Você está na página 1de 7

LISTA 1

1. (Leopoldino Rocha) O sujeito ético-moral é somente aquele que preencher os seguintes requisitos:
b) saber o que faz, conhecer as causas e os fins de sua ação, o significado de suas intenções e de suas atitudes e a essência dos
valores morais.

2. (ENEM 2011) O brasileiro tem noção clara dos comportamentos éticos e morais adequados, mas vive sob o espectro da
corrupção, revela pesquisa. Se o país fosse resultado dos padrões morais que as pessoas dizem aprovar, pareceria mais com a
Escandinávia do que com Bruzundanga (corrompida nação fictícia). O distanciamento entre “reconhecer” e “cumprir” efetivamente
o que é moral constitui uma ambiguidade inerente ao humano, porque as normas morais são:
d) criadas pelo homem, que concede a si mesmo a lei à qual deve se submeter.

3. Leia o fragmento abaixo: “Os homens não são maus, mas submissos aos seus interesses... Portanto, não é da maldade dos
homens que é preciso se queixar, mas da ignorância dos legisladores que sempre colocam o interesse particular em oposição ao
geral. […] Até hoje, as mais belas máximas morais não conseguem traduzir nenhuma mudança nos costumes das nações. Qual é a
causa? É que os vícios de um povo estão, se ouso falar, escondidos no fundo de sua legislação.” Helvetius Assinale a afirmativa que
não contenha as ideias principais contidas no fragmento acima:
a) Não há nenhuma relação entre as leis e os costumes, pois sãos os homens que fazem as leis que os beneficiam.

4. (SELECON-2018) No campo da ética, quando uma pessoa expressa um juízo de valor ela está avaliando: a) o valor de um produto
b) o valor moral de um acontecimento c) o valor natural de um fato d) a qualidade de um trabalho.
b) O valor moral de um acontecimento

5. (QUADRIX-2018) Segundo o texto abaixo, o agir ético do servidor deve: Promoção da ética pública O que constitui um padrão
ético para o Setor Público? A CF estabelece, em seu artigo 37, os princípios norteadores da atuação da Administração Pública:
legalidade; impessoalidade; moralidade; publicidade; e eficiência. Assim, quando se fala em promover um padrão ético para o Setor
Público, significa resgatar a noção de "serviço público" em sua essência original, qual seja, "servir ao público". O padrão ético do
serviço público deve refletir, desse modo, em seus valores, princípios, ideais e regras, a necessidade de honrar a confiança
depositada no Estado pela sociedade.
e) desempenhar sua função sem desprezar o elemento ético de sua conduta.

6. (FGV-2018) Relacione os conceitos fundamentais da ética com suas respectivas definições. 1. Moralidade 2. Subsidiariedade 3.
Eticidade
( ) Conjunto de valores institucionais, onde há identidade da vontade universal e particular e uma coincidência entre deveres e
direitos.
( ) Princípio voltado ao respeito às relações entre níveis de concentração de poder e interesses sociais a serem satisfeitos.
( ) Código de valores capaz de guiar a conduta do homem e suas respectivas escolhas e decisões.
Assinale a opção que mostra a relação correta, segundo a ordem apresentada
e) 3, 2 e 1.

7. (QUADRIX-2018) A respeito dos conceitos de ética e moral, assinale a alternativa correta


b) A moral pode ser definida como sistema de regras próprio de diferentes grupos sociais, que abrange normas e valores aceitos e
praticados como certos e errados.
8. (IBADE-2018) Segundo o conceito do filósofo Aristóteles, o conhecimento que propicia ao homem alcançar a virtude cardeal,
consistente na ação justa, prudente, corajosa e temperada consiste na:
c) ética

9. (FAUEL-2017) Nas organizações públicas e privadas, o conjunto de normas éticas que forma a consciência do profissional e
representa imperativos de sua conduta recebe o nome de:
d) Ética profissional.

