Você está na página 1de 8

Gerador de Sinal de RF

Este gerador de sinal é destinado ao realinhamento de receptores de rádio. A


unidade é barata e razoavelmente básica, mas perfeitamente adequada para o
propósito a que se destina. No entanto, a saída não é uma onda senoidal pura,
portanto, a unidade pode não ser adequada para trabalhos de desenvolvimento
eletrônico mais precisos.

Esta foto foi gentilmente cedida por Richard Hanes. Richard adicionou uma banda
de frequência extra (até 30MHz) conforme detalhado no final deste artigo.

A unidade cobre uma faixa de freqüência de 150KHz a 12MHz em cinco intervalos


(mostrados abaixo). Portanto, é adequado para o alinhamento de seções RF e IF de
conjuntos AM (MW e LW), bem como das seções IF de circuitos FM (VHF). Também
pode ser usado para o alinhamento de RF de circuitos SW de 25 a 49 metros.

Valor do
Alcance Freqüência
Indutor
UMA 150 kHz - 500 kHz 2,2 m
B 350 kHz - 1 MHz 470uH
C 750 kHz - 2,25 MHz 100uH
D 1,6 MHz - 5 MHz 22uH
E 3,5 MHz - 12MHz 4,7 uH

A saída pode ser modulada em amplitude por um tom de áudio interno de 800Hz
(aprox. 30% de modulação) ou por um sinal externo. O nível de saída é ajustável
em dois intervalos até um máximo de cerca de 4 V pk-pk. A unidade é alimentada
pela rede.

Descrição do Circuito

1
Se os diagramas nesta página não estiverem claros o suficiente, você poderá fazer
o download de cópias com resolução mais alta. Veja o pé desta página para
detalhes.

TR1 é um FET de alto ganho (transistor de efeito de campo) e é configurado como


um oscilador de estilo Colpitts. A frequência de oscilação é definida pelo capacitor
variável (C1 + C2) e os cinco pares de indutores comutados. Existe sobreposição
significativa entre os intervalos, devido à gama limitada de indutores prontamente
disponíveis. No entanto, mesmo usando especialmente os indutores, quatro bandas
de frequência teriam sido necessárias para cobrir o intervalo.

A saída de RF é armazenada em buffer pelo TR2, que é configurado como um


seguidor de emissor. O sinal de saída é desenvolvido através de R6 e passa para os
soquetes de saída via circuitos de atenuação variáveis e comutados.

O sinal é modulado em amplitude, variando a tensão de alimentação ao circuito


oscilador. Isso é realizado pelo TR3, que é um seguidor de emissor. C10 separa a
alimentação em RF.

Deve notar-se que este método de modulação causa uma pequena quantidade de
modulação de frequência indesejada, bem como a modulação de amplitude
desejada. Se a unidade estivesse sendo usada para ouvir música em um rádio, isso
poderia causar um ligeiro estridente no som. No entanto, o arranjo tem a vantagem
de não distorcer a forma de onda de RF, o que é importante para o
alinhamento. Também é mais simples de implementar e fornece resultados
consistentes - requisitos importantes para esse tipo de projeto. Como em qualquer
projeto, há sempre maneiras melhores de fazer as coisas, mas isso resultaria em
um design mais caro, mais difícil de ser construído, e não ofereceria vantagens
significativas na prática.

2
O SW2 seleciona o sinal de modulação interno ou externo. Se nenhuma modulação
é necessária, o interruptor é ajustado para a posição externa sem nenhum sinal
aplicado ao SK3. Para dar uma modulação razoável, o sinal externo deve ser de
cerca de 1.5V RMS (4V pk-pk). Se um sinal de música for usado, a largura de
banda não deve se estender acima de 8KHz, devido aos limites da transmissão
AM. C10 irá remover as frequências mais altas em alguma extensão. O sinal de
modulação selecionado é armazenado em buffer por TR4 e disponibilizado no
SK4. Isso é útil para acionar um osciloscópio.

O TR5 é configurado em um circuito oscilador RC. A frequência é definida por C15,


C16, C17, R19, R20 e R21 para cerca de 800Hz. Se você deseja alterar a
freqüência, observe que alterar o valor de R19 afetará a polarização do
transistor. Quaisquer variações devem ser realizadas alterando os valores dos
capacitores em vez dos resistores. R14 e C13 atuam como um filtro para remover
qualquer distorção na saída.

