Você está na página 1de 4

Noções de Direito Empresarial

Lista de exercícios – 23/03/2018

1) Explique como surgiu a teoria dos atos do comércio e quais o seu conceito.

2) (Juiz do Trabalho Substituto – TRT 2ª Região) Com relação à empresa assinale a


alternativa correta:

a) A teoria da empresa trazida no Código Civil, em vigor, a define como atividade


econômica organizada para a produção ou circulação de bens e serviços e tem
fundamento doutrinário no Direito Italiano.

b) Aquele que exerce profissão intelectual, de natureza científica, mesmo com o


concurso de auxiliares, não pode ser considerado empresário.

c) A incapaz é vedado continuar o exercício da empresa que exercia ao tempo em


que capaz.

d) Os cônjuges podem contratar sociedade entre si, salvo se casados, mediante pacto
antenupcial, no regime de separação de bens.

3) (OAB – 2015) Assinale a alternativa correta em relação aos conceitos de empresa e


empresário no Direito Empresarial.

a) Empresa é a sociedade com ou sem personalidade jurídica; empresário é o sócio da


empresa, pessoa natural ou jurídica com responsabilidade limitada ao valor das quotas
integralizadas.
b) Empresa é qualquer atividade econômica destinada à produção de bens; empresário é
a pessoa natural que exerce profissionalmente a empresa e tenha receita bruta anual
de até R$ 100.000,00 (cem mil reais).
c) Empresa é a atividade econômica organizada para a produção e/ou a circulação de
bens e de serviços; empresário é o titular da empresa, quem a exerce em caráter
profissional.
d) Empresa é a repetição profissional dos atos de comércio ou mercancia; empresário é a
pessoa natural ou jurídica que pratica de modo habitual tais atos de comércio.

4) (Delegado de Polícia Civil – PCPA) No que concerne à caracterização da atividade


empresarial segundo o direito brasileiro, pode se afirmar que:

a) o empresário que tenha a atividade rural como sua principal profissão não pode
requerer inscrição no Registro Público de Empresas Mercantis da respectiva sede.
b) o termo empresário refere-se ao sócio da sociedade empresária.
c) não se considera empresário quem exerce profissão intelectual, de natureza
científica, literária ou artística, ainda com o concurso de auxiliares ou
colaboradores, salvo se o exercício da profissão constituir elemento de empresa.
d) a pessoa legalmente impedida de exercer a atividade empresária, caso a exerça,
não responderá pelas obrigações que contrair.
5) (Titular de Cartório – TJRN) Quanto ao empresário e a empresa, é correto afirmar,
EXCETO, que:

a) Como organizada, entende-se aquela atividade em que o empresário articula


capital, mão-de-obra, insumos e tecnologia.
b) O profissionalismo é requisito que qualifica o empresário.
c) O médico que presta seus serviços é empresário, pois, mesmo que não exerça
uma atividade organizada com a contratação de colaboradores, exerce tal
atividade de forma profissional.
d) O conceito de empresa remete à atividade, e não à sociedade.

6) (Analista – EBC) João, conceituado jornalista, exerce sua atividade com o concurso de
mais dois colaboradores, que o auxiliam na confecção e formatação de seus textos.
Nessa situação, João não é considerado empresário. ( ) Certo ( ) Errado

7) (Juiz Federal – TRF 2ª Região) Segundo a doutrina, o direito comercial não se formou
em uma única época nem no meio de um só povo. A cooperação de todos os povos em
tempos sucessivos, firmada fundamentalmente nas bases econômicas, é que o
constituíram e lhe imprimiram o caráter autônomo. Com relação ao direito comercial e
ao empresário, assinale a opção correta.

a) Os funcionários públicos estão proibidos de exercer atividade empresarial, de


acordo com a CF e normas específicas; contudo, a proibição diz respeito ao
efetivo exercício da atividade empresarial, não existindo restrição quanto ao fato
de o funcionário público ser simplesmente acionista ou quotista de sociedade
empresária.
b) Nos termos do Código Civil, somente podem exercer a atividade empresarial os
que estiverem em pleno gozo da capacidade civil e não forem legalmente
impedidos, não havendo possibilidade de menor de dezoito anos exercer a
atividade empresarial.
c) Empresário é definido na lei como o profissional que exerce atividade econômica
organizada para a produção ou a circulação de bens ou serviços. Para a doutrina,
também será empresário aquele que organizar episodicamente a produção de
certa mercadoria, mesmo destinando-a à venda no mercado.
d) Somente será considerado empresário o exercente profissional de atividade
econômica organizada para a produção ou a circulação de bens ou serviços,
inscrito no registro de empresas do órgão próprio.

