Você está na página 1de 2

ATIVIDADE AVALIATIVA 03 – EDUCAÇÃO FÍSICA

NOME:_________________________________________________ Nº:______
SÉRIE: 2º ano Turma:____ Turno:____ DATA:___/___/2019 NOTA:______

Guardar ressentimento pode ser nocivo à saúde?

Adrienne Harris, The New York Times


09 de junho de 2019 | 06h00
O ressentimento, seja mesquinho ou sério, pode durar anos, e até décadas. Mas o que
ganhamos ao guardar ressentimento? Algumas pesquisas mostram que o ressentimento pode ser nocivo
à nossa saúde no longo prazo. “Na verdade, guardar ressentimento é uma estratégia pouco eficaz para
lidar com uma situação na vida que não pudemos dominar", disse ao Times Frederic Luskin, fundador do
Stanford Forgiveness Project.
“Sempre que não podemos viver o pesar e assimilar o que ocorreu, acabamos guardando algum
tipo de ressentimento", acrescentou ele. “Quando se trata de amargura, nós a guardamos com raiva. Se
é a falta de esperança, nós a guardamos com desespero. Mas ambos são respostas psico-psicológicas
à incapacidade de lidar com uma situação, e ambos causam estragos físicos e mentais.”
Fragmento retirado de https://internacional.estadao.com.br/noticias/nytiw,guardar-ressentimento-pode-ser-nocivo-a-
saude,70002857220 Acesso em 09. Jun. 2019.

Questão 01
O fragmento acima se relaciona a uma mudança de conceito na concepção da saúde que, apesar de antiga,
só passou a ganhar maior força nos últimos anos. A saúde no século XXI precisa ser trabalhada sob um conceito
ampliado e multidimensional, diante do exposto e das discussões sobre o tema em sala explique qual o conceito de
saúde que devemos adotar nos dias de hoje. (1,5 pontos)
_____________________________________________________________________________________________
_____________________________________________________________________________________________
_____________________________________________________________________________________________
_____________________________________________________________________________________________
_____________________________________________________________________________________________

ATÉ ONDE É SAUDÁVEL O CULTO AO CORPO PERFEITO?


Letícia Neto Ruiz | ACidadeON/Ribeirao
21/2/2019 07:00
Adolescentes e jovens estão extrapolando em exercícios físicos e correções cirúrgicas. Os
procedimentos estéticos, que antes atingiam apenas um pequeno e seleto grupo financeiramente
estruturado, hoje são facilmente conquistados devido à facilidade de pagamento parcelado e
financiamentos.
Até onde é saudável esse culto ao corpo perfeito? Qual é o limite de tamanha dedicação à si
mesmo (a)?
O culto a beleza é mentalmente saudável até que ponto? Os padrões de beleza impostos sobre
a sociedade têm um efeito maléfico sob as pessoas?
Fragmento retirado de https://www.acidadeon.com/ribeiraopreto/blogs/clube-da-
borboleta/BLOG,0,0,1406060,ate+onde+e+saudavel+o+culto+ao+corpo+perfeito.aspx Acesso em 09. Jun. 2019.

Questão 02
A partir da reflexão gerada pelo fragmento acima e os debates realizados acerca do tema na sala de aula,
construa um texto respondendo as perguntas apontadas no corpo da reportagem. (2 pontos)
_____________________________________________________________________________________________
_____________________________________________________________________________________________
_____________________________________________________________________________________________
_____________________________________________________________________________________________
_____________________________________________________________________________________________
_____________________________________________________________________________________________

Endocrinologista atribui obesidade ao consumo de alimentos ultraprocessados


5 JUN 2019 11h23

A obesidade é apontada como um dos maiores problemas de saúde pública no mundo, de acordo
com a Organização Mundial da Saúde (OMS). Em 2015, a projeção é que cerca de 2,3 bilhões de adultos
estejam com sobrepeso e mais de 700 milhões, obesos. No Brasil, segundo a Associação Brasileira para
o Estudo da Obesidade e Síndrome Metabólica (ABESO), levantamentos apontam que mais de 50% da
população está na faixa de sobrepeso e obesidade. Entre crianças, a porcentagem gira em torno de 15%.
O professor de disciplinas do curso de pós-graduação em Endocrinologia e Metabologia da
POSFG, Dr. Nelson Vinicius Gonfinetti, avalia que o processamento dos alimentos tem piorado a
qualidade nutricional da dieta contemporânea. "Esses alimentos passam por transformações que
modificam significativamente o teor nutricional, incorporando sal, gordura e açúcar e tornando esses
alimentos mais palatáveis, porém pobres em nutrientes", enfatiza o especialista.
A Faculdade de Saúde Pública da USP divulgou um estudo, em 2015, que avaliou o hábito de
alimentação dos brasileiros. O resultado é que o consumo médio é de 1.866 calorias por pessoa, sendo
69,5% proveniente de alimentos in natura ou minimamente processados, 9,0% de alimentos processados
e 21,5% de alimentos ultraprocessados. Para Gonfinetti, "a limitação na ingestão de alimentos
ultraprocessados é uma estratégia efetiva na prevenção e tratamento da obesidade".
Fragmento retirado de https://www.terra.com.br/noticias/dino/endocrinologista-atribui-obesidade-ao-consumo-de-alimentos-
ultraprocessados,39afbc5bdf568dfcb19009580e397337er4edu6a.html Acesso em 09. Jun. 2019.

Questão 03
O trecho da reportagem acima aponta para um problema grave na busca por saúde e qualidade de vida,
os problemas com a balança. O estudo acima aponta para um fator importante na questão da obesidade que é a
utilização em maior escala de alimentos ultraprocessados na dieta. Sobre o problema da síndrome metabólica, que
envolve a obesidade e outras doenças associadas, comente como a tecnologia se relaciona com o aumento dos
quadros dessa doença. (1,5 pontos)
_____________________________________________________________________________________________
_____________________________________________________________________________________________
_____________________________________________________________________________________________
_____________________________________________________________________________________________
_____________________________________________________________________________________________
_____________________________________________________________________________________________
_____________________________________________________________________________________________