Você está na página 1de 17

UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARANÁ

CÁTIA GARCIA MORAIS


JAIME WOJCIECHOWSKI
MARIA VALÉRIA DA COSTA
MÁRIO DE PAULA SOARES
PEDRO RODRIGUES TORRES
RAFAELA MANTOVANI FONTANA

DIRETRIZES PARA A DOCUMENTAÇÃO DO TRABALHO DE CONCLUSÃO


DE CURSO: CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM ANÁLISE E
DESENVOLVIMENTO DE SISTEMAS

AGOSTO

2010
SUMÁRIO

1 APRESENTAÇÃO GRÁFICA ........................................................................ 3


1.1 FORMATAÇÃO DO PAPEL E MARGENS....................................................3
1.2 PAGINAÇÃO..................................................................................................4
2 ESTRUTURA....................................................................................................6
2.1 ELEMENTOS EXTERNOS............................................................................6
2.2 ELEMENTOS INTERNOS.............................................................................7
2.2.1 Elementos pré-textuais...............................................................................7
2.2.2 Elementos textuais....................................................................................14
2.2.3 Elementos pós-textuais.............................................................................16
REFERÊNCIAS.................................................................................................17
3

1 APRESENTAÇÃO GRÁFICA

É a maneira de organizar física e visualmente o trabalho.

1.1 FORMATAÇÃO DO PAPEL E MARGENS

A norma da ABNT referente a apresentação dos trabalhos acadêmicos é


a NBR14724/2006. Essa norma descreve a seguinte formatação:
Margem esquerda: 3 cm

Margem superior: 3 cm

Margem direita: 2 cm

Papel A4 ( que mede 21,0 x 29,7Margem


cm) deinferior: 2 cm
cor branca, e usar cor preta para
impressão, com exceção das ilustrações.

 ATENDENDO A QUESTÕES SOCIOAMBIENTAIS, RECOMENDA-SE A


IMPRESSÃO EM FRENTE E VERSO.
 Utilizar fonte (tamanho da letra) 12 para texto normal. Para notas de rodapé
e citações longas (com mais de três linhas), legenda de ilustração, tabela,
quadro, gráfico, nota indicativa, da natureza acadêmica, ficha catalográfica
e paginação utilizar o tamanho 10.
 Utilizar fonte - tipo de letra: Arial.
 O espaço entre as linhas deve ser o seguinte:
- espaço de 1,5 cm ou exatamente 24 pontos para o texto;
4

- espaço de 1 cm (simples) ou exatamente 14 pontos para resumo/ abstarct,


referência, notas de rodapé, citação longa, legenda de ilustração, tabela,
quadro, gráfico, ficha catalográfica e nota indicativa da natureza acadêmica;

- dois espaços de 1 cm (simples) para separar as referências entre si;

- dois espaços de 1,5cm para separar o título das seções e subseções do texto.

 Os parágrafos devem começar sempre a 1,25 cm a partir da margem


esquerda.
 Parágrafos de citação longa devem observar o recuo de 4 cm da
margem esquerda.
 Deve-se evitar linhas órfãs ou viúvas (apenas uma linha de texto no final
ou no início da página).
 É opcional a impressão final em frente e verso da folha.

1.2 PAGINAÇÃO

As páginas pré-textuais (folha de rosto, dedicatória, agradecimento,


sumário e listas) são contadas, mas não numeradas (não recebem algarismos
romanos).

A indicação de número de página é colocada a partir da primeira folha de


texto (introdução), e incluir apêndice e anexo.

A paginação é feita em algarismos arábicos seqüênciais, colocados no


canto superior direito da folha, e aparece a partir da introdução.

Para trabalho em volumes, deve ser mantida a numeração seqüencial


das páginas, ou seja, do primeiro ao último volume.
5
6

1. ESTRUTURA

O Quadro 1 descreve os elementos obrigatórios e opcionais no documento do


trabalho de conclusão de curso. O elemento pós-textual Apêndice é obrigatório pois
nele constará a documentação do sistema criado.