O circuito é alimentado por uma fonte regulada de 15V e consome cerca de


30mA. O IC1 é um regulador padrão de três pinos de 100 mA, alimentado pela
fonte retificada de onda completa de um pequeno transformador de rede.

Atualizar
John Shepherd construiu este projeto e fez os seguintes comentários:

Eu tive que reduzir o valor de R18 para 180K para que ele oscilasse de maneira
confiável.

Também é o valor de C13 em 22nF - parece um pouco alto e atenua muito o sinal
na minha versão.

O oscilador de áudio é bastante particular sobre os tipos de capacitores usados para


C15, 16 e 17. Eu usei discos de cerâmica - e com estes 220K para R18 estava
bem. Talvez o resistor precise ser ajustado para se adequar ao transistor usado?

22nF é o valor que usei para C13 - destina-se a melhorar a forma de onda e irá
atenuar um pouco o sinal.

Alguém mais teve os mesmos problemas que o John?

Construção
O protótipo foi construído em uma placa de matriz simples. Stripboard não é
adequado devido à capacitância entre faixas adjacentes. Uma PCB pode ser
projetada, mas isso deve seguir o mesmo layout geral da placa da matriz.

3
No diagrama, os componentes e fios na face superior da placa são mostrados em
preto, enquanto as conexões na parte inferior são cinza. Grande parte da fiação da
placa de circuito pode ser executada usando os fios de saída do componente, com
pedaços de fio de cobre estanhado adicionados onde eles não são longos o
suficiente.

Observe que há um erro no diagrama acima. TR2 deve ser mostrado como um
pacote em forma de D, o mesmo que os outros (com a face plana voltada para
TR1).

John Shepherd projetou um PCB para este projeto. Os arquivos estão disponíveis
para download neste site, o link está na parte inferior desta página. Doug Baird
acrescentou:

No PCB, parece haver um pad faltando para o pote que está na frente do
tabuleiro. Eu estou incluindo um PCB que eu fiz. Desculpe por tomar a audácia de
usar o arquivo, modifique-o, mas estou enviando-o como anexo de gif. Use-o se
quiser.

O arquivo PCB de Doug também está disponível abaixo.

A unidade deve ser construída em um gabinete de metal adequado para fornecer


uma triagem adequada. Isso deve ser aterrado através do fio terra da rede de três
núcleos.

C1 + C2 é um capacitor variável espaçado a ar tipo Jackson. Este é o componente


mais caro da unidade, custando cerca de 15 libras. No entanto, entusiastas de rádio
de válvula devem ser capazes de salvar algo adequado de um conjunto de sucata.

Você pode organizar um ponteiro e uma escala adequados, caso pretenda calibrar a
unidade. Um acionador de redução de esfera adequado e ponteiro (também
fabricado por Jackson) estão disponíveis na Maplin e outros fornecedores. Como

4
alternativa, você pode usar a escala e o arranjo de ponteiros de um conjunto de
recortes.

Os indutores são montados na parte traseira da chave rotativa, conforme


mostrado. Isso deve ser posicionado próximo ao capacitor variável para manter os
comprimentos de fio no mínimo. Além disso, a placa de circuito deve ser
posicionada para fornecer um comprimento mínimo do fio ao capacitor e ao
interruptor variáveis.

Obrigado a Gary Tempest por estes comentários:

Construiu o sig gen. Você pode indicar a outros que o posicionamento da bobina é
crítico. Eu usei um interruptor sub-miniatura e tudo muito apertado e curto. NÃO É
BOM. As bobinas, mesmo as que não estão em uso, acoplam-se àquelas que são e
"puxam", dando efeitos estranhos. Além disso, se as duas bobinas para a faixa de
freqüência mais alta forem colocadas lado a lado, você terá apenas cerca de 10
MHz no máximo. Afaste-os em 10 mm e você terá até 12 MHz. Como o
posicionamento afeta a calibração, antes de concluir isso, fixei as bobinas e a fiação
'front end' (tampa de afinação, etc.) com um selador de silicone transparente.

