Você está na página 1de 7

APANHADÃO EDUCAÇÃO INCLUSIVA

1- Em relação à disortografia, é correto afirmar:


A) Manifesta-se pela dificuldade no domínio das regras ortográficas.
2- Os suportes pedagógicos especializados oferecidos aos alunos com necessidades educacionais especiais que estejam matriculados nas
escolas regulares podem ser:
D) Atendimento domiciliar, Sala de recursos, professor itinerante e atendimento hospitalar.
3- Pesquisas tem demonstrado que pessoas com deficiência intelectual podem aprender e se desenvolver, desde que respeitadas as suas
necessidades e limitações. Em relação à pessoa com deficiência intelectual, a aprendizagem deve ser buscada quando se trabalha:
A) inicialmente com atividades práticas.
4- O desenho apresentado abaixo ilustra um dos problemas de aprendizagem que está muito presente no contexto escolar: a dislexia... Leia
com atenção e assinale a alternativa CORRETA:
C) I e II estão corretas

Dislexia:
Dislexia é um distúrbio de aprendizagem na área da linguagem escrita, especialmente em relação a leitura e a escrita. Não há consenso em relação
à causa. As dificuldades mais usuais da dislexia são relacionadas a: leitura, escrita, memorização, relação entre som e letra, pronúncia.
5- A gagueira ou tartamudez é uma das principais formas de disfluência cujo início mais frequente ocorre por volta dos 3 aos 4 anos, mas
tbm pode ocorrer aos 7 anos ou na puberdade. Como quase todos os distúrbios da linguagem, ela atinge mais o sexo masculino. Em
relação a esse distúrbio, podemos afirmar que:
A) I, II e a III estão corretas
6- A Declaração de Salamanca sobre Princípios, Políticas e Práticas em Educação Especial regulamenta o direito das pessoas com
necessidades educacionais especiais terem acesso escola regular de ensino. Esse documento afirma que:
O princípio fundamental dessa Linha de Ação é a de que as escolas devem acolher todas as crianças independente de suas condições
físicas, intelectuais, sociais, emocionais, linguísticas e outras.
E) I e II estão corretas
7- As pessoas com deficiência, por conta da sua condição biopsicossocial, necessitam de organização, recursos e estratégias diferenciadas
que atendam às suas necessidades no ambiente escolar... Essa afirmação refere-se aos preceitos de qual momento histórico da Educação
Especial:
A) Inclusão
8 - Em relação a Fobia Escolar, é corretor afirmar:
E) Incapacidade total ou parcial de frequentar a escola.
9- Em relação à Síndrome de Down, é correto afirmar:
Tal condição leva o sujeito a deficiência mental moderada ou leve...
D) II e III estão corretas
10- Um dos suportes pedagógicos especializados oferecidos aos alunos com necessidades educacionais especiais que estejam matriculados
nas escolas regulares é a sala de recursos. Como deve ser a sua organização:
A) O aluno frequenta essa sala no contraturno em relação ao período em que está matriculado na escola regular. Podem existir salas em todas as
áreas, podendo ser para deficientes físicos, visuais, auditivos ou intelectuais. Os professores devem ser habilitados ou pós-graduados na área de
Educação Especial.
11- Em relação à dislalia, é correto afirmar:
B) Consiste na má pronúncia das palavras, por omissão, substituição, distorção ou acréscimo de sons.
12- A Resolução CNE/CEB nº 2/2001, em seu artigo 5º considera que educandos com necessidades educacionais especiais são os que,
durante o processo educacional apresentem:
E)
13- A Resolução CNE/CEB nº 4, de 2 de outubro de 2009, estabelece as diretrizes operacionais para o Atendimento Educacional
Especializado na educação Básica, modalidade Educação Especial. Quem são os atendidos pela AEE:
E) Pessoas com deficiências, com transtornos globais do desenvolvimento e com superdotação.
