Você está na página 1de 25

Ambiente Virtual de

Aprendizagem
Orientações para
Estudantes

Moodle 3.4.3
Douglas Nantes Gualberto 1ª Edição – Julho 2018
SUMÁRIO
1 - SOBRE O MOODLE E COMO ACESSAR...............................................................................1
1.1 - INTRODUÇÃO...........................................................................................................................1
1.2 - ACESSO AO AMBIENTE VIRTUAL DE APRENDIZAGEM (AVA) MOODLE.....................1
1.3 - CONTAS DE USUÁRIOS – PASSAPORTE UFMS..................................................................2
2 - PÁGINAS INICIAIS NO SISTEMA...........................................................................................3
2.1 - PÁGINA INICIAL DE AMBIENTE VIRTUAL DE UM CURSO OU DISCIPLINA...............4
3 - PERFIL DE USUÁRIO................................................................................................................6
3.1 - VISUALIZANDO SEU PERFIL DE USUÁRIO........................................................................6
3.2 - ATUALIZANDO SEU PERFIL DE USUÁRIO..........................................................................7
3.2.1 - Inserindo Foto no Perfil..........................................................................................................7
3.2.2 - Atualização da Senha de Acesso ao Moodle..........................................................................8
3.3 - VISUALIZANDO O PERFIL DE OUTROS USUÁRIOS.........................................................9
4 – PRINCIPAIS FERRAMENTAS PARA COMUNICAÇÃO...................................................10
4.1 - CORREIO ELETRÔNICO........................................................................................................10
4.2 - MENSAGENS INSTANTÂNEAS............................................................................................11
4.3 - FÓRUM......................................................................................................................................13
5 - PRINCIPAIS RECURSOS QUE O PROFESSOR PODE DISPONIBILIZAR....................15
5.1 - ARQUIVOS...............................................................................................................................15
5.2 - LIVRO........................................................................................................................................15
5.3 - PÁGINA.....................................................................................................................................16
5.4 - PASTA........................................................................................................................................16
5.5 - RECORDINGSBN (GRAVAÇÕES)..........................................................................................17
5.6 - RÓTULO....................................................................................................................................17
5.7 - URL............................................................................................................................................17
6 - PRINCIPAIS ATIVIDADES QUE PODEM SER PROPOSTAS NO AVA............................18
6.1 - BIGBLUEBUTTONBN.............................................................................................................18
6.2 - CHAT.........................................................................................................................................18
6.3 - DIÁRIO......................................................................................................................................19
6.4 - ESCOLHA.................................................................................................................................19
6.5 - FÓRUM......................................................................................................................................19
6.6 - GLOSSÁRIO.............................................................................................................................20
6.7 – PESQUISA................................................................................................................................21
6.8 - QUESTIONÁRIO......................................................................................................................21
6.9 - TAREFA.....................................................................................................................................22
6.10 - WIKI.........................................................................................................................................23
1 - SOBRE O MOODLE E COMO ACESSAR
1.1 - INTRODUÇÃO
O Moodle (do inglês Modular Object-Oriented Dynamic Learning Environment, Ambiente de
Aprendizagem Dinâmico Modular Orientado a Objetos) é um software livre, de apoio à
aprendizagem. Possui um conjunto de ferramentas que possibilita a disponibilização de conteúdos
multimídias, proposição de atividades de diversos tipos e contém ainda ferramentas de interação
entre os alunos, professores e tutores envolvidos no processo de ensino-aprendizagem.
O Moodle é um software do tipo Ambiente Virtual de Aprendizagem - AVA (ou ainda, Sistema de
Gestão de Aprendizagem, no inglês Learning Management System – LMS). AVA’s são sistemas de
informação que permitem a estruturação de cursos ou disciplinas acessíveis pela Internet.
1.2 - ACESSO AO AMBIENTE VIRTUAL DE APRENDIZAGEM (AVA) MOODLE
O acesso ao ambiente virtual de aprendizagem Moodle da Secretaria Especial de Educação a
Distância e Formação de Professores – SEDFOR-UFMS pode ser feito de duas formas:
I. por meio caixa de acesso ao Ambiente Virtual no portal da SEDFOR sedfor.ufms.br

Obs.: Na caixa de acesso ao Ambiente Virtual no portal da SEDFOR é imprescindível marcar a


caixa de seleção “Novo Moodle” para ser direcionado a instância correta do Moodle.