Richard Hanes concorda:

Eu apoiaria os comentários de Gary. As bobinas precisam ser dispostas radialmente


a partir de um interruptor de tamanho padrão ou há todo tipo de interação. Seu
diagrama, embora presumivelmente destinado a ser pictórico, está próximo do
físico ideal!

O transformador deve ser montado na parte traseira do gabinete, bem longe dos
componentes de sintonização de RF. Se um transformador com pontas voadores for
usado, elas podem ser unidas à rede elétrica com um conector de bloco choc.

Pode valer a pena incluir o indicador de nível de saída de áudio (mostrado em outro
lugar neste site) no mesmo caso. As duas unidades geralmente seriam usadas
juntas, então essa poderia ser uma combinação útil.

Calibração Precisa
Para calibração precisa, é necessário um calibrador de frequência ou um
osciloscópio preciso. A unidade pode ser configurada para várias frequências e
estas devem ser marcadas na escala. Marque a escala a cada 5 KHz entre 400 e
500 KHz, se possível, para que a frequência AM IF (tipicamente 455 KHz, 465 KHz
ou 470 KHz) possa ser definida com precisão. Além disso, faça com que cada 0,1
MHz entre 10,4 MHz e 11 MHz, para permitir que o FM IF de 10,7 MHz seja
ajustado com precisão.

Alternativamente, um receptor de Onda Curta de boa qualidade com leitura digital


pode ser usado. Com a modulação interna ligada, conecte a unidade à conexão da
antena do receptor. Ajuste o receptor para a frequência desejada e ajuste a
frequência do gerador de sinal até que o tom seja ouvido.

5
Calibração Alternativa
Se nenhum desses itens estiver disponível, você poderá ajustar parte do intervalo
com um rádio de transmissão normal, conforme descrito acima. Se você tiver um
receptor Hi-Fi de boa qualidade com uma leitura digital, isso seria melhor, caso
contrário, use um conjunto em que a calibração seja conhecida como boa.

Se o receptor não tiver uma conexão de antena externa, conecte uma bobina de
algumas voltas de fio com cerca de 6 "(150 mm) de diâmetro à saída do gerador de
sinal e posicione-a perto do receptor.

Você deve ser capaz de captar o terceiro harmônico das freqüências entre as
bandas MW e LW, na posição apropriada na banda MW. Assim, você deve ser capaz
de sintonizar o terceiro harmônico de 400KHz a 1200KHz.

Entre 450 KHz e 480 KHz, você pode atingir a freqüência de FI do rádio. Isso
geralmente é bastante óbvio, já que o controle de sintonia do rádio terá pouco
efeito. Também é possível para a unidade bater com o oscilador local do rádio, por
isso não fique muito preocupado se os resultados não parecem fazer sentido. Se
isso não funcionar corretamente, tente usar um rádio diferente.

Você não poderá calibrar freqüências acima do topo da banda MW (cerca de


1600KHz) por este método. No entanto, para a maioria dos trabalhos de
alinhamento de rádio, isso não será um problema.

Para o alinhamento de conjuntos de VHF você precisará saber a posição do IF


(10.7MHz). Ligue a unidade à antena de um rádio FM, desligue a modulação e
defina o nível de saída para o máximo. Sintonize o aparelho em uma estação mais
fraca em FM e, em seguida, ajuste a freqüência do gerador de sinais ao redor da
banda superior. Quando o IF do conjunto (invariavelmente 10.7MHz) é encontrado,
a recepção deve ficar muito lenta ou desaparecer completamente. Isso funciona
melhor com alguns rádios do que outros - e geralmente é mais eficaz em
conjuntos de transistores baratos.

