Você está na página 1de 2

PLANO ORGÂNICO DE MISSÕES DA PARAÍBA Volume 1, edição 1 Agosto/ 2003

O PORMISSÕES preocupado também, com Corpo de Cristo – devemos entender que o


BOLETIM INFORMATIVO
os IRMÃOS ESPALHADOS pelo esta- corpo de Cristo precisa da nossa colaboração.

PORMISSÕES
do da Paraíba sugere algumas maneiras de Cada um individualmente precisa entender
como trabalhar e aproveitar o potencial da que dependemos uns dos outros para que haja
irmandade: um crescimento sadio do corpo;
 Discipular Obra de Cristo – “Jesus veio buscar e salvar o
Enfatizar exaustivamente que os irmãos perdido”. Precisamos decidir participar ativa-
precisam decidir serem discípulos de Jesus; mente deste propósito de Jesus.
Precisamos mostrar que Jesus quer ganhar,  Fraternizar PLANO ORGÂNICO DE MISSÕES DA PARAÍBA
através deles, a cidade onde eles estão. A fraternização amorosa dos cristãos é um
 Motivar pré-requisito muito importante na evangeliza-
ção. Campina Grande
Criando convicção;
Entendendo que o trabalho de evangelização As congregações com mais recursos precisam Jo ão Pessoa
através deles dará certo; ajudar o processo de crescimento desses ir-
Apresentando a missão de Jesus como exem- mãos, eles precisam de:
plo a ser seguido, Mateus 9.36-38. Apoio material – curso por correspondências,
Exemplo missionário – vs 35; Bíblias, fitas K& gravadas com sermões,
Compaixão pelos perdidos – vs. 36; hinos, aulas, etc;
Necessidade missionária – vs 37; Apoio de comunicação – cartas, telefonemas,
Oração pela obra missionária – vs 38. noticias da irmandade (um jornalzinho é mui-
to útil);
 Compromisso – os irmãos precisam se Apoio moral – visitas especificas para even-
compromissar com: tos especiais como, evangelismo, estudos
Cristo – Jesus é o meu Senhor, eu tenho um bíblicos de edificação, convites para acampa-
compromisso com o Senhor, nada é mais mentos, Grande Ceia, Dia da Família, etc.
importante do que Ele;

ENDEREÇOS DAS CONGREGAÇÕES DA PARAÍBA: Ca jazeira s Patos


Igreja de Cristo em Alagoinha Rua Tenente Nicolau Lopes, S/N
Rua Alexandrino dos Santos Correa, 364 Centro / Catingueira - PB Cidades
Conjunto Doraci Montineiro / Alagoinha - PB 58715-000
58390-000 Res.: (83) 427-1177 Campina
Res.: (83) 278-1043 Igreja de Cristo em Patos João Pessoa Patos Cajazeiras
Grande
Igreja de Cristo em Areial Rua Alécio Barreto, 96
Rua Expedito Pereira, 55 Jardim Guanabara / Patos - PB Belém do B.
Alagoinha Areial —
Centro / Areial - PB 58700-000 Cruz
58140-000 Res.: (83) 422-2581 Raio de Bayeux — Catingueira —
Igreja de Cristo em Belém do Brejo do Cruz Igreja de Cristo em Princesa Isabel
Rua Francisco de Paula Saldanha, 185 Rua Augusto de Holanda, S/N
Alcance Camurupim — Emas —
Centro / Belém do Brejo do Cruz - PB Centro / Princesa Isabel - PB Conde — Ipueiras —
58895-000 58755-000 Princesa
Igreja de Cristo em Campina Grande Igreja de Cristo em Rio Tinto Lucena — —
Isabel
Rua Castro Alves, 409 Rua Duque de Caxias, 5762
José Pinheiro / Campina Grande - PB Vila Regina / Rio Tinto - PB Rio Tinto — — —
58104-165 58297-000
Res.: (83) 342-4337
Publicado pela Igreja de Cristo em João Pessoa /PB
Igreja de Cristo em Catingueira Av. Rui Carneiro, 677—Jd. Luna - CEP.: 58032-101
Fone: (83) 247.1212 - e-mail: escoladabiblia@terra.com.br
Sugestões ou Dúvidas: (83) 247.1212
PORMISSÕES Volume 1, edição 1

PORMISSÕES—O QUÊ É? presse o seu desejo no trabalho evangelísti-


co, veja um exemplo abaixo:
nossas condições e daí, entregarmos nas
mãos de Jesus para que Ele faça o milagre (a
A congregação deve ter uma participação multiplicação dos Pães e peixes);
de Jesus aconteça naturalmente. evangelística em outras cidades da Paraíba? Leve em conta a mão-de-obra, veja quantos
O INÍCIO Somos capazes de começar congregações em irmãos estão disponíveis, observe os recursos

