Você está na página 1de 12

w w w . j o r n a l e d i c a o d o b r a s i l . c o m .

b r
34
Belo Horizonte/Brasília 11 a 18 de março de 2017 Nº 1756 R$ 0,25

Em Minas, 13% dos jovens


estão fora da sala de aula
Divulgação

U
Sala vazia: Taxa de evasão escolar é muito alta entre adolescentes brasileiros
m estudo do Unibanco, com base em uma pesquisa
do IBGE, aponta que 1,3 milhão de jovens entre 15
e 17 anos abandonam a escola antes de concluir
o ensino médio. Deste montante, 610 mil são mu-
lheres, entre elas, 212 mil são mães, sendo que apenas 2%
retornam à sala de aula. Só em Minas Gerais, mais de 150
mil jovens deixaram os estudos, alguns nem concluíram o
ensino fundamental. A falta de formação acadêmica pode
trazer problemas para a vida profissional destes adolescen-
tes, pois só conseguirão trabalhos com baixa remuneração.
De acordo com a superintendente de Desenvolvimento do
Ensino Médio da Secretaria de Educação, Cecília Resende,
1,2 milhão de jovens são atendidos na educação pública,
contudo, o grau de evasão ainda é alto devido a diversos
fatores. Para ela, um deles é a falta da contextualização do
plano de ensino com as necessidades da juventude e do
mercado. Além disso, outra questão que aumenta a taxa de
desistência entre os jovens do sexo masculino é a procura
por emprego. Educação – Página 8

Consumidores registram
Proposta para encontro de contas entre Minas
e o Governo Federal empolga deputado
Ademir Camilo

13.642 queixas nos diversos (PTN-MG)


participou do
evento no Palácio
Procons de Minas Gerais Será encaminhada ao presidente Michel Temer (PMDB) uma
da Liberdade

Almg
O Código de Defesa do Consumidor (CDC) proposta do governador Fernando Pimentel (PT) para que seja
ainda não é levado a sério por muitas empresas. realizado o encontro de contas entre os governos Estadual e
Entre dezembro de 2016 e janeiro de 2017, foram Federal, para tentar sanar as pendências financeiras entre as
registradas mais de 13 mil reclamações nos Pro- partes. Para além disso, o assunto será abordado junto à pre-
cons do Estado. Liderando o ranking de queixas, sidente do Supremo, a mineira Cármen Lúcia, na tentativa de
estão as cobranças indevidas ou abusivas. Com a fazer com que o processo seja agilizado. O deputado Ademir
chegada do Dia do Consumidor, conversamos com Camilo (PTN-MG) também participou do almoço, realizado en-
especialistas da área do Direito e do Marketing sobre tre o governador e a bancada de deputados federais, no Palácio
da Liberdade, quando se discutiu o assunto. O parlamentar
o descumprimento do CDC. Economia – Página 5
demonstra otimismo e acrescenta: “a decisão do governador
está certíssima”. Política – Página 3

Falta muita informação Sequência de queda do PIB


sobre a Síndrome Eles são
excepcionais e,
é a pior desde a década de 30 Sob um
de Down no Brasil muitas vezes,
esquecidos
pela sociedade A piora desse índice teve como principal fator os setores de agropecuária,
novo
indústria e serviços, que apresentaram recuo de 6,6%, 3,8% e 2,7%, res-

ângulo
Agência Brasil

pectivamente. O professor de economia da Universidade Federal de Minas


Gerais, Mário Rodarte, acredita que o Governo Federal, por meio de medidas
como a PEC do Teto e a Reforma da Previdência, está contribuindo para
a manutenção do pessimismo no cenário econômico. Economia – Página 4
Divulgação
Divulgação

Quando falamos da Síndrome de Down, há pouco conhe-


cimento tanto por parte dos médicos, como da população. A
vice-presidente da ONG Amadinhos Down, Karina Icasatti,
aponta que faltam especialistas para lidar com a síndrome
que tem várias nuances. Estima-se que no país existam mais
de 300 mil pessoas com Down. Mas, o número não é oficial Livro que aponta os aspectos
e ainda é subnotificado, o que dificulta a abordagem e a real históricos que levaram à Tragédia
demanda da população. Saúde e Vida – Página 7 de Mariana, será lançado no dia
25 deste mês, na Livraria Quixote.

Opinião
População negra continua sendo minoria no ensino superior –
Página 2
Geral – Página 10

••••••••••••••••••••• Articulistas da semana •••••••••••••••••••••

José Maria Trindade Roberto Fagundes Dr. Milton Moura OLAVO MACHADO Luiz Carlos Gomes

Página Página Página Página Página


2 4 7 7 12
2 O P I N I Ã O EDIÇÃO DO BRASIL
11 a 18 de março de 2017

“Representação do negro em vários setores


é bem menor do que a população branca”
Daniel Amaro
“O padrão de qualidade
Apesar do número de negros em Qual a maior dificuldade do estu-
dasuniversidades públicas
faculdades ter aumentado, por dante negro ter acesso a universi-

N
os últimos dez anos, o percentual de
que ainda não se igualou ao de dade? não caiu por causa da
estudantes negros entre 18 e 24 anos
no ensino superior passou de 5,5% em brancos? adoção do sistema de cotas”
2005 para 12,8% em 2015, segundo
pesquisa divulgada pelo Instituto Brasileiro de É importante salientar que as po- O preconceito ainda é uma barreira?
Geografia e Estatística (IBGE). O aumento pode O ensino superior público era para a líticas de ações afirmativas democra-
ser associado a implantação do sistema de cotas elite, ou seja, os filhos dos senhores do tizaram o processo de seleção, mas Continua sendo uma grande bar-
no início dos anos 2000, mas apesar dos avanços, engenho e pessoas de classe econô- não garantem o ingresso na univer- reira, porque mesmo com os avanços,
muito ainda precisa ser feito. Se compararmos mica favorecida. As políticas de ações sidade pública. Todos podem se can- ainda é uma novidade o negro dentro
com o índice de brancos no mesmo período, o afirmativas surgiram nos anos 2000 didatar a uma vaga, porém o acesso da universidade. Eles estão cada
número representa menos da metade do total para tentar diminuir esse fosso, que ainda é extremamente competitivo, mais envolvidos em novas atividades.
jovens brancos que tem a oportunidade de ingres- ainda permanece, apesar do aumento difícil e desigual. O Enem exige um Existe o Ciência sem Fronteira, que
sar no ensino superior – com 26,5% em 2015 e, no número de estudantes negros nas preparo muito grande que o aluno leva jovens para estudar fora do Brasil
17,8% em 2005. universidades. Existem cursos em que negro e pobre não tem condições e o negro da periferia também tem
Sobre esse tema, o Edição do Brasil a presença deste grupo em sala de aula de fazer. É preciso horas de estudo participado. O curso de medicina, há
conversou com Alexandre Braga, presidente é minoria, como medicina, odontologia e dedicação para dar conta. Muitas 20 anos, era 100% de brancos e, hoje,
da União de Negros pela Igualdade de Minas e algumas engenharias. Diversas vezes o estudante também precisa tem pelo menos 2% de negros. Mas,
Gerais (Unegro/MG). Ele afirma que existe um organizações que lutam pela causa trabalhar para ajudar no sustento da não podemos negar que a presença
fosso social histórico. “Tivemos um apartheid no acreditam que seja necessário pelo família, o que acaba prejudicando, do negro gera um estranhamento.
Brasil que separava brancos e negros ao longo menos mais 15 a 20 anos de políticas porque ele não tem o mesmo tempo Os colegas precisam começar a ter
dos últimos séculos. Isso reflete não só na edu- especificas para a população negra que o branco de classe média rica o respeito pela diversidade e dividir
cação, mas também na política, na cultura e na diminuir esse fosso social. tem para se dedicar. Alguns também os privilégios, porque o Brasil é um
sociedade como um todo. A representação do já possuem filhos, o que é mais um país miscigenado de maioria negra e
negro em vários setores é bem menor do que a desafio para presença do negro no indígena. Isso é um processo lento e
população branca. Isso é fruto do fim do regime processo de seleção. Além disso, que requer a fiscalização dos órgãos
escravocrata. Na época da abolição, não houve existe a questão da mobilidade urba-
nenhum tipo de política pública para inserir na
Existe alguma deficiência no ensi- na, o tempo gasto para se deslocar
públicos.
sociedade o negro que deixou de ser escravo, no público quando comparado ao até o local de estudo e o material
o que vem se arrastando ao longo do tempo e didático insuficiente.
continua refletindo no século XXI”. particular?
Existem estudantes que fraudam
o sistema de cotas para negros e
Divulgação

