Você está na página 1de 47

Minicurso

Microbiologia Ambiental

Professor Marcos de Paula Júnior


Microbiologista

09 de Novembro de 2010
I Semana do Técnico Industrial “A VALORIZAÇÃO
DO PROFISSIONAL TÉCNICO”
Realização : CREA . AREA . SENAI . CECON . COTEMAR
O que é microbiologia

Microbiologia é o ramo da biologia que estuda os


microrganismos, seres de tamanho microscópico,
podendo ser eucariontes ou procariontes
Os microrganismos

Bactérias
Cianofíceas
Fungos
Vírus
Bactérias
 Suas dimensões variam de 0,5 a 5 micrômetros
 São os organismos mais bem sucedidos do planeta
 Autotróficas ou heterotróficas
 Classificação Gram
 Gram-positivas: bactérias que possuem parede celular com uma
única e espessa camada de peptidoglicanos.
 Gram-negativas: bactérias que possuem uma parede celular mais
delgada e uma segunda membrana lipídica - distinta quimicamente
da membrana plasmática - no exterior desta parede celular.
Esquema geral de uma
bactéria
Importância das Bactérias

Na indústria de alimentos

Na saúde humana

Na ecologia

Na indústria farmacêutica: produção de hormônio

Biorremediação
Fungos

Eucariontes

Decompositores

Leveduras

Fabricação da cerveja

Fabricação do vinho

Produção de antibióticos (penicilina)

Produção de vitaminas e de ácidos orgânicos (ác.
cítrico)
Líquens

É uma associação de
Fungos e algas

Bioindicadores de
qualidade do ar
Vírus

São pequenos agentes infecciosos (20-300 ηm de
diâmetro)

Parasitas intracelulares obrigatórios

Utilizados em biotecnologia

Origem ainda em estudo
Utilização dos Vírus em
Biotecnologia

Bacteriófagos T9

Introdução de genes
em bactérias.
Microbiologia ambiental

Utilização de
microrganismos para
fins ambientais

Bioremediação

Degradação do
petróleo

Decomposição de
substancias toxicas
Ecologia Microbiana

Microrganismos presentes em todos os ecossistemas
terrestres

Estuda os microrganismos e sua interação com o
ambiente biótico e abiótico

Ciclos Biogeoquímicos

São os primeiros em uma sucessão ecológica.
Esquema geral dos ciclos
biogeoquímicos

Seres Autótrofos
(Plantas) Nutrientes

Alimentação

Seres Heterótrofos
(Herbívoros e Carnívoros)

Decompositores
Morte/Excreção (Microrganismos)
Maré vermelha
São acidentes ecológicos
Acontecem durante a
reprodução sexuada de
algumas pirrófitas
liberando zoósporos que
possuem toxinas
Morte de peixes e
prejudica as fazendas de
ostras
Resistência microbiana a
antibióticos

Uso abusivo de antibióticos

Alto medicação

Seleção artificial de bactérias resistentes

Mutações genéticas

Superbactérias

Vários casos no Brasil e no mundo

Superbactérias
O perigo dos antibióticos
Tomar antibiótico por uma semana prejudica as defesas do
organismo por até dois anos, estudo feito pelo Instituto
Sueco para Controle de Doenças Infecciosas e
publicado na revista "Microbiology". (Folha
08/11/2010)
Uso de antibióticos em ração é ligado a superbactérias - A
situação fica mais grave porque as bactérias trocam
informações genéticas: um organismo inofensivo que se
prolifere pela capacidade de resistir a antibióticos
contribui para que outro, patogênico. (Folha
08/11/2010)
Rifampicina

Rifabutin

Rifampicinas Metronidazol Tinidazol

5- nitroimidazóis Ácido nalidixo


CO-TRIMAXAZOLE DAPSONE
SULFONAMIDAS
Norfloxacin
Transcrição QUINOLONAS
Ciprofloxacin
Replicação
TRIMETHOPRIM Análogos Ofloxacin
LINCOMICINA
metabólicos Inibidores
DNA VANCOMICINA
CLINDAMICINA

LINCOSAMIDAS

ÁCIDO FUSÍDICO

Antibióticos Glicopeptídeos
TEICOPLANIN

CLORANFENICOL AZTREONAN

Inibidores
Síntese de proteínas MONOBACTÂMICOS IMIPENEM

AZALIDES Inibidores CICLOSERINAS


ANÁLOGOS

Inibidores Parede CABAPENEMS


ÁCIDO
CLAVULÂNICO

ESTREPTOGRAMINAS Membrana OUTROS INIBIDORES


DE LACTÂMICOS
MUPRIOCINA SULBACTAM

B-LACTÂMICOS
MACROLIDES TETRACICLINAS CEFOXITIN
KETOLIDES
ANTI-ANAERÓBIO
ERITROMICINA AMINOGLICOSÍDEOS
BACITRACINA CEFOTETAN
POLIMIXINAS
AZITROMICINA CEFALOSPORINAS MOD.
ESPECTRO
CEPHALOTIN