10. FGV(2017) Sobressair-se devido às suas qualidades é muito mais interessante do que assumir comportamentos antiéticos, como
menosprezar o trabalho de colegas, roubar ideias ou mentir.
A esse respeito, analise as afirmativas a seguir:
I. A Ética pode ser entendida como um conjunto de princípios que fundamentam a conduta humana, com base em valores
individuais ou coletivos.
II. A conduta ética gera reflexos positivos, na medida em que aumenta a produtividade, estimula a harmonia no ambiente de
trabalho e ajuda no desenvolvimento profissional.
III. O Código de Ética é uma importante ferramenta de orientação quanto à moral e à conduta, sendo dever do funcionário público
agir segundo seus princípios.
Está correto o que se afirma em:
e) I, II e III

LISTA 2

1 - “A ética exige um governo que defenda a igualdade entre os cidadãos, a qual constitui a base da pátria. Sem ela, muitos
indivíduos não se sentem em casa, mas vivem como estrangeiros em seu próprio lugar de nascimento.” (SILVA, R. R. Ética, defesa
nacional, cooperação dos povos) Os pressupostos éticos são essenciais para a estruturação política e a integração de indivíduos em
uma sociedade. Segundo o texto, a ética corresponde a:
A) Valores e costumes partilhados pela maioria da sociedade
Justificativa: A noção de ética se da pelo segmento de um conjunto de normas de uma sociedade que devem ser aplicadas, pois
estão atreladas as condutas partilhadas pela maioria em sociedade.

2 - A Ética e a Moral são diferentes, porém intrinsecamente interligadas. As reflexões éticas exercem significativa influência sobre as
práticas morais, assim como estas servem de matéria às reflexões éticas. A prática moral é relativa, mas as reflexões éticas tendem
a ser universais. Com relação à Ética e à Moral, assinale a opção correta.
a) Sem a Ética a Moral ficaria obsoleta, caduca, ultrapassada.
Justificativa: A Ética tem como objetivo a reflexão sobre a conduta moral, ou seja, desenvolver reflexões e indicar caminhos para a
resolução de hábitos ou condutas humanas. A prática da ética implica vivência, constantemente estamos sujeitos a tomar decisões
práticas, se a ética não nos fizesse refletir a moral se tornaria pretérita.
LISTA 3

1 - Prova: UPENET - 2013 - FUNASE – Psicólogo: Sobre os direitos humanos, assinale a alternativa que contém uma de suas
características fundamentais.
C) Universalidade
Justificativa: São características fundamentais dos direitos humanos: Historicidade, Universalidade, Relatividade, Essencialidade,
Irrenunciabilidade, Inalienabilidade, Imprescritibilidade, Inviolabilidade, Complementaridade, Efetividade, Interdependência e
Concorrência.

2 - Prova: UPENET - 2013 - FUNASE - Psicólogo Considere a seguinte afirmação: Na perspectiva dos direitos humanos, a (o)
___________ é a qualidade, que define a essência da pessoa humana, ou ainda, é o valor, que confere humanidade ao sujeito,
inclusive à criança e ao adolescente. O ECA assume a perspectiva de assegurar, prevenir e proteger essa qualidade, pois se trata
daquilo que existe no ser humano pelo simples fato de ele ser humano, e sem o que não se é humano. Para ela, devem convergir
todos os direitos e valores fundamentais (Adaptado de Soares (2004) e Pequeno (2008)). Assinale a alternativa cujo termo preenche,
CORRETAMENTE, a lacuna do texto acima.
E) Dignidade
Justificativa: Os direitos humanos são fundamentados sobre o respeito pela dignidade e o valor de cada pessoa.

3 - Prova: FEPESE - 2012 - DPE-SC - Defensor Público Em relação ao sistema internacional de proteção dos direitos humanos, é
correto afirmar:
D) A Carta das Nações Unidas de 1945 serviu de elemento para a consolidação do movimento de internacionalização dos direitos
humanos, elevando a promoção de tais direitos a propósito e finalidade da Organização das Nações Unidas (ONU).
Justificativa: Depois da Segunda Guerra e da criação da Organização das Nações Unidas (também em 1945), líderes mundiais
decidiram complementar a promessa da comunidade internacional de nunca mais permitir atrocidades como as que haviam sido
vistas na guerra. Assim, elaboraram um guia para garantir os direitos de todas as pessoas e em todos os lugares do globo.

4 - Entre os direitos e deveres invioláveis não se encontra:


C) a casa do indivíduo, no caso de flagrante delito.
Justificativa: Dos Princípios Fundamentais, art. 1º). Consta ainda em nossa Constituição que "são invioláveis a intimidade, a vida
privada, a honra e a imagem das pessoas" (Dos Direitos e Garantias Fundamentais, art. 5º. X).

