Você está na página 1de 2

Anotações

8. No tratamento das infecções associadas a cateter venoso é correto


afirmar:
a) Trata-se de infecção hospitalar e geralmente é causada por gram negativos
b) Trata-se de infecção hospitalar e geralmente é causada por gram negativo
c) Trata-se de infecção hospitalar e geralmente causada por bacilo gram positivos anaeróbios
d) Trata-se de infecção hospitalar e geralmente polimicrobiana
e) Nenhuma das respostas

15. Sobre a história da infecção pelo HIV, analise as alternativas:


I. A doença da AIDS ocorre, em média , cerca de 1 a 2anos após o
paciente ser infectado
II. Os anticorpos anti-hiv podem não ser detectáveis(anti-hiv Elisa falso
negativo) nas primeiras 4 a 6 semanas após o indivíduo ter sido
infectado o que se denomina de “janela imunológica”
III. As manifestações clínicas da infecção primária pelo HIV, quando
ocorrem,geralmente acontecem de 2 a 4 semanas após o indivíduo ter
sido infectado. A infecção primária pelo HIV é autolimitada e tem
duração de cerca de 2 a 4 semanas.
IV. É comum um período de latência clínica,isto é,ausência de sintomas,
entre a infecção primária pelo HIV e as manifestações clínicas de AIDS .
esse período dura, em média, em torno de 8 a 10 anos.
V. Na infecção primária pelo hiv, tipicamente ocorre uma queda do cd4.
Algumas semanas depois ......
Resposta:2,3,4,5

19. Paciente masculino, 70 anos, portador de fibrose pulmonar


avançada, dependente de oxigeno terapia. Internado há 15 dias com
diagnóstico de neurocriptococose em uso de Anfotericina B. Devido à
sequela neurológica e bexiga neurogênica usa sonda vesical de demora
(SVD), a enfermeira percebe que os últimos 5 dias a sonda apresenta
muitos grumos e o mesmo evolui desorientado, calafrios, taquicardia.
Urocultura coletada 5 dias atrás mostra crescimento de e. coli ESBL.
Segundo as informações acima podemos afirmar que:
I. não se pode classificar como um caso de infecção hospitalar, pois o
motivo de internação é a neurocriptococose que não tem relação com
o quadro atual
II. trata-se de infecção urinaria associada a SVD de origem hospitalar,
pois independente do motivo da entrada, o processo infeccioso foi
desenvolvido na internação e relacionado a dispositivo invasivo
III. o fato da e. coli isolada ser ESBL quer dizer aquisição de mecanismos
de resistência através da produção de uma enzima chamada
betalactamase de espectro estendido, o que os torna mais resistentes
aos antibióticos cefalosporínicos
IV. o ertapenem seria uma opção terapêutica útil pois é um
carbapenêmico com boa...