Capa Obrigatório
ELEMENTOS EXTERNOS
Folha de rosto Obrigatório
Resumo na língua vernácula Obrigatório
Resumo em língua
Obrigatório
estrangeira
Lista de ilustrações Opcional
PRÉ-TEXTUAIS
Lista de tabelas Opcional
Lista de abreviaturas e siglas Opcional
Lista de símbolos Opcional
Sumário Obrigatório
ELEMENTOS INTERNOS
Introdução Obrigatório
Desenvolvimento Obrigatório
TEXTUAIS
Conclusão Obrigatório
Referências Obrigatório
Glossário Opcional
Apêndice Obrigatório
PÓS-TEXTUAIS
Anexo Opcional
Índice Opcional
Citação Opcional
Notas de rodapé Opcional
Ilustração e\;ou figura Opcional
Quadro Opcional
Tabela Opcional
ELEMENTOS DE APOIO
Equação e fórmula Opcional
Sigla Opcional
Abreviatura Opcional
Símbolo Opcional

Quadro 1 - Elementos da estrutura do documento de TCC

2.1 ELEMENTOS EXTERNOS

 CAPA (obrigatório) – é a cobertura externa de material flexível (bruxura)


ou rígido (capa dura ou cartonada) sobre a qual se colocam informações
que ajudam na identificação e utilização do trabalho, na seguinte ordem:
 Nome da instituição;
 nome do autor do trabalho;
 título;
7

 subtítulo, quando houver e deve ser evidenciada a sua subordinação ao


título principal, precedido de dois pontos (:);
 número de volumes (se houver mais de um volume, deve constar na
capa a especificação do respectivo volume);
 local (cidade) da instituição onde o trabalho deve se apresentado;
 ano da entrega do trabalho.

2.2 ELEMENTOS INTERNOS

Os elementos internos são constituídos de: pré-textuais, textuais e


pós-textuais.

 Elementos pré-textuais

São elementos que antecedem o texto e que trazem informações para


sua identificação e utilização:

FOLHA DE ROSTO (obrigatório) – deve conter os elementos essenciais à


identificação do trabalho e imprime-se na mesma as seguintes informações:

a) nome(s) do(s) autor(es) do trabalho centralizado em letras


maiúsculas na primeira linha do texto;
b) título (claro e preciso) centralizado a partir da 13ª linha após o(s)
nome(s) do(s) autor(es);
c) subtítulo, quando houver e deve ser evidenciada a sua
subordinação ao título principal, precedido de dois pontos (:);
d) número de volumes (se houver mais de um volume, deve constar
na capa a especificação do respectivo volume);
e) nota indicando a natureza acadêmica do trabalho (tese,
dissertação ou outro trabalho) e objetivo (aprovação em disciplina,
grau pretendido e outros fins); nome da instituição a que é
submetido; área de concentração; (APÊNDICE) devendo se
apresentado:
- com uma linha em branco após a ultima linha do título;
- com margem esquerda a partir da metade da folha;
8

- alinhada ou não à margem direita;


- com letras maiúscula e minúsculas, em tamanho menor;
- com uma linha em branco separando o nome do orientador da nota
indicativa.
f) nome do orientador e, se houver, co-orientador;
g) local (cidade) da instituição onde o trabalho deve se apresentado,
centralizado em letras maiúsculas na penúltima linha;;
h) ano da entrega do trabalho em algarismos arábicos, centralizado
na última linha.

Arial 12, todas maiúsculas,


UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARANÁ
centralizado, sem negrito
MARIA VALÉRIA DA COSTA

METODOLOGIA CIENTÍFICA Arial, 12, todas maiúsculas, centralizado na horizontal e na


vertical da página.
Se for PROJETO é em NEGRITO
Se for TCC ou TESES é sem NEGRITO

Arial, 12, todas maiúsculas, sem


negrito, centralizado.
CURITIBA
2010

Figura 1- Modelo de capa


9

Arial 12, todas maiúsculas, centralizado, sem negrito


MARIA VALÉRIA DA COSTA

Arial, 12, todas maiúsculas, centralizado na horizontal e na vertical da


página.
METODOLOGIA CIENTÍFICA Se for PROJETO é em NEGRITO
Se for TCC ou TESES é sem NEGRITO

Trabalho apresentado á
disciplina....., do curso...... ,
Setor..... da Arial, 10, sem negrito, justificado, recuo (8
Universidade...... cm da margem) para o centro da página,
espaço entre as linhas simples, sem negrito
Orientador: Professor Dr.

