Você está na página 1de 12

O GUIA DEFINITIVO

PARA VOCÊ QUE


PRECISA SER JUIZ DE
PAZ ECLESIÁSTICO

PR. EMERSON CRISPIM


AJUPAC / FATEB
http://portalajupac.fatebead.com.br/

Todos os Direitos Reservados a ©AJUPAC - FATEB 2016


INTRODUÇÃO

Uma Breve História que aconteceu comigo.

Comecei o meu ministério na obra do Senhor ainda muito jovem, na


verdade me converti com 18 anos, mas desde a minha conversão foi
muito dedicado e aplicado em servir ao Senhor e unido a isso um
chamado que ardia em meu coração, me fez iniciar no ministério com
poucos anos de conversão e cheguei ao cargo de liderança e responsável
por uma pequena comunidade de mais ou menos uns 50 membros.

E até aí tudo bem, tudo lindo. Como líderes temos as nossas obrigações,
que é está ajudando, aconselhando, mostrando o caminho ao povo, mas
como todo Líder sempre virá desafios a ser superados.
Me deparei com uma situação inusitada. vieram dois jovens e me falaram
pastor, queremos nos casar, até aí tudo bem, mas quando eles me
perguntaram se eu poderia realizar a cerimônia, aí ficou todo mal.

Eu não tinha a mínima noção de como realizar um casamento religioso


com efeito civil, não tinha como dar uma orientação, não tinha como dar
minha opinião, eu na hora fiquei tranquilo, pelo menos mostrei que estava
tranquilo, quando na verdade estava muito preocupado porque eu nunca
tinha atentado para esse Ofício que na verdade faz parte do ministério de
qualquer líder religioso.

Talvez essa história verídica que descrevi acima, já tenha acontecido com
você, ou você está buscando não passar pela mesma situação que eu
passei. rsrsrrs

Há, mas sim no final deu tudo certo, deu uma trabalheira não fui tão bem
com relação a ministração do casamento, mas também não fui um
desastre total.

Ainda bem que os noivos eram meus amigos e entenderam o meu


nervosismo. kkkkk
Passaram-se os anos e por incrível que pareça, me tornei professor de
teologia e mestre de cerimônia.

Fundei juntamente com o amigo e Pastor Marcio Ribeiro a AJUPAC -


Associação de Capelães e Juízes de Paz Eclesiásticos, pensando em
ajudar os líderes para não passarem pelo mesmo que eu passei.

Este E-book tem como objetivo te dar as


orientações necessárias para que você não seja
pego de surpresa, assim como eu fui pego.

Que você aproveite da melhor forma possível, este material, que foi feito
com muito carinho e muito amor para ajudar, você que é líder e que
trabalha na obra do Senhor.
AVISO IMPORTANTE !!!

Por que você Precisa ser um Juiz de Paz Eclesiástico

Você é o maior responsável pelo seu chamado e como ele irá impactar
as pessoas que o Senhor colocar em seu caminho.
Estar preparado para as situações que a vida e o nosso ministério exige
é nossa função.
Ser Juiz de Paz Eclesiástico é um ofício em seu chamado, por isso você
deve exercê-lo com maestria e sabedoria, assim você ajudará a sua
comunidade e o povo que vier até você.
O QUE VOCÊ PRECISA SABER

Em alguns anos com coordenador de Treinamentos de líderes e pastores


para este ofício eu percebi que a maior dificuldade das pessoas que
fazem um curso para essa área é a insegurança com relação a vários
temas.

E são estes temas que iremos abordar nesse E-Book Livro.

1) O Que é Juiz de Paz X Juiz de Paz Eclesiástico?

Muitas pessoas não sabem porém Existe uma grande diferença entre Juiz de paz e
Juiz de paz Eclesiástico.
Por ser uma função parecida, muitas pessoas não sabem identificar, nem discorrer
ou compreender a função que cada um exerce dentro da Comunidade.

JUIZ DE PAZ

O juiz de paz, ele é uma autoridade constituída dentro da comarca do fórum da


cidade em que ele mora, ele geralmente é indicado pelo Juiz Togado da Cidade
para esta celebrando os casamentos civil em lugar do Juiz da Cidade.
Ele trabalha a fim de atender qualquer pessoa que queira realizar o casamento civil.
JUIZ DE PAZ ECLESIÁSTICO

o juiz de paz Eclesiástico ele tem função semelhante ao de Juiz de paz porém o juiz
de paz Eclesiástico ele é um representante religioso que atende a sua igreja a sua
comunidade concernente a realização de casamentos religioso com efeito civil.
vamos entender o que é isso:
O casamento religioso com efeito civil é a opção dos noivos escolherem realizar o
seu casamento, em um local diferente do fórum, sendo ele em uma igreja ou algum
lugar em que eles escolherem para celebrar a cerimônia religiosa, e essa cerimônia
religiosa terá um efeito legal, o que chamamos de civil.

2) É cargo vitalício?
O cargo de Juiz de paz na função Civil onde ele trabalha no Fórum atendendo toda
a sua cidade ele é um cargo que é por indicação geralmente essa indicação dura de
4 anos em 4 anos podendo ser revogado ou não.

No caso do juiz de paz Eclesiástico, ele é um ofício e não um cargo. Ele é uma
obrigação ministerial do líder que está à frente da obra, portanto podemos dizer que
o cargo de Juiz de paz Eclesiástico é um cargo vitalício.

3) É remunerado?
O cargo de Juiz de paz Eclesiástico ele não é remunerado. Como já falamos acima,
ele é meu ofício e faz parte do ministério ao qual você já exerce como pastor em
sua igreja.
Mas em alguns casos ele pode ser sim remunerado pela celebração de
casamentos.