II. diretamente no Moodle pelo endereço ava.ufms.br

1
1.3 - CONTAS DE USUÁRIOS – PASSAPORTE UFMS
A autenticação dos usuários no AVA é feita por meio da conta de Passaporte UFMS. Os alunos (de
cursos de graduação e pós-graduação) da UFMS podem criar suas próprias contas de Passaporte por
meio do site passaporte.ufms.br.

Caso esqueça a conta de Passaporte e/ou a senha, o usuário poderá ainda, por meio do mesmo site
passaporte.ufms.br, recuperar o login (conta de Passaporte UFMS) ou a senha, informando o seu
CPF, no caso da recuperação do login, ou informando seu login, no caso da recuperação da senha.
Os dados são enviados para o e-mail informado no cadastro.

Em caso de dificuldades na criação ou no uso da conta de Passaporte UFMS, o aluno pode solicitar
suporte à Agência de Tecnologia da Informação e Comunicação (AGETIC-UFMS), por meio do
telefone (67) 3345-7292. A AGETIC atende de segunda à sexta-feira das 7:00 às 11:00 e das 13:00
às 17:00.

2
2 - PÁGINAS INICIAIS NO SISTEMA
A Ambiente Virtual de Aprendizagem Moodle da SEDFOR-UFMS (ava.ufms.br), contém, além do
bloco de Acesso, o bloco que exibe os Usuários online no sistema nos últimos 5 minutos, o bloco
Siga-nos Facebook que remete a página da SEDFOR no Facebook, bloco Links Úteis com links
para alguns portais e sistemas da UFMS e, na região central da página inicial, algumas informações
sobre o Ambiente Virtual. Importante ressaltar que o conteúdo da página inicial pode ser
modificado, pelos administradores do sistema, a qualquer momento.

O usuário que visualiza a página inicial conforme a imagem acima enquadra-se no papel de
Visitante. Ao se autenticar, utilizando o bloco de Acesso (imagem abaixo) o usuário passa a ter o
papel de Usuário autenticado, que tem permissões para visualizar e mais conteúdo.

Após autenticação, na parte central superior, são exibidas as Categorias de Cursos, pelas quais é
possível navegar e visualizar os nomes dos ambientes virtuais de cursos ou disciplinas. Abaixo das
categorias é exibida a lista de ambientes virtuais nos quais o usuário está inscrito, identificada por
Meus cursos, ou ainda, o usuário poderá ver uma lista de Cursos disponíveis caso não esteja

3
inscrito em nenhum curso. A direita e a esquerda serão exibidos blocos auxiliares. Tanto os blocos
quanto o conteúdo dos blocos poderão variar dependendo das permissões do usuário.

2.1 - PÁGINA INICIAL DE AMBIENTE VIRTUAL DE UM CURSO OU DISCIPLINA


Os ambiente virtuais de aprendizagem podem ser usados na UFMS para diversas finalidade. Eles
estão organizados em tópicos. O que cada tópico representa depende da organização que foi adotada
pelo curso ou professor responsável pelo ambiente. Na SEDFOR, os ambientes virtuais são,
comumente, utilizados nas ofertas de cursos a distância ou utilizados, especificamente, para oferta
de uma disciplina.

4
Quando um ambiente virtual é utilizado integralmente para a oferta de um curso é comum que os
tópicos representem as disciplina do curso. Nesse caso, os tópicos (módulos ou disciplinas do curso)
geralmente vão ficando visíveis aos alunos conforme o curso vai avançando em relação ao tempo.
Quando um ambiente virtual é utilizado especificamente para uma disciplina, o professor
responsável pela disciplina adota a organização que achar mais conveniente. Os tópicos poderiam
representar por exemplo: os conteúdos trabalhados (um tópico para cada conteúdo), o conteúdo da
semana, etc.
Conforme mostrado na imagem acima, os tópicos aparecem na região central do ambiente virtual e,
a exemplo da maioria das páginas do Moodle, à esquerda e à direita aparecem blocos auxiliares
(ferramentas que auxiliam na navegação, interação, visualização de informações e acesso aos
conteúdos e atividades). Dentro de cada tópico será disponibilizado, pelo professor, o conteúdo e as
atividades relacionados àquele tópico.

