Você está na página 1de 4

17/07/2019 Deputado democrata entra com pedido oficial de impeachment contra Trump - 16/07/2019 - Mundo - Folha

GOVERNO TRUMP (HTTPS://WWW1.FOLHA.UOL.COM.BR/ESPECIAL/2017/GOVERNO-TRUMP)

Deputado democrata entra com pedido oficial de


impeachment contra Trump
Caberá à presidente da Câmara, Nancy Pelosi, decidir se dá ou não prosseguimento
ao requerimento

16.jul.2019 às 20h32
Atualizado: 16.jul.2019 às 21h23

EDIÇÃO IMPRESSA (https://www1.folha.uol.com.br/fsp/fac-simile/2019/07/17/)

O deputado democrata Al Green entrou nesta


SÃO PAULO e WASHINGTON | REUTERS
terça-feira (16) com um pedido de impeachment contra o presidente
Donald Trump   — a primeira iniciativa do tipo tendo como alvo o atual
mandatário dos EUA.

Analistas consideram pouco provável que o pedido seja de fato votado, mas
força a Casa a tomar uma decisão, criando um dilema para líderes políticos
do país, que têm tentado evitar a questão. 

Democrata do Texas, Green disse que avisou ao longo do dia os líderes de seu


partido de que protocolaria oficialmente o pedido na Câmara na noite desta
terça, após a votação de uma moção de repúdio contra 
(https://www1.folha.uol.com.br/mundo/2019/07/nao-tenho-um-so-osso-racista-diz-trump-apos-insultar-deputadas-

democratas.shtml)Trump (https://www1.folha.uol.com.br/mundo/2019/07/nao-tenho-um-so-osso-racista-diz-trump-

apos-insultar-deputadas-democratas.shtml) —medida que
tem efeito apenas simbólico— por
declarações racistas que ele fez contra quatro deputadas democratas.  

"Donald Trump, por suas declarações, colocou o alto cargo de presidente dos


EUA em uma situação de desrespeito, ridículo, vergonha e

https://www1.folha.uol.com.br/mundo/2019/07/deputado-democrata-entra-com-pedido-oficial-de-impeachment-contra-trump.shtml 1/4
17/07/2019 Deputado democrata entra com pedido oficial de impeachment contra Trump - 16/07/2019 - Mundo - Folha

descrédito; semeou discórdia entre o povo americano; demonstrou que é


incapaz de ser presidente e traiu sua confiança como presidente dos Estados
Unidos para o prejuízo manifesto do povo americano, e cometeu uma alta
ilegalidade no cargo", leu Green no plenário da Casa. 

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, durante reunião de seu gabinete na Casa
Branca nesta terça (16) - Leah Millis/Reuters

Segundo o deputado, é exatamente nessas críticas que baseiam seu pedido.

Mais de 80 congressistas da oposição (https://www1.folha.uol.com.br/mundo/2019/07/trump-volta-


atacar-democratas-que-ameacam-aprovar-mocao-de-repudio-contra-ele.shtml) já defenderam

publicamente o impeachment de Trump, mas ninguém até o momento tinha


feito o pedido oficial para iniciar o processo.

Caberá à presidente da Câmara, a democrata Nancy Pelosi, decidir o que


fazer. Ela pode suspender o pedido, enviá-lo para ser analisado por uma
comissão específica ou levá-lo ao plenário para ser votado.

https://www1.folha.uol.com.br/mundo/2019/07/deputado-democrata-entra-com-pedido-oficial-de-impeachment-contra-trump.shtml 2/4
17/07/2019 Deputado democrata entra com pedido oficial de impeachment contra Trump - 16/07/2019 - Mundo - Folha

Caso nada aconteça, Green poderá pedir após duas sessões que o plenário
decida o que fazer —a Casa tem maioria democrata.   

Pelosi e o resto da liderança da oposição no Congresso já se


manifestaram contra o impeachment porque acreditam que ele não tem
chance de ser aprovado no Senado, de maioria republicana. 

Para que um presidente sofra o impeachment, a Câmara precisa primeiro


aprovar por maioria simples a abertura do processo. 

Com isso o caso vai ao Senado, a quem cabe realizar uma sessão comandada
pelo presidente da Suprema Corte para julgar se o mandatário cometeu ou
não um crime que justifique a punição —dois terços dos senadores precisam
votar a favor da condenação . 

É apenas após a condenação no Senado que o presidente deixa o cargo, o que


nunca aconteceu na história americana. 

Apenas dois presidentes tiveram o processo aberto pela


Câmara: Andrew Jackson em 1868 e Bill Clinton em 1998. Os dois, porém,
acabaram absolvidos no Senado. 

Além deles, Richard Nixon renunciou em 1974 durante o processo de


impeachment, quando sua condenação já era dada como certa no Congresso.

sua assinatura vale muito


Mais de 180 reportagens e análises publicadas a cada dia. Um time com mais
de 120 colunistas. Um jornalismo profissional que fiscaliza o poder público,
veicula notícias proveitosas e inspiradoras, faz contraponto à intolerância
das redes sociais e traça uma linha clara entre verdade e mentira. Quanto
custa ajudar a produzir esse conteúdo?

ASSINE A FOLHA (HTTPS://LOGIN.FOLHA.COM.BR/ASSINATURA/390510)

https://www1.folha.uol.com.br/mundo/2019/07/deputado-democrata-entra-com-pedido-oficial-de-impeachment-contra-trump.shtml 3/4
17/07/2019 Deputado democrata entra com pedido oficial de impeachment contra Trump - 16/07/2019 - Mundo - Folha

ENDEREÇO DA PÁGINA

https://www1.folha.uol.com.br/mundo/2019/07/deputado-democrata-entra-
com-pedido-oficial-de-impeachment-contra-trump.shtml

https://www1.folha.uol.com.br/mundo/2019/07/deputado-democrata-entra-com-pedido-oficial-de-impeachment-contra-trump.shtml 4/4