8) (Oficial de Inteligência – ABIN) No que concerne aos requisitos, impedimentos, direitos


e deveres do empresário, aos atos de comércio e aos contratos de empresas, julgue o
item subsecutivo.

Situação hipotética: João, empresário e proprietário de uma loja de roupas, sofreu um


acidente vascular cerebral, razão por que foi decretada a sua incapacidade civil. Assertiva:
Nessa situação, João poderá continuar na empresa, assistido ou representado pelos seus pais,
mediante autorização judicial. ( ) Certo ( ) Errado

9) (Titular de serviços de Notas e Registros - TJMG) Possui(em) capacidade para ser


empresário, EXCETO:
a) Os que estiverem em pleno gozo da capacidade civil e não forem legalmente
impedidos.
b) O incapaz, desde que representado ou assistido, poderá continuar a empresa antes
exercida por ele enquanto capaz.
c)
d) O falido não reabilitado.

10) (Titular de serviços de Notas e Registros - TJMG) Nos termos do Código Civil marque a
afirmativa INCORRETA acerca da definição de empresário:

a) É aquele que exerce profissionalmente atividade econômica organizada para a


produção ou a circulação de bens ou de serviços.
b) É aquele que exerce profissionalmente atividades em cooperativas sendo um dos
cooperados.
c) É aquele cuja atividade rural constitua sua principal profissão, desde que seja
inscrito no Registro Público de Empresas Mercantis da respectiva sede.
d) É aquele que exerce atividade empresarial individual de responsabilidade limitada,
por uma única pessoa titular da totalidade do capital social.

11) (Juiz Substituto – TJPI) Renato, empresário cuja atividade rural constitui sua principal
profissão:

a) tem a faculdade de se inscrever no Registro de Empresas, mas só pode exercê-la


previamente ao início das suas atividades.
b) não tem direito de se inscrever no Registro de Empresas, cabendo-lhe se inscrever
apenas perante o Ministério da Agricultura e Pecuária e Abastecimento.
c) tem o dever de se inscrever no Registro de Empresas previamente ao início das
suas atividades.
d) tem o dever de se inscrever no Registro de Empresas até noventa dias depois da
data em que iniciar suas atividades.
e) tem a faculdade de se inscrever no Registro de Empresas, mesmo depois de
iniciadas as suas atividades.

12) (Advogado da União – AGU) Acerca dos impedimentos, direitos e deveres do


empresário, julgue o item que se segue de acordo com a legislação vigente.

O incapaz não pode ser autorizado a iniciar o exercício de uma atividade empresarial
individual, mas, excepcionalmente, poderá ele ser autorizado a dar continuidade a
atividade preexistente. ( ) Certo ( ) Errado

13) (OAB – 2016) O engenheiro agrônomo Zacarias é proprietário de quatro fazendas onde
ele realiza, em nome próprio, a exploração de culturas de soja e milho, bem como
criação intensiva de gado. A atividade em todas as fazendas é voltada para exportação,
com emprego intenso de tecnologia e insumos de alto custo. Zacarias não está
registrado na Junta Comercial.

Com base nessas informações, é correto afirmar que

a) Zacarias, por exercer empresa em caráter profissional, é considerado empresário


independentemente de ter ou não registro na Junta Comercial.
b) Zacarias, mesmo que exerça uma empresa, não será considerado empresário
pelo fato de não ter realizado seu registro na Junta Comercial.
c) Zacarias não pode ser registrado como empresário, porque, sendo engenheiro
agrônomo, exerce profissão intelectual de natureza científica, com auxílio de
colaboradores.
d) Zacarias é um empresário de fato, por não ter realizado seu registro na Junta
Comercial antes do início de sua atividade, descumprindo obrigação legal.