5
3 - PERFIL DE USUÁRIO
Todo usuário possui um perfil no Moodle. É importante que cada usuário mantenha seu perfil
atualizado pois isso auxilia outros alunos, técnicos, tutores e professores na identificação das
pessoas, por meio da visualização as informações públicas do perfil dos usuários.
3.1 - VISUALIZANDO SEU PERFIL DE USUÁRIO
As informações do seu perfil de usuário podem ser visualizadas por meio da opção Perfil
disponível no menu que aparece ao clicar sobre seu nome na barra superior do Moodle.

Ao clicar na opção Perfil (imagem acima) uma página similar a página da imagem abaixo será
exibida. As informações e opções exibidas na página podem variar dependendo do papel e das
permissões do usuário que está visualizando. Na página é exibida descrição do usuário, detalhes do
usuário como endereço de e-mail cadastrado no perfil, cidade e município e país, registro de
atividade. As opções de relatórios vão depender do papel do usuário no sistema.

6
3.2 - ATUALIZANDO SEU PERFIL DE USUÁRIO
Cada usuário pode atualizar seu perfil de usuário, adicionando descrição, foto ou alguma outra
informação complementar ou ainda corrigindo informações erradas. Para editar o perfil de usuário,
primeiramente é necessário acessar a página de visualização do perfil, conforme demonstrado no
item anterior deste guia, já na página de visualização do perfil, deve-se clicar na opção Modificar
perfil, bem ao centro da página.

Ao clicar na opção Modificar perfil será exibido um formulário para edição/adição de dados. Os
campos do formulário estão separados em seções (Geral, Imagem do usuário, Nomes adicionais,
Interesses e Opcional) que podem ser comprimidas ou expandidas. Após as edições, o usuário deve
clicar no botão Atualizar perfil, no final do formulário, para salvar as edições. A edição do e-mail
do usuário, na seção Geral, implica em uma etapa adicional, de validação, essa etapa é feita por
mensagem de e-mail que será enviada ao novo e-mail cadastrado no perfil.

3.2.1 - Inserindo Foto no Perfil


Na seção Imagem do usuário do formulário de modificação do perfil, para inserir uma foto, o
usuário pode usar o método arrastar e soltar, clicando sob o arquivo de imagem salvo no
computador, arrastando e soltando sobre o campo Nova imagem.

7
Outro método para carregar uma foto seria por meio do Seletor de arquivos que pode ser acessado
pelo botão Adicionar arquivo (botão em forma de uma folha de papel com um símbolo de adição)
no mesmo formulário de modificação do perfil. Após abrir o Seletor de arquivos, basta clicar na
opção Enviar um arquivo, depois no botão Escolher arquivo, navegar nas pastas e selecionar o
arquivo de imagem no computador e por fim clicar no botão Enviar esse arquivo.

Mais informações sobre os tipos de imagens e tamanho aceitos podem ser obtidos clicando no ícone
em forma em forma de interrogação (?) ao lado do nome do campo, Nova imagem.

3.2.2 - Atualização da Senha de Acesso ao Moodle


A Identificação de usuário (login) e senha do perfil do usuário são equivalentes ao Passaporte
UFMS e senha do Passaporte e são bloqueados para edição diretamente no Moodle. Para alterar a
senha do usuário é necessário fazer a mudança no sistema do Passaporte (passaporte.ufms.br). No
sistema do Passaporte, o usuário deve se autenticar usando os campos na barra superior.

8
Após a autenticação o usuário deve clicar no botão Trocar Senha na Página Inicial ou clicar na
seção Trocar senha no menu vertical à esquerda. A mudança da senha no sistema de Passaporte
UFMS implica na atualização da senha de acesso ao Moodle, automaticamente.

