Você está na página 1de 7

carro de controle

Se você é um estudante de engenharia construindo um veículo multi-terreno ou um entusiasta de eletrônica tentando impressionar as pessoas com suas habilidades, fazer um carro de controle remoto é muito melhor do que um carro com fio que você terá que seguir em frente enquanto dirige. É um projeto relativamente simples e no qual você vai aprender várias habilidades interessantes.

Como fazer um carro de controle remoto: o básico

A ênfase é apenas no design mecânico e em alguns circuitos básicos. Temos a interface do módulo transmissor e receptor de RF disponível comercialmente, acoplado ao HT12E e HT12D (codificador / decodificador) para transferir dados pelo ar para os motores do nosso carro.

A maioria dos componentes que usaremos é muito comum e pode ser

comprada em lojas locais de eletrônicos. Aqui está uma lista de todos os itens que você precisará para este projeto. Sinta-se livre para fazer um

desenho próprio do seu carro, só lembre de manter o peso no mínimo possível.

Chassis 2 Motores DC Grampos L (suporte do motor) Rodas Rodízio Parafusos e espaçadores (opcional)

E em termos de eletrônica, você precisará dos seguintes componentes

principais. Você também pode precisar de alguns outros componentes básicos, como resistores e capacitores, mas vamos discuti-los como e quando vamos obtê-los.

Transmissor RF Receptor RF

Codificador (circuito integrado HT12E) e decodificador (circuito integrado HT12D) Driver motor L293d Interruptor tátil Baterias

Além dos componentes acima, você precisará de um suprimento básico de ferramentas, ferro de solda e materiais relacionados.

Então vamos começar!

Carrinho de controle remoto caseiro: o trabalho lógico

Aqui está um fluxograma para ajudá-lo a entender a lógica de trabalho do carro robô. Primeiro, vamos passar por cima da ideia básica do carro RC e da lógica de trabalho que está envolvida no carro. Existem dois blocos, o Transmissor (controle remoto) e o Receptor (carro robô).

Módulo Receptor RF -> Decodificador HT12D -> Driver Motor L293d -> Mot 1 / Mot2

Interruptor DPDT -> Codificador HT12E -> Módulo Transmissor RF

No lado do transmissor, você tem os interruptores para fornecer as entradas digitais ao IC do codificador. Ele então codifica esses dados e os envia para o módulo transmissor de RF.

No lado do receptor, você terá o receptor de RF que recebe os dados codificados e os transmite para o decodificador. O decodificador decodifica os dados e os envia para o IC do acionador do motor para acionar os motores.

Faça seu carrinho de controle remoto em casa para se divertir com o novo brinquedo.

Faça seu carrinho de controle remoto em casa para se divertir com o novo brinquedo. (Foto:

YouTube)

Projeto carrinho de controle remoto caseiro:

noção básica sobre os datasheets

O próximo passo é aprender como acessar a folha de dados (datasheet) dos

componentes que você está usando. Na verdade não é grande coisa, basta pesquisar o nome do componente e você encontrará links para o datasheet

A folha de dados ou folha de especificações é um documento fornecido pelo

fabricante para nos dar uma melhor compreensão de como o componente realmente se comporta. A parte mais difícil é encontrar o que você está procurando no arquivo PDF que você acabou de baixar.

Ler e entender a folha de dados é uma habilidade que qualquer entusiasta da eletrônica deve dominar. Eu sugiro que você pesquise cada um dos itens de uma datasheet antes de começar seu projeto para entender o que cada parte significa.

Então o ponto é gastar tempo suficiente com a folha de dados. Você pode estar quase 100% certo de que cada minuto foi bem gasto.

Algoritmo diferencial de acionamento

Existem muitos tipos diferentes de algoritmos de drive para dirigir carros. Um desses métodos é o método de acionamento diferencial. Nós estaremos

usando apenas um par de motores para dirigir o carro. Nós teremos apenas uma roda castor além dos dois motores e ela será usada para dar estabilidade mecânica ao carro.

