Você está na página 1de 18

Manual PIM V

Curso Superior de Tecnologia em Gestão Ambiental


Sumário
1. INTRODUÇÃO............................................................................................................................. 3

2. OBJETIVOS GERAIS ................................................................................................................. 3

3. OBJETIVOS ESPECÍFICOS ....................................................................................................... 4

4. OPERACIONALIZAÇÃO DO TRABALHO ............................................................................. 4

5. ESTRUTURA DO PROJETO ..................................................................................................... 5

6. O PIM V ABRANGE AS DISCIPLINAS ................................................................................. 15

7. ENVIO DO PROJETO ................................................................................................................ 17

8. PRAZOS E VALIDAÇÃO DO RECEBIMENTO DO PROJETO ............................................ 17

9. DÚVIDAS SOBRE O PROJETO ............................................................................................... 18


Serviço Social

1. INTRODUÇÃO

O PIM assume o objetivo de reforçar a proposta da Universidade Paulista na formação


de profissionais com visão gerencial sobre negócios e que estejam aptos à realidade do
mercado de trabalho, desenvolvendo a potencialidade e a expressão do aluno, bem como
seu conhecimento técnico específico.
O Projeto Integrado Multidisciplinar é uma concepção de ensino e aprendizagem que
pressupõe uma postura metodológica interdisciplinar a ser adotada pela instituição,
envolvendo professores e alunos. Tem como objetivo proporcionar uma articulação entre os
componentes curriculares que integram os diversos períodos, na perspectiva de contribuir
para o exercício da interdisciplinaridade e para a construção da autonomia intelectual dos
estudantes, por meio da associação do ensino com a pesquisa, assim como da teoria com
a prática.
Dessa forma, a implantação de projetos integrados multidisciplinares em todos
os períodos do Curso Superior de Tecnologia em Gestão Ambiental visa, sobretudo, à
inter-relação dos saberes desenvolvidos no contexto dos componentes curriculares
em cada período letivo, contribuindo para a construção da autonomia intelectual dos
alunos mediante a construção da unidade ensino-pesquisa, assim como desenvolver e/ou
aprofundar o sentido da responsabilidade social e profissional, uma vez que os projetos
estarão vinculados à busca de soluções para as questões locais, regionais, nacionais,
potencializando o uso social das tecnologias.

2. OBJETIVOS GERAIS

A execução coletiva ou individual de projetos visa a contribuir para que o futuro


tecnólogo em Gestão Ambiental exerça sua profissão de forma competente e inovadora,
pois os conhecimentos deixarão de ser vistos de maneira disciplinar e isolada, para serem
percebidos por meio de uma perspectiva inter e multidisciplinar. Para tal, os alunos deverão
realizar o levantamento das características e das práticas existentes em uma organização
e tecer a relação com as teorias desenvolvidas na disciplina.

3
Manual de Estágio

O PIM busca inserir o aluno nas práticas gerenciais fundamentadas nos conhecimentos
teóricos adquiridos em aula, com caráter prático complementar do processo
de ensino-aprendizagem a fim de que atue profissionalmente como um agente facilitador
das estratégias organizacionais. Para os futuros profissionais, entretanto, essa habilidade
somente será viável se houver uma conscientização do real papel do gestor, por meio de
uma visão bem delineada da estrutura e dos processos organizacionais.

3. OBJETIVOS ESPECÍFICOS

São objetivos específicos do PIM:


ƒƒ Descrever as características organizacionais por meio da pesquisa e analisar
as informações que deverão resultar em comentários conclusivos;
ƒƒ Proporcionar condições para que o aluno aplique praticamente os conhecimentos
teóricos adquiridos, colaborando no processo de ensino-aprendizagem;
ƒƒ Propiciar ao aluno uma visão ampla das dificuldades existentes na implantação,
na execução e na avaliação dos modelos administrativos;
ƒƒ Proporcionar condições para que o aluno adquira conhecimento e o aplique em seus
trabalhos conclusivos, usando as metodologias de produção científica.