3.3 - VISUALIZANDO O PERFIL DE OUTROS USUÁRIOS


Para visualizar as informações do perfil de outros usuários basta clicar sobre o nome do usuário que
deseja visualizar o perfil. Os alunos conseguem visualizar o perfil de qualquer usuário, seja esse um
aluno, professor, tutor ou técnico administrativo. A opção Modificar perfil não aparecerá na página
de visualização de outros usuários pois os alunos não conseguem modificar o próprio perfil.
Para visualizar o perfil de outros usuários, diversos métodos podem ser usados, por exemplo por
meio do bloco que exibe USUÁRIOS ONLINE, disponível em quase todas as páginas do Moodle
geralmente no canto direito, ou também pela lista de participantes de um curso/disciplina. A opção
Participantes é exibida dentro do bloco PARTICIPANTES que, geralmente, está à direita na
página inicial do ambiente virtual de um curso/disciplina. Seja pelo bloco USUÁRIOS ONLINE
ou PARTICIPANTES, para visualizar o perfil de um usuário, basta clicar sobre o nome da pessoa.

9
4 – PRINCIPAIS FERRAMENTAS PARA COMUNICAÇÃO
O Moodle possui um conjunto de ferramentas para interação entre alunos, tutores e professores. Nos
próximos subcapítulos, abordaremos as mais utilizadas para dúvidas gerais, avisos, comunicados,
entre outras interações nos cursos da UFMS, são elas: a ferramenta de Correio Eletrônico (similar
aos sistemas de e-mail mais tradicionais, como Gmail, Hotmail e outros), a de Mensagens
Instantâneas (similar aos sistemas de mensagens para interação online, porém mais simples que
alguns por permitir apenas uma interação textual simples) e Fóruns, que podem ser de diversos
tipos, também comumente utilizados na Internet.
Por se tratar de um sistema modular, o Moodle permite a instalação de novas ferramentas e a
desinstalação de ferramentas que possam ter caído em desuso e que, provavelmente, seriam
substituídas por outras. Portanto, novas ferramentas de comunicação podem ser abordadas numa
revisão deste guia, ou seja, em uma nova edição do guia. É possível também que, no processo de
atualização do sistema, ferramentas existentes passem a ter uma nova interface, ou seja,
essencialmente, ainda tenham a mesma funcionalidade, porém sejam exibidas com modificação
visual ou na forma de funcionamento.
4.1 - CORREIO ELETRÔNICO
O bloco de CORREIO ELETRÔNICO aparece em diversas páginas do Moodle. Como
mencionado anteriormente, essa ferramenta é extremamente similar às ferramentas de e-mail mais
tradicionais, como Gmail, Hotmail e outros, portanto, abaixo mais comentar sobre as principais
diferenças. Também é possível visualizar a ferramenta de e-mail, identificada por Meu e-mail, no
bloco de NAVEGAÇÃO.

As mensagens enviadas pela ferramenta de CORREIO ELETRÔNICO ocorrem no âmbito de um


ambiente virtual (curso), isso significa que ao clicar na opção Novo E-mail, aparece uma caixa de
seleção por meio da qual o usuário deve selecionar o nome do ambiente virtual (curso) no qual
estão inscritos os usuários destinatários da mensagem.

10
A principal diferença entre a ferramenta de CORREIO ELETRÔNICO do Moodle e as
ferramentas tradicionais de e-mail está na forma como são adicionados os destinatários. Nas
ferramentas tradicionais o usuário digita o destinatário no campo correspondente (Para:), no caso do
Moodle o usuário deve clicar no botão Adicionar destinatários, disponível no formulário de edição
da mensagem.

Ao clicar no botão Adicionar destinatários será exibida uma janela na qual o usuário pode
buscar/filtrar os destinatários e selecioná-los de acordo com as opções: Para, Cc (Com Cópia) e
Bcc (Com Cópia Oculta).

