Você está na página 1de 1

QUEM TEM DIREITO A PERICULOSIDADE?

QUEM TEM DIREITO A PERICULOSIDADE? O serviço é rotineiro ou permanente? Não tem direito de periculosidade

O serviço é rotineiro ou permanente?

Não tem direito de periculosidade item 3 do anexo 4 da NR-16

SIM
SIM

Se houver direito de periculosidade deverá ser paga todos os meses

NÃO
NÃO

A exposição ao risco se houver pode ser considerada eventual?

SIM
SIM
NÃO
NÃO

Se houver direito de periculosidade deverá ser paga durante os meses de exposição ao risco

Direito de periculosidade alínea b item 1 do anexo 4 da NR-16

SIM
SIM
de periculosidade alínea b item 1 do anexo 4 da NR-16 SIM O trabalhador pode entrar

O trabalhador pode entrar na zona controlada?

O serviço é

elétrico?

SIM
SIM

O serviço é

energizado?

SIM
SIM
NÃO
NÃO
NÃO
NÃO

Não tem direito de

periculosidade alínea a item 2 do anexo 4 da

NR-16

NÃO
NÃO

Não tem direito de periculosidade do anexo 4 da NR-16 por não haver perigo com energia elétrica

Direito de periculosidade alínea d item 1 do anexo 4 da

NR-16

NÃO
NÃO

O equipamento em intervenção é alimentado por extra- baixa tensão?

NÃO O trabalhador pode entrar SIM na zona controlada? SIM
NÃO
O trabalhador
pode entrar
SIM
na zona
controlada?
SIM

Direito de periculosidade alínea b item 1 do anexo 4 da

NR-16

A instalação faz parte de SEP ou do SEC?

SEC
SEC

SEP4 da NR-16 A instalação faz parte de SEP ou do SEC? SEC É uma atividade

É uma atividade de ligar e desligar circuitos com dispositivos adequados a pessoas comuns?

NÃO
NÃO
BT
BT
SIM
SIM

A instalação é BT ou AT?

AT
AT

Não tem direito de periculosidade alínea b item 2 do anexo 4 da

NR-16

Direito de periculosidade alínea a item 1 do anexo 4 da

NR-16

Durante a atividade o trabalhador pode entrar na zona controlada ou de risco?

Não tem direito de periculosidade alínea c

item 2 do anexo 4 da NR-

16

SIMpode entrar na zona controlada ou de risco? Não tem direito de periculosidade alínea c item