5 - A individualização da pena será regulamentada por lei. E dentre as penas admissíveis, não figura:
C) De trabalhos forçados.
Justificativa: No Código Penal Brasileiro, o trabalho escravo está descrito no artigo 149. A pena pela prática é de dois a oito anos de
reclusão, além da pena correspondente à violência. Ou seja, é caracterizado como crime.

6 - Prova: VUNESP - 2014 - PC-SP - Investigador de Polícia - O ano de 1948 representou um marco histórico mundial no tocante aos
direitos humanos, pois foi nesse ano que:
A) Foi criada a Corte Internacional dos Direitos Humanos.
Justificativa: A CIDH é um órgão judicial autônomo, cujo propósito é aplicar e interpretar a Convenção Americana dos Direitos
Humanos e outros tratados de Direitos Humanos.
7 - Prova: CRSP - PMMG - 2013 - PM-MG - Soldado da Polícia Militar Músico - De acordo com a Declaração Universal dos Direitos
Humanos é CORRETO afirmar que:
A) Todo ser humano tem capacidade para gozar os direitos e as liberdades estabelecidos na Declaração Universal dos Direitos
Humanos, sem quaisquer distinções.
Justificativa: Todos são iguais perante a lei e têm direito, sem qualquer distinção, a igual proteção contra qualquer ato de
discriminação.

8 - FUNCAB - 2009 - PM-RO - Policial Militar “Os direitos humanos vêm ganhando força nos últimos tempos impulsionados pelos
fundamentos da liberdade, da justiça e da paz no mundo, os quais se fizeram mais necessários após um marco na história que
ultrajou a consciência da Humanidade”. O evento em especial a que se refere o texto acima é a:
B) Segunda Grande Guerra Mundial;
Justificativa: Com o intuito de construir um mundo sob novos alicerces ideológicos, os dirigentes das nações que emergiram como
potência no período pós-guerra, estabeleceram as bases de uma futura paz mundial através da criação de uma organização
multilateral que evitasse a guerra, promovesse a paz e a democracia, fortalecendo os direitos humanos.

9 - FUNCAB - 2009 - PM-RO - Policial Militar A Declaração Universal de Direitos Humanos de 1948 preceitua, em seu Artigo 2°: “Todo
o homem tem capacidade para gozar os direitos e as liberdades estabelecidos nesta declaração, sem distinção de qualquer espécie
(...)”. Dessa forma, pode-se dizer que não haverá discriminação baseada em diferenças de: I. raça; II. sexo; III. Cor.
E) I, II e III estão corretos
Justificativa: Os direitos humanos são direitos inerentes a todos os seres humanos, independente de suas diferenças ou condições.

10 - FUNCAB - 2009 - PM-RO - Policial Militar “O propósito dos Direitos Humanos é, antes de tudo, o de garantir ao indivíduo a
possibilidade de desenvolver-se como pessoa para realizar os seus objetivos pessoais, sociais, políticos e econômicos, amparando-os
contra os empecilhos e os obstáculos que encontre em seu caminho, , do conceito de soberania em matéria pessoal”. Tendo em
vista o trecho lido, e considerando que sabidamente o próprio Estado é também considerado um dos violadores de direitos
humanos , é possível afirmar que por isso se fez necessária(o):
C) O desenvolvimento de um sistema de proteção internacional de direitos humanos, acessível aos cidadãos de qualquer Estado;
Justificativa: Proteger a dignidade humana de todas as pessoas está no centro do conceito de direitos humanos. Este conceito
coloca a pessoa como centro de sua preocupação e é um sistema de valor universal, para todos.

11 - Prova: FUMARC - 2014 - CBM-MG - Oficial Bombeiro Militar De acordo com os estudiosos da temática “Direitos Humanos”, o
problema da criminalidade praticada por adolescentes e que impacta a segurança pública da sociedade brasileira pode ser
solucionado com a adoção da seguinte medida:
C) Implementação de políticas públicas voltadas para a efetivação dos direitos individuais, políticos, econômicos, sociais e culturais
que sejam capazes de intervir nas diversas situações de vulnerabilidade que acometem grande parte dos adolescentes brasileiros.
Justificativa: O problema só será erradicado quando modificado em sua raiz, o estado deve criar condições para que os jovens se
desenvolvam como seres humanos tendo uma vida digna, que não necessitem praticar crimes para sobreviver, ou que ainda não
nasçam em meio a cultura da violência para que sua vida seja moldada nesta vertente.
12 - Prova: VUNESP - 2014 - PC-SP - Escrivão de Polícia - É correto afirmar, sobre as previsões contidas na Declaração Universal de
Direitos Humanos, que:
C) são proclamados, em seu artigo I, como os três valores fundamentais dos direitos humanos a liberdade, a igualdade e a
fraternidade.
Justificativa: Este também foi o lema da Revolução Francesa, tornando-se o grito em prol da democracia liberal ou constitucional e a
derrubada de governos opressores. Liberdade do indivíduo a vida, igualdade dos cidadãos perante à lei e a fraternidade que
expressa a dignidade de todos os seres humanos.