Agora a pergunta óbvia é como o carro mudará de direção se tiver apenas duas rodas. É quando o algoritmo do inversor diferencial aparece. O controle de direção é obtido girando uma das rodas em uma direção e a outra em outra direção. A tabela a seguir pode fornecer uma melhor compreensão.

Motor Esquerdo:

Frente Frente Traseira Traseira

Motor Direito

Frente Traseira Frente Traseira

Direção

Frente Direita Esquerda Traseira

Como você deve ter adivinhado, o carro irá para frente ou para trás se ambos os motores operarem em uma direção e para a esquerda ou para a direita se eles operarem em direções diferentes.

ou para a direita se eles operarem em direções diferentes. Você pode fazer o chassi e

Você pode fazer o chassi e carenagem do veículo como bem entender, protegendo melhor a estrutura do seu carrinho. (Foto: YouTube)

Transmissor RF e Módulo Receptor do carrinho de controle remoto

Agora, aqui estão os módulos de transmissor e receptor de RF. Há uma variedade de fabricantes, por isso não entre em pânico se seus módulos estiverem diferentes. Mesmo a frequência com que se comunicam não deve ser um problema, desde que o receptor e o transmissor tenham a mesma frequência. Todos os módulos são compatíveis com Pin e Pad. Mas existem alguns módulos que possuem numeração invertida, como o primeiro pino será o último pino e o segundo pino será o segundo do último e assim por diante.

Fazendo o transmissor de RF (controle remoto)

Agora, para o circuito do transmissor, você terá que ter em mente que este é o seu controle remoto. Portanto, tente torná-lo tão prático quanto possível (no caso de você estar fazendo um). A última coisa que você quer é um controle remoto que seja muito grande / pesado para carregar. Faça um bom fechamento para este circuito.

O codificador HT12E é um codificador de 12 bits, ou seja, tendo 8 bits de

endereço e 4 bits de dados. Os bits de endereço podem ser deixados abertos ou baixos. No circuito abaixo, você verá que cada um dos pinos de endereço (A0 a A7) está conectado a um comutador. Portanto, se a chave estiver

LIGADA, a linha será conectada a GND (VSS), caso contrário, o pino ficará flutuando.

O TE (transmissão habilitada) é uma entrada baixa ativa para o IC. Isso

permite a transmissão. Assim, quando o interruptor conectado ao pino 14 é pressionado, os 8 bits de endereço junto com os 4 bits de dados (AD8 a AD11) são codificados em série e enviados para o pino DOUT.

Para nossa aplicação (carro RC), conectaremos a TE diretamente ao GND, já que temos que continuar enviando os dados como e quando eles chegarem ao carro RC.

Ao contrário do circuito receptor, isso não precisa ter uma bateria pesada. Você poderia alimentar este circuito com uma bateria de 9V.

O esquema da foto é para o circuito do transmissor. (Foto: divulgação) Fazendo o circuito

O esquema da foto é para o circuito do transmissor. (Foto: divulgação)

Fazendo o circuito do receptor RF com o driver do motor

O

pino de endereço no decodificador (HT12D) se comporta exatamente como

o

do codificador. Os dados são recebidos no pino DIN do circuito receptor

RF e, em seguida, esses dados são verificados 3 vezes (de acordo com a folha de dados, os dados são transmitidos 3 vezes e recebidos 3 vezes e somente se 3 vezes os dados forem decodificados) e então decodificado e o IC verifica se a conexão do pino de endereço do codificador é a mesma do decodificador. Se a configuração do endereço do decodificador coincide com

a

entrada nos dados recebidos (do codificador), os dados são decodificados

e

fixados nos pinos de dados (D8 a D11).

Esses dados decodificados são então enviados como sinais de controle para

o

IC do driver do motor. L293d é um driver de motor de ponte H duplo. Ele

é

usado para acionar o motor na direção da direção para frente e para trás.

O

pino VT (transmissão válida) é usado para indicar se há uma transmissão

válida entre o codificador e o decodificador. Este pino pode ser deixado

aberto ou como no circuito abaixo, um LED com resistência em série pode ser usado para dar uma indicação visual.