14- O trabalho com as Redes de Apoio foi uma conquista na área de Educação Especial, uma vez que não havia até então a possibilidade
de interlocução entre os profissionais de diversas áreas. Em relação às Redes de Apoio, é corretor afirmar:
C) I e III estão corretas
15- Uma escola de Ensino Regular, na tentativa de se adequar aos preceitos de uma Educação Inclusiva, tomou a seguinte iniciativa:
realizar uma adequação arquitetônica, alargando portas e adaptando banheiros. Essa iniciativa permite o atendimento da diversidade:
B) Não, porque atender a diversidade requer na apenas uma organização arquitetônica mas uma estruturação curricular, de formação de
profissionais, dentre outras.
16- O processo de inclusão requer uma organização que atenda as necessidades de todas as pessoas com necessidades especiais. Para isso é
necessário uma organização estrutural, arquitetônica e de capacitação profissional. Nesse sentido, é correto afirmar que a perspectiva de
uma sociedade inclusiva deve:
C) Atender a todos os grupos marginalizados socialmente: índios, negros, quilombolas, mulheres, homossexuais, dentre outros.
17- Uma das formas de compreender o mundo que nos cerca é por meio da apreciação de imagens, expressões culturais ou artísticas. ...
Quais dessas afirmativas a seguir expressam tipos de adaptações que considerem as necessidades e limitações das pessoas com deficiência
visual ou baixa visão:
D) I, II, IV e V estão corretas
18- No que se refere as Redes de Apoio, é correto afirmar?
D) Trabalho em conjunto entre profissionais da saúde e da educação.
19- Em relação a discalculia, é corretor afirmar:
C) A pessoa com discalculia comete erros diversos na solução de problemas verbais, nas habilidades de contagem, nas habilidades computacionais
e na compreensão dos números.
20- No contexto escolar o psicólogo pode contribuir intervindo mediante ações com os professores e com a equipe de gestão. Dentre elas,
podemos citar:
A) Ouvir e acolher o professor em suas dúvidas e angústias em relação ao trabalho.
21- Observe a descrição de um dos paradigmas da Educação Especial.
A pessoa com deficiência deve primeiramente ser atendida em serviços que lhe darão condições para, a partir do momento que tiver um nível
de desenvolvimento aceitável para o convívio social, ser inserida na sociedade.
Essa passagem demonstra qual momento da Educação Especial:
B) Integração
22- A Nova Lei de Diretrizes e Bases (LDB nº 9394/96) também assegura direitos às pessoas com necessidades especiais. Sinalize quais
direitos essa determinação legal assegura: I – reafirma o atendimento...
E) As afirmativas I, II e III estão corretas.
23- Um aluno com necessidade educacional especial, matriculado em uma escola regular, tem o direito de frequentar o suporte de
atendimento educacional especializado que será:
E) Desenvolvido por especialista ou habilitado na área de Educação Especial.
24- Pesquisas assistemáticas tem demonstrado que os profissionais da educação, da saúde e da assistência social insistem na emissão de
laudos clínicos que atestem a condição de deficiência para posteriormente organizar e assegurar os serviços necessários ao atendimento
das necessidades daqueles com necessidades especiais. Em relação aos laudos clínicos, é correto afirmar que:
A) A identificação do tipo de deficiência é importante, mas não fundamental para a intervenção pedagógica, psicológica e social, já que as ações
para a melhora no desenvolvimento global do sujeito partem da avaliação criteriosa de cada uma das áreas mencionadas.
25- O diagnóstico de deficiência auditiva permite verificar a localização da deficiência auditiva. Em relação à localização, essa pode estar:
B) Surdez de condução, neurossensorial ou mista.
26- Para o psicólogo que atua na perspectiva de uma Educação Inclusiva, não é possível verificarmos apenas as dificuldades de
escolarização que se apresentam, é necessário analisarmos os contextos em que tais situações ocorrem. Nesse sentido, em relação ao
trabalho do psicólogo, é correto afirmar que:
D) Deve-se avaliar o contexto familiar e educacional.
27- Complete essa frase que aborda uma reflexão sobre os rumos da pedagogia hospitalar: “A Pedagogia Hospitalar é uma necessidade,
mas, na realidade...”:
A) É ainda difícil perceber e identificar o surgimento desses novos espaços educativos.