4) É vinculado ao judiciário?

O Juiz de paz Eclesiástico ele não tem nenhum vínculo direto com o judiciário ou
fórum, mas em contrapartida ele precisa entender e saber como funciona os
trâmites legais dentro da sua comarca em sua cidade, para realização de um
casamento religioso com efeito civil.
Lembrando de que, quem dá a legalidade do casamento é o fórum da sua cidade,
por isso você precisa saber quais são os documentos necessários para apresentar
antes e após a realização do casamento.

5) O que faz exatamente?

Por fim, você pode estar se perguntando:


O que exatamente faz um juiz de paz Eclesiástico?
O juiz de paz ele não se limita apenas em celebração de casamentos ele tem
algumas outras funções importantes e inerentes ao seu ofício.

Existem vários, um deles é aconselhamento e acompanhamento.


Registro dos documentos e entrega em cartório.
e alguns mais.

6) Legalidade dentro da Lei para o Juiz de Paz


Eclesiástico?

JUIZ DE PAZ ECLESIÁSTICO O título Juiz de Paz Eclesiástico é um título


Honorífico, já que cada Ministro do Evangelho pode celebrar casamento Religioso
com efeito civil conforme Leis abaixo:

De acordo com a CONSTITUIÇÃO da REPÚBLICA FEDERATIVA DO BRASIL


Capítulo VII, Artigo 226 , parágrafo 2º ,da LEI 1.110 de 23 de Maio de 1950 e da LEI
Nº 6.015 de 31 de Dezembro de 1973,mediante certidão de habilitação para
casamento Civil e em casos específicos sem habilitação,estabelecidos pelos artigos
1515 e 1516 do Novo Código Civil Brasileiro ,todos os Ministros religiosos atuantes
em seus ministérios poderão exercer e serem titulados JUÍZES DE PAZ
ECLESIÁSTICO.

7) Mulher é aceita neste cargo?

8) O que é necessário para ser Juiz de Paz?

Todas essas perguntas não podem ser respondida em apenas um book mas
preparamos um treinamento onde você poderá entender melhor essas informações
e outras informações necessárias para que você possa exercer esse ofício da
melhor forma possível.

Pensando nisso, criamos um treinamento e que já ajudou milhares de ministros e


líderes por todo Brasil a dominar este ofício e suas característica peculiares.

Conheça o Treinamento
Se sentir seguro em relação ao ofício que temos que exercer, nos traz segurança e
confiabilidade em ajudar o máximo de pessoas que veem até nós.
Finalidade do curso:

Consubstancia-se na possibilidade de celebração do casamento civil, no mesmo ato


e momento da celebração do casamento religioso. Ou seja, o Pastor, após o término
da realização da cerimônia religiosa do matrimônio, em que esteve investido na
condição da autoridade religiosa, em ato subseqüente, com a permanência dos
noivos no altar, assume autoridade civil, e realiza a celebração do casamento civil,
nos termos da lei, perante toda a Igreja.

Quem pode realizar o curso?


O curso é indicado para liderança eclesiástica, tais como, pastores, bispos,
missionários, dirigentes de igrejas de qualquer denominação. Que almejam se
prepararem ou se qualificarem mais para o serviço do Reino, na Celebração de
Casamentos, se aprofundar quanto a leis que rege a causa, etc.

Como o Curso Funciona

1- O Curso é realizado 100% a distância.

2- O Manual do Juiz de Paz + Questionário serão enviados IMEDIATAMENTE para


o seu e-mail após a identificação do pagamento.

3- O Aluno deverá estudar o manual e responder as questões por tempo


indeterminado, por se tratar de um curso simplificado, em média os alunos terminam
no máximo em 21 dias.

4- Após responder as questões o aluno deverá enviar o questionário para o e-mail:

5- Depois de aprovado enviaremos pelo correio os documentos do curso no prazo


de 7 dias úteis.

CERTIFICADO
CARTA DE NOMEAÇÃO
CREDENCIAL EM PVC, COM FILIAÇÃO DE UM ANO GRÁTIS A AJUPAC
Conteúdo Programático DO CURSO DE JUIZ DE PAZ
ECLESIÁSTICO:

MÓDULO 1 - A PARTE NECESSÁRIA


Lei e Introdução ao Código

Casamento no Novo Código Civil

Legislação Sobre Casamento

MÓDULO 2 - OS DOIS TIPOS

História do Casamento

Juíz de Paz Civil

O Juiz de Paz Eclesiástico


Princípios de Relação entre autoridade civil e eclesiástica
MÓDULO 3 - MÃO NA MASSA

Casamento Civil

Casamento Religioso

Casamento Religioso com efeito Civil

Ordenanças Religiosas
O Casamento e a Bíblia
A Cerimônia do Casamento

Aconselhamento de Casais

MÓDULO 4 - A ORGANIZAÇÃO

Administração Eclesiástica

Administração FInanceira

Função do Ministro Religioso da Justiça de Paz

Relação dos Documentos que o Aluno terá Direito:

Certificado de Juiz de Paz Eclesiástico

Carteirinha de Juiz de Paz Eclesiástico

Termo de Nomeação

Manual do Juiz de Paz Eclesiástico

Manual do Direito Eclesiástico

Manual do Casamento Religioso com Efeito Civil

Conheça o Treinamento
PR. EMERSON CRISPIM
AJUPAC / FATEB
Contato: 71 98784-5112 / 71 3605-5935
www.portalajupac.fatebead.com.br/

Todos os Direitos Reservados a ©AJUPAC - FATEB 2016


www.faculdadefateb.com