Não podemos fazer uma compa-


ração fechada e rigorosa, porque o As cotas são necessárias? indígenas para conseguir ingressar
objetivo do particular e do público são na universidade. Como você avalia
contrários, com recursos e metodolo-
gias diferentes. O ensino público tem São, porque precisamos de instru- essa postura?
que ser atualizado, pois ainda não está mentos para superar as desigualda-
apto suficiente para lidar com as novas des. Acredito que sejam necessárias
demandas do estudante que é bolsista até 2025. Pelo o que vemos e em Toda fraude é um crime e quem
ou que precisa trabalhar e tem dupla conversas com os beneficiários, elas cometeu precisa pagar. Criamos
jornada. Ele ainda precisa se adaptar tem dado certo, tanto na área de edu- algumas comissões de acompanha-
a essa nova realidade. A escola pu- cação, como em outros setores. Agora mento composta por membros das
blica também precisa passar por uma temos discutido a questão das cotas universidades, sociedade civil e órgãos
modernização. Na informática, por também em concursos públicos e na de direitos humanos. Essa comissão
exemplo, os equipamentos funcionam pós-graduação. E apesar de todas as dialoga diretamente com o órgão res-
precariamente. Nos métodos didáticos, dificuldades, o cotista tem um desem- ponsável pelo processo de seleção. É
muitos professores usam quadro negro penho acadêmico igual ou superior ao elaborado um edital que contem a in-
com giz, o que está ultrapassado. Será não cotista. O padrão de qualidade das formação clara que se qualquer tipo de
um processo a longo prazo e um grande universidades públicas não caiu por fraude for detectada o estudante pode
desafio. Mas, mesmo com todas as causa da adoção do sistema de cotas. perder o benefício ou a vaga, mesmo
deficiências, acredito que todos querem A UFMG, por exemplo, além das cotas após fazer a matrícula. É importante
estudar em escola pública, desde aluno possui programa de bolsa permanên- lembrar que a política de cotas é es-
de família rica, classe média a estudan- cia, moradia, transporte, assistência pecial para a população que sempre
te pobre de periferia, porque isso é um médica e, também, a Formação Trans- foi marginalizada. Ela é voltada para
requisito para ingressar na universidade versal em Direitos Humanos. Tudo para as que necessitam desse instrumento
federal pelo sistema de cotas. envolver a todos na discussão pela em função da desigualdade social e
Presidente da Unegro/MG, Alexandre Braga, diz que
igualdade racial. para superar o processo de exclusão.
esse fosso social é reflexo do regime escravocrata

EDITORIAL José Maria Trindade


Jornalista, correspondente da Rede Jovem Pan e
Sobre o Carnaval de Belô comentarista da Rede Vida de Televisão - zematri@ig.com.br

Foi uma das raríssimas vezes, nos últimos anos, que as redes de TV
do país inteiro se curvaram a um evento, desse porte, realizado em Belo
Horizonte. Estamos nos referindo ao recente Carnaval da capital mineira
– considerado pela estatística como o 3º maior do Brasil, gerando um
As falsas da internet ou a pós-verdade
movimento de R$ 1 bilhão em negócios, segundo o prefeito Alexandre As notícias falsas da internet se trans- algo assim acima da realidade dos fatos. garantir a veracidade do texto bomba é
Kalil (PHS), durante a coletiva de imprensa, na semana passada. formaram em praga da comunicação. O É onde o fato se humilha perante a versão. real ou não e se a notícia é verdadeira. A
Mesmo assim, a mídia nacional poderia ter sido mais generosa com fenômeno é mundial e gerou sites pelo Os fatos objetivos se tornam segundo pla- única importância está na combinação do
os belo-horizontinos, abrindo um espaço mais expressivo em suas gra- planeta especializados em checar e dar no e prevalecem as emoções e as crenças que eu penso e do que eu quero divulgar.
des de programação, a exemplo do ocorrido com promoção idêntica em o veredito sobre notícias consideradas pessoais. Esta é a palavra do momento Se houver alinhamento passa a ser ver-
cidades, como o Rio de Janeiro, Salvador e a própria São Paulo. Pois, duvidosas. Parecem inocentes, mas na e a “post-truth” acabou como palavra do dade absoluta. É como ir numa prateleira
nesses locais há um fator bem diferente de BH: lá o espetáculo é feito verdade se transformaram em armas ano pelo dicionário Oxford. Situação im- buscar uma máscara para determinado
para os turistas e, aqui, a festa acontece com a participação dos foliões, quentes nas disputas políticas. São pensável até pouco tempo, mas ganhou baile. Estas notícias falsas que passam
onde eles se inserem como integrantes dos blocos, procedentes dos usadas nos debates raciais, de gênero a batalha. pelos meios da internet ficam disponíveis
mais diferentes bairros da cidade, se transformando em um verdadeiro ou mesmo de classe social e disputas A criação das notícias falsas obedece para o usuário buscar o que cabe na sua
espetáculo popular. regionais. Sob impacto destes meios, a a uma lógica. São fábricas que alimentam verdade e pronto. Transforma-se em ver-
Os dados oficiais apontam para uma presença de cerca de 3 disputa pela presidência dos Estados Uni- os compartilhamentos e as replicações. dade absoluta, a chamada pós-verdade.
milhões de participantes – população superior aos 2.600 morado- dos mostrou publicamente o que já era de Pelo lado do público, pouco importa. Teses O difícil é imaginar o convívio onde
conhecimento de todos. São notícias que de gestão da informação mostram que a liberdade leva a uma situação em
res de BH. Enquanto uma media de 120 mil pessoas deixavam a
maltratam, ferem, ridicularizam e fazem os portadores dos smarts ocuparam as que a verdade perde o valor e se torna
Rodoviária rumo a outras paragens, 150 mil turistas chegavam pelo
sofrer. O estranho é que são apresentadas comunicações. Sem grandes batalhas, as uma consideração subjetiva. A inflação
mesmo terminal para curtir o período momesco. Quem comemorou
como arquivos inocentes e principalmente redes sociais fecharam veículos de comu- da verdade que se torna um bem sem
esse resultado positivo, foi a rede de hotelaria, cujo ocupação oscilou
sem autor, ou seja, sem responsabilização. nicação, demitiram jornalistas antigos e se nenhum valor. A origem deste conceito
na média de 60% – um crescimento de 18% em relação ao mesmo “Fake news”, brada o presidente ame- colocam com a pós-verdade no bolso para é a política. Para se chegar a este ponto
período no ano passado. ricano, Donald Trump. É uma dura disputa inundar as comunicações. São assuntos é preciso ter a competência dos maus.
Tendo a Belotur, como planejadora, o Carnaval da nossa cidade vem entre a realidade e a versão dos fatos. polêmicos e até textos inteiros com citação Dar uma roupagem especial, uma origem
crescendo nos últimos três anos. Até então, nesta época do ano, as O sistema é tão bruto que a versão está de autores que garantem nunca ter escrito. aparentemente válida e uma coerência
vias públicas ficavam entregues às moscas. De um modo geral e diante ganhando. A chamada “post-truth” que O mais grave é que para o internauta não para a mentira que se quer contar como
de um projeto de longo prazo, a estratégia deu certo, apesar da atual na tradução livre quer dizer pós-verdade, interessa se o autor que aparece para verdade é imprescindível.
administração ter feito algumas mudanças para garantir a consolidação Candidatos se apresentam negando a
Divulgação

