jurisprudência pacificou-se no sentido do aresto impugnado, tornam-se incabíveis os
embargos de divergência (Súmula n. 168/STJ).
2. Embargos de divergência não conhecidos.

ACÓRDÃO

Vistos, relatados e discutidos os autos em que são partes as acima indicadas, acordam
os Ministros da Corte Especial do Superior Tribunal de Justiça, por unanimidade, não conhecer dos
embargos de divergência, nos termos do voto do Sr. Ministro Relator. Os Srs. Ministros Teori Albino
Zavascki, Castro Meira, Arnaldo Esteves Lima, Massami Uyeda, Humberto Martins, Raul Araújo,
Cesar Asfor Rocha, Gilson Dipp, Francisco Falcão, Nancy Andrighi e Laurita Vaz votaram com o
Sr. Ministro Relator.

Ausentes, justificadamente, a Sra. Ministra Maria Thereza de Assis Moura e,


ocasionalmente, o Sr. Ministro Ari Pargendler e a Sra. Ministra Eliana Calmon.

Convocado o Sr. Ministro Raul Araújo para compor quórum.

Presidiu o julgamento o Sr. Ministro Felix Fischer.

Documento: 15592935 - EMENTA / ACORDÃO - Site certificado - DJe: 03/06/2011 Página 1 de 2


Superior Tribunal de Justiça
Brasília, 18 de maio de 2011(data de julgamento).

MINISTRO FELIX FISCHER

Presidente

MINISTRO JOÃO OTÁVIO DE NORONHA

Relator

Documento: 15592935 - EMENTA / ACORDÃO - Site certificado - DJe: 03/06/2011 Página 2 de 2