4. OPERACIONALIZAÇÃO DO TRABALHO

As atividades do PIM são desenvolvidas por meio de pesquisa sobre empresas reais
previamente selecionadas pelos alunos. O aluno e/ou grupo (composto de até seis pessoas),
sendo alunos matriculados no mesmo curso, podendo ser de formatos diferentes (SEI/SEPI),
deverá escolher uma empresa real para realização do trabalho. Deverão ser privilegiadas
empresas que estejam “abertas” à atitude empreendedora. Recomenda-se que sejam
escolhidas as empresas de capital aberto ou que disponibilizem as informações necessárias
para o trabalho proposto, não havendo restrição quanto ao ramo de negócios.

4
Serviço Social

É fundamental observar que tal escolha é determinante da qualidade do trabalho


a ser realizado. Uma escolha inadequada poderá terminar em perda de tempo e resultados
negativos para o trabalho em si. O desenvolvimento do projeto ficará sob a orientação de
um professor, que realizará a orientação via fórum de discussão, tutoria presencial do polo
e tutoria a distância.

5. ESTRUTURA DO PROJETO

Para apoio ao desenvolvimento do projeto estão disponíveis no AVA os seguintes materiais:


ƒƒ Videoaulas que terão como foco a preparação de um trabalho escrito claro e persuasivo;
ƒƒ Livros-textos e slides para embasamento teórico;
ƒƒ Um guia com normas da ABNT (guia de normalização para apresentação
de trabalhos acadêmicos);
ƒƒ Perguntas frequentes;
ƒƒ Manual de desenvolvimento;
ƒƒ Videoaulas sobre a ABNT.

Metodologia científica
O trabalho deverá ser realizado rigorosamente dentro dos conceitos de metodologia
científica. Seguem sugestões de consulta:
ƒƒ Biblioteca Virtual ou Minha Biblioteca – livros disponíveis sobre metodologia científica.
ƒƒ Guia de Normalização para Apresentação de Trabalhos Acadêmicos – disponível para
download em pdf no seguinte endereço: <http://www.unip.br/servicos/biblioteca/guia.aspx>.
ƒƒ Assista às teleaulas disponíveis no Ambiente Virtual de Aprendizagem, em Meus
Conteúdos Acadêmicos, no módulo: Normas ABNT – Associação Brasileira de Normas
Técnicas. Também está disponível nesse módulo o Guia de Normalização para Apresen-
tação de Trabalhos Acadêmicos.

5
Manual de Estágio

O projeto deve ser construído com embasamento teórico (consulta bibliográfica)


consistente e comprovado, a fim de facilitar a interpretação e a avaliação das informações
obtidas, assim como a análise.
Outro objetivo importante do PIM é desenvolver a habilidade do pesquisador, no caso,
o aluno, em explorar as partes do desenvolvimento do trabalho em sua estrutura, seguindo
um roteiro para a digitação dos trabalhos.
Os aspectos gerais do trabalho, como tipografia, tamanho de fonte, posição e formato
de títulos e sequência das partes integrantes do trabalho, devem ser realizados de acordo
com as diretrizes descritas no documento Guia de Normalização para Apresentação de
Trabalhos Acadêmicos. Esse guia está baseado nas normas da Associação Brasileira de
Normas Técnicas – ABNT (agência reguladora e normatizadora de publicações
técnicas no Brasil). Cabe ressaltar que, conforme a NBR 14724:2002, “o projeto gráfico
é de responsabilidade do autor do trabalho”. Todavia, os elementos que são normatizados
deverão ser atendidos.

Redação
Recomenda-se que a redação seja formal, caracterizada pelo texto dissertativo (terceira
pessoa do singular ou plural), valorize a originalidade do texto e a fundamentação teórica,
ou seja, preocupe-se em inserir corretamente as citações bibliográficas.
A estrutura do trabalho acadêmico – dissertação, tese, monografia, trabalho de
conclusão de curso e similares –, definida pela NBR 14724:2002 (com vigência em
29/09/2002), deve contemplar os elementos pré-textuais, os elementos textuais
e os elementos pós-textuais. A seguir, há uma tabela adaptada com as indicações
do que se espera na composição obrigatória e opcional para a realização do PIM.