ESTREPTOMICINA
ROXITROMICINA
NEOMICINA CEPHAZOLIN
POLIMIXINA-E
CLARITROMICINA PENICILINAS AMPLO
ESPECTRO ANTI-
HAEMOPHILUS CEPHALEXIN
GRUPO DAS
KANAMICINAS
PENICILINA G
KANAMICINA POLIMIXINA-B PENICILINA V ANTI-
PSEUDOMONAS CEFAMANDOLE

METICILINAS
TETRACICLINA CEFPIROME CEFUROXIME AXETIL
AMIKACINA
GENTAMICINA
CEFOTAXIME
DOXICICLINA FLUCLOXACILINA CEFEPIME
CEFACLOR
TOBRAMICINA

CEFTAZIDIME
MINOCICLINA DICLOXACILINA

CLOXACILINA CEFTRIAXONA

METICILINA
Probióticos
Verdade ou mentira?
“Organismos vivos que, em quantidades adequadas,
conferem benefício à saúde do hospedeiro” (OMS,
2001).
Iogurte e leite fermentado não têm ação comprovada
(Folha 28/10/2010)
A EFSA (autoridade europeia para segurança
alimentar), Depois de analisar mais de 800 pedidos,
declarou que não há comprovação científica para
recomendar os produtos.
Metallo-b-lactamases

Enzima que confere ultrarresistência

Praticamente “invencível”

Muito comum em infecções hospitalares
Klebsiella pneumoniae
Carbapenemase

Atualmente muito
comum em infecções
hospitalares no Brasil

Aproximadamente
500 casos
Biotecnologia

Utilização de seres
vivos
(microrganismos ou
não) para a obtenção
de um determinado
produto.

Manipulação
genética

Aplicações infinitas
Bioenergia

Energia proveniente
de fontes orgânicas
renováveis

Algas na produção de
biodísel

Etanol

Reentrada do
carbono no ciclo
Carbono no ciclo dos
biocombustíveis

Carbono cíclico ao
contrario dos CO2 liberado na queima
do combustível na
combustíveis fósseis atmosfera
que liberam o
carbono aprisionado Álcool
da atm a milhares de Biodísel
anos

Cana-de-açúcar
Microalgas
Biomineração

Começou em 1986, na áfrica do Sul na mineração
de ouro (Ralstonia metallidurans)

Reaproveitamento de rejeito de mineração
(Acidithiobacillus ferrooxidans)

Pseudomonas aeruginosa (mercúrio)

Biolixiviação do cobre
Bioremediação
Utilização de organismos vivos para a
recuperação/remediação de uma determinada área
Ampla utilização de microrganismos
Métodos mais utilizados de
BR
Landfarming: sistema de tratamento em fase sólida
para solos contaminados.
Compostagem: ocorre a transformação do
composto orgânico mediante a mistura dos
microrganismos.
Bioreatores: para tratamento de solos, efluentes e
lodos
Bioventilação ou bioeração: injeção de ar puro em
solos e água subterrânea contaminados,
estimulando a atividade dos microrganismos.
Conceitos básicos
Biodegradação aeróbica – uso do O2 para oxidar
matéria orgânica
Biodegradação anaeróbica - utilização do nitrato,
sulfato, metano ou outros aceptores de elétrons
Mineralização - Transformar compostos tóxicos em
substâncias inócuas como CO2 (ou outro gás) ou
substância inorgânica, água e Biomassa.
Biorremediação de solos
poluídos pelo herbicida
atrazina
Pseudomonas sp
Degrada a atrazina
Biorremediação em
biorreatores
Utilizada em condições de contaminação graves
Petróleo no solo
Radiação (Desulfuricans desulfovibrio)
Etc.
Decomposição do Petróleo
Alcanivorax borkumensis
Possui várias enzimas que
quebram uma variedade
dos componentes do
petróleo cru
Vive apenas no linear
entre o óleo e a água
Exobiologia

Estudo da vida fora da


Terra
Os mesmos princípios da
seleção natural de
Darwin
Microbiologia Espacial
Engenharia de planetas
Supostas bactérias em
Marte
É possível usar bactérias para
minerar em Marte e na Lua?
Espécies de bactérias não
só podem prosperar em
rochas marcianas e
lunares, mas também
extrair elementos úteis
para futuros colonos (07
de outubro de 2010 –
Sientific Americam
Brasil)

Anabaena
cylindrica
FIM

Mais informações
prof.marcosbiologo@gmail.com
http://mpjbiologo.blogspot.com/