4.2 - MENSAGENS INSTANTÂNEAS


Softwares de mensagens instantâneas foram criados, a princípio, permitindo interação textual
online (interação na qual os participantes acessam a ferramenta simultaneamente). Contudo, a
maioria dos softwares sempre arquivou as mensagens enviadas para os usuários em momentos em
que eles estavam offline, permitindo que eles lessem as mensagens posteriormente. Muitos
sistemas incorporaram a interação por outras mídias, como: áudio, vídeo, imagens, entre outras. A
ferramenta de mensagem instantânea do Moodle preserva essência de um software desse tipo,

11
permitindo uma interação textual simples, sem envio de mídias, e com resguardo de arquivamento
de mensagens offline.
Há mais de uma forma de acessar a ferramenta de mensagens instantâneas. Alguns exemplos são:
I. Pelo bloco de USUÁRIOS ONLINE, clicando no balão que aparece ao lado do nome do
usuário para o qual se deseja enviar uma mensagem;

II. Clicando no item Participantes no bloco PARTICIPANTES. Após, é necessário clicar no


nome do usuário para o qual deseja enviar uma mensagem e por fim no botão Mensagem
que aparece abaixo do nome do participante selecionado.

III. Uma terceira opção seria pelo menu de Mensagens (em forma de balão de conversa) que
aparece na barra superior, ao lado do nome do usuário. Nesse caso será exibido um menu
com uma lista de conversas, para dar continuidade a uma conversa ou conversar com
alguém que já havia conversado antes basta clicar no item da lista correspondente a essa
situação. Se for iniciar uma conversa, basta clicar na opção Nova Mensagem e buscar pelo
contato (nome da pessoa) com a qual se deseja conversar.

12
Seja qual for o método escolhido para acessar a ferramenta de mensagens instantâneas, o usuário
vai ser direcionado a uma página na qual ele poderá ver as mensagens enviadas (caso haja alguma
já enviada) e, logo abaixo, Escrever uma mensagem e Enviar.

4.3 - FÓRUM
Em Ambientes Virtuais de Aprendizagem e na Internet de modo geral, fórum é uma ferramenta que
permite a realização de debates, por meio de publicação de mensagens, sobre um determinado
assunto. No Moodle os fóruns mais usados são do tipo Geral, usados em debates com tema amplo,
com criação de tópicos de discussão, e o Fórum de Única Discussão Simples, no qual qual o tema é
mais específico e as discussões ocorrem em resposta interação inicial, do usuário que propôs o
fórum, e subsequentes. Além de ser propostos como atividades, os fóruns podem ser usados como:
I. Fórum de Notícias, utilizado pela coordenação do curso, professores, tutores e secretarias
para repassar informações aos alunos. Esse fórum não tem o objetivo de ser uma atividade,
nele os alunos sequer conseguem interagir, mesmo que em resposta as publicações. No
Fórum de Notícias o aluno consegue apenas para visualizar o que foi postado pela equipe
gestora do curso.

13
II. Fórum Social, é um espaço para as pessoas se conhecerem. Algumas vezes o Fórum Social
também é usado como Fórum de Dúvidas Gerais (Fale Conosco) se tornando um canal de
comunicação entre os agentes envolvidos no processo de ensino-aprendizagem, para dúvidas
gerais, dificuldades técnicas, esclarecimentos, solicitações à equipe responsável pelo curso,
entre outras. Também não é proposto como atividade avaliativa e não ter relação direta com
nenhuma disciplina/módulo do curso. Para interagir o usuário deve acrescentar um novo
tópico de discussão ou responder dentro de um tópico existente.

Ao acessar um tópico, os usuários poderão ler as mensagens publicadas e responder as postagens.


Dentro de um curto intervalo de tempo também é possível Editar ou Excluir suas próprias
publicações. Os fóruns ainda possuem a possibilidade de assinatura, no entanto, essa depende de
como os fóruns foram configurados, ou seja, é possível que o criador do fórum permita, obrigue ou
impeça que os usuários tornem-se assinantes de um fórum. Ser assinante de um fórum significa que
o usuário receberá as publicações do fórum no e-mail cadastrado no perfil.