6
Serviço Social

Estrutura Elemento Condição

Capa Obrigatório
Lombada Opcional
Folha de rosto Obrigatório
Errata Opcional
Folha de aprovação Opcional
Dedicatória Opcional
Agradecimentos Opcional
Pré-textuais Epígrafe Opcional
Resumo Obrigatório
Resumo em língua estrangeira Opcional
Sumário Obrigatório
Lista de ilustrações Opcional
Lista de tabelas Opcional
Lista de abreviaturas e siglas Opcional
Lista de símbolos Opcional

Introdução Obrigatório
Textuais Desenvolvimento Obrigatório
Conclusão Obrigatório

Referências Obrigatório
Glossário Opcional
Pós-textuais Apêndice Opcional
Anexo Opcional
Índice(s) Opcional

7
Manual de Estágio

O SIGNIFICADO DOS ELEMENTOS PRÉ-TEXTUAIS

CAPA EXTERNA
São informações indispensáveis à sua identificação, na seguinte ordem:
ƒƒ NOME DO AUTOR;
ƒƒ TÍTULO E SUBTÍTULO;
ƒƒ LOCAL (cidade) da instituição onde deve ser apresentado;
ƒƒ ANO DE DEPÓSITO (da entrega).

FOLHA DE ROSTO
Elemento obrigatório. É a folha que apresenta os elementos essenciais à identificação
do trabalho.
Deve constar de:
ƒƒ NOME DO AUTOR (responsável intelectual pelo trabalho);
ƒƒ TÍTULO E SUBTÍTULO (centralizados, sendo o primeiro em caixa-alta);
ƒƒ NATUREZA – tese, dissertação e outros – e objetivo – aprovação em disciplina, grau
pretendido e outros –, nome da instituição a que é submetido, área de concentração
(justificado à direita);
ƒƒ NOME DO ORIENTADOR (justificado à direita);
ƒƒ LOCAL E ANO.

ERRATA
Elemento opcional. Trata-se de uma lista com a indicação das folhas e das linhas em
que ocorreram erros, com as correções necessárias. Geralmente, apresenta-se em papel
avulso ou encartado, acrescido ao trabalho depois de impresso.

8
Serviço Social

FOLHA DE APROVAÇÃO
Elemento opcional que contém autor, título por extenso e subtítulo e, se houver, local
e data de aprovação, nome, assinatura e instituição dos membros componentes da avaliação.
NOTA: esse item é indispensável para dissertações e teses, mas, de acordo com
a característica e a destinação do trabalho, pode-se admitir sua supressão.
Para o PIM, esse item é dispensável.

DEDICATÓRIA
Página opcional em que o autor presta homenagem ou dedica seu trabalho a alguém.
A dedicatória deve figurar à direita, na parte inferior da folha.

AGRADECIMENTOS
Página opcional em que são registrados agradecimentos às pessoas e/ou instituições
que colaboraram com o autor.

RESUMO
Elemento obrigatório, que consiste na apresentação concisa dos pontos relevantes do
trabalho. O resumo deve dar uma visão rápida e clara do conteúdo e das conclusões do
trabalho; constitui-se de uma sequência corrente de frases concisas e objetivas e não de
uma simples enumeração de tópicos, não ultrapassando 500 palavras. Deve ser seguido,
logo abaixo, das palavras representativas do conteúdo do trabalho, isto é, palavras-chave
e/ou descritores, conforme normas da ABNT.
Em língua vernácula “Português” – obrigatório: apresenta os pontos relevantes de um
texto, fornecendo uma visão rápida e clara do conteúdo e das conclusões do trabalho,
seguido das palavras-chave, não ultrapassando 500 caracteres/letras. Recomenda-se o uso
de parágrafo único.

9
Manual de Estágio

Obs.: segundo a ABNT, o abstract também é obrigatório (resumo em língua estrangeira),


contudo, para o PIM, esse item não será requerido. Portanto, admite-se sua supressão.

SUMÁRIO
Elemento obrigatório. É a relação das principais seções do trabalho, na ordem em que
se sucedem no texto e com indicação da página inicial. As seções do trabalho devem ser
numeradas em algarismos arábicos.
Elementos como listas de figuras, tabelas, abreviaturas, símbolos, resumos e apêndices
não devem constar do sumário, mas das listas (próximo item). A apresentação tipográfica
das divisões e das subdivisões no sumário deve ser idêntica à do texto. Para maiores
informações, consultar as normas da ABNT.

