Você está na página 1de 4

UFRB - Universidade Federal do Recôncavo da Bahia

CETEC - Centro de Ciências Exatas e Tecnológicas


CET099 - Física Geral e Experimental II
Lista de Problemas

Segunda Lei da Termodinâmica

Questão 1 0, 350 kg de gelo a 0◦ C até ele se fundir completamente. (a)


Determine (a) a energia absorvida na forma de calor e (b) a Qual é a variação de entropia da água? (b) A fonte de calor
variação de entropia de um bloco de cobre de 2, 00 kg cuja é um corpo com massa muito grande a 25◦ C. Qual é a va-
temperatura é aumentada reversivelmente de 25, 0◦ C para riação de entropia do corpo? (c) Qual é a variação total de
100◦ C. entropia da água e da fonte de calor?

Questão 2 Questão 7

Suponha que 4, 00 mols de um gás ideal sofram uma ex- Em um processo reversível, 3 mols de um gás ideal são com-
pansão isotérmica reversível do volume V1 para o volume primidos isotermicamente a 20◦ C. Durante a compressão, um

V2 = 2, 00 V1 , a uma temperatura T = 400 K. Determine trabalho de 1850 J é realizado sobre o gás. Qual é a variação
(a) o trabalho realizado pelo gás e (b) a variação de entropia de entropia do gás?

do gás. (c) Se a expansão fosse reversível e adiabática em Questão 8


vez de isotérmica, qual seria a variação de entropia do gás? (a) Calcule a variação de entropia quando 1, 0 kg de água a

Questão 3 100◦ C é vaporizado e convertido em vapor de água a 100◦ C.

Um gás ideal sofre uma expansão isotérmica reversível a (b) Calcule a variação de entropia quando 1, 0 kg de gelo
◦ ◦
77, 0◦ C, aumentando seu volume de 1, 30 L para 3, 40 L. A funde-se a 0 C, transformando-se em água a 0 C. (c) A vari-
variação de entropia do gás é 22, 0 J/K. Quantos mols de gás ação de entropia na fusão é maior ou menor do que a variação

estão presentes? de entropia na vaporização? Interprete sua resposta, usando


a ideia de que a entropia está associada ao grau de desordem
Questão 4 de um sistema.
Em um experimento, 200 g de alumínio a 100◦ C são mistu-
Questão 9
rados com 50, 0 g de água a 20◦ C, com a mistura isolada ter-
Um lingote de cobre de 600 g a 80, 0◦ C é colocado em 70, 0 g
micamente. (a) Qual é a temperatura de equilíbrio? Quais
de água a 10, 0◦ C em um recipiente isolado. (a) Qual é a
são as variações de entropia (b) do alumínio, (c) da água e
temperatura de equilíbrio do sistema cobre-água? Que va-
(d) do sistema alumínio-água?
riação de entropia (b) o cobre, (c) a água e (d) o sistema
Questão 5 cobre-água sofrem até atingir a temperatura de equilíbrio?

Um cubo de gelo de 8, 0 g a −10 C é colocado em uma gar-
Questão 10
rafa térmica com 100 cm3 de água a 20◦ C. (a) Qual é a tem-
Uma amostra de gás sofre expansão isotérmica reversível. A
peratura de equilíbrio? (b) De quanto varia a entropia do
figura abaixo mostra a variação ∆S da entropia do gás em
sistema cubo-água até o equilíbrio ser alcançado?
função do volume final Vf do gás. A escala do eixo vertical
Questão 6 é definida por ∆Ss = 64 J/K. Quantos mols de gás existem
Um estudante universitário, na falta do que fazer, aquece na amostra?
Questão 16
A figura abaixo mostra uma máquina de Carnot que tra-
balha entre as temperaturas T1 = 400 K e T2 = 150 K e
alimenta um refrigerador de Carnot que trabalha entre as
temperaturas T3 = 325 K e T4 = 225 K. Qual é a razão
Q3 /Q1 ?

Questão 11
Uma máquina de Carnot tem uma eficiência de 22,0%. Ela
opera entre duas fontes de calor de temperatura constante
cuja diferença de temperatura é 75, 0◦ C. Qual é a tempera-
tura (a) da fonte fria e (b) da fonte quente?