14
5 - PRINCIPAIS RECURSOS QUE O PROFESSOR PODE DISPONIBILIZAR
Em um ambiente virtual podem ser disponibilizados diversos tipos de recursos aos alunos, os mais
comuns são: Arquivo, Livro, Página, Pasta, RecordinsBN (Gravações), Rótulo e URL. Os próximos
capítulos detalham cada um desses tipos de re. Novos recursos podem ser adicionados ao Moodle e
serem abordados em uma nova edição deste guia.
5.1 - ARQUIVOS
O recurso Arquivos pode ser utilizado para disponibilizar qualquer tipo de arquivo aos alunos,
sejam vídeos, textos, imagens, planilhas, apresentações de slides, etc. Para acessar um recurso deste
tipo, basta o aluno clicar no nome do arquivo que deseja acessar. Ao lado do nome do arquivo deve
aparecer um ícone que representa o tipo do arquivo (Na imagem abaixo, por exemplo, o Guia
didático do aluno (GDA) é um arquivo do tipo PDF). A forma como o arquivo será exibido vai
depender do tipo do arquivo, ele pode abrir dentro do próprio navegador de internet ou pode ser
baixado para o computador do aluno. No caso de vídeos incorporados é possível que alguns
navegadores não reproduzam o vídeo por falta de plugin no navegador, nesse caso recomendamos
aos alunos que tiverem dificuldades para assistir vídeos no AVA, que acessem o Moodle utilizando
outros navegadores e/ou instalem os plugins necessários para a reprodução de vídeos.

5.2 - LIVRO
O recurso Livro pode conter textos, imagens e vídeos organizados em páginas. No exemplo da
imagem abaixo foi utilizado o recurso Livro para disponibilizar uma Videoteca, na qual, a cada
página o usuário tem acesso a um vídeo diferente. O aluno pode avançar ou retroceder as páginas do
Livro por meio das setas de navegação (Na imagem abaixo as setas aparecem em cima e embaixo
da página, à direita) ou também pelo SUMÁRIO do livro, exibido em um bloco à esquerda.

15
5.3 - PÁGINA
Uma Página é um tipo de recurso que também pode conter textos, imagens e vídeos. Se diferencia
de um Arquivo por ser exibida dentro do próprio ambiente, ou seja, a Página é integrada ao sistema
e sua leitura/visualização deve ser feita online.

5.4 - PASTA
Uma Pasta é um recurso que permite ao professor disponibilizar um conjunto de arquivos, de
quaisquer tipos, dentro de um único recurso. Ao acessar a Pasta o aluno pode selecionar o arquivo
que deseja baixar ou pode realizar o Download da Pasta em um arquivo compactado (ZIP).

16
5.5 - RECORDINGSBN (GRAVAÇÕES)
O Moodle possui, integrado a ele, um sistema de web conferência (software Big Blue Button), pelo
qual o professor pode realizar aulas a distância, pela internet, em uma sala virtual com a
possibilidade de transmissão de imagem captada por câmera, áudio captado por microfone, e
exibição de conteúdos como: slides, textos, vídeos e imagens. Se o professor optar por gravar a
sessão de web conferência, essa gravação poderá ser disponibilizada aos alunos por meio de uma
biblioteca de gravações, conhecida no Moodle por RecordingsBN. No recurso, para acessar as
gravações o aluno deve clicar no link de cada uma, disponível na coluna Gravação.

5.6 - RÓTULO
Um Rótulo é um conteúdo (texto, imagem ou vídeo) exibido diretamente na página inicial do curso
entre os recursos e atividades. Podem ser utilizados para separar/organizar e ou descrever um
conjunto de atividade e recursos.

5.7 - URL
O recurso do tipo URL é um link para um recurso externo ao Moodle, ou seja, por meio desse
recurso o professor pode disponibilizar um link para outra página de internet. Pode ser, por
exemplo, um link para o site Periódicos Capes (como na imagem abaixo), ou um link para um vídeo
do YouTube, ou para qualquer outra página com acesso público na internet. Ao clicar sobre a URL
uma página de internet se abrirá, podendo abrir na mesma janela, sobre o Moodle, ou em uma nova
aba/janela do navegador de internet, dependendo de como foi configurado o recurso URL.