LISTAS
São itens opcionais que relacionam elementos selecionados do texto, na ordem da
ocorrência, com a respectiva indicação de páginas. Pode haver uma lista única para todos
os tipos de ilustrações ou uma lista para cada tipo. As listas devem apresentar: o número
da figura, sua legenda e a página em que se encontra.

O SIGNIFICADO DOS ELEMENTOS TEXTUAIS


Como regra geral, deve-se considerar que o texto poderá ser lido por um leitor não
especialista no assunto. Assim, o texto deve ser claro, objetivo e de fácil leitura e não deve ser
sucinto em demasia, pois o leitor não domina, necessariamente, os mesmos conhecimentos
e informações do autor. Deve-se, ainda, cuidar do referencial teórico, para que ofereça
a sustentação adequada ao tema discutido.

10
Serviço Social

INTRODUÇÃO
Elemento obrigatório. A introdução do trabalho deve conter o objetivo da pesquisa
a ser desenvolvida no Projeto Integrado Multidisciplinar, a metodologia utilizada e uma
breve apresentação da empresa selecionada para a investigação. Ela deve permitir ao leitor
um entendimento sucinto da proposta do trabalho em pauta.

DESENVOLVIMENTO DOS CAPÍTULOS


Elemento obrigatório. O desenvolvimento é a parte mais extensa do trabalho e também
pode ser denominado de corpo do assunto. O seu principal objetivo é comunicar ao leitor
sobre os resultados da pesquisa.
É a apresentação do tema de forma lógica e progressivamente ordenada (capítulos
e subcapítulos) dos pontos principais do trabalho. Sugere-se consultar as normas da ABNT.
No desenvolvimento deve constar: revisão da literatura, descrição de métodos
e materiais utilizados, apresentação de resultados, assim como da discussão dos
resultados que conduzam às principais conclusões.
Deve-se cuidar para que as citações (menção, no texto, de uma informação extraída
de outra fonte) diretas (transcrição textual dos conceitos do autor consultado), indiretas
(transcrição livre do texto do autor consultado) e as citações de citações (transcrição direta
ou indireta de um texto cujo original não se teve acesso) estejam de acordo com as normas
da ABNT.

CONCLUSÃO
Elemento obrigatório. Embora reúna um conjunto de conclusões, o título deve
permanecer no singular – CONCLUSÃO –, já que remete à seção e não ao número de
conclusões formuladas.

11
Manual de Estágio

As conclusões devem ser apresentadas de maneira lógica, clara e concisa, fundamentadas


nos resultados e na discussão abordada ao longo do desenvolvimento do trabalho (capítulos).
O autor deve, ainda, retomar as propostas iniciais (apresentadas na introdução) e reafirmar,
de maneira sintética, a ideia principal e os pontos importantes do corpo do trabalho.

O SIGNIFICADO DOS ELEMENTOS PÓS-TEXTUAIS

REFERÊNCIAS
Elemento obrigatório. É o conjunto padronizado de elementos descritivos retirados de
um documento, que permite sua identificação individual (relação de autores consultados
ou citados, em ordem alfabética da palavra de ordem) – vide normas da ABNT.

GLOSSÁRIO
Elemento opcional. Consiste em uma lista em ordem alfabética de palavras ou expressões
técnicas de uso restrito, utilizadas no texto e acompanhadas das respectivas definições.

APÊNDICE
Elemento opcional. Consiste em um texto ou documento elaborado pelo autor a fim de
complementar sua argumentação, sem prejuízo da unidade nuclear do trabalho. Geralmente,
são questionários, entrevistas, fotos que auxiliam na fundamentação da pesquisa.
A citação do apêndice, no decorrer dos capítulos, deve ocorrer entre parênteses, com
a identificação sequencial em algarismos romanos ou letras maiúsculas.
São identificados por algarismos romanos ou letras maiúsculas consecutivas, travessões
e os respectivos títulos.
Exemplo: Apêndice A – ....... ou Apêndice I – ........
Apêndice B – ....... ou Apêndice II – .......