28- Trabalhar em uma perspectiva de uma sociedade inclusiva requer algumas ações dos Assistentes Sociais. Quais seriam essas ações:
E) II, IV e V estão corretas
29- No que diz respeito a Psicologia, podemos apontar como intervenções possíveis:
A) Todas as alternativas estão corretas
30- A Lei nº 10.098, de 19 de dezembro de 2000, estabelece normas gerais e critérios básicos para promoção e acessibilidade das pessoas
com deficiência ou com mobilidade reduzida, e dá outras providências. Indique quais são os preceitos estabelecidos nessa legislação:
A) Todas estão corretas.
31- Durante a fase pré-escolar, a maioria das crianças apresenta dificuldade em articular de sons. Após esse período, não é mais esperado,
acarretando então problemas de articulação. As formas de manifestação desse distúrbio é chamado de dislalia, que se caracteriza por:
D) III e IV estão corretas
32- A indisciplina cresce constantemente (...)
Todas as alternativas estão corretas.
33- Leia atentamente: Reinaldo é um menino de 9 anos (...) mistura letra de forma com letra cursiva...
Disgrafia
34- Dificuldade de aprendizagem é um termo genérico que abrange um grupo heterogêneo de problemas capazes de alterar as
possibilidades de a criança aprender. Dentro desse contexto, leia as seguintes afirmações:
E) II e III estão corretas
35- Leia o artigo a seguir: Ensine os alunos a falar bem cedo.
III – o intercâmbio para essa aquisição, entre criança e adulto, não se restringe a um recebimento passivo, nesse caso é mútua.
E) somente a III está correta
36- Em relação à gagueira, é correto afirmar:
E)Esse é um distúrbio do ritmo normal da fala que envolve bloqueios, hesitações, prolongamentos e repetições de sons, sílabas ou frases.
37- Em relação à rinolalia, é correto afirmar que:
E)Consiste na ressonância nasal maior ou menor do que a normal no ato de falar. Pode ser causada por problemas nas vias nasais, na adenoide, por
lábio leporino ou fissura palatina. Comumente, o sujeito é chamado de “fanho”.
38- Considere a seguinte afirmação para responder a esta questão:
“As pessoas com deficiência, por conta de sua condição biopsicossocial, necessitam de organização, recursos e estratégias diferenciadas
que atendam às suas necessidades no ambiente escolar. ... Essa afirmação refere-se aos preceitos de qual momento histórico da Educação
Especial?
A)Inclusão.
39- Hoje há um movimento que marca o momento vivido pela Educação Especial. Assinale a alternativa que indica que momento é esse e
quais usas suas características.
E) Inclusão, marcada pela aceitação da pessoa com deficiência no meio social.

QUESTÕES DISCURSIVAS
1- Na história da Educação Especial brasileira passamos por três paradigmas distintos. O Paradigma da Institucionalização, o Paradigma
de Serviços e o Paradigma de Suportes. Cada um desses paradigmas veio acompanhado por medidas legais e por uma visão da deficiência,
marcada e evidenciada pela percepção que a sociedade teve dela e os serviços a ela oferecidos. Elabore um texto dissertativo elencando as
medidas praticadas no movimento de Institucionalização.
Foi ligada à caridade e à filantropia; esse tipo de atendimento oferecido às pessoas com deficiências privou​-​as do convívio social com seus pares,
não permitindo que usufruíssem de instrumentos que lhes possibilitassem uma vida econômica ativa; caracterizou​-​se, pela retirada das pessoas
com deficiência do convívio social e comunitário, inserindo​-​as em instituições residenciais segregadas ou escolas especiais situadas em
localidades distantes do lugar em que moravam as suas famílias. Foi marcado pela criação do Imperial Instituto de Meninos Cegos e pela
instalação do Instituto dos Surdos-Mudos.
2- O paradigma da Institucionalização foi muito criticado a partir das décadas de 1960 e 1970 e, por
conta disso, um novo paradigma começa a desenhar-se na História da Educação Especial Brasileira, denominado de Serviços. Comente
como esse tipo de serviço foi desenvolvido.
A pessoa com deficiência deve, no que for possível, ser integrada ao sistema de ensino regular, e, se porventura não tiver condições de frequentar a
sala regular, lhe será oferecida uma educação nas salas especiais ou nas instituições, assim como serviços da área da saúde, em caráter
extraordinário, para que esse aluno possa ser preparado para frequentar a classe comum.