da promoção do evento, o resultado dessa operação foi positivo, pois política. Eleitos batem no peito e se orgu-
ganhou da confiança e a participação dos turistas. lham de dizer que não gostam de política e
O prefeito Kalil necessita levar em consideração uma realidade: nem de política.  A tese da candidatura do
os blocos, indutores maiores das presença das pessoas nas ruas, em não político é uma pós-verdade. A partir do
sua esmagadora maioria, se organizou de maneira independente, com momento que se filia a um partido político,
recursos próprios. Vale dizer que foi sem dinheiro oficial e, também, não exigência da legislação eleitoral para se
tiveram patrocinadores formais, deixando a responsabilidade financeira candidatar, o eleitor passa a ser político.
por conta dos idealizadores dos grupos. Candidato é mais político do que os políti-
A folia foi popular no sentido amplo, especialmente, devido a parti- cos já que tem que passar por convenção
cipação de muitas famílias, jovens e comerciantes abnegados de diver- nos partidos, lidar com eleitores especiais,
sas regiões do município. O poder público, portanto, não tem a menor delegados e cúpulas partidárias. Votar
capacidade de exigir a continuidade desses blocos para os desfiles do em candidato que se diz não político é a
próximo ano. Pois, falta o controle sobre essa real situação, no que se mesma coisa de pagar para sair com uma
refere a saber quem estaria disposto a se organizar para empolgar as garota de programa que não é garota de
multidões nas ruas em 2018. programa. No momento em que ela aceita
De resto, um “brinde” a segurança que atuou nos bastidores, com pagamento para acompanhar alguém,
automaticamente se transforma em garota
destaque para a Polícia Militar, Guardas Municipais e o pessoal do serviço
de programa. Pronto, falei.
de apoio da prefeitura.

Editado sob a Equipe: Administrativo/Financeiro: Articulistas:


responsabilidade Revisão: Diego Santiago Luiz Gherardi Marinho Opinião: Hyé Ribeiro, José Maria Trindade, Mário Ribeiro,
de Mantiqueira Jornalistas: Ariane Braga, Loraynne Araujo financeiro@jornaledicaodobrasil.com.br Paulo Passos e Rodrigo Flausino.
Editorial Ltda. Repórter fotográfico: Neilton Sávio Economia: Antônio Balbino, Bruno Falci, José Agostinho Neto,
Comercial:
Diagramador e designer: Cristiano Iderlandes Roberto Fagundes e Roberto Simões.
Eujácio Antônio Silva (Editor-responsável) Colunistas: Acir Antão e Paulo Pedrosa comercial@jornaledicaodobrasil.com.br Esporte: Chico Maia, Emanuel Carneiro, Luiz Carlos Alves,
Estagiários: Redação: Luiz Carlos Gomes e Wanderley Paiva.
Distribuição nas bancas: R$ 0,25 / A distribuição dirigida é gratuita Daniel Amaro e Natália Macedo redacao@jornaledicaodobrasil.com.br Colunistas: Acir Antão.

Avenida Francisco Sá, Nº 360 • Bairro Prado • Belo Horizonte • MG • CEP 30411-145 Telefones: (31) 3291-9080 / (31) 3047-8271 www.jornaledicaodobrasil.com.br
EDIÇÃO DO BRASIL
P O L Í T I C A
11 a 18 de março de 2017 3
Minas luta para não entregar suas V I G Í LI A S
Recado ao presidente
estatais em pagamento das dívidas Esse foi o recado do deputado Fábio Ramalho (PMDB-MG)
ao presidente Temer: a reforma da Previdência não passa na
Câmara sem o apoio dos deputados mineiros. O parlamentar
joga visando abrir uma janela para a negociação da dívida
Apoio geral do Governo de Minas com o Governo Federal, em cima da

Luiz Marcedo
Tércio Amaral proposta do governador Fernando Pimentel no sentido de
Segundo fontes palacianas, tudo será feito se fazer um encontro de contas. É aguardar para conferir o
Seja na qualidade de coordenador da banca- para evitar que neste embate, entre Minas e resultado desta incursão.
da dos deputados mineiros em Brasília, ou ainda Brasília, seja necessário a venda das estatais Comentário: A fala do vice-presidente da Câmara e co-
como vice-presidente da Câmara Federal, o Cemig e Copasa. Neste aspecto, visando de- ordenador da bancada mineira de parlamentares, Fabinho
parlamentar Fábio Ramalho (PMDB-MG) é peça fender o patrimônio dos mineiros, Fernando Liderança, aconteceu depois de um almoço realizado na
decisiva para reunir forças em prol da proposta Pimentel é unanimidade. Até mesmo seus ad- semana passada no Palácio da Liberdade. Durante o evento,
do governador Fernando Pimentel (PT), que versários, inclusive do PSDB concordam que a ele circulava com tanta desenvoltura nos meandros palacianos
tem a finalidade de descobrir caminhos para sua sugestão de propor o encontro de contas é que gerou o seguinte comentário entre colegas: “O Fabinho
fazer um encontro de contas, diante da dívida uma boa saída para quitar a dívida, ocasionada está se sentindo em casa. Só falta sentar-se na cadeira do
milionária entre o Minas e o Governo Federal. pelo desajuste fiscal. governador”.
O governador, sabe do embate que está Presente no recente almoço entre o
por vir, pois ele é autor da ideia e tem jogado governador e a bancada dos parlamentares
com mestria política, ao invés de apenas es- Federais do Estado, o deputado federal Intolerância geral
perar por uma decisão da justiça ou do próprio Ademir Camilo (PTN-MG) disse que durante
Palácio do Planalto. Na verdade, Pimentel, em o evento, realizado a convite de Pimentel e Indagado pela imprensa a respeito do que está acontecen-
almoço realizado semana passada, no Palácio coordenado pelo companheiro Fábio Rama-
Fábio Ramalho (PMDB-MG) tem uma do no Brasil em relação ao mundo político, o deputado federal,
da Liberdade, voltou a repetir que o projeto de lho (PMDB-MG), foi decidido que todos os grande participação neste movimento Ronaldo Fonseca (PROS-DF), opinou: “É importante passar o
renegociação das dívidas com os Estados com interessados no processo irão ao Supremo país a limpo, mas não se deve dar sustentação a essa cadeia
a união, enviado pelo presidente Michel Temer para conversar com a ministra Cármen Lú- de ódio, na qual todos têm culpa e ninguém tem razão. Há de
direito dos Estados de ter essa participação
(PMDB) ao Congresso Nacional é um desaforo cia. “Por ela ser mineira, deve ter o mesmo se encontrar um ponto de equilíbrio para o bem da democracia”,
dos recolhimentos e, para tanto, ficou de re-
com os mineiros. olhar sobre a questão. Se não houver um recomenda o parlamentar.
gulamentar a denominada Lei Kandir, assunto
entendimento mais rápido, pode agilizar a ainda pendente na Corte. Neste ponto é que
Almg

