Você está na página 1de 4

Testosterona Baixa: Perigos

E Sintomas
A testosterona baixa preocupa a maioria dos homens por prejudicar o seu desejo sexual, e
alguns outros por questões de estética, e dificuldades para ganhar massa muscular. Mas
será que esse desequilíbrio pode afetar outras áreas da saúde do homem?
Hoje eu quero falar sobre como a testosterona baixa prejudica a saúde masculina, e como
prevenir isso.

Não deixe de ler e compartilhar!

Receitas Para Ter Vitalidade

Testosterona Baixa
A testosterona é um hormônio produzido tanto pelas áreas reprodutoras masculinas quanto
pelas femininas. Nos homens ele é produzido geralmente nos testículos e nas mulheres é
através das glândulas adrenais.

No homem ele serve para desenvolver características do corpo masculino, construir músculos e
manter o desejo sexual; diferente do que acontece no corpo feminino, já que para elas a
quantidade de testosterona produzida é muito menor.

Geralmente a sua produção acelera em torno de 30 vezes à mais, durante o período da


adolescência e quando o jovem está no início da vida adulta. A importância desse hormônio
passa por todo o corpo, do cérebro aos vasos sanguíneos e aos ossos.

Então se você sofre com uma diminuição de testosterona, acredite que os efeitos colaterais
ultrapassam as questões de estética.

É extremamente importante manter esses hormônios em quantidades equilibradas no seu


organismo.

A partir dos 30 anos ela começa a diminuir, e diminui cada vez mais durante a velhice.

A única forma confiável para descobrir é consultando um médico especialista, que vai indicar
os exames de sangue a serem feitos.

Com o tratamento adequado, muitos dos sintomas que surgiram podem ser revertidos ou
diminuídos.

Testosterona Baixa E Os Perigos


Testosterona Baixa E Os Perigos. Imagem: (Divulgação)

Sem a produção adequada desse hormônio o homem se torna estéril.


Isso pode acontecer devido a importância desse hormônio para a produção e o desenvolvimento
do esperma (também chamado de processo de espermatogênese).
O homem que sofre com a testosterona baixa, pode sentir os seguintes sintomas:

1 – Queda No Desejo Sexual


O sintoma mais conhecido entre os homens é a queda da libido, com isso o homem
sente redução do apetite sexual; inclusive diminuindo o desejo de masturbar-se, que é uma
prática saudável de autoconhecimento e prazer (5).
A ejaculação precoce também pode ocorrer. Problemas em ter ou manter ereções também
pode ser um sintoma que surge quando esse hormônio está baixo.
Muitas áreas cerebrais e fora dela, como a amígdala estão envolvidas no processo da
testosterona, então tudo acaba sendo afetado pela falta do hormônio.

2 – Redução Da Massa Muscular


A testosterona coloca o seu corpo em estado anabolizante, e nesse processo ela auxilia o corpo
a produzir e montar proteínas que ajudam a formar a massa magra.
Com a queda do hormônio, o corpo começa a destruir o tecido muscular ao invés de ajudá-lo a
construir.

E com o tempo você perceberá as diferenças e reações do seu organismo, e a perda de massa
muscular.
3 – Aumento Da Gordura Abdominal
De acordo com uma pesquisa americana; os homens que sofrem com a testosterona baixa
podem apresentar o aumento de uma enzima chamada lipoproteína lipase. Ela por sua vez gera
os lipídios, que são blocos em células de gordura visceral.

Essa gordura, também conhecida por gordura abdominal se forma em volta dos órgãos
podendo desenvolver doenças como diabetes, sobrepeso e doenças cardíacas.
4 – Desequilíbrio Emocional
Outro efeito colateral negativo que pode surgir devido a testosterona baixa, é o desequilíbrio
emocional.

Com esse desequilíbrio aumentam as probabilidades de surgir a depressão e a ansiedade;


que pode afetar a capacidade dos testículos em produzirem a testosterona.

5 – Ossos Fracos
Os ossos podem perder a proteção e resistência necessária; isso faz com que o corpo sinta
dificuldades para reconstruir as áreas danificadas a tempo.

Com isso, podem surgir a osteoporose, densidade óssea e fraturas.

6 – Redução Da Memória
A memória também pode ser afetada, assim como as funções mentais, raciocínio lógico,
habilidades espaciais; aumentando as chances do desenvolver da doença de Alzheimer.
Isso acontece, pois determinadas áreas cerebrais responsáveis pela memória e a atenção ficam
afetadas; essas áreas possuem receptores de testosterona, e quando não recebem suficiente
hormônio, as células cerebrais podem sofrer sequelas.

7 – Saúde Do Coração
A testosterona baixa pode aumentar os riscos de problemas cardíacos.
De acordo com uma pesquisa inglesa, isso acontece devido a testosterona pode abrir os vasos
sanguíneos para a passagem de sangue para o coração.
Além disso, a pesquisa afirma que os homens que sofrem com a testosterona baixa e não
recebem tratamento adequado a tempo, correm mais riscos de falecerem por ataques cardíacos,
que os homens que estão com os hormônios equilibrados.

8 – Diminuição Do Pênis
Esse pode ser outro sintoma; devido a diminuição do fluxo natural de testosterona, áreas como
escroto, pênis e testículos podem atrofiar ou encolher (1,2,3).
Isso afetaria a circunferência do pênis e o comprimento, assim como pode acontecer com a
diminuição do saco escrotal, que perde metade do tamanho.

O Que Causa A Testosterona Baixa?


Alguns motivos para a testosterona baixa:

 Envelhecimento
 Lesões ou infecções
 Retirada dos testículos
 Quimioterapia e outros tratamentos contra câncer

 Anormalidades genéticas
 Hemocromatose (excesso de ferro no sangue)
 Disfunção da glândulas pituitária (importante glândula cerebral) ou do hipotálamo
 Doenças inflamatórias graves
 Insuficiência renal crônica

 Cirrose do fígado

 Obesidade
 Alcoolismo

 Estresse

Como Aumentar A Testosterona


Sempre consulte o médico para verificar como estão os níveis de testosterona, e receber o
tratamento adequado.

Existe uma alimentação adequada para aumentar a testosterona, e impedir que você sofra
desequilíbrio hormonal. Os alimentos saudáveis estão associados ao equilíbrio hormonal, e
podem beneficiar a sua saúde de diversas formas.
Manter a saúde do hormônio da testosterona, também envolve excluir da alimentação os
produtos que alteram os níveis hormonais e prejudicam a saúde, como os alimentos
industrializados, processados e embutidos.

Você também pode gostar