12
Serviço Social

ANEXO
Elemento opcional. Consiste em um texto ou documento não elaborado pelo autor, que
serve de fundamentação, comprovação e ilustração. São, geralmente, documentos, projetos
de leis, decretos etc., cuja função é complementar o trabalho. Quando apresentados na
forma de “fotocópias”, recomenda-se cuidado com sua nitidez e legibilidade. Lembrar que
os anexos são todos os documentos de autoria de terceiros, só podendo ser utilizados
se o conteúdo e a referência estiverem compondo o desenvolvimento do trabalho.
São identificados por algarismos romanos ou letras maiúsculas consecutivas, travessões
e respectivos títulos.
Exemplo: Anexo A – ........ ou Anexo I – ........
Anexo B – ........ ou Anexo II – .......

ÍNDICE(S)
Elemento opcional. Consiste na lista de palavras ou frases, ordenadas de acordo com
determinado critério, que localiza as informações contidas no texto e remete a elas.
Para complementação, consultar a NBR-6034.

DESENVOLVIMENTO DO CONTEÚDO
O aluno e/ou grupo deverá identificar, analisar e propor melhorias para gestão,
utilizando os conhecimentos adquiridos nas disciplinas do módulo. Deverá, ainda, realizar
um diagnóstico organizacional, buscando identificar possíveis anomalias e práticas
diferenciadas de gestão, sugerindo, inclusive, melhorias para as práticas atuais.

No PIM V o aluno ou grupo irá pesquisar e escolher uma empresa que tenha uma
estação de tratamento de resíduos sólidos, de efluentes ou de emissões gasosas. A estação
escolhida deverá ser avaliada a partir do projeto de implantação e a análise de custos.

13
Manual de Estágio

A base do PIM V é a disciplina Gestão de Resíduos Sólidos, Efluentes e Emissões.


Esses fundamentos deverão ser aplicados à realidade da empresa, utilizando
também os conceitos das disciplinas Climatologia, Matemática Financeira e Plano
de Negócios.
Depois de realizada a pesquisa, deverá organizar os dados, anotar as informações
relevantes e escrever o projeto com suas palavras. Isso significa que é de fundamental
importância uma correta apresentação dos dados, fontes de pesquisa e resultados, de sua
justificativa e conclusão pertinentes. Também serão considerados os aspectos desenvolvidos
em relação à educação ambiental, à sustentabilidade e aos assuntos correlatos.
O objetivo do Projeto Integrado Multidisciplinar é demonstrar a sua capacidade de análise
de processos e como solucionar os grandes desafios empresariais. Para isso, é necessário
seguir certos padrões para facilitar a compreensão do leitor. Observe a lista abaixo:
1. Capa
2. Folha de rosto
3. Resumo
Obs.: abstract (esse item é obrigatório previsto pela ABNT, contudo para esse projeto
não será requerido.)
4. Sumário
5. Introdução
6. Desenvolvimento
7. Descrição da empresa
8. Abordagem das disciplinas do bimestre
Criar um enlace entre os assuntos, aprofundando a multidisciplinaridade.
As disciplinas podem ser separadas por capítulos ou subcapítulos, conforme a preferência.
Ressalta-se que, para a construção de um projeto acadêmico, é preciso desenvolver textos
consistentes, com fundamentação teórica e, para isso, é imprescindível a pesquisa em
bibliografias sobre o assunto. Outro componente importante é a aderência da pesquisa
teórica na situação prática vivenciada na empresa escolhida como fonte de estudo.

14
Serviço Social

9. Conclusão
10. Referências
Obs.: o trabalho deverá ter entre 15 e 20 páginas.

6. O PIM V ABRANGE AS DISCIPLINAS


ƒƒ Climatologia.
ƒƒ Matemática Financeira.
ƒƒ Gestão de Resíduos Sólidos, Efluentes e Emissões.
ƒƒ Plano de Negócios.

6.1 Climatologia
O conceito climático é importante para a escolha do tipo de estação de tratamento,
pois analisando as condições climáticas médias da região compreendida pela empresa em
estudo pode-se optar por sistemas diferentes.
Levantar os dados médios dos parâmetros climáticos da região:
ƒƒ Umidade relativa (%);
ƒƒ Evapotranspiração;
ƒƒ Temperatura (oC);
ƒƒ Radiação solar;
ƒƒ Índice médio pluviométrico (mm).