legislação para fazer o referido encontro de


contas”. Camilo diz ainda que essa decisão
entra em cena o governador Fernando Pimen-
tel. Pressionado por Brasília para ceder nas
Intolerância religiosa
dos mineiros está certíssima. “Se eu te devo negociações, a exemplo do Rio de Janeiro, Com relação ao tema intolerância, a professora da Uni-
e você me deve, nada mais justo do que a que foi obrigado a vender patrimônio público versidade de Brasília Tânia Montoro, tem a opinião, segundo
gente colocar no papel para quem deve mais, para saldar compromissos anteriores, ele não a qual, no movimento se registra muitos atos de intolerância
pagar a diferença”. quer oferecer como garantia, as empresas política, além de outros movimentos também nesta direção.
Vale lembrar que há, aproximadamente, estatais do Estado e, sim, que seja realizado No entanto, para ela, o mais sério e merecedor de análise
15 anos foi sancionada uma Lei Federal que o ajuste de números. E o detalhe: em caso por conta de pensadores especializados, diz respeito ao fato
concede benefícios fiscais para produtos ex- de uma solução positiva para o seu pleito, já de aumentar, significativamente, nos bastidores, a conhecida
portados. Na época, o Governo Federal devia encaminhado ao presidente da República, a intolerância religiosa. “É por aí que a coisa pode se complicar”,
ter editado uma regulamentação na referida verdade é que 30% do montante, suposta- prevê a docente.
lei para compensar os Estados exportadores mente, devido pelo Governo Federal, seria
que deixaram de receber os repasses de repassado aos municípios do Estado.
impostos. Em mais de uma década, Minas
Gerais – reconhecido como exportador de
Em Brasília, o temor da equipe econômica Política mineira
Ademir Camilo (PTN-MG): “Se eu te devo e você do Governo do presidente Michel Temer é que
café e minério – estima-se que deixou de re- essa ação política elaborada por Pimentel tenha Com seu conhecido bom humor, o jornalista e cronista
me deve, nada mais justo do que a gente colocar ceber mais de R$ 100 bilhões. Há três anos, político Orion Teixeira, ao participar recentemente de um
êxito, pois pode servir de embasamento para
no papel para quem deve mais pagar a diferença” o Supremo Tribunal Federal reconheceu o programa de TV, ironizou: “O PMDB é tão complicado que
outros Estados exportadores.
seu presidente, o vice-governador Antônio Andrade (PMDB),
tem como aliados vários tucanos. Ele visa com isso se manter
firme como uma das lideranças políticas de Minas”. Coisas

Representantes de Itabirito reúnem-se em


da política.

Defensor da Reforma
Brasília com o deputado Diego Andrade Ex-presidente do PSDB mineiro, deputado federal por inú-
meras vezes, Marcus Pestana (PSDB-MG) não esconde sua
opinião, mostrando que é a favor da reforma, da Previdência
em discussão no Congresso Nacional. Ele defende, inclusive,
o artigo que estabelece que uma pessoa terá que contribuir
por 49 anos para conseguir o benefício de forma integral. Ufa.
O secretário de Planejamento tares para o Conselho Tutelar, no
PMI

da Prefeitura de Itabirito, Paulo valor de R$ 90 mil; além de R$ 250


de Carvalho e o superintendente mil em recursos para o custeio da Mudanças na Assembleia
administrativo de captação de re- Secretaria de Saúde.
Nos corredores da Assembleia Legislativa, os comentários
curso, Walison Vidigal, reuniram-se A Secretaria de Planejamento,
do mês se referem às demissões de pessoas, até então, lota-
no dia 8 de março, no gabinete do juntamente com a Captação de
das na Mesa Diretora da Casa. Como foi dito, tudo é jogado
deputado federal Diego Andrade Recurso, fará a homologação e
pra cima do primeiro secretário Rogério Correia, quando na
(PSD-MG), em Brasília. encaminhamento dos recursos
verdade a banda não toca esta música de uma nota só. Existem
A visita teve como objetivo viabilizados por meio do deputado.
angariar verbas para o município, Para o secretário de Planejamen- outras orientações da Casa neste sentido, comenta-se por lá...
a fim de protocolar o pedido de to da cidade a reunião foi muito
recurso para a reforma do Centro
de Especialidades Médicas (an-
produtiva. “Essa iniciativa faz toda
a diferença para o orçamento mu-
Medioli com Alckmin
tiga policlínica) e do Cine Teatro nicipal. Sabemos o quanto Itabirito Está aumentando a aproximação entre o prefeito de Betim,
Pax, além de outras demandas necessita de reformas. Fazer esse empresário Vittorio Medioli (PHS), e o governador de São
da cidade. contato inicial com Andrade já é Paulo, Geraldo Alckmin (PSDB), um dos presidenciáveis mais
Segundo Andrade, as reuni- um grande começo para que os fortes no cenário nacional no momento. Essa dobradinha pode
ões com o Ministério da Saúde e projetos saiam do papel”. reeditar a velha política do Café com Leite – apostam alguns
da Cultura serão marcadas para O superintendente também se políticos mineiros.
agilizar o processo de capitação de mostrou positivo. “A determinação Cena Única: Quem não está gostando nada dessa prosa,
recursos. “Faremos o que estiver do prefeito Alex Salvador (PSD) é entre estes dois políticos, é o presidente do PSDB, senador
ao nosso alcance para garantir a arregaçar as mangas em busca de Aécio Neves (PSDB-MG). Mas e daí, fazer o que senador?
Itabirito as reformas que a popu- recursos para esse novo mandato.
lação quer e merece”. O deputado Muita coisa já foi feita, mas, com
também mencionou a imediata Paulo de Carvalho, Diego Andrade e Walison Vidigal toda certeza, outras melhorias Taxi X Uber
aprovação de emendas parlamen- estão por vir”, concluiu.
Os taxistas estão delirando com o prefeito de Belo Hori-
zonte, Alexandre Kalil (PHS), que autorizou o acesso dos

Prefeito Kalil visita obra em plano de


taxis nas Avenidas Antônio Carlos e Pedro II nas faixas, até
então, destinadas apenas ao Move. Já os donos dos carros
que atuam pelo Uber estão irados com o prefeito, por terem
ficado fora do esquema. É aquela velha história, nem Jesus
conseguiu agradar a todos...

retomada do Orçamento Participativo Política nacional


Na avaliação da jornalista (Globo News), Cristiana Lôbo, o
O prefeito de Belo Horizonte, Alexandre Kalil No local, o secretário de Obras e Infraestrutura Pampulha, que ele encaixa no Cachoeirinha. ex-ministro da Fazenda Antônio Palocci, segundo suas fontes,
(PHS), visitou semana passada, a Vila Ecológica, de Belo Horizonte, Josué Valadão, disse que Tem vários projetos que estão sendo feitos neste é o cidadão brasileiro com mais potencial para se transformar
na Região do Barreiro. A visita faz parte do projeto o valor total das obras no local, inclusive, com ano. O projeto da bacia do Vilarinho vai ser feito no mais encrencado com a Operação Lava Jato. Se isto for
de retomada de obras do orçamento participativo iluminação, vai custar cerca de R$ 1,2 milhão. neste ano. Não vai ter obra, mas o projeto vai verdade, as autoridades já podem aumentar o espaço do
que estavam paradas. Segundo o prefeito, a ação “É mais simbólica essa vinda porque é o ser feito neste ano”, detalhou Valadão. presídio da Polícia Federal em Curitiba.
vai priorizar intervenções na área de saneamento. sinal que estamos retomando todo o Orçamento De acordo com a prefeitura, as obras já esta-
Ele foi recebido com ansiedade pelos mora- Participativo. Vamos fazer desde obras de dois, vam previstas no Orçamento Participativo (OP)
dores. Segundo o secretário municipal de Obras três, cinco, 20 milhões até obras de R$ 200, R$ 2011-2012. Os moradores contam que durante
e Infraestrutura, Josué Valadão, as obras de 300, R$ 400 milhões que já estão contratadas a espera foram também muitos momentos de
urbanização vão melhorar justamente a pavi- e ou estão em fase de projeto ou em fase de drama, especialmente a cada chuva. A tempes-
mentação das ruas da região e o curso d’água. licitação ou já em fase de retomada de obra”, tade desta quarta-feira (8) levou o córrego perto
“A proteção do córrego vai ser feita e o explicou o prefeito. da porta das casas.
asfaltamento destas ruas, onde as máquinas “Existe um plano municipal de saneamento Segundo Kalil, o plano de retomada de obras
estão trabalhando. Essa ação facilita a limpeza que é discutido com a população e com a socie- do Orçamento Participativo tem previsão orça-
e a manutenção do córrego”, disse o secretário. dade. O projeto prioriza as ações. Então, neste mentária de R$ 1,6 bilhão a serem investidos Com 25 anos de experiência, Siqueira Vasconcelos Advogados Associados,
A urbanização com pavimentação de 100 plano que foi iniciado neste ano, por exemplo, em 4 anos. Belo Horizonte tem 320 obras do atua em todas as áreas do direito, com eficiência e profissionalismo.
metros de rua, segundo a prefeitura, vai custar começa a intervenção do Córrego Leitão, OP em andamento, mesmo ainda em fase de Sua equipe é formada pelos advogados:
R$ 230 mil, mas o prefeito anunciou que esta que fica lá na Prudente de Morais, tem lá na projeto, e serão priorizadas as que se referem Dr. Marco Túlio Moraes de Siqueira (OAB/MG 47.325)
é somente a retomada de uma série de obras. Francisco Sá o córrego dos Pintos, o Córrego ao saneamento básico. Dr. Eduardo Fernandes dos Santos (OAB/MG 100.466)
Dr. Astolpho de Araújo Santiago (OAB/MG 10.207)
Divulgação

João Luiz Moraes de Siqueira (OAB/MG 96.077)


Rua Sergipe, nº 625, Conjunto 312/313, Funcionários, Belo Horizonte - MG.
Fones(31) 3261-2920. Cep.: 30130-170. www.siqueiravasconcelos.com.br
svaasc@terra.com.br.

Ecobrás - Corretora de Seguros Ltda.


Registro 10.006187-5-SUSEP
CNPJ 18.723.809/0001-07

VICENTE TARCISO GONZAGA AMORIM


Sócio - Gerente
Registro 10.0015288 SUSEP

Email: advicente.tarcisio@gmail.com Celular: +55 31 99983-1206


4 E C O N O M I A EDIÇÃO DO BRASIL
11 a 18 de março de 2017

VIGÍLI AS DOBRADAS PIB tem a pior queda desde 1930


Problemas no interior
São mais de 15 quilômetros de buracos, verdadeiras crate- Índice recuou 3,6% em 2016
ras por onde passam milhares de automóveis por dia. Muitos
dos carros acabam furando o pneu, entre outras dificuldades.
Esse é o retrato da Av. Perimetral, em Sete Lagoas. O assunto Loraynne Araujo

A
já pautou até a denominada grande imprensa de Belo Horizonte. economia nacional, mais uma vez, apre-
Com a palavra, o prefeito Leonel Fonseca (PMDB). sentou retração e fechou o ano com queda Variação do PIB e
de 3,6% do Produto Interno Bruto (PIB) de do PIB per capta
2016, em relação ao ano anterior, com o nos últimos 16 anos
Problemas na Savassi valor nominal de R$ 6,3 trilhões. Os dados foram
divulgados pelo Instituto Brasileiro de Geografia e
Os moradores da região da Praça da Savassi, em Belo Estatística (IBGE), na última semana.  
Horizonte, ligaram para a coluna solicitando a publicação de Em 2015, o PIB já havia recuado 3,8%. O
uma notinha: o imposto pago à PBH na região, especialmente resultado é o pior da história, sendo que essa
o IPTU, é, na opinião deles, o mais caro da cidade. Entretanto, sequência de baixas só foi constatada nos anos
eles não têm um mínimo de sossego. Nos dias de Carnaval, a de 1930 e 1931, quando os recuos foram de 2,1%
e 3,3%, respectivamente.
região recebeu uma multidão de foliões e se transformou em
O professor de economia da Universidade
uma “latrina” a céu aberto. Ave Maria, gente. Federal de Minas Gerais (UFMG), Mário Rodarte,
avalia que essa queda já era esperada. “Não era
desejável, mas quem acompanhava os outros
Samarco sem comunicação índices já imaginava que seria um período de
retração”.     
Mais de um ano depois do desastre da Barragem de Além disso, o PIB per capita também apresen-
Fundão, em Bento Rodrigues, até hoje, a empresa Samarco, tou queda de 4,4%, alcançando R$ 30,40. “Se esse
continua com a sua imagem negativa nos noticiários. Por certo, indicador cai, mostra que  a capacidade de renda
falta experiência do pessoal de lá no que tange à comunicação das pessoas também caiu de uma forma geral.

