Você está na página 1de 2

Antes de dar início à análise, e consequentemente trazer uma resolução ao

problema, traremos aqui o método utilizado:

 Metodologia para resolução de problemas:


1) Determinar o problema;
2) Desenvolver alternativas de solução;
3) Analisar as alternativas;
4) Eleger a melhor alternativa;
5) Executar a melhor alternativa;

 Metodologia 5W/2H:
1) What: “O que” (meta, objetivo);
2) Why: “Por que” (razão, justificativa);
3) Who: “Quem” (fará, responsável, público alvo);
4) When: “Quando” (cronograma e cronologia). Pode ter situações
síncronas e assíncronas;
5) Where: “Onde” (local, departamento, planta industrial, nicho de
mercado).

1) How: “Como” (método, tecnologia, modo);


2) How much: “Qual o custo”.

A primeira coisa a se fazer é a determinação do problema, portanto ao


deliberarmos quanto a isso entendemos que o problema nesse caso específico é uma falha
principalmente na gestão do negócio, falha essa que se divide em outros muitos pequenos
problemas que necessitam de resolução e que também devem ser resolvidos.

Com isso em mente pudemos seguir aos três próximos passos, desenvolvimento
de alternativas para solução do problema, análise de alternativas e eleição da melhor
alternativa. Depois de muita discussão pudemos escalar algumas alternativas a serem
resolvidas e executadas na metodologia 5W2H (demonstrada acima). Tendo isso em
mente prossigamos com o estudo.

Antes de qualquer outra coisa seria necessário o pagamento de todos os encargos


fiscais e sociais, pois pelas informações disponíveis podem ser pagos com o faturamento
líquido de um mês.

Além disso a estipulação de um salário fixo para os donos aumentaria a renda total
líquida da empresa, ajudando na troca dos materiais obsoletos encontrados no estoque.
Outra coisa seria uma maior delegação de responsabilidade dentro da empresa,
afinal uma centralização total acaba por não ser a escolha mais eficiente, pois se uma
única pessoa precisa cuidar de tudo ela acaba deixando algo passar. Essa delegação de
poderes pode ser feita apenas pelos donos da empresa de preferência o mais rápido
possível para melhores resultados. Isso deve ser feito pelo remanejamento do pessoal que
funcionaria da seguinte maneira: A funcionária mais qualificada para o cargo gerencial
seria aquela com curso superior em Administração, pois assim poderia aplicar o
conhecimento adquirido em seus anos de estudo, fazendo assim o remanejamento das
demais funcionárias pelas suas aptidões, aumentando assim a eficácia e eficiência de
trabalho na empresa. Essa redistribuição também auxiliaria no o problema com o estoque
obsoleto pois a funcionária com maiores capacidades de negociação poderia fazer as
compras junto à esposa do dono e a funcionária com curso técnico em informática que
poderiam trabalhar como consultoras de informática na empresa.

A longo prazo, após a estabilização do caixa da empresa, o pagamento de vale


transporte e uma mudança no leiaute da loja poderia trazer uma motivação para as
funcionárias. O investimento em pesquisa de novas tecnologias também pode trazer
grandes lucros para a empresa. Junto a essas coisas o desenvolvimento de uma loja virtual
e da contratação de mais pessoal também aumentaria o lucro.