Você está na página 1de 30

1

LEI 9784 – PAD

PRINCÍPIOS EXPRESSOS
FILMEM CRAPS
2

1. FINALIDADE
2. INETERESSE PÚBLICO
3. LEALIDADE
4. MOTIVAÇÃO
5. EFICIÊNCIA
6. MORALIADDE

7. PROPORCIONALIDADE
8. RAZOABILIDADE
9. AMPLA DEFESA
10. CONTRADITÓRIO
11. SEGURANÇA JURÍDICA
3

LEI 9784 – PAD

PRINCÍPIOS IMPLICITOS
RAIO
4

1. REVISIBILIDADE DAS DECISÕES


2. AUTOTUTELA
3. INDECLINABILIDADE DA JURISDIÇÃO ADM
4. OFICIALIDADE
5

LEI 9784 – PAD

PRINCÍPIOS DOUTRINÁRIOS
GLIPI
6

1. GRATUIDADE
2. LEALDADE E BOA-FÉ
3. IMPESSOALIDADE
4. PUBLICIDADE
5. INFORMALIDE
7

LEI 9784 – PAD


É OBRIGATÓRIO A ASSISTÊNCIA DE UM ADVOGADO?
8

É FACULTATIVO.
EXCETO SE A LEI OBRIGAR.
9

LEI 9784 – PAD


QUAIS AS FASES DO PAD?
10

1. INSTAURAÇÃO
2. INSTRUÇÃO
3. DECISÃO
11

LEI 9784 – PAD


AVOCAÇÃO NO PAD
12

 Em caráter de exceção
 Tem que ter hierarquia
 Tem que ser Temporária
 Devidamente justificada
13

Lei 9784 – PAD


DELEGAÇÃO NO PAD
14

 Pode haver delegação de parte da competência decisória (nunca do todo).


 Não precisa haver subordinação hierárquica direta entre os envolvidos.
 Quando possível, devem ser especificados os poderes transferidos
 Pode ser revogada a qualquer tempo pelo delegante
 O ato praticado é de responsabilidade de quem praticou a ação (delegado)
 O ato da delegação e sua revogação devem ser publicados em MEIO oficial
 É possível a delegação com reserva de poderes (os 2 exercem a competência
simultaneamente)
15

LEI 9784 – PAD


NÃO PODEM SER OBJETOS DE DELAGAÇÃO
DEM
16

 Edição de atos de caráter normativo


 Decisão de recursos administrativos
 Matérias de competência exclusiva (nem delegação parcial)
17

LEI 9784 – PAD


A INTIMAÇÃO PODE SER FEITA POR ...
18

 Pessoalmente, por via postal ou telegrama (com aviso de recebimento)

 Publicação oficial (apenas no caso e interessados indeterminados, desconhecidos


ou com domicílio incerto)
19

LEI 9784 – PAD


PODEM SER CONVALIDADOS VICIOS DE:
FO.CO.
20

FORMA E COMPETÊNCIA
21

LEI 9784 – PAD

RECURSO
22

 Em razao de legalidade e de mérito

 Sem efeito suspensivo (em regra)

 Pode reformatio in pejus

 Dirigido a autoridade que decidiu


23

LEI 9784 – PAD


REVISÃO
24

 Usada quando surgem novos fatos

 Não pode reformatio in pejus

 Pode a qualquer tempo


25

LEI 9784 – PAD

RECLAMAÇÃO
26

Usada quando estão descumprindo súmula vinculante

Só pode ser usada depois de esgotadas as vias adm.


27

LEI 9784 – PAD


PRAZOS
28

 Começam a correr a partir da data de certificação oficial


 Exclui-se o dia do começo e inclui-se o do vencimento
 Salvo motivo de força maior, os prazos processuais não se suspendem
29

LEI 9784 – PAD


POSSUEM PRIORIDADE NA TRAMITAÇÃO DE PAD
30

 Pessoas com 60 anos ou mais


 Pessoa com deficiência (física ou mental)
 Pessoa portadora de doença terminal ou degenerativa (tem uma lista de
doenças)