IBGE
social. Deve ser pelo fato da empresa sempre ter se preparado Infelizmente, durante uma crise, os pobres sempre
para a extração do minério e obtenção de lucros, desprezando são os mais afetados”.
públicos no período de 20 anos, e a Reforma da A tendência é que elas peguem o dinheiro para
os demais temas, inclusive a comunicação. Eu, hein...
Queda generalizada Previdência estão contribuindo para a manutenção pagar as contas atrasadas, e por isso, acredito
do pessimismo. “O trabalhador, que essa “ingestão” de crédito
Para construir o índice, o IBGE baseou-se nos quem manteve a economia em alta não terá resultado na macroeco-
Sucessão na Fiemg setores de agropecuária, indústria e serviços, e to- nos anos anteriores, está perdendo PIB per nomia”.
dos esses apresentaram queda em relação ao ano a renda, pois alguns estão desem- capita também Para que haja uma possível
Quem teve oportunidade de comentar com o presidente da
anterior, sendo que os recuos foram 6,6%, 3,8%  e pregados ou em subempregos”. recuperação econômica, o pro-
Federação das Indústrias do Estado de Minas Gerais (Fiemg), 2,7%, respectivamente. “Não se esperava essa Rodarte também comentou
apresentou fessor acredita que o resultado da
Olavo Machado, a respeito da sucessão na entidade ficou com queda generalizada”, comenta Rodarte.   que, apesar da tentativa de aque- queda de 4,4%, próxima eleição presidencial será
a nítida impressão de que ele terminou topando a provocação O principal fator que contribuiu para a queda na cer o consumo com a liberação alcançando fundamental. “Se o próximo pre-
de alguns empresários, no sentido de abrir caminho para mais agropecuária foi o desempenho fraco da agricultu- do FGTS de contas inativas, os R$ 30,40 sidente quiser investir na capaci-
um mandato de três anos. Mas a promessa é no sentido de ra; já na indústria, o que puxou a queda foi o setor níveis econômicos continuarão dade de consumir do trabalhador,
se manter a união entre os diversos grupos interessados no de transformação; e no de serviços, o fator deter- em queda. “Essa medida vai dar podemos ter resultados positivos;
minante para o resultado ruim foi o de transportes. renda para as pessoas que estão endividadas. caso contrário, continuaremos em recessão”.
assunto. Claro, para essa união acontecer, terá de haver muita
O consumo das famílias caiu 4,2% em relação
habilidade, podem apostar. ao ano anterior - e em 2015 a queda foi de 3,9%. O
resultado ruim por ser explicado pela deterioração
dos indicadores de juros, crédito, emprego e renda
ENTENDA
Aécio e Furnas ao longo de 2016. E as despesas do Governo tam-
O Produto Interno Bruto (PIB) é a soma de tudo o que produzido por um em um local, seja região,
bém apresentou queda: 0,6% ante a 1,1% em 2015. 
Jornalistas de prestígio em Brasília acreditam que desta estado ou país, durante um determinado período. O PIB é o indicador mais utilizado na macroeco-
Já no setor externo, as exportações de bens e
vez, a denúncia contra o presidente do PSDB, Aécio Neves, nomia para mensurar a atividade econômica. No Brasil, é o IBGE responsável por divulgar esses
serviços cresceram 1,9%, enquanto que as impor- valores.
com esquema de dinheiro ilícito em Furnas, vai terminar dando tações de bens e serviços caíram 10,3%.
xabú. Os comunicadores ainda acrescentam que o ex-diretor O PIB é composto basicamente pela seguinte fórmula: consumo das famílias + consumo do governo
da estatal, Dimas Toledo, será execrado publicamente a partir Expectativa + investimentos + exportações - importações.
dos próximos meses. Aliás, uma curiosidade: quando se busca
O professor acredita que esse cenário de inse- PIB per capita é o PIB dividido pelo número de habitantes. Este indicador foi o primeiro a ser usado
o nome de Dimas na internet, está escrito: o homem de Aécio
gurança econômica não vai mudar nos próximos como parâmetro para saber se a população tinha uma boa qualidade de vida, porém, devido a sua
em Furnas. Eita nós, hein... anos. Para ele, algumas medidas do Governo Fe- imprecisão, atualmente usa-se o coeficiente de Gini.
deral, como a PEC do Teto, que delimita os gastos

Outra de Brasília
Uma avaliação feita por jornalistas da crônica política de
Brasília aponta o seguinte: por falta de opção, o presidente
Michel Temer (PMDB) vai chegar até o fim de seu mandato,
Empresas do Simples devem pagar
Contribuição Sindical, segundo MTE
sangrando, mas vai. Mesmo porque processo contra ele no
Tribunal Superior Eleitoral não tem prazo para ser concluído.
Outra análise feita: A queda de mais um presidente neste curto
espaço de tempo poderia complicar ainda mais o atual regime
democrático. Será?
A Diretoria da Fecomércio MG vai isentar dos desobrigadas do recolhimento da Contribuição, administrativas. Em especial, o Sistema Feco-
encargos (multas e juros) empresas inscritas no considerando o artigo 13, parágrafo 3º, da Lei Com- mércio MG defende os direitos dos empresários
Outra do Temer Simples Nacional em débito com a Contribuição
Sindical Patronal. O benefício foi aprovado no dia
plementar 123/2006, que trata das Contribuições
previstas no artigo 240, da Constituição Federal.
do comércio de bens, serviços e turismo. Dessa
forma, o Sistema Fecomércio MG oferece a
Sem meias palavras, o cientista político e professor da 22 de fevereiro, dias após o Ministério do Traba- Com a modificação, o MTE corrobora com o enten- todos os filiados e conveniados, independen-
PUC Minas, Malco Camargos comenta: “O presidente Michel lho e Emprego (MTE) revogar as Notas Técnicas dimento da Fecomércio MG de que a Contribuição temente do regime tributário por que optaram,
Temer (PMDB) tem uma capacidade enorme de negociação. 02/2008 e 50/2005, mudando o próprio enten- Sindical possui hoje papel de grande relevância no inúmeros serviços, como assistência jurídica
dimento sobre o recolhimento da Contribuição. Estado Democrático de Direito Brasileiro, uma vez e aprimoramento das atividades profissionais,
No momento, ele está transformando as ameaças que recebe
De acordo com o novo texto publicado no Diário que financia as atividades essenciais dos Sindica- bem como a atuação forte junto aos poderes
em oportunidades”, sentencia o renomado cientista. Oficial da União (DOU) no dia 16 de fevereiro, as tos, Federações e Confederações. executivos e legislativos, a fim de defender
organizações cadastradas no Simples também Destaca-se que a Confederação, Federação seus interesses no que tange a elaboração das
devem pagar o tributo. e os respectivos Sindicatos atuam na defesa dos leis, decretos, portarias e demais legislações
PT x PMDB As notas técnicas anteriores reforçavam que direitos e interesses coletivos ou individuais da que afetam diretamente o setor, cita o texto da
as empresas optantes pelo Simples Nacional eram categoria, inclusive em questões judiciais ou Federação mineira.
O embate entre petistas e peemedebistas, em Minas, está
realmente batendo todos os recordes. Vejam só: o governador
Fernando Pimentel (PT) nomeou o ex-prefeito de Vespasiano,
Carlos Murta (PMDB), para ser o seu secretário de Assuntos
Metropolitanos. Agora, quem está chegando para ser vice de Roberto Fagundes
Murta é nada menos do que o ex-prefeito de Pará de Minas, Presidente do Conselho Curador do Belo Horizonte
Antônio Júlio (PMDB). Ex-presidente da Assembleia, Júlio é Convention & Visitors Bureau - roberto@clan.com.br
velho parceiro do vice-governador Antônio Andrade (PT), que
por sinal está em rota de colisão com o Palácio da Liberdade.