3- O paradigma de Serviços é fortemente criticado e, por causa disso, surge um novo movimento na área da Educação Especial, a Inclusão
respaldada pelo Paradigma de Suportes. Elabore um texto dissertativo para descrever como a sociedade deve organizar-se para adotar
iniciativas pautadas em uma perspectiva inclusiva.
A Declaração de Salamanca aponta que para a implantação de uma educação inclusiva, é fundamental que haja a colaboração de uma equipe
multidisciplinar composta por psicólogos, terapeutas de fala e terapeutas ocupacionais.
4- A escolarização de alunos com deficiência na rede regular de ensino é um fato e o ensino Colaborativo apresenta-se como uma sugestão
de modelo de atuação muito próspero, que pode contribuir com o processo de escolarização de alunos com deficiência e com a formação
dos professores desses alunos, uma vez que utiliza os diversos saberes em um trabalho de rede. Mendes (2006) diferencia dois modelos de
ensino em colaboração, a Consultoria Colaborativa e o Ensino Colaborativo. Disserte sobre um deles.
Consultoria Colaborativa​: é um trabalho multidisciplinar composto por psicólogos, fonoaudiólogos, assistentes sociais, fisioterapeutas e
terapeutas ocupacionais que usam seus serviços para a melhoria do ensino na escola. É muito importante para o aluno, a comunidade escolar e a
família.
Ensino Colaborativo​: é quando duas professoras trabalham juntas, a professora de ensino regular e a professora especialista.
5- Alguns deficientes físicos, por conta de sua condição biológica, apresentam dificuldades na comunicação. Para eles, podemos utilizar a
comunicação alternativa ou a comunicação aumentativa. Qual a diferença entre elas?
Comunicação alternativa​: há a substituição da fala por outro tipo de comunicação, uma vez que a pessoa sente muitas dificuldades com a
oralização; utilizam-se pranchas ou cartões de comunicação.
Comunicação aumentativa​: usa-se um meio de comunicação para compensar as falhas da fala, contudo o sujeito não deixa de utilizar a
linguagem oral.
6- A partir das décadas de 1960 e 1970 há um movimento de retirar as pessoas com deficiências das instituições, já que a possibilidade de
terem um convívio social com seus pares tornava-se restrito. Estamos nos referindo ao modelo de Integração. Disserte sobre esse momento
da Educação Especial, também chamado de Paradigma de Serviços.
Trata-se de um processo que visa a integrar o aluno à escola, gerando meios para que o aluno com necessidades especiais se integre graças ao
atendimento que lhe é oferecido; nesse modelo, ao invés de a escola ter que se adequar ao aluno, o aluno é que deve se adequar-se à escola. A
integração educativo-escolar refere-se ao processo de educar-ensinar, no mesmo grupo, crianças com e sem necessidades especiais durante uma
parte ou na totalidade do tempo de permanência na escola.

O ​mutismo ​seletivo é um transtorno que acomete crianças de todas as idades, caracteriza-se por uma incapacidade da criança em falar em alguns
locais (escola, festas, rua), em algumas situações e com algumas pessoas, inclusive da própria família. Essas crianças compreendem a linguagem e
são capazes de falar com toda normalidade em lugares onde se sentem seguros e confortáveis, como exemplo, em casa e com pessoas de seu
círculo mais íntimo, tais como, pais e irmãos. O fato de não falar em determinadas situações não significa que estão querendo chamar atenção ou
controlar o ambiente, mas sim em demonstrar o grau de ansiedade e vergonha que sofrem, e essas emoções as inibe de falar e expressar seu
comportamento não-verbal. Normalmente, elas apresentam dificuldade em olhar nos olhos, dificuldade em sorrir, de se expressar em público, de ir
ao banheiro, em comer na escola. A percepção dessas crianças é que estão sendo observadas constantemente, por isso, seus movimentos ficam
paralisados como estátua cada vez que elas se sentem avaliadas.
