Você está na página 1de 4

O Sangue;

- Parte líquida: Plasma (Cerca de 90% de água);


- Parte sólida: Elementos figurados: Hemácias, Leucócitos e plaquetas.
 Plasma: Parte líquida

o Água
o Eletrólitos (Regulam a concentração e ajudam na coagulação): Na+, K+, Mg++,
Ca++, Cl-, HCO3-

o Proteínas dissolvidas:

 Albumina: mede o nível de nutrição

 Protrombina e fibrinogênio: Ajudam na coagulação

 Globulinas: Proteínas globulosas

 Imunoglobulina: Defesa (anticorpos)

Obs.: As imunoglobulinas podem ser de vários subgrupos, sendo que os principais são:

- Ig G: Memória sobre determinada doença.

- Ig M: Doença recente (aguda). Primeiro tipo de anticorpo a aparecer durante


processo inflamatório

- Ig E: Relacionada a processos alérgicos.

o Hormônios:

 Somatotrófico

 Insulina

 ADH, FSH, etc.

- Podem ser encontrados no plasma também açucares, colesterol, lipídios simples e


outras substâncias resultantes da digestão.

 Elementos Figurados: Parte Sólida

o Hemácias ou Eritrócitos

o Leucócitos

o Plaquetas

 Hemácias, Glóbulos Vermelhos do Sangue ou Eritrócitos:

- Anucleadas: Qualidade evolutiva (Maior quantidade de oxigênio);


- Formato Discóide e Bicôncavo: Aumenta o volume;

- Se formam na medula óssea e são destruídas no fígado (geralmente têm


vida curta);

- Possuem uma grande quantidade de um pigmento chamado hemoglobina


(responsável pelo transporte dos gases.

- Função:

- Transporte de gases como O2 e CO2.


- Mulher: Entre 4,5 à 5,5 milhões de hemácias por milímetro cúbico de
sangue.
- Homem: Entre 5 à 6 milhões de hemácias por milímetro cúbico de
sangue.

- Anemia: Redução no número de hemácias ou na quantidade de hemoglobina nas


células.

 Anemia Ferropriva: Falta de ferro, diminuindo quantidade de hemoglobina.

- Reduz oxigenação no corpo

- Sonolência.

 Anemia aguda: Recente.

 Anemia crônica: Antiga.


 Anemia Falciforme: Hemácias em forma de foice, não permitem “carregamento”
correto de oxigênio. Pode apresentar forma homozigota (indivíduos doentes) e
heterozigota (portadores do gene da anemia). Comum na população negra da África.
Os indivíduos heterozigotos apresentam resistência ao protozoário da malária,
devido à forma diferente de algumas de suas hemácias, sendo assim, o protozoário
não consegue completar seu ciclo.

 Policitemia: Aumento no número de hemácias: "Sangue Grosso"

 Leucócitos ou Glóbulo Branco:

- Células esféricas mayores que as hemácias porém presentes no sangue


em menor quantidade.

- 5 a 10 mil por milímetro cúbico de sangue, tanto em homens quanto em


mulheres.

- Tipos de Leucócitos:

 Granulócitos: Apresentam granulações no citoplasma

- Neutrófilos
- Eosinófilos ou Acidófilos

- Basófilos

 Agranulócitos: Sem granulações citoplasmáticas

 Linfócitos

 Monócitos

o Neutrófilos:

 Mais comuns no sangue;

 Polimorfonucleares: Muitas formas de núcleos, 2 ou mais lobos;

 Defesa celular: fagocitose intensa de bactérias e outros


microrganismos que possam invadir nosso corpo.

o Acidófilos:

 Raros;

 Relacionado a alergias e invasão por vermes.

o Basófilos:

 Muito Raros;

 Relacionado a intoxicação por metais pesados;

 Podem também estar relacionados a alergias.

o Monócitos:

 Dão origem aos macrófagos (células especializadas em fagocitar


microrganismos estranhos, resíduos e células mortas);

o Linfócitos

 Diferentes de todas as outras células sanguíneas, pois são


produzidos pelos tecidos linfóides, como baço, timo e gânclios linfáticos;

 Linfócitos B: Produzem anticorpos como Ig G e Ig M;

 Linfócitos T (auxiliadores ou citotóxicos): Os auxiliadores estimulam


a produção de anticorpos pelos linfócitos B e os citotóxicos atacam e
destroem células infectadas por vírus.

 Ambos são responsáveis pela resposta imune do nosso corpo a


antígenos estranhos.
 Leucocitose: Aumento no número de leucócitos
 Leucopenia: Redução no número de leucócitos;
 Leucemia: ë uma ploriferação excessiva na produção de leucócitos anormais ( só se
reproduzem). Com esse problema leva a queda no número de hemácias, e
conseqüentemente o de plaquetas, gerando grandes problemas.
 Aplasia: Paralisação na produção das células sanguíneas.

 Plaquetas ou Trombócitos:

 Participam do processo de coagulação do sangue como representado na figura


abaixo: