Você está na página 1de 3

Universidade Lúrio

Faculdade de Engenharia
Campus Universitário – Bairro Eduardo Mondlane

Curso: Licenciatura em Engenharia Civil


Disciplina: Planeamento Regional Crédito:
Ano: 2º Semestre: 1º Ano Lectivo: 2014
Docente: Rodolfo da Silva da Costa Pinheiro Data: 21.06.2014

Concentre-se, leia atentamente as perguntas e responda de uma forma resumida.

1. Dé o significado de:
a. Planear;
b. Urbanizar;

2. O que seria necessário para executar um Plano Urbano;


Seria necessário listar os problemas existentes na área a urbanizar e, em seguida,
definir uma ordem de prioridades na implementação de uma solução.

3. Analise a expressão “A cidade real passa a ser o foco, ao invés da cidade ideal”.
a. Descreva o sentido desta expressão.
Passamos a ver os problemas das cidades a serem o focu da atenção dos
planificadores au invez de eles produzirem ideias de uma futura cidade que não
passaria de simples ideias.
b. Em que fase do planeamento urbano ela surge?
Surge na segunda fase, como mudança introduzida no planeamento, foi a passagem
da ênfase dada à busca pelo modelo de cidade ideal e universal para a solução de
problemas práticos, concretos, buscando estabelecer mecanismos de controle dos
processos urbanos ao longo do tempo.
c. Quem foi o autor? E em que ano?
KOHLSDORF em 1985

4. Qual é o papel dos Planificadores Urbanos?


 Os planificadores urbanos aconselham municípios, sugerindo possíveis
medidas que podem ser tomadas com o objetivo de melhorar uma dada
comunidade urbana

 Podem ainda trabalhar para o governo ou empresas privadas interessadas no


planeamento e construção de uma nova cidade ou comunidade, fora de uma área
urbana já existente.
 Uma idéia muito comum, ainda que com certo nível de imprecisão teórica, é a
de que os planeadores urbanos trabalhem principalmente com o aspecto físico
de uma cidade, no sentido de sugerir propostas que têm como objetivo
embelezá-la e fazer com que a vida urbana seja mais confortável, proveitosa e
lucrativa possível.

 Os planeadores urbanos são atores de um perpétuo conflito de natureza


eminentemente política, e por este motivo, seu trabalho não deve ser
considerado como neutro.

5. Segundo o princípio da legislação urbanística diga:


a. Quais são, em ordem crescente, os Tipos de Urbanismo que surgiram?
Urbanismo Sanitarista
Urbanismo Estético-Viário
Urbanismo Globalizante
b. Descreva cada um deles.
Urbanismo Sanitarista - Esse urbanismo sanitarista produziu o saneamento de
áreas inundáveis, insalubres, a abertura de vias e vielas sanitárias no meio das
quadras, a canalização dos esgotos e águas pluviais, que, especialmente nos bairros
operários, corriam no meio das ruas, produzindo surtos epidêmicos.
Urbanismo Estético-Viário - Simultaneamentea esse urbanismo sanitarista, surgiu
em meados do séculoXVIII, nas grandes cidades européias e norte-americanas, um
preocupação com a ampliação dos espaços abertos centrais, destinados a grandes
manifestações cívias e burguesas (praçase avenidas) e que abrigassem, no seu
entorno e na perspectiva dos grandes eixos visuais criados, as edificações de caráter
monumental, se dedos poder esgovernamentais e civis mais importantes.
Urbanismo Globalizante - Surgido na Europa, esse urbanismo foi desenvolvido
por pensadores que, procurando analisar a sociedade como um todo, o faziam de
forma simplificada, desembocando propostas de alteração radical da estrutura social
e política, e ainda da organização da sociedade no espaço geográfico.
dw
c. A que é que abrangiam os Codigos de Obras?
Abrangem tanto normas relativas às edificações quanto às do parcelamento do solo
e do seu uso, ou seja, o ZONEAMENTO.

6. Descreva por suas palavras o que sucedeu nas cidades planificadas para construir de raiz
tais como:
a. Brasilia.
b. Chandigard.

7. Do Planeamento Urbano diga:


a. Quais são os seus principais instrumentos de trabalho.
Planos de Bacias Hidrogáficas
Plano Director
Zoneamento
Plano de Maneio

b. Descreva cada um deles.


Planos de Bacias Hidrogáficas - Visam diagnosticar a região de Uma Bacia
Hidrográfica, estabelecer directrizespara seu desenvolvimento e para utilização dos
Recursos Hidricos.
Plano Director – Instrumento de gestão municipal que dedine, através do
conhecimento dos factores sócio-económicos e dos condicionantes do meio, os
princípios e as directrizes que orientarão o desenvolvimento do município.
Zoneamento – Utilizado em várias escalas de trabalho; Planeamento – tem como
objectivo, definir aquelas actividades que podem ser desenvolvidas em cada sector
e assim orientar a forma de uso, através da consolidação das actividdes, alteração
das condições existentes ou proibição daquelas que não se adequem; Parques –
Instrumento que permite orientar a forma de uso da área, defenindo-se actividades e
maneios permitidos em cada sector do parque.
Plano de Maneio – Derivado do Planeamento Urbano, é um instrumento dinâmico
que apresenta as directrizes básicas para o Maneio de äreas protegidas ou que
abriguem recursos ambientais, ela está dividida em duas partes básicas: 1.
Zoneamento da área de acordo com as actividades a serem nela desenvolvidas; 2.
Estabelecimento de directrizes para uso imediato e a medio e longo prazo.

8. O que entende por SANEAMENTO URBANO?

a. Quais elementos de saneamento a serem projectados no planeamento urbano?

BOM TRABALHO