A fonte dos dados climáticos deve ser apresentada no projeto de forma clara e objetiva
para fácil entendimento.

15
Manual de Estágio

6.2 Matemática Financeira


Utilizar os conceitos e conhecimentos adquiridos na disciplina, tais como: porcentagem,
juros simples e compostos, amortização, de modo a contribuir para o planejamento e para
o controle financeiro da empresa, fatores essenciais para a tomada de decisão e análise de
risco, atividades típicas da função do gestor.
Tal análise será positiva, pois, além de avaliar a saúde financeira da empresa, tornará
possível verificar os investimentos necessários para a estação piloto de tratamento
de efluente.
Neste sentido, o aluno ou grupo deverá abordar os conteúdos desta disciplina
de maneira multidisciplinar.

6.3 Gestão de Resíduos Sólidos, Efluentes e Emissões


O aluno ou grupo irá pesquisar e escolher uma empresa que tenha uma estação de
tratamento de resíduos sólidos, de efluentes ou de emissões gasosas respeitando os
seguintes aspectos:
ƒƒ O conceito de sistema de gerenciamento ambiental, os preceitos da gestão
dos diversos tipos de resíduos produzidos pela empresa.
ƒƒ Levantar dados referentes aos resíduos produzidos (tipo e quantidade).
ƒƒ Durante a execução do projeto escolhido, serão avaliados:
ƒƒ Memorial de cálculo da instalação;
ƒƒ As possíveis melhorias futuras;
ƒƒ Área útil na empresa para o projeto;
ƒƒ Estimativa da eficiência do projeto quanto aos níveis esperados de remoção
de compostos orgânicos do efluente doméstico.
Importante: caso a empresa não disponibilize as informações reais para a elaboração
do projeto, o aluno ou equipe poderá utilizar dados fictícios.

16
Serviço Social

6.4 Plano de Negócios


O projeto deverá ter uma planilha de custos de implantação da estação de tratamento
escolhida, de modo a permitir avaliar os benefícios que poderão proporcionar à empresa e
detectar possíveis ampliações do projeto apresentado.

7. ENVIO DO PROJETO

Verificar informações sobre o envio do trabalho no AVA. As datas de entrega


encontram-se publicadas no calendário acadêmico. Para enviar o trabalho utilize o link:
http://trabalhosacademicos.unip.br/entrega

8. PRAZOS E VALIDAÇÃO DO RECEBIMENTO DO PROJETO

Não serão aceitos, em hipótese alguma, trabalhos após as datas publicadas, ou por
outros meios que não sejam os definidos pela UNIP EAD. Portanto, não haverá possibilidade
de entrega do Projeto PIM via e-mail, correio, Digital Dropbox, fax ou qualquer outro meio
que não esteja ligado ao campo de envio destinado ao projeto.
O PIM é um projeto que consta no Programa Pedagógico dos Cursos Superiores de
Tecnologia e corresponde à computação de 50 horas (para cada PIM), totalizando 100
horas no semestre, equivalendo ao controle de frequência e nota do aluno, desde que
apresente conceito igual ou maior que 6,0 (seis).
Caso o aluno obtenha o conceito final menor que 6,0 (seis) ou não envie o projeto
dentro do semestre, ficará em situação de reprovado na disciplina PIM e só poderá reenviar
seu projeto caso esteja matriculado em regime de dependência* (via Secretaria Virtual)
e siga as informações sobre o projeto, contidas na Plataforma Blackboard, no semestre que
estiver cursando.
* Atenção quanto aos prazos estipulados pela Secretaria Virtual, na realização
das matrículas de disciplinas em que foi reprovado.

17
Manual de Estágio

Obs.: os alunos reprovados em qualquer uma das disciplinas PIM só poderão enviar
seus projetos caso estejam matriculados em regime de dependência (verificar prazos na
Secretaria Virtual).

9. DÚVIDAS SOBRE O PROJETO

Caso o aluno tenha dúvidas sobre o desenvolvimento do projeto PIM, poderá acessar
o fórum e/ou ainda contatar o tutor a distância, que estará à disposição via telefone:
0800 010 9000 ou via mensagem por meio da Central de Atendimento ao Aluno.

Bons estudos!
Curso Superior de Tecnologia em Gestão Ambiental

18

Você também pode gostar