Você está na página 1de 8

DISCIPLINA: Alfabetização e Linguagem

PROFESSORES: Profª Drª Cristiane Carneiro Capristano e Profº Drº Neil Armstrong Franco de
Oliveira

Polo: NOVA SANTA ROSA

Trabalho escrito

(2ª NOTA PERIÓDICA)


ERROS ORTOGRÁFICOS NAS PRODUÇÕES TEXTUAIS INFANTIS: COMO

FUNCIONAM? COMO PODEMOS AJUDAR AS CRIANÇAS A

COMPREENDER AS CONVENÇÕES ORTOGRÁFICAS?

PROPOSTA: Desenvolvimento de uma análise CRÍTICA de UMA OU MAIS produções textuais escritas em
ANEXO, e elaboração de uma proposta de intervenção, ou seja, uma atividade didático-pedagógica a ser
desenvolvida com uma turma de Ensino Fundamental (1º ao 5º ano), apresentando quais encaminhamentos
metodológicos deveriam ser dados para a abordagem do erro mais recorrente encontrado no material, ou seja,
como deveriam ser explicadas as regras de funcionamento da ortografia concernentes ao erro selecionado, você
também deve apresentar nesta proposta os materiais que vai utilizar durante a aula (livro, poesia, texto, tinta,
jornal, etc.). A análise deve ser fundamentada na leitura do referencial teórico da disciplina e em outros
referenciais pesquisados pelos acadêmicos – especialmente, referenciais que discutam a relação entre
alfabetização e letramento e a relação entre os aspectos fonéticos, fonológicos e ortográficos da escrita mais
diretamente interessantes para a alfabetização. A finalidade é a de levar os acadêmicos à reflexão crítica sobre a
escrita das crianças.

Você deve identificar nessas produções o erro de escrita mais recorrente, classificar esse erro
como produto de uma dificuldade com uma regularidade, uma regularidade contextual ou com
uma irregularidade ortográfica, e, por fim, elaborar uma aula (proposta de intervenção) para ajudar

o aluno do texto a superar tal dificuldade.

NORMAS PARA A ELABORAÇÃO DO TEXTO

1. Formatação: O texto não poderá ser redigido com tamanho inferior a 3 PÁGINAS e não deverá exceder o
limite 5 PÁGINAS.

2. Citações: O texto deve conter em seu corpo pelos menos 4 CITAÇÕES de textos diferentes que indiquem
as fontes da pesquisa bibliográfica que permitiu a sua elaboração.
3. Referências Bibliográficas: o texto deve apresentar as referências bibliográficas (lista das obras e sites que
foram usados na pesquisa).

4. Organização do texto: O texto deverá conter os seguintes itens:

 Título do texto.
 Nome do autor (a).
 Texto: deve ser dividido em duas partes:

A. Uma primeira parte em que o acadêmico apresente uma ANÁLISE CRÍTICA DAS PRODUÇÕES
ESCRITAS INFANTIS (fundamentada na bibliografia fornecida no curso ou em bibliografia pesquisada) dos
erros ortográficos presente no (s) texto (s) ofertado (s).

B. Outra parte em que o acadêmico faça uma PROPOSTA DE INTERVENÇÃO, que deve respeitar os
seguintes passos:

 Selecionar, dentre os erros ortográficos presente no (s) texto (s) ofertado (s) para análise, o tipo de erro
mais recorrente.
 Observar quais são as características desse erro: é produto de uma dificuldade com uma regularidade,
uma regularidade contextual ou com uma irregularidade ortográfica?
 Após selecionar o erro e observar suas características, elaborar uma proposta de intervenção (uma
atividade didático-pedagógica) a ser desenvolvida com uma turma de Ensino Fundamental (1º ao 5º
ano), apresentando quais encaminhamentos metodológicos deveriam ser dados para a abordagem do erro
mais recorrente encontrado no material, ou seja, como deveriam ser explicadas as regras de
funcionamento da ortografia concernentes ao erro selecionado.
 A proposta de intervenção deve ser elaborada respeitando o seguinte esquema:
FORMA DE AVALIAÇÃO: O trabalho será analisado considerando o respeito às orientações dadas quanto à
formatação do texto, à qualidade redacional do texto, à pertinência da pesquisa bibliográfica feita sobre o tema,
à qualidade do conteúdo do texto e à qualidade da proposta de intervenção.

Resumindo: A análise ela deve ser fundamentada na leitura do livro didático da disciplina e em outros
referenciais que devem ser pesquisados por vocês especialmente referenciais que discutam a relação entre
alfabetização e letramento e a relação entre os aspectos fonéticos, fonológicos e ortográficos na escrita, a
finalidade da proposta é de levar vocês para fazer uma reflexão crítica sobre o que é escrita de criança e como
elas funcionam.

Na primeira parte vocês vão fazer uma análise da produção escrita infantil, vocês vão ter que ir escrevendo
fundamentados na bibliografia que foi fornecida no curso ou na bibliografia que vocês pesquisarem, vocês vão
ter que olhar para o texto produzido pela criança identificando quais são os erros ortográficos que essa criança
cometeu e tentar explicar o porquê daqueles erros ortográficos estarem ali, tentando identificar o que a criança
errou ao escrever.
Então vocês vão fazer análise integral dos textos oferecidos para análise olhando nesses textos como foram
estabelecidas pelas crianças as relações grafemas e fonemas e especificamente quando ela errou essas relações,
vocês precisam explicar porque que ela errou com base nos textos referenciados.

Vocês vão ter que selecionar dentre os erros que vocês identificaram nos textos que vocês analisaram, qual era
o erro mais recorrente e construir uma atividade para trabalhar esse erro na sala de aula com a criança .

Segue abaixo as 4 atividades realizadas pelos alunos.


ANEXO
Desejamos a todos (as) um excelente trabalho!

Profª Drª Cristiane Carneiro Capristano e Profº Drº Neil Armstrong Franco de
Oliveira