Você está na página 1de 16

Mecânica dos Solos II

ATERRO SOBRE SOLOS MOLES

Profa. Muriel B. de Oliveira


Introdução

Os solos moles são compostos por sedimentos argilosos


com resultado de ensaio de penetração padrão (SPT)
inferior a quatro golpes, característica peculiar das argilas
moles ou areias argilosas fofas de deposição recente.

Apesar de bastante comuns, os solos moles têm algumas


características desfavoráveis as obras de engenharia,
como alta compressibilidade e baixa resistência ao
cisalhamento. Por essa razão, aterros construídos sobre
estes solos precisam receber mais atenção para as
questões de estabilidade.
Introdução
Com as novas tecnologias na área da geotecnia
(inclusões rígidas, reforço com geossintéticos, colunas de
brita, compactação dinâmica, substituição de solos, pré-
carregamento, etc.), hoje várias soluções são utilizadas
para reforço dos solos que possibilitam o aproveitamento
dessas áreas, dispensando a remoção da camada de solo
mole. Aterros sobre solos moles

Fonte: IGEOTECNIA
Origem dos solos moles
Origem fluvial (pelas várzeas dos rios e planícies de
inundação) e estão presentes em todo o mundo, com
maior intensidade no Brasil e outros países com costas
litorâneas extensas.

Os depósitos moles encontrados no litoral brasileiro são


constituídos por solos de granulometria fina que se
depositaram em ambientes marinhos (planícies costeiras).

Fatores que afetam a deposição ou sedimentação dos


solos moles: velocidade das águas, quantidade e
composição da matéria em suspensão na água, salinidade
e floculação das partículas, presença de matéria orgânica.
Exemplos de solos moles

Fonte: FÓRUM DA CONSTRUÇÃO


Características dos solos moles
Ensaios utilizados para obter os
parâmetros dos solos compressíveis
Entre os mais importantes ensaios:

• Ensaio de penetração (que pode ser dinâmico com


sondagem à percussão SPT ou estático);
• Ensaio de penetração de cone com medidas de
pressões neutras (CPTU);
• Ensaio de palheta Vane-test;
• Retirada de amostras indeformadas com amostrador
Shelby para análises em laboratório;
• Para aterros extensos, é recomendável a realização de
uma sondagem a percussão piloto no ponto mais baixo
do eixo projetado.
Tipos de aterros sobre solos moles

Fonte: GAUI FILHO (2017)


Técnicas para melhoramento de solos moles
Drenos, geodrenos ou drenos fibroquímicos e pré-carregamento:

Fonte: INFRAESTRUTURA URBANA (on line)


Técnicas para melhoramento de solos moles
Colunas de brita vibrocompactadas:

Fonte: INFRAESTRUTURA URBANA (on line)


Técnicas para melhoramento de solos moles
Injeção de compactação:

Fonte: INFRAESTRUTURA URBANA (on line)


Técnicas para melhoramento de solos moles
Jet grouting:

Fonte: INFRAESTRUTURA URBANA (on line)


Técnicas para melhoramento de solos moles
Deep Soil Mixing (DSM) e o Cutter Soil Mixing (CSM):

Fonte: INFRAESTRUTURA URBANA (on line)


Características das Técnicas para controle de recalques

Fonte: ALMEIDA (1996)


Técnicas para melhoramento de solos moles
Escavação em solos moles:
https://www.youtube.com/watch?v=WwKptPzFp_Q

CPR Grouting a solução para tratamento de solos moles


https://www.youtube.com/watch?v=SLLhC4oI9r8

Sistema de estabilização de solos moles


https://www.youtube.com/watch?v=Kg1GO62q_bA&t=28s

Melhoramento de solos moles com Colunas de Brita


https://www.youtube.com/watch?v=iLv3kb2sshQ

Estabilização de solos com cal


https://www.youtube.com/watch?v=yh8p1W8EQG0&t=4s

Deep Soil Mixing (DSM) e o Cutter Soil Mixing (CSM)


https://www.youtube.com/watch?v=SA1BCPSh1Yw
Bibliografia

ALMEIDA, M.S.S; MARQUES, M.E.S. Aterros sobre Solos Moles.


2° ed. São Paulo: Oficina de textos. 2014.

ALMEIDA, M.S.S. Aterros Sobre Solos Moles: Da Concepção à


Avaliação de Desempenho. Rio de Janeiro: UFRJ. 1996.

GAUI FILHO, R. Obras sobre solos moles e suas respectivas


soluções: um exemplo prático da obra um complexo de vacinas
em Santa Cruz, RJ. Projeto de graduação. Rio de Janeiro: UFRJ.
2017.