Arial, 12, todas maiúsculas, sem negrito,


CURITIBA centralizado.
2006

Figura 2 - Modelo de folha de rosto

RESUMO EM LÍNGUA VERNÁCULA (obrigatório) : é a apresentação concisa


dos pontos relevantes de um trabalho. O resumo deve apresentar uma visão
rápida e clara do conteúdo e das conclusões do trabalho e, ainda, constitui-se
uma seqüência de frases concisas e objetivas e não de uma simples
enumeração de tópicos e não deve ultrapassar 500 palavras. Logo abaixo do
resumo, coloca-se as palavras-chaves.

RESUMO EM LÍNGUA ESTRANGEIRA (obrigatório): é uma versão do resumo


em idioma de divulgação internacional.

SUMÁRIO (obrigatório): consiste na enumeração das principais divisões,


seções e outras partes do trabalho, na mesma ordem e grafia em que a matéria
nele se sucede, acompanhado do respectivo número da página. Se houver
mais de um volume, deve constar em cada volume o sumário completo do
trabalho.

É desnecessário em trabalhos pouco extensos ou pouco divididos.


10

O sumário deve ser apresentado da seguinte maneira:


a) em folha distinta, após a folha de rosto, termo de aprovação, a dedicatória,
os agradecimentos e a epígrafe.
b) relacionando os títulos dos elementos pré-textuais, que aparecem após o
sumário, com exceção da dedicatória, dos agradecimentos e da epígrafe,
sem indicativo de numeração;
c) relacionando os títulos de todos os elementos pós-textuais, sem indicativo
de numeração;
d) relacionando os títulos dos elementos pré-textuais, dos elementos pós-
textuais (dos capítulos, das seções ou das partes) e dos elementos pós-
textuais com o mesmo padrão gráfico empregado no texto;
e) cada capítulo, seção ou parte deve apresentar os seguintes dados:
- indicativo numérico (para numeração progressiva das seções de um
documento, ver Norma Brasileira Registrada (NBR), da Associação
Brasileira de Normas Técnicas (ABNT);
- título;
- número da folha inicial, ligado ao título por uma linha pontilhada.
f) a folha de sumário vem após a folha de listas.

Sumário não pode ser confundido com ÍNDICE, este último é uma relação
detalhada de assuntos, nomes de pessoas, nomes de empresas e outros,
apresentados em ordem alfabética no final do trabalho, indica as páginas onde
cada termo relacionado se encontra. NÃO SE FAZ ÍNDICE EM TRABALHOS
ACADÊMICOS.

O número da página inicial do capítulo ou seção deve ser ligada ao título


por linha pontilhada conforme o modelo abaixo:
11

SUMÁRIO

RESUMO .............................................................................................................................6
ABSTRACT...........................................................................................................................7
1 INTRODUÇÃO.................................................................................................................. 8
2 REVISÃO DA LITERATURA.......................................................................................... 12
2.1 NEOLIBERALISMO E AS POLÍTICAS PARA A EDUCAÇÃO....................... ..............12
2.2 GLOBALIZAÇÃO: CONTEXTO PARA A MODIFICAÇÃO DO PERFIL
PROFISSIONAL..................................................................................................................15
2.2.1 Noção de competência, no contexto político neoliberal.............................................21
2.3 A NOÇÃO DE COMPETÊNCIA.....................................................................................26
2.4 A NOÇÃO DE COMPETÊNCIA NOS DOCUMENTOS OFICIAIS RELATIVOS AO
ENSINO MÉDIO..................................................................................................................36
3 DELINEAMENTO DA METODOLOGIA E RESULTADOS DA
PESQUISA..........................................................................................................................50
4 CONSIDERAÇÕES FINAIS.............................................................................................75
REFERÊNCIAS...................................................................................................................97
ANEXO .............................................................................................................................100

Figura 3 - Modelo de Sumário

Recomenda-se que os trabalhos sejam realizados utilizando-se dos


recursos de formatação de estilos e criação automática de sumários existentes
nos editores de texto mais utilizados.

LISTA DE TABELAS, FIGURAS, ANEXOS, etc. (opcional): É a relação de


tabelas, quadros e figuras constantes em um trabalho deve ser elaborado de
acordo com a ordem apresentada no texto, com cada item acompanhado do
respectivo número da página. Recomenda-se a elaboração de lista própria para
cada tipo de ilustração (lâminas, fotografias, plantas, organogramas, etc.)desde
que a lista apresente no mínimo dois itens. Caso contrário, pode-se elaborar
uma única lista denominada LISTA DE ILUSTRAÇÕES, identificando-se
necessariamente o tipo de ilustração antes do número.