NEGATIVISMO ​– Caracteriza-se, como distúrbio, por uma resistência exagerada da criança frente às imposições que o adulto lhe faz e essa
resistência muitas vezes se manifesta sob forma de desobediência, acompanhada de agressividade. De início, manifesta-se pela recusa em cumprir
ordens ou pedidos, fingindo não ouví-los, mostra-se vagarosa,em excesso para comer, tomar banho e, à medida em que cresce, apresenta um
vocabulário onde “não” é a primeira forma de reação.
AGITAÇÃO, INQUIETUDE, INATABILIDADE ​–As causas dessas condutas variam de uma situação para outra, e não se configuram
distúrbios senão quando acompanhadas de agressividade provocando descontentamento pessoal e relacional. São reações típicas em certas
situações de vida, como diante de um mau ambiente familiar, pais que brigam em frente das crianças, doenças mentais, lesões cerebrais… No
entanto, são normais em certos períodos de vida – crises passageiras como as dos três anos e a da puberdade.

7- A inclusão escolar é prevista pela Lei de Diretrizes e Bases e pela Constituição Federal. Esse foi um fato histórico, conquistado após
muitos anos de questionamentos sobre o tema. Destaque os 3 aspectos principais da LDB.
Educandos com necessidades especiais são aqueles que possuem necessidades incomuns e, portanto, diferentes das dos outros no que diz respeito
às aprendizagens curriculares compatíveis com suas idades. Em razão dessa particularidade, esses alunos precisam de recursos pedagógicos e
metodológicos próprios.
• Entende​-​
se por educação especial, para os efeitos dessa lei, a modalidade de educação escolar, oferecida preferencialmente na rede regular de
ensino, para educandos com necessidades especiais.
• Professores com especialização adequada, em nível médio ou superior, para atendimento especializado, bem como professores do ensino regular
capacitados para integração desses educandos nas classes comuns.
8- Uma escola regular recebeu esse ano um aluno com deficiência que foi matriculado no terceiro ano. Após sua matrícula, quais são as
ações que a comunidade escolar deveria desenvolver para a aprendizagem e desenvolvimento desse aluno no ambiente escolar?

9- A expansão industrial atrelada a oferta de mão-de-obra para atuar no mercado resultou no aumento considerável de produtos
industrializados que precisavam ser vendidos no mercado consumidor (...).
Faça uma relação entre os mecanismos capitalistas e a busca por uma sociedade homogênea.
Para fazer parte de um grupo, é necessário usar as mesmas roupas (sempre de marcas caras e famosas), ter o melhor carro, etc. Sendo assim, a
pessoa passa a ser respeitada e valorizada por aquilo que tem (coisas materiais) e não pelo que é (seu caráter, valores e princípios). Por conta disso,
quem foge do padrão estabelecido pela sociedade, acaba sendo excluído e sofre preconceito. Por sua vez, o Estado garante, através de suas leis, que
todos sejam tratados da mesma forma praticando, assim, a inclusão.

10- Hoje, apesar das desigualdades presentes na sociedade, há determinações legais que no plano teórico asseguram condições de acesso
aos direitos e garantias (...) Dessa forma, porque as determinações legais são difíceis de serem implementadas, ou seja, porque apesar de
todas as legislações que asseguram os direitos sociais, quase sempre suas determinações não são colocadas em prática?

1 - Conceitue educação especial segundo a literatura do módulo.


É uma modalidade de educação escolar, oferecida, preferencialmente, na rede regular de ensino é oferecida para educandos portadores de
necessidades especiais.
2 - Quais os principais objetivos da educação especial.
Atender portadores de deficiências em escolas próximas de suas residências; ampliar o acesso desses alunos nas classes comuns; fornecer
capacitação aos professores propiciando um atendimento de qualidade; favorecer uma aprendizagem na qual as crianças possam adquirir
conhecimentos juntas, porém, tendo objetivos e processos diferentes; desenvolver no professor a capacidade de usar formas criativas com alunos
portadores de deficiência física, a fim de que a aprendizagem se concretize.
3 - Cite 2 princípios encontrados na educação especial.
Destacam-se os princípios de justiça e igualdade, considerando que todos tem direitos à oportunidade de acesso à educação nas mesmas condições
4 - Qual a importância da inclusão educacional?
