Você está na página 1de 7

Escola Secundaria Heróis Moçambicano

Nº Nome Completo

Trabalho de Biologia

“Classes de fungos e Líquenes”

Trabalho a ser apresentado ao Professor de


Biologia, 11ª classe, Tª F, para fins
avaliativos.
Docente: _____________________

MAPUTO
ABRIL DE 2019
ÍNDICE

Introdução ................................................................................................................................................... 3
Classificação dos Fungos ............................................................................................................................ 4
Quitridiomicetos. ......................................................................................................................................... 4
Ascomicetos. ............................................................................................................................................... 4
Basidiomicetos ............................................................................................................................................ 4
Zigomicetos. ................................................................................................................................................ 4
Deuteromicetos ........................................................................................................................................... 4
Liquens ........................................................................................................................................................ 5
Morfologia................................................................................................................................................... 5
Crostoso....................................................................................................................................................... 5
Folioso ......................................................................................................................................................... 5
Fruticoso...................................................................................................................................................... 5
Conclusão. ................................................................................................................................................... 6
Bibliografia ................................................................................................................................................. 7
INTRODUÇÃO

Os fungos constituem um grupo de microrganismos que têm grande interesse prático e científico
para os microbiologistas. Suas manifestações são familiares: todos já viram os crescimentos em laranjas,
limões e queijos, nas prateleiras de armazéns. De um modo geral, os fungos incluem os bolores e as
leveduras. A palavra bolor tem emprego pouco nítido, sendo usada para designar os mofos, as ferrugens
e o carvão.

Enfim, podem ser úteis ao ser humano auxiliando na produção de bens de consumo, mas também
prejudicial á saúde causando doenças.
Neste trabalho iremos abordar assuntos relacionados com as classes de fungos e líquenes, esta
estruturada por introdução, desenvolvimento conclusão e bibliografia como fontes para a concretização
deste trabalho

3
Classificação dos Fungos

Classificar fungos não é tarefa fácil. Trata-se de um grupo muito antigo (mais de 540 milhões de anos) e
existem muitas dúvidas a respeito de sua origem e evolução.

Confira a seguir um esquema com a classificação dos fungos e em seguida a descrição de cada grupo.

Os quitridiomicetos, são os prováveis ancestrais dos fungos. Vivem em meio aquático e em solos
húmidos próximos a represas, rios e lagos. Vivem da absorção da matéria orgânica que decompõe e,
muitas vezes, parasitam algas, protozoários, outros fungos, plantas e animais. Algumas espécies causam
considerável prejuízo em plantas de cultivo (alfafa e milho).

Os ascomicetos, são os que formam estruturas reprodutivas sexuadas, conhecidas como ascos, dentro
das quais são produzidos esporos meióticos, os ascósporos. Incluem diversos tipos de bolores, as trufas,
as Morchellas, todos filamentos, e as leveduras (Saccharomyces sp.), que são unicelulares.

Os basidiomicetos, são os que produzem estruturas reprodutoras sexuadas, denominadas de basídios,


produtores de esporos meióticos, os basidiósporos. O grupo inclui cogumelos, orelhas-de-pau, as
ferrugens e os carvões, esses dois últimos causadores de doenças em plantas.

Os zigomicetos, são fungos profusamente distribuídos pelo ambiente, podendo actuar como
decompositores ou como parasitas de animais. Os mais conhecidos é o Rhizobux stolonifer, bolor que
cresce em frutas, pães e doces - seu corpo de frutificação é uma penugem branca que lembra filamentos
de algodão, recheados de pontos escuros que representam os esporângios.

Os deuteromicetos, ou fungos conidiais, que já foram conhecidos como fungos imperfeitos, costituem
um grupo de fungos que não se enquadra no dos anteriores citados. Em muitos deles, a fase sexuada não
é conhecida ou pode ter sido simplesmente perdida ao longo do processo evolutivo. De modo geral,
reproduzem-se assexuadamente por meio da produção de conidiósporos. A esse grupo pertencem
diversas espécies de Penicillium (entre as quais a que produz penicilina) e Aspergillus (algumas espécies
produzem toxinas cancerígenas).

4
Liquens
Os liquens são associações simbióticas de mutualismo entre fungos e algas. Os fungos que formam
liquens são, em sua grande maioria, ascomicetos (98%), sendo o restante, basidiomicetos. As algas
envolvidas nesta associação são as clorofíceas e cianobactérias. Os fungos desta associação recebem o
nome de micobionte e a alga, fotobionte, pois é o organismo fotossintetizante da associação.

A natureza dupla do liquen é facilmente demonstrada através do cultivo separado de seus componentes.
Na associação, os fungos tomam formas diferentes daquelas que tinha quando isolados, grande parte do
corpo do liquen é formado pelo fungo.

Morfologia

Normalmente existem três tipos de talo:

Crostoso: o talo é semelhante a uma crosta e encontra-se fortemente aderido ao substrato.

Folioso: o talo é parecido com folhas

Fruticoso: o talo é parecido com um arbusto e tem posição ereta.

5
Conclusão

Neste trabalho concluímos que durante muitos anos, os fungos foram considerados como vegetais,
porém, a partir de 1969, passaram a ser classificados em um reino à parte por apresentarem
características próprias, tais como: não sintetizar clorofila, não possuir celulose na sua parede celular,
excepto alguns fungos aquáticos, e não armazenar amido como substância de reserva, eles foram
diferenciados das plantas.

Vimos também que os fungos são seres vivos eucarióticos, com um só núcleo. Estão incluídos neste
grupo organismos de dimensões consideráveis, como os cogumelos, mas também muitas formas
microscópicas, como bolores e leveduras. Diversos tipos agem em seres humanos causando várias
doenças como, por exemplo, micoses.

Os fungos por outro lado são muito importantes na produção de fabricação da cerveja, fabricação do
vinho, produção de antibióticos (penicilina), produção de vitaminas e de ácidos orgânicos (ácido cítrico).

Junto com eles temos também temos os liquens que são associações simbióticas de mutualismo entre
fungos e algas. Os fungos que formam liquens são, em sua grande maioria, ascomicetos (98%), sendo o
restante, basidiomicetos. As algas envolvidas nesta associação são as clorofíceas e cianobactérias.

Por fim podemos observar que fungo vão mais além que bolor de pão, ou mofos, há vários tipos de
fungos incluindo também os cogumelos comestíveis ou não, microscópicos e os visíveis a olho nu.

6
Bibliografia

http://www.enq.ufsc.br/labs/probio/disc_eng_bioq/trabalhos_pos2003/const_microorg/fungos.htm

http://campus.fortunecity.com/yale/757/fungos.htm - Auxílio á introdução

http://revistaescola.abril.com.br/ensino-medio/mostre-importancia-fungos-homem-meio-ambiente-
426270.shtml

http://www.sobiologia.com.br/conteudos/Reinos/biofungos3.php

Você também pode gostar