No texto, com exceção de tabelas e quadros, todas as demais


ilustrações podem ser referidas por figuras, ou denominadas especificamente
como gráfico, mapa, planta entre outros.

Quando pouco extensas, as listas podem figurar seqüencialmente na


mesma folha.

As listas devem:

a) Ser apresentadas em folha distinta, após o sumário;


12

b) Apresentar cada seção com os seguintes dados:


- tipo de ilustração e indicativo numérico;
- título;
- número da folha que contém a ilustração, ligado ao título por uma linha
pontilhada.

 Para a apresentação das listas, ver o volume – Redação e Editoração do


conjunto Normas para apresentação de documentos científicos publicado
pela Editora da Universidade Federal do Paraná.

LISTA DE ABREVIATURAS, SIGLAS e SÍMBOLOS: É a relação alfabética de


abreviaturas, siglas e símbolos empregados no trabalho, com o significado
correspondente.

Exemplos:

LISTA DE SIGLAS

COMEC - Coordenadoria da Região Metropolitana de Curitiba

PMI - Programmable Multispectral Imager

UFPR - Universidade Federal do Paraná

WWW - World Wide Web

LISTA DE SÍMBOLOS

@ - Arroba

% - Por cento

Ca - Cálcio

Figura 4 - Modelo de listas

No caso dos símbolos, não sendo possível ordená-los alfabeticamente,


recomenda-se que sejam relacionados conforme a ordem em que aparecem no
texto.
13

As duas listam podem figurar na mesma folha, caso não sejam muito
extensas.

RESUMO: É a apresentação concisa do texto, destacando seus aspectos de


maior relevância.

Na elaboração do resumo deve-se:

a) apresentar o resumo precedendo o texto, em entrelinhamento menor e em


folha distinta;
b) escrever o resumo na língua do texto, sendo aconselhável incluir versão em
uma ou mais línguas de difusão internacional, na folha seguinte;
c) incluir obrigatoriamente um resumo em português no caso de trabalhos em
língua estrangeira;
d) redigir em um único parágrafo;
e) em teses e dissertações, apresentar o resumo com , no máximo, 500
palavras e em monografias e outros trabalhos acadêmicos, com 250
palavras;]
f) redigir com frases completas e não com seqüência de títulos;
g) empregar termos geralmente aceitos e não apenas os de uso particular;
h) expressar na primeira frase do resumo o assunto tratado, situando-o no
tempo e no espaço, caso o título do trabalho não seja suficientemente
explícito;
i) dar preferência o uso da terceira pessoa no singular;
j) evitar o uso de citações bibliográficas;
k) ressaltar os objetivos, os métodos, os resultados e as conclusões do
trabalho;
l) indicar, se for o caso, as novas diretrizes de teorias, processos, técnicas e
aparelhos, bem como o nome de todos os novos elementos, minérios e
compostos;
m) citar com rigor o domínio de aplicação, grau de exatidão e o princípio básico
de novos métodos;
n) mencionar os nomes geográficos (município, estado e país) os a
circunscrição (região, distrito, condado), quando necessário.
14

O resumo é denominado abstract, em inglês, resumen, em espanhol,


résumé, em francês, riassunto, em italiano, e Zusammenfassung, em alemão.

2.2.2 Elementos textuais

Dependendo da natureza do sistema criado no trabalho de conclusão de


curso, esta estrutura pode variar em nomenclatura e distribuição, mas deve
seguir fundamentalmente os seguintes capítulos principais:

1 INTRODUÇÃO
1.1 INTRODUÇÃO

Descrição da justificativa (problema) do desenvolvimento do projeto e


introdução ao assunto a ser tratado por ele;

1.2 OBJETIVOS DO PROJETO

Citar objetivos gerais e específicos para o desenvolvimento do projeto. Note


que os objetivos do projeto são diferentes dos objetivos do produto (no caso,
do software criado).

2 FUNDAMENTAÇÃO TEÓRICA

2.1 REVISÃO BIBLIOGRÁFICA

Apresentar revisão bibliográfica do assunto relacionado ao projeto


desenvolvido.

