Você está na página 1de 1

INSTITUTO BRASILEIRO DE DIREITO TRIBUTÁRIO

Curso de Especialização em Direito Tributário - 2017

- Módulo V -
AULA 1: Sistema Tributário Ideal
Data: 09.12.2017

ATIVIDADES PRÁTICAS

1. Quais os principais objetivos da tributação? É sabido que o Direito Tributário tem


como objeto a riqueza gerada pelos cidadãos, captando sinais de capacidade
econômica e recolhendo ao Erário parte da riqueza observada. Dentro disto, quais
são os possíveis fenômenos denotadores de riqueza que em tese podem ser
objeto de tributação? Há algum deles que é preferível em relação aos outros?

2. Qual o papel das normas tributárias simplificadoras, em termos de política fiscal,


para que o Estado cumpra as principais funções públicas?

3. O Código Tributário Nacional, em seu art. 113, § 2º, diz que as obrigações
acessórias serão instituídas no interesse da arrecadação e da fiscalização dos
tributos. Qual a relação deste artigo com o sistema tributário ideal? Desde que no
interesse da arrecadação e da fiscalização as obrigações acessórias podem ser
livremente instituídas pelos entes políticos? Justifique. Em caso negativo, qual o
limite às obrigações tributárias acessórias?

4. Os tributos proporcionais também são hábeis para atingir a tributação conforme


a capacidade contributiva ou apenas os tributos progressivos têm o condão de
atingi-la? Em face de suas considerações, analise criticamente o atendimento ao
princípio da capacidade contributiva por parte dos impostos hodiernamente
existentes no ordenamento jurídico brasileiro.

5. Quais os argumentos favoráveis e contrários à existência do imposto sobre a renda


das pessoas jurídicas? Qual a sua opinião?