17
6 - PRINCIPAIS ATIVIDADES QUE PODEM SER PROPOSTAS NO AVA
O Moodle permite que o professor crie diversos tipos de atividades, avaliativas ou não. Dentre as
mais comuns estão as atividades de BigBlueButtonBN, Chat, Diário, Escolha, Fórum, Glossário,
Pesquisa, Questionário, Tarefa e Wiki. Há outros tipos de atividades disponíveis e mais podem ser
acrescentadas, todavia, aprender outros tipos de atividades faz parte do processo de ensino-
aprendizagem em cursos a distância, por isso mencionamos aqui apenas aqueles mais comuns.
Contudo, novas atividades também poderão ser inclusas em outras edições.
6.1 - BIGBLUEBUTTONBN
BigBlueButtonBN é uma atividade de Web Conferência. O professor pode consideração uma
avaliação por participação/presença, todavia, para o Moodle esse não é um tipo de atividade
avaliativa visto que não possui quadro para atribuição de notas. Ao acessar o Big Blue Button
(BBB) os usuários entram em uma sala virtual e podem conversar a distância, utilizando câmera,
microfone e bate-papo. O professor pode ainda exibir conteúdos como: apresentação de slides,
arquivo de texto, imagem e vídeos.

6.2 - CHAT
A atividade do tipo Chat ou bate-papo é, geralmente, proposta como uma atividade não avaliativa
pois não há área para atribuição de notas para esse tipo de atividade. Utilizada para discussões,
debates, sanar dúvidas, “conversas” em geral, o Chat abre em uma janela pop-up e as interações
ocorrem por mensagens de texto simples. O salvamento e a exibição das conversas salvas depende
de como o professor configura a atividade. Na tela de acesso há a opção Versão sem frames e
Javascript recomendada para computadores mais simples ou internet com baixa velocidade.

18
6.3 - DIÁRIO
O Diário é um caderno de anotações que pode ser proposto como atividade, avaliativa ou não no
Moodle. O aluno pode inserir/ editar anotações no diário e essas podem ser lidas, avaliadas e
comentadas pelo professor ou tutor.

6.4 - ESCOLHA
Escolha é uma atividade, não avaliativa, na qual é realizada uma pergunta com a possibilidade de
múltiplas respostas. Pode ser usada como um teste rápido, para verificar a compreensão dos alunos
de um assunto bem específico, pode ser usado como um estímulo a uma reflexão, ou ainda para
uma votação, similar a uma Enquete. Os resultados podem ser publicados ou não.

6.5 - FÓRUM
Fóruns são muito comuns na internet. No Moodle, é uma das ferramentas mais utilizadas. No
capítulo 4.3 deste guia o fórum é citado como uma ferramenta de comunicação, nesse caso usado
para publicação de notícias, esclarecimentos de dúvidas gerais, para as pessoas se apresentarem,
para solicitações ou para reportar dificuldades/problemas à equipe gestora do curso, debaterem
sobre uma determinada tarefa ou trabalho, entre outros. Contudo, o Fórum também pode ser
proposto como uma atividade, avaliativa ou não, na qual o professor, por exemplo, introduz um
determinado tema e solicita aos alunos pesquisarem, debaterem e fazerem considerações. O

19
professor pode permitir anexos nas publicações. As publicações podem ir além de texto puro, sendo
possível inserir links, imagens, outras mídias e aplicar formatações no conteúdo a ser publicado.
No Moodle, a principal diferença entre os tipos de fórum está nos tópicos. Se o professor criar um
fórum de única discussão simples, o aluno visualizará as publicações que se iniciaram a partir da
publicação inicial do professor ou das respostas à essa. No tipo Geral, visualizará uma lista de
tópicos e pode criar um novo tópico de discussão ou pode acessar algum tópico para participar.