Deixem que a sociedade decida


Coisas da política mineira.

Triangulo sem prestígio Até que os resultados econômicos alcança- Com isso, já começam a expressar insatisfa- gundo a Procuradoria-Geral da Fazenda Nacional,
Temporariamente, o Triângulo Mineiro não tem nenhum dos pelo Governo Temer têm sido razoáveis, em- ção, sem nem mesmo preocuparem-se em fazê-lo havia, no final de 2016, 721.328 devedores com
nome do primeiro escalão do Governo do Estado. Por conta bora o termo de comparação seja o imenso buraco veladamente – os sinais de rebeldia são explícitos, uma dívida de R$ 426 bilhões junto à Previdência.
disso, tem um grupo de políticos tentando convencer o governa- cavado por Dilma Rousseff em 2014 e 2015. Estão inclusive dentro do próprio PMDB, partido do Um bocado de dinheiro.
melhores do que antes – a inflação em baixa, presidente da República, como as ameaças de Um desses críticos, o presidente da Associação
dor Fernando Pimentel (PT) a recriar a secretaria de Esportes,
mesmo que resultante da queda no consumo, os protelar a tramitação das reformas, em especial Nacional dos Auditores Fiscais da Receita Federal
que como foi dito anteriormente, se destinaria ao deputado superávits na balança comercial e a redução da a da Previdência Social, xodó da equipe econô- diz (e já o faz há algum tempo) que as contas da
Antonio Lerin (PSB). Ele, por sinal, tem seu esquema eleitoral taxa Selic (que os bancos fazem de conta que não mica. O Solidariedade, partido da base aliada, por Previdência não são uma mera questão matemáti-
todo montado em Uberaba. É isso aí. é com eles), são bons exemplos. Mas a redução exemplo, diz que vai usar programa de TV, que irá ca. Segundo ele, se a Previdência for considerada
na atividade econômica e o desemprego que não ao ar em abril, para atacar pontos considerados como parte do sistema de seguridade social, não há
quer ceder indicam a necessidade de fazer muito fundamentais desta reforma. déficit, pois o total de recursos que a União arrecada
Aproximação palaciana mais. E, hoje, o grande problema em fazê-lo não Críticas ao caráter draconiano das mudan- para custear o sistema como um todo é superior
parece ser a economia em si, mas o ambiente ças propostas, como a exigência de 49 anos de aos gastos. Só em 2014, sobraram no caixa R$ 54
Embora eleito pelo partido dos Democratas, o prefeito de político, que não é nada estimulante para a reto- contribuição, que antes vinham sendo formuladas bilhões. Em 2015, sobraram mais R$ 11 bilhões.
Nova Lima, Vitor Penido, que também foi eleito presidente mada do crescimento. somente por políticos, economistas, intelectuais, Mas esses recursos têm sido empregados para
da Granbel e da Associação dos Municípios Mineradores, já As boas perspectivas projetadas pelo Governo artistas e estudantes de esquerda já não são mais outros fins, como o pagamento da dívida pública.
foi convidado a fazer uma visita de cortesia ao governador do ao fazer enorme maioria no Congresso estão se deles privilégio. Há autoridades, inclusive dentro Enfim, quem está com a razão? O Governo,
Estado. Só está faltando um agendamento, claro. diluindo diante de alguns fatores, entre os quais a do próprio Governo Federal, que já contestam o ao invés de simplesmente alardear os argu-
possibilidade de a chapa Dilma-Temer ser cassada principal argumento da reforma, o de que o déficit mentos em favor da reforma (como aliás o fez
pelo TSE (hipótese que há muito pouco tempo era do INSS chegou a R$ 150 bilhões em 2016 e que o PMDB, com o terrorista “Se a reforma da Pre-
vista como inimaginável) e as delações premiadas pulará para R$ 181,2 bilhões este ano. De acordo vidência não sair, tchau Bolsa Família”), melhor
Adalclever senador de executivos da Odebrecht. Pelo pouco que delas com uma corrente de economistas e especialistas faria se explicasse tudo direitinho à sociedade,
Em algumas cidades mineiras onde tem aparecido, o pre- já se sabe, devem atingir de roldão políticos de – apoiada, aliás, por diversos parlamentares – há provando por A+B que o sistema está realmente
todas as colorações partidárias, que, diante da alternativas à reforma proposta, entre elas o fim da falido. Aos opositores, a mesma coisa. E que
sidente da Assembleia, Adalclever Lopes (PMDB), tem sido
ameaça de acabarem em Curitiba, vêm se sentindo política de desonerações fiscais e a cobrança das vençam os argumentos que melhor convencerem
sondado como futuro candidato à vaga senador. É aguardar desprotegidos por aqueles a quem apoiaram. dívidas previdenciárias de grandes empresas. Se- a sociedade. Deixem que ela decida.
para conferir, claro.

E LO Y LANNA
Fotógrafo Profissional

FOTO - JORNALISMO - CONGRESSOS - EVENTOS SOCIAIS

contato@minas1.com.br TELEFONES:
www.minas1.com.br 3450-0980 / 99603-4396
EDIÇÃO DO BRASIL
11 a 18 de março de 2017 E C O N O M I A 5
Direito do Consumidor em xeque
Desrespeito pode incidir em ações judiciais, perda de clientes e, até mesmo, na retirada do produto ou serviço do mercado

fabricante do remédio, Johnson

Fotoarena
Ariane Braga & Johnson, o retirou de todas as
prateleiras dos Estados Unidos