13 - A respeito da Declaração Universal dos Direitos Humanos, avalie as proposições a seguir.


I) A Declaração Universal dos Direitos Humanos é um documento que delimita os direitos fundamentais do ser humano;
II) Lista direitos cujo respeito e observância universal devem ser promovidos pelos Estados membros da Organização das Nações
Unidas;
III) Sua criação foi motivada especialmente para promover a observância dos direitos humanos fortemente abalados na Segunda
Guerra Mundial;
IV) Criado em 1938, a Declaração foi assinada à época pelos mais de 190 Estados-membros da ONU.
Avalie as afirmações acima e marque a opção que corresponda, na devida ordem, ao acerto ou erro de cada uma:
D) V, V, V, F
Justificativa: Item IV – Foi criada em 1948 e no início contou com a participação de pouco mais de 50 países.

14 - A Declaração Universal dos Direitos Humanos prevê que “toda pessoa vítima de perseguição tem o direito de procurar e de
gozar asilo em outros países.” A exceção a esse direito, também descrita no documento, ocorre quando:
D) A perseguição for legitimamente motivada por crimes de direito comum.
Justificativa: Se a perseguição for devido a atos contrários aos propósitos e princípios das Nações Unidas a pessoa não pode invocar
tal direito.

15 - São direitos previstos na Declaração Universal dos Direitos Humanos:


I. O direito a repouso e lazer.
II. O direito de tomar parte no governo de qualquer país.
III. O direito à liberdade de opinião e expressão.
IV. O direito à liberdade de reunião e associação pacíficas.
Estão corretas as afirmativas:
E) I, III e IV.
Justificativa: A Declaração prevê em seu artigo que toda pessoa tem o direito de tomar parte no governo de seu país, e não versa
sobre tal possibilidade em um governo distinto de sua nacionalidade.
RESUMO DAS UAs

INTRODUÇÃO À ÉTICA

- Ética – Éthos (do grego)  Costume, local e modo de habitação;


- Ética – Mores (do latim)  Hábito;
- Ética  Conjunto de valores e ações que fundamentam e constituem determinada sociedade, cultura e época;
- A ética vai se tornando um paradigma normativo de como agir. A ética é uma instância normativa que regula as relações humanas
em determinado local;
- A ética deu origem a comunidade, ou seja, a construção histórica que traduz os valores que a sustentam;
- para Aristóteles, nós nos tornamos virtuosos com a prática constante de atos virtuosos, então para ele a ética poderia ser chamada
de prática, enquanto temos o atos de ações virtuosas, nos tornamos virtuosos, para ele a ética é a comunhão de valores da
sociedade;
- Nós só podemos exercer a ética quando encontramos o outro, através da partilha de valores, reconhecendo o outro e tendo a
oportunidade de nos relacionarmos em uma mesma comunidade;
- Com relação a comunidade, a ética funciona como um reflexo dos valores que a sustentam;
- A ética é uma questão que permite um diálogo justo entre os homens.