6.6 - GLOSSÁRIO
O Glossário é uma atividade na qual os alunos devem criar um banco de termos e suas respectivas
definições. O Glossário possui estrutura similar a um dicionário, contudo a semelhança está apenas
na estrutura, pois diferente do dicionário no qual se encontra uma palavra e seu respectivo
significado, no glossário os termos podem ser formados por mais de uma palavra e o Glossário é

20
criado para conter termos dentro de uma temática. Na imagem abaixo, por exemplo, podemos ver o
trecho de um Glossário com a temática Educação a Distância.
6.7 – PESQUISA
Pesquisa é uma atividade por meio da qual o professor pode disponibilizar um questionário não
avaliativo, contendo perguntas de diversos tipos. Os resultados da Pesquisa permitem ao professor
obter uma análise estatística de uma determinada situação. O professor pode utilizar, por exemplo,
para que os alunos avaliem o curso ou uma disciplina. No exemplo abaixo o professor tinha
interesse de identificar o acesso dos alunos a um computador, à internet, e a outros dispositivos que
os alunos poderiam estar utilizando para acessar o ambiente virtual e realizar as tarefas.

6.8 - QUESTIONÁRIO
Questionário é um tipo de atividade muito similar a uma Pesquisa, contudo, o Questionário pode
ser proposto como atividade avaliativa. Ele é mais utilizado no processo de avaliação de
aprendizagem. Pode conter inúmeras questões de variados tipos como: múltipla escolha, múltiplas
repostas, descritivas, verdadeiro ou falso, associação e outras.

21
O Questionário é extremamente flexível em termos de configurações. Algumas das configurações
que o professor pode aplicar no questionário são: número de tentativas de resposta e se haverá perda
de pontos para mais de uma tentativa, a forma como as questões serão exibidas, quantas questões
aparecerão por página ou se todas as questões devem ser exibidas em uma única página, se as
questões e as alternativas serão embaralhadas automaticamente, o professor pode definir se vai e
qual vai haver e qual vai ser a duração para o aluno concluir, entre outras.

6.9 - TAREFA
A Tarefa é a atividade pela qual o aluno submete um ou mais arquivos para o professor.

22
Na atividade Tarefa, os arquivos a serem postados pelos alunos podem ser de diversos tipos e o
professor pode definir quais são os tipos aceitos ou deixar essa configuração livre de restrições. O
professor pode ainda, limitar a quantidade (de 1 a 20 arquivos) e o tamanho do(s) arquivo(s) até o
limite máximo de upload sistema (durante a produção destas orientações o limite era máximo era de
64 Megabytes, mas esse valor pode ser alterado pelos administradores do Moodle). A Tarefa
também pode ser proposta como atividade avaliativa ou não. Pode ser utilizada, por exemplo, para
solicitar aos alunos que produzam um determinado texto, usando um editor de textos qualquer com
o Microsoft Office Word, um Bloco de Notas ou o LibreOffice Writer e submetam no AVA.
6.10 - WIKI
Basicamente uma Wiki é uma ferramenta que permite a criação de textos de forma colaborativa. No
Moodle, a atividade de Wiki vai permitir ao professor propor aos alunos a criação de um único
texto produzido por meio de contribuições de cada aluno. O texto a ser produzido vai poder conter
recursos diversos como, imagens, links, vídeos, entre outros. O mais interessante na atividade de
Wiki é que ela tem um rico controle de versionamento que permite ao professor ver cada
contribuição (versão) do documento criado, bem como o autor de cada contribuição e o registro
cronológico. O professor pode ainda comparar versões e recuperar versões anteriores do documento
desfazendo edições.
Excepcionalmente o professor pode propor uma Wiki individual, na qual cada aluno produz o seu
texto, nesse caso é interessante ao professor pois ele pode usufruir do controle de versionamento
sem usar a parte de produção colaborativa, todavia as Wiki mais comum é a Wiki colaborativa. No
processo de produção a edição não é simultânea, ou seja, somente um aluno vai conseguir editar por
vez. Sempre que um aluno está editando o texto, este fica bloqueado para os demais alunos. No
Moodle, não há possibilidade de atribuição de notas para este tipo de atividade, de forma que se o
professor desejar propor uma Wiki como atividade avaliativa vai ter que fazer um controle de
avaliação à parte.

23