M
esmo com a informação até que o caso fosse solucionado
ao alcance de quase to- e descoberto que uma pessoa ha-
dos, muitos consumidores via envenenado alguns blisters (o
ainda são prejudicados pelo não nome da embalagem no formato
cumprimento do Código de Defesa de cartela) do remédio”.
do Consumidor (CDC). Segundo O professor explica que para
dados mais recentes divulgados uma campanha não violar os direi-
pelo Sistema Nacional de Infor- tos do consumidor ela precisa ter
mações de Defesa do Consumidor transparência nas mensagens e se
(Sindec Nacional), órgão ligado ao pautar sempre na ética e verdade.
Ministério da Justiça, de dezembro “É preciso ter cuidado com a pu-
de 2016 até o dia três de janeiro blicidade enganosa e a abusiva. O
deste ano, Minas Gerais computou Código de Defesa do Consumidor,
13.641 reclamações nos Procons VOCÊ SABIA? através de seu Art. 37, § 1º e § 2º,
do Estado. As ações que lideram - Os estabelecimentos co- proíbe a prática destes dois tipos
o ranking foram contra cobranças merciais são obrigados a ter o de publicidade”, sinaliza.
indevidas ou abusivas. Código de Defesa do Consu-
De acordo com o professor de midor (CDC) a disposição do Terceira idade
Direito e Relações de Consumo da cliente. O idoso é um cidadão como
Escola de Direito Rio Fundação Ge- - O CDC pode ser acessado qualquer outro, entretanto, ele
tulio Vargas/Faculdade IBS, Fábio no site www.planalto.gov.br pode ter algumas limitações devido
Lopes Soares, os desrespeitos mais - Pizza de dois sabores: você à idade e, até mesmo o grau de
comuns são: o contratual, a publici- não é obrigado a pagar pela mais instrução tecnológica pode levá-lo
dade abusiva, descumprimento das cara e sim a metade do valor real a ser um alvo fácil para empresas
normas nas compra realizadas pela de cada uma. que não respeitam as leis. Segun-
internet, débitos indevidos e venda - Serviço de garçom: você do o advogado Moysés Monteiro,
de produtos sem solicitação. “Isso não é obrigado a pagar. existe um nicho de mercado espe-
se deve a sociedade de consumo - Valor mínimo para comprar cializado para explorar essa faixa
que se caracteriza pelas novas 15 de março no cartão de crédito ou débito: etária, por exemplo, as linhas de fi-
tecnologias, internet e massificação nanciamento. “As informações são
na prestação de serviços e oferta de
é o Dia do a loja não pode estabelecer um
passadas pela metade ou omitidas
valor.
produtos”, explica. Consumidor e por muitas vezes os contratos
Mesmo criado em 1990, o CDC não são compreendidos, o idoso
não é muito procurado. Entretanto, acaba sendo mais prejudicado em
Soares afirma que é importante relação a outros consumidores”,
que o consumidor conheça seus alerta.
direitos, seja pela internet, ou pela Em ação tudo, o valor deve ser anunciado Mão dupla são modificadas ou até mesmo Monteiro acrescenta que outra
leitura do código para reaver seus O advogado do escritório Mon- previamente para o cliente decidir Se um consumidor não ficou retiradas do ar. E isso afeta nega- questão cultural e social que englo-
direitos em caso de necessidade. teiro e Panhotta e presidente da se ficará no restaurante ou não. satisfeito ou se sentiu lesado, tivamente a imagem da marca ou ba o universo do idoso é o medo
“Se ocorrer abusividade, é reco- Comissão OAB Jovem de Minas “Outro ponto são os valores extra ele pode reclamar pela rede – o serviço e, até mesmo, pode retirar de ter o nome negativado. “As em-
mendado que a pessoa reclame Gerais, Moysés Monteiro, ressalta contratuais de cartão de crédito e prestador de serviços pode ficar o produto do mercado. Habel presas enviam contas indevidas,
na empresa buscando uma solução que as grandes empresas são as que de operadoras que aparecem nas mal visto e ainda perder clientes. alerta ainda que em alguns casos duplicadas etc, e eles pagam por
amigável e menos custosa”. De mais ferem o CDC. “A demanda para faturas. E também o envio de car- Para o especialista em Marketing é possível reverter a situação, esse medo e não recorrem”.
acordo com o professor, se não reaver os direitos é grande, porém tões sem a autorização ou pedido e professor de Administração da através de novas campanhas, O advogado recomenda que
houver solução o indivíduo poderá ainda é pequena em relação ao des- do consumidor”, aponta. Faculdade IBS/Fundação Getulio programas de relacionamento etc. independentemente da idade é
recorrer às Ouvidorias e, por fim, respeito. Pois as pessoas ainda não De acordo com o advogado, a Vargas, Carlos Frederico Habel, é Contudo, ele destaca que o custo preciso ler o contrato e as contas
aos órgãos de Defesa do Consumi- tem total entendimento sobre a lei”. negativação do nome nos órgãos fundamental ter um bom relacio- de reconquista de um cliente é antes de pagar. “É importante
dor ou Judiciário. “Neste sentido, a Por motivos culturais e tam- de proteção ao crédito também é namento com o mercado para o muito superior ao de captação de lembrar que o idoso é responsável
plataforma do Governo Federal, no bém por falta de conhecimento, uma questão preocupante. “Mui- sucesso de toda organização. um novo. “Um exemplo, é o caso por suas ações, caso ele não esteja
site www.consumidor.gov.br é uma pagamos taxas, por muitas vezes tas empresas não cumprem os Segundo o especialista, quan- ocorrido na década com o Tylenol. mais apto, ou aderiu a um contrato
solução rápida e eficiente para as indevidas. Monteiro, explica que pré-requisitos antes de incluir o do a publicidade não está de O produto foi acusado de levar a em que foi ludibriado, um familiar
reclamações, caso as empresas os 10% do garçom não é um valor nome do cliente, como a tentativa acordo com o código do Conselho óbito vários de seus consumido- deve ser titularizado legalmente,
demorem ou não respondam às obrigatório, diferente da taxa de de negociação, comunicação pré- Nacional de Autorregulamenta- res. Como estratégia de repara- para resolver essas questões por
demandas dos consumidores”. couvert artístico que é paga, con- via com o devido registro”, explica. ção Publicitária (CONAR) elas ção de problemas na imagem, a ele”, conclui.


Es ndo
c h e g a

CUIDAR DA NOSSA ÁGUA É CUIDAR DA NOSSA GENTE.


O Governo do Estado e a Copasa superam desafios para fazer a água chegar a todas as regiões de Minas Gerais.
São investimentos e obras realizados para garantir melhoria na qualidade de vida para milhões de mineiros.
6 G E R A L EDIÇÃO DO BRASIL
11 a 18 de março de 2017

Email: acir.antao@ig.com.br

Projetos A NI V E RS A RI A NT E S
Falando em recessão, Minas Gerais não é nenhum oásis no país e, também, sofre
como os outros estados com o tamanho da crise. No entanto, o governador Fernando
Pimentel não pretende usar o mesmo remédio que vem sendo aplicado no Estado do Rio
de Janeiro que vai vender a CEDAE, para fazer caixa e poder pagar salários atrasados
Almg

de seus funcionários. Aqui, em Minas, Pimentel já disse que a Cemig e a Copasa são
invendáveis. Ele fez suas contas e descobriu que o Governo Federal deve muito ao nosso
Estado, desde a entrada em vigor da lei Kandir na década de 90, quando deixamos de Domingo, dia 12 de março
cobrar ICMS de nossas exportações. Imagina que Minas exporta 50% do café produzido
no Brasil e talvez mais de 70% do mineiro de ferro que exportamos. Pimentel descobriu Jornalista Nilza Helena, mulher de Ronan Ramos
que o Governo Federal deve muito a Minas, pois ele nunca devolveu a desoneração de Expedito