Lista de peças
Resistores (todos 5%
Capacitores
0.25W ou melhor)
R1 1K2 C1 + C2 Variável 365pF + 365pF
R2 47 mil C3,6,7,9,11,12100nF
R3,10,12 22 mil C4,5 100pF
R4 10K C8 100nF 160V
R5 2K2 C10 2,2nF
R6,13,17 470R C13 22nF
R7 150R C14 1uF
R8 1K0 C15,16,17 4,7 nF
R9 68R C18 100uF
R11,14 15 mil C19 100nF
R15 100R C20 1000uF
R16 4K7
R18 220 mil Diversos

6
Alternar SPDT ou Interruptor
R19,20,21 27K SW1,2
Deslizante
Interruptor rotativo de 2 pólos de 6
VR1 1K0 Lin Pot SW3 + SW4
pólos (1 desligado)
X1 Transformador 15-0-15V 100mA
Indutores SK1,2,3,4,5 Soquete de 4mm ou poste de ligação
L1,2 2,2 m Caixa metálica
L3,4 470uH Placa de matriz simples
L5,6 100uH Fio de cobre estanhado
L7,8 22uH Maçanetas
L9,10 4,7 uH Materiais para ponteiro
Mains flex
Semicondutores Plugue 13A com fusível de 3A
D1,2 1N4002 Conector Choc-Block
TR1 BF244A
TR2,3,4,5 BC548C
IC1 78L15

Cópias de alta resolução do circuito e diagramas de layout (nos formatos .GIF,


CorelDRAW 7 e ISIS Lite ) estão disponíveis para download em um arquivo ZIP. O
tamanho do arquivo é 267K. Para baixar uma cópia Clique aqui .

Os arquivos de ilustrações de um PCB para este projeto, criados por John Shepherd
(nos formatos .GIF e Ares Lite ), estão disponíveis para download em um arquivo
ZIP. O tamanho do arquivo é 25K. Para baixar uma cópia Clique aqui .

Uma versão do layout do PCB por Doug Baird, que inclui um pad aparentemente
ausente no anterior, está disponível como um arquivo GIF. Para visualizar e salvar
uma cópia Clique aqui .

Note que o ISIS Lite e o ARES Lite são produtos shareware ilimitados. As versões
não registradas não expiram, mas não lhe interessam registrar. O registro é de
cerca de £ 30 para os dois produtos juntos, o que acrescenta recursos extras e
elimina o incômodo. Eles estão disponíveis em http://www.proteuslite.com .

Variações
Richard Hanes construiu uma versão com uma faixa adicional cobrindo 10-30MHz:

O capacitor variável que eu tinha que entregar era apenas 275 + 275pF, então eu
usei o dobro de seus valores para os ranges mais baixos e adicionei 1u0H para o
range superior. (Eu também usei o BF256A para o FET - meu palpite é que faz
pouca diferença, mas eu não tenho um BF244 para tentar). Os valores e
frequências abrangidos são os seguintes:

4m7H 140 - 350 KHz


1m0H 300 - 800 KHz
220uH 0,65 - 1,8 MHz
47uH 1,5 - 4,6 MHz
10uH 3,0 - 10,5 MHz
1u0h 10 - 34 MHz

7
Descobri que um resistor de porta de 470K (R2) dava níveis mais consistentes
entre as faixas (possivelmente associado à maior impedância dos meus
componentes sintonizados).

Eu apoiaria os comentários de Gary (reproduzidos no site). As bobinas precisam ser


dispostas radialmente a partir de um interruptor de tamanho padrão ou há todo
tipo de interação. Seu diagrama, embora presumivelmente destinado a ser
pictórico, está próximo do físico ideal! Para chegar a 30 + MHz, as derivações
devem ser mantidas curtas e grossas, como é comum nessas freqüências. Eu
encontrei 18swg cobre estanhado apoiou os componentes bem e funcionou bem.

A unidade é construída em uma caixa padrão de cerca de 7 "x 5" x 2 "com plug-top
psu externo (o último sendo um oddball fornecendo 19VAC a 100mA).

Eu fiz alguns pequenos ajustes no departamento de atenuador para me dar os


intervalos mostrados e para "pico" a resposta na extremidade superior (como o
nível de outra forma cair vários dBs em 30MHz). Não é um gerador de precisão,
mas é excelente para o propósito pretendido e considerando o custo !!!

O adaptador de fonte de alimentação "excêntrico" que Richard usou provavelmente


pertencia originalmente a um modem. Muitos modems Hayes, dos dias em que 28k
eram rápidos, vinham com adaptadores AC produzindo em torno dessa
voltagem. Os adaptadores ainda são úteis, mas os modems não são!