Entre os diversos motivos relevantes da inclusão educacional da pessoa portadora de deficiência, destaca-se os princípios de justiça e igualdade,
considerando que todos tem direito a oportunidade de acesso a educação, nas mesmas condições. A observância deste preceito proporcionará, aos
deficientes físicos, uma participação social integrada aos demais membros da comunidade. Além de contribuir para a socialização de alunos
portadores de necessidades educacionais a Educação Inclusiva favorece a um melhor desenvolvimento físico e psíquico dos mesmos, beneficiando
também os demais alunos, que aprendem a adquirir atitudes de respeito e compreensão pelas diferenças, serão obedecidos os princípios de
igualdade de viver socialmente com direitos, privilégios e deveres iguais, participação ativa na interação social e observância de direitos e deveres
instituídos pela sociedade.
5 -​ ​Que lei garante que a educação especial seja oferecida preferencialmente na rede regular de ensino?
9.394/96ª atual Lei de Diretrizes e Bases para Educação Nacional Lei 9394 de 20.12.96, Especialmente no capitulo V, da Educação Especial.
6 - Quais as conseqüências que a "rotulação" na subjetividade dos indivíduos pode acarretar?
O individuo passa a se ver e a ser visto a partir de um rotulo, perdendo-se de vista, tudo o que se relaciona ao seu referencial sociocultural, a
riqueza de sua subjetividade, de seus valores, de sua individualidade, de sua particularidade, acabando por se tornar um excluído social por se
diferenciar dos demais membros da sociedade.
7 - Segundo a literatura estudada, quem são os alunos com necessidades educacionais especiais?
alunos que apresentem dificuldades acentuadas de aprendizagem ou limitações no processo de desenvolvimento que dificultem o acompanhamento
das atividades curriculares, compreendidas em dois grupos: * aquelas não vinculada a uma causa orgânica específica; * aquelas relacionadas a
condições, disfunções, limitações ou deficiências. * dificuldades de comunicação e sinalização diferenciadas dos demais alunos, demandando
adaptações de acesso ao currículo, com utilização de linguagens e códigos aplicáveis; * altas habilidades/superlotação, grande facilidade de
aprendizagem que os leve a dominar rapidamente os conceitos, os procedimentos e as atitudes e que, por terem condições de aprofundar e
enriquecer esses conteúdos, devem receber desafios suplementares em classe comum, em sala de recursos ou em outros espaços definidos pelos
sistemas de ensino, inclusive para concluir, em menor tempo, a série ou etapa escolar.
8 - Descreva uma das principais características da Deficiência sensorial física.
Há redução ou perda total da capacidade de ver com o melhor olho, e mesmo após a melhor correção ótica, manifesta-se como cegueira ou visão
reduzida (subnormal)
9 - Descreva uma das principais características da deficiência intelectual (mental​)
O funcionamento intelectual gera situa-se signficamente abaixo da média, comprometendo duas ou mais áreas da conduta adaptativa ou da
capacidade para responder, de forma adequada, as demandas da sociedade.
10 - Descreva uma das principais características da deficiência sensorial auditiva
Há perda total ou parcial, congênita ou adquirida, da capacidade de compreender a fala por intermédio do ouvido e manifesta-se como surdez
leve(moderada) ou como surdez severa(profunda)
11 - De que forma o congresso de Jotier na Tailândia e a _ Declaração de Salamanca influenciou na área da Educação Especial no
mundo​?
Ela influenciou que todas as escolas devem acolher todas as crianças, independentemente de suas condições físicas, intelectuais, sócias,
emocionais, lingüísticas ou outras. Nascia um movimento de inclusão mundial. Educação para todos, na área das necessidades educativas
especiais que definiram novas concepções de necessidades especiais e as diretrizes para ação nível nacional. Capacitando as escolas para
atenderem todas as crianças, sobretudo as com necessidades educativas especiais.
12 -​ ​Descreva de forma sucinta de que forma era oferecido o aprendizado escolar voltado a pessoas com deficiência antes da lei 9394/96.