Questão 12
Uma máquina de Carnot opera entre 235◦ C e 115◦ C, absor-
vendo 6, 30 × 104 J por ciclo na temperatura mais alta. (a)
Qual é a eficiência da máquina? (b) Qual é o trabalho por
ciclo que essa máquina é capaz de realizar? Questão 17
Na figura abaixo, onde V23 = 3, 00 V1 , n mols de um gás
Questão 13
diatômico ideal passam por um ciclo no qual as moléculas
Uma máquina de Carnot, cuja fonte fria está a 17◦ C, tem
giram, mas não oscilam. Determine (a) p2 /p1 , (b) p3 /p1 e
uma eficiência de 40%. De quanto deve ser elevada a tem-
(c) T3 /T1 . Para a trajetória 1 → 2, determine (d) W/nRT1 ,
peratura da fonte quente para que a eficiência aumente para
(e) Q/nRT1 , (f) ∆Eint /nRT1 e (g) ∆S/nR. Para a tra-
50%?
jetória 2 → 3, determine (h) W/nRT1 , (i) Q/nRT1 , (j)
∆Eint /nRT1 , (k) ∆S/nR. Para a trajetória 3 → 1, de-
Questão 14
termine (l) W/nRT1 , (m) Q/nRT1 , (n) ∆Eint /nRT1 e (o)
O motor elétrico de uma bomba térmica transfere energia
∆S/nR.
em forma de calor do exterior, que está a −5, 0◦ C, para uma
sala que está a 17◦ C. Se a bomba térmica fosse uma bomba
térmica de Carnot (máquina de Carnot trabalhando no sen-
tido inverso), que energia seria transferida na forma de calor
para a sala para cada joule de energia elétrica consumida?

Questão 15
Para fazer gelo, um refrigerador de Carnot extrai 42 kJ em
forma de calor a −15◦ C durante cada ciclo, com um coe-
ficiente de desempenho de 5,7. A temperatura ambiente é
30, 3◦ C. Qual é (a) a energia por ciclo fornecida ao ambiente
em forma de calor e (b) o trabalho por ciclo necessário para
operar o refrigerador?
Questão 18 ideal com γ = 1, 30. Quais são as razões (a) T2 /T1 , (b)
A figura abaixo mostra um ciclo reversível a que é subme- T3 /T1 , (c) T4 /T1 , (d) p3 /p1 e (e) p4 /p1 ? (f) Qual é a efici-
tido 1, 00 mol de um gás monoatômico ideal. O volume ência do motor?
Vc = 8, 00 Vb . O processo bc é uma expansão adiabática,
com pb = 10, 0 atm e Vb = 1, 00 × 10−3 m3 . Para o ciclo, de-
termine (a) a energia fornecida ao gás em forma de calor, (b)
a energia liberada pelo gás em forma de calor, (c) o trabalho
líquido realizado pelo gás e (d) a eficiência do ciclo.

Questão 20
Uma bomba térmica é usada para aquecer um edifício. A
temperatura externa é −5, 0◦ C e a temperatura no interior
do edifício deve ser mantida a 22◦ C. O coeficiente de desem-
Questão 19 penho da bomba é 3,8 e a bomba térmica fornece 7, 54 MJ
O ciclo da figura abaixo representa a operação de um motor por hora ao edifício em forma de calor. Se a bomba térmica
de combustão interna a gasolina. O Volume V3 = 4, 00 V1 . é uma máquina de calor de Carnot trabalhando no sentido
Suponha que a mistura de admissão gasolina-ar é um gás inverso, qual deve ser a potência de operação da bomba?

Tabela: Dados para resolução dos problemas

Material k (W/m · K) α (10−6 /◦ C) β (/◦ C) c (J/kg · K) LF (kJ/kg) LV (kJ/kg)


água - - - 4190 333 2256
álcool - - - 2430 109 879
alumínio 235 23 - 900 - -
ar 0,026 - - - - -
cobre 401 17 - 386 207 4730
gelo - 51 - 2220 - -
vapor d’água - - - 2010 - -
Respostas(Os valores podem estar aproximados)

1. (a) 5, 79 × 104 J; (b) 173 J/k


2. (a) 9, 22 kJ; (b) 23, 1 J/K; (c) 0
3. 2, 75 mols
4. (a) 57, 0◦ C; (b) −22, 1 J/K; (c) +24, 9 J/K; (d) +2, 8 J/K
5. (a) 12, 2◦ C; (b) 0, 6 J/K
6. (a) 428 J/K; (b) −392 J/K; (c) 36 J/K
7. −6, 31 J/K
8. (a) 6, 05 × 103 J/K; (b) 1, 22 × 103 J/K
9. (a) 40,9◦ C; (b) −27, 1 J/K; (c) 30, 3 J/K; (d) 3, 18 J/K
10. 3, 5 mols
11. (a) 266 K; (b) 341 K
12. (a) 23, 6%; (b) 1, 49 × 104 J
13. 97 K
14. 13 J
15. (a) 49 kJ; (b) 7, 4 kJ
16. 2,03
17. (a)0.333; (b) 0,215; (c) 0,644; (d) 1,10; (e) 1,10; (f) 0; (g) 1,10; (h) 0; (i) −0,889; (j) −0,889; (k) −1, 10; (l) −0, 889;
(m) 0; (n) 0,889; (o) 0
18. (a) 1, 47 kJ; (b) 554 J; (c) 918 J; (d) 62,4%
19. (a) 3,00; (b) 1,98; (c) 0,660; (d) 0,495; (e) 0,165; (f) 34,0%
20. 440 W