ÉTICA PROFISSIONAL, SOCIAL, POLÍTICA

- A Ética estabelece os princípios que servem de parâmetro e fundamentam o comportamento dos indivíduos. Esses parâmetros
acompanham o indivíduo em todas as esferas de atuação, na sua vida social, na sua atuação profissional e no exercício político;
- Ética social – Reflete sobre os princípios e noções que fundamental a vida moral e se apoia em seis princípios que garantiriam o
pleno desenvolvimento humano: Dignidade, propriedade, trabalho, bem comum, solidariedade e subsidiariedade;
- Ética profissional – Aborda questões de comportamento e tomada de decisões do indivíduo em atividade profissionais. Três
princípios são fundamentais: comprometimento com seus objetivos, a responsabilidade evitando erros e a integridade garantindo a
transparência em todos os atos;
- Ética política – Atua de forma pragmática nos assuntos da coletividade, tem o peso do efeito que as decisões tomadas geram nos
indivíduos, como o bem-estar coletivo, transparência, valores democráticos, entre outros. Trabalha com os conceitos de poder e
autoridade;
- A ética faz reflexões sobre os princípios e noções que regem a vida moral, e diferem dependendo do ser humano que a utilize,
variando desde princípios religiosos até o mais radical pragmatismo;
- Deonteologistas – Dever ético;
- Relativista – Nenhum princípio absoluto;
- O interesse do coletivo deve se sobrepor ao interesse individual, pois o avanço de uma sociedade depende do esforço conjunto
das pessoas e só pode ser alcançado com a colaboração de todos os integrantes do grupo.
- O desenvolvimento que procura satisfazer as necessidades da geração atual, sem comprometer a capacidade das gerações futuras
de satisfazerem as suas próprias necessidades. Significa possibilitar que as pessoas, agora e no futuro, atinjam um nível satisfatório
de desenvolvimento social e econômico e de realização humana e cultural, fazendo, ao mesmo tempo, um uso razoável dos
recursos da terra e preservando as espécies e os habitats naturais. A sustentabilidade é uma das principais bases norteadoras da
Ética Profissional, pois visa o pleno andamento das práticas do trabalho sem prejudicar o meio ambiente.
- A teoria funcionalista é a capacidade de exercer certas funções em proveito do sistema social considerado no seu conjunto. A
autoridade deriva do poder, mas só se mantém enquanto é legitimada pela população sobre a qual ela é exercida.
ÉTICA VERSUS MORAL

- Freud  Ética: coletiva / Moral: privada – Para Freud a ética é algo heterônomo (sujeito a vontade do outro) que vem de fora, é
trazido para dentro do ser humano;
- Piaget  Ética: Como quero viver / Moral: Como devo agir – Apesar de nós termos um momento na infância de relação
heterônoma com a moral, por força de desenvolvimento da criança a moral se tornará autônoma (heterônoma para autônoma).
- Para Piaget, o caminho do desenvolvimento moral é o da autonomia;
- Tanto ethos quanto mores vão significar costume ou hábito, portanto na história esses termos foram tendo tratativas distintas e o
termo ético foi para uma vertendo mais teórica e a moral uma vertente mais prática. Alguns autores vão dizer que a ética é a teoria
que pensa o moral e a moral a prática dessa teoria ética. Essa seria a primeira distinção entre os termos, para alguns autores;
- A moral estaria muito mais ligada as ações do dia a dia e a ética a teoria;
- Na contemporaneidade aceita-se que a moral seria um conjunto de deveres, pois, este é um ponto que convergem as principais
teorias sobre a moral;
- Existem teorias que distinguem a moral da ética pela sua aplicação: moral é privada, ética é pública;

DIREITOS HUMANOS

- São entendidos como princípios ou valores éticos políticos que permitem a toda pessoa afirmar sua condição de dignidade
enquanto ser humano;
- A infringência dos direitos humanos no Brasil: Violência no campo, violência urbana, aumento da pobreza e desemprego,
superlotação em presídios, trabalho escravo, tortura e repressão policial contra manifestações democráticas, crescimento do crime
organizado, altos índices de homicídios;
- de acordo com a ONU, em sua DUDH, fica a cargo do estado proteger os Direitos Humanos;
- Os direitos civis e políticos, reivindicados pelas revoluções burguesas dos séculos XVII - XVIII, dizem respeito aos direitos
reivindicados pela burguesia revolucionária, tinham a liberdade como fundamentos. Eram direitos que se voltavam contra o Estado
Absolutista;
- Os direitos de primeira geração são ligados ao valor liberdade, são direitos civis e políticos, são direitos individuais;
- Os direitos de segunda geração equivalem ao caráter social como assistência social, educação, saúde, moradia, cultura, livres
associação sindical, direito a greve, à organização sindical, ao saneamento básico, ao lazer, ou seja, direitos correspondentes à vida
social de uma população;
- Os direitos de terceira geração estão ligados ao valor da fraternidade ou solidariedade, proteção do gênero humano, está
relacionado ao desenvolvimento do meio ambiente, à autodeterminação dos povos, direito a propriedade sobre o património
comum entre outros;
- Os direitos da quarta geração estão relacionados a engenharia genética, bioética, globalização política, são direitos fundamentais
pertencentes a dimensão autônoma.
- Os direitos de quinta geração estão relacionados a evolução cibernética

Você também pode gostar