A educação Especial não era oferecida na rede publica o aprendizado para esses alunos era muito particular. Os alunos cegos e surdos eram
encaminhados para escolas especializadas nesse tipo de deficiência, Os alunos com deficiência mental, até poderiam ser matriculados em classes
especiais de uma escola publica, mas era abandonado, pois achavam que eles não tinham capacidade de aprendizagem, Os autistas eram internados
em hospícios ou escolas especiais e os deficientes físicos só em escolas que tivessem acesso a eles.
13 - Como a literatura deste modulo apresenta como sendo praticada atualmente a capacitação de professores na educação especial​.
A formação de professores para educação especial no Brasil, este tema vem sendo discutido desde a década de 80, os debates nesses primeiros
anos, enfatizam a formação técnica que envolvesse tanto o conhecimento especifico de determinado campo, mas não houve avanço significativos
no campo teórico e na implementação de ações concretas, hoje as discussões continuam centradas na defasagem entre a preparação oferecida pelas
escolas, instituições formadora e a realidade da atividade pratica futura. É inegável a inadequação destes cursos na preparação competente de
profissionais para exercícios de suas atividades. Já existem instituições de ensino superior que oferecem formação de professores com enfoque na
Educação Especial, mas é fundamental que haja capacitação para professores que já atuam na rede regular de ensino e estão vivenciando essa
situação, capacitar os professores para lidar com diversas situações que surgirão em sala de aula, já que para a educação inclusiva ser um sucesso
depende muito da capacitação do professor.
14 - Descreva de forma sucinta como esta caracterizada a educação especial concebida como modalidade escolar​.
As características da educação especial na modalidade de educação escolas é um conjunto de recursos educacionais e de estratégias de apoio que
estejam á disposição de todos os alunos. Este conjunto facilita não só os alunos identificados com necessidades especiais, mas a todos os alunos
que se sentirem favorecidos, tem a finalidade de favorecer o acesso ao conhecimento. EDUCAÇÃO ESPECIAL COM MODALIDADE
ESCOLAR, SIGNIFICA UM TIPO DE EDUCAÇÃO QUE SE DA ESCOLA.
15 - Que problemas podem ocorrer diante do desequilíbrio entre teoria e pratica apresentados pelos educadores
da educação inclusiva? Comente.
Que a teoria se torna mais agradável do que a prática, começa a trazer a tona os problemas da inclusão vemos que a teoria é mais simples do que a
pratica, ou seja, é fácil falar de inclusão quando não há alunos na sala de aula, mas quando os mesmos passam a compor a sala de aula as coisas
mudam de figura​ Na teoria já está tudo adequado​. Na prática ainda há muitas dificuldades por falta de recursos (financeiros, espaço físico,
materiais disponíveis adaptados para as diferentes necessidades), falta de capacitação profissional (profissionais na qual não conhecem Libras,
despreparados para receber crianças especiais,...), preconceito, falta de conhecimento. Este desequilíbrio entre teoria e pratica nos leva a crer que
para a efetivação de uma mudança de consciência dos profissionais será preciso validar todo este constructo teórico por meio de uma
inclusão eficaz .Claro que o processo de formação de professores precisa urgentemente ser avaliado ,também capacitar os que já esta no trabalho
16 - QUAIS SÃO OS PRINCIPAIS PRINCÍPIOS CONTIDOS NA EDUCAÇÃO INCLUSIVA?
Os princípios contidos na educação são justiça, igualdade e solidariedade. Considerando que todos tem direitos à oportunidade de acesso à
educação nas mesmas condições.
17 - Como a literatura deste módulo apresenta como sendo praticada atualmente a capacitação de professores na educação especial no
Brasil?
É uma modalidade de educação escolar, oferecida, preferencialmente, na rede regular de ensino é oferecida para educandos portadores de
necessidades especiais.
18 - Quais as consequências da falta de apoio aos professores que atuam na educação inclusiva tem sido apontados segundo a literatura
estudada?Cite1
A falta de apoio ao professor acarreta pouca crença na implementação da inclusão ficando estes educadores dependentes do trabalho do professor
intinerante
19 - Que postura educativa deveria adotar um professor que atua junto a uma sala de aula que adota a educação inclusiva?