N o ano de 2001 foi criada a reunião dos O desenho geográfico do estado da Paraíba é outras cidades da Paraíba? financeiros e materiais, etc.
discípulos da Paraíba com o propósito muito propicio para a evangelização. A Paraí- Você poderia participar de campanhas evan-
de evangelização e suporte aos irmãos espa- ba é “um gigante magro deitado de lado com gelísticas em outras cidades da Paraíba?  Três perguntas básicas devem ser res-
lhado em todo o estado. Foram feitas 4 reuni- as pernas dobradas”. É um retão com mais ou Você poderia participar de comissões que pondidas ao elaborar este plano:
ões, onde foram discutidos vários meios de menos 500 km de extensão, isso quer dizer organizariam as campanhas evangelísticas? O que vamos fazer;
se chegar ao propósito desejado. que, se tivermos 4 congregações, pela graça de Você estaria disposto a aumentar a sua oferta O que nos temos (em termos de recursos)
Deus, fortes, organizadas e com um raio de para financiar a evangelização em outras para fazer;
Em uma dessas reuniões, foi proposto enviar ação de mais ou menos 150 km, ganharemos a cidades da Paraíba? Como vamos fazer.
para a cidade de Princesa Isabel alguém que Paraíba para Cristo, se não, pelo menos todo o Obs: se algum irmão não sabe escrever, faça
pudesse desenvolver e ajudar um casal de estado ouvirá o evangelho do nosso Senhor uma entrevista pessoa fazendo estas pergun-
 Solicitar ajuda especifica da irmandade:
irmãos daquela cidade. Essa proposta foi Jesus. tas para ele. O resultado dessa conscientiza- Depois que a congregação determinou o seu
aceita pela maioria e no ano de 2002, foi ção deve levar a uma unanimidade na con- raio e plano de trabalho ela terá condições de
enviado o servo Rodrigues e sua família da As quatro cidades que pensamos são: JOÃO solicitar de uma maneira especifica, clara,
PESSOA, CAMPINA GRANDE, PATOS e gregação (1 Co 1.10), isto fundamental para
Igreja de Patos àquela cidade. o plano funcionar. organizada e objetiva a ajuda da irmandade;
CAJAZEIRAS, dessas quatro, em duas, J oão Desde modo as congregações terão liberdade
Daquele período para cá foram sugeridas Pessoa e Patos, temos uma boa estrutura, em  Definir um raio de ação: em decidir “o que fazer” e cooperação da
várias formas da irmandade se envolver com Campina Grande temos 3 irmãos, e em Caja- Jesus tinha um plano para evangelizar o irmandade, em “como fazer”.
o propósito primário da reunião dos discípu- zeiras temos bastantes parentes e amigos da mundo. Em Atos 1.8, Ele demonstrou para
os apóstolos o seu raio de ação, “Jerusalém,
 Edificar o corpo de cristo:
los da Paraíba. Pensando nessas várias for- família Vieira, que congregam na igreja de Alguém já pensou uma vez: “Se alguém ou
mas e com o intuito de melhorar de uma João Pessoa. Com essa visão, podemos olhar Judéia e Samaría e até os confins da terra”;
Desenhe um circulo ao redor de sua cidade algo por fazer isto por mim, então por que
maneira mais eficaz, a Igreja de João Pessoa para todo o estado da Paraíba de uma maneira devo me preocupar em fazê-lo?”. Este tipo
propõe um Plano Orgânico de Missões da realista, entendendo que nosso Deus pode de mais ou menos 150 km;
Ao determinar este raio de ação, faço-o co- de pensamento emperra o trabalho de edifi-
Paraíba – PORMISSÕES. fazer muito mais do que pedimos ou pensa- cação do corpo de Cristo.
mos. mo se tivesse “jogando paciência”, jogue
DESCRIÇÃO pensando na próxima “carta”, escolha as
O TRABALHO cidades que poderia ser uma porta para ou-
O rgânico: adj. 1. Biol. Relativo aos ór-
gãos. 2. Fundamental. 3. Arraigado
profundamente. Dic. Eletrônico. Espirituali- P ORMISSÕES sugere que haja, por parte
das congregações, o trabalho de:
tra;
Também será importante incluir, as peque-
nas congregações e os irmãos espalhados,
zando essa definição, podemos descrever o Conscientização da congregação sobre a dentro desta circunferência.
vocábulo da seguinte forma: os órgãos do importância da evangelização da Paraíba  Defina um plano de trabalho:
corpo de Jesus na Paraíba são fundamentais É necessário incutir na mente de todos a im- O PORMISSÕES entende que preciso haver
no reino de Deus, portanto precisamos está portância do trabalho evangelístico; autonomia da congregação na elaboração no
arraigados profundamente uns nos outros, Esse trabalho não é de uns obreiros isolados, seu plano de trabalho, isso porque ela saberá
para que a irmandade espalhada por toda a mas de toda a congregação, isso precisa está quais as cidades e pessoas que quer alcançar;
Paraíba participe ativamente do crescimento claramente definido; As realidades e os métodos são muitas vezes
do Corpo de Jesus, em nosso estado. O dese- É muito importante saber como a congregação diferentes, pois o que pode esta dando certo
jo do PORMISSÕES, é que as igrejas exis- ver o trabalho evangelístico de missões. Uma na capital não garante que dará certo no
tentes pela graça de Deus, cresçam em quan- maneira muito boa de fazer isso é pedir que os interior;
tidade, qualidade e de uma maneira organiza- irmãos respondam um tipo de questionário que O plano de ação deve ser com fé, mas realis-
da, para que a expansão geográfica do reino possa fazer com que a irmandade reflita e ex- ta (Hb 11.1), é preciso levar em conta as

Página 2 Página 3