3 METODOLOGIA

3.1 METODOLOGIA

Apresentar a metodologia utilizada para o desenvolvimento do projeto.


Os fatos devem ser descritos no passado, sempre em terceira pessoa do plural
(e.g. “entendeu-se”, “observou-se”, “optou-se”, etc). São obrigatórios os
seguintes itens:
15

3.2 MODELO DE PROCESSO DE ENGENHARIA DE SOFTWARE

Descrever metodologia da engenharia de software utilizada para


desenvolvimento do projeto;

Fazer referência à documentação do sistema, a ser apresentada no Apêndice


“Documentação do Software”;

3.3 PLANO DE ATIVIDADE

Apresentar WBS (Work Breakdown Structure) do Projeto e gráfico de


Gantt, acompanhados de textos explicativos;

3.4 PLANO DE RISCOS

Apresentar os riscos que foram identificados no início do projeto,


descrevendo as ações planejadas de contingência;

3.5 RESPONSABILIDADES

Listar as atividades executadas por cada membro da equipe durante o


desenvolvimento do projeto;

3.6 MATERIAIS

Descrever as características de hardware e software utilizados para o


desenvolvimento do projeto e sua aplicação para solução do problema;

3.7 DESENVOLVIMENTO DO PROJETO

Apresentar como ocorreu o processo de desenvolvimento do software.


Descrever como ocorreu o acompanhamento do projeto, atrasos, divisão de
tarefas e seu desenvolvimento. Citar riscos que ocorreram e como foram
tratados.
16

4 APRESENTAÇÃO DO SOFTWARE

Capítulo destinado à apresentação do software. Apresentar os resultados


com suas telas e suas funcionalidades. Explicar como o software deve ser
instalado e executado a partir do CD entregue. Se o software possuir cliente,
apresentar parecer do cliente quanto ao produto gerado.

5 CONSIDERAÇÕES FINAIS

Apresentar uma síntese do trabalho, enfatizando os resultados obtidos.


Citar trabalhos futuros relacionados à execução do projeto.

2.2.3 Elementos pós-textuais

A paginação segue na seqüência da parte textual, inclusive apêndices e


anexos.

REFERÊNCIAS (obrigatório) (ver mais em seção própria de acordo com as


Normas da UFPR)

Devem ser escritas de acordo com as normas da ABNT.

Primeiro, cola-se o sobrenome do autor em letra maiúscula seguido por


vírgula e então o nome do autor, ponto final. Segue indicando o título do livro
em letra maiúscula, outras palavras que formam o título são grafadas em letra
minúscula. Caso haja complemento no título (separação por dois pontos (:)),
grifa-se ou negrita-se somente a o título principal da obra. A seguir, escreve-se
o local onde foi publicado o livro (cidade), dois pontos e o nome da editora
separado por vírgula e por fim o ano da publicação.
17

Exemplo:

ALVES, M. Como escrever teses e monografias: um roteiro passo a passo. Rio de


Janeiro: Campus, 2003.

APÊNDICES:

Apresentar todos os diagramas desenvolvidos, acompanhados de


introduções textuais, de acordo com o modelo de processo de engenharia de
software citado no capítulo de Metodologia. A lista de apêndices deve constar
no sumário do trabalho, bem como a indicação da localização de cada um dos
diagramas. Os apêndices não são numerados.

REFERÊNCIAS

UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARANÁ. Sistema de Bibliotecas.Projetos.


Curitiba: Editora UFPR, 2007. (Normas para apresentação de documentos
científicos, 1).
______. Sistema de Bibliotecas. Teses, dissertações, monografias e
trabalhos acadêmicos. Curitiba: Editora UFPR, 2007. (Normas para
apresentação de documentos científicos, 2).

______. Sistema de Bibliotecas. Citações notas de rodapé. Curitiba: Editora


UFPR, 2007. (Normas para apresentação de documentos científicos, 3 ).

______. Sistema de Bibliotecas. Referências. Curitiba: Editora UFPR, 2007.


(Normas para apresentação de documentos científicos, 4).

______. Sistema de Bibliotecas. Redação e editoração. Curitiba: Editora


UFPR, 2007. (Normas para apresentação de documentos científicos, 9).