Este será o modelo pedagógico para os alunos e sua preocupação é voltada para o conteúdo, a disciplina, o saber, o conhecimento. ​O docente​ deve
desenvolver a experiência educacional de ensinar e aprender através de práticas de ensino inclusivas. Com a prática, validamos os saberes
adquiridos. A experiência do dia a dia mostra o melhor caminho para o sucesso do educador. E como a grande maioria dos professores
não recebem a formação devida para tratar alunos com necessidades especiais, a prática na sala de aula, é quem ensina e indica a melhor forma de
tratamento e adaptação da didática necessária. O professor deve olhar seus alunos, e buscar em cada um, sua real necessidade, seus desejos e seu
tempo, adequando a metodologia de ensino e o tratamento. O docente deve desenvolver a experiência educacional de ensinar e aprender através de
práticas de ensino inclusivas.
20 - DEFINA SEGUNDO A LITERATURA, ¨ EDUCAÇÃO INCLUSIVA”​
É a peça chave para que o Brasil de conta dê sua responsabilidade junto aos organismos internacionais quanto às metas do Congresso Mundial da
Tailândia como as contidas na Declaração da Salamanca Educação inclusiva é um
conjunto de recursos educacionais e de estratégias de apoio que estejam á disposição de todos os alunos. Este conjunto facilita não só os alunos
identificados com necessidades especiais, mas a todos os alunos que se sentirem favorecidos, tem a finalidade de favorecer o acesso ao
conhecimento. EDUCAÇÃO ESPECIAL COM MODALIDADE ESCOLAR, SIGNIFICA UM TIPO DE EDUCAÇÃO QUE SE DA ESCOLA.
21 - DESCREVAM DOIS OBJETIVOS QUE NORTEIAM A EDUCAÇÃO INCLUSIVA​
Fornecer capacitação ao professor propiciando um atendimento de qualidade..
Favorecer uma aprendizagem na qual as crianças possam adquirir conhecimentos juntas, porém, tendo objetivos e processos diferentes;
desenvolver no professor a capacidade de usar formas criativas com alunos portadores de deficiência física, a fim de que a aprendizagem se
concretize.
22 - De que forma o modelo econômico Neoliberal influência na inclusão de pessoas com deficiência na sociedade?
E uma reestruturação do capitalismo, tornando mais difícil a manutenção do Estado de Bem-Estar Social. ESSE MODELO ECÔNOMICO VEM
DIFICULTANDO O ACESSO AOS DIREITOS DE IGUALDADES DE CONDIÇÕES. A FALTA DE URGÊNCIA EM SE REALIZAR a
inclusão de qualidade a uma eficaz capacitação; não podemos nos guiarneste modelo político, pois investir na educação de uma pessoa, que é tida
muitas vezes, como improdutiva
23 - De que forma o Congresso de Jontien "Congresso de Educação para Todos" na > Tailândia em 1990 e a Conferencia Mundial sobre
Necessidades Educativas > Especiais, ocorrido na cidade de Barcelona, na Espanha, conhecida como> "Declaração de Salamanca"
influenciou a área da educação especial no mundo?
O principio fundamental desta linha de ação e que as escolas devem acolher todas as crianças., independente de suas condições físicas, intelectuais,
sociais, emocionais, lingüísticas ou outras.Devem acolher crianças deficientes ou bem dotadas, crianças que vivem nas ruas ou trabalham, moram
distantes, nômades, minorias LINGHUÍSTICAS, ÉTNICAS OU CULTURAIS ZONAS DESFAVORECIDAS OU MARGINALIZADAS.
24 - Descreva dois problemas estruturais que tem se evidenciado no processo de educação inclusiva no Brasil​.
Problemas estruturais não podem ser justificativa p/o não fazer tem que se buscar a solução e fazer o melhor possível, reclamação dos
professores (duração tempo de aula ou quantidade de alunos na sala) estes problemas são mais uma justificativa para não o fazer. O modelo de
inclusão convida os professores a uma revisão de toda a sua prática pedagógica, desde a olhar o aluno e mudanças de reconhecer dificuldades e
desconhecimento do processo de inclusão.
Com essa prática o professor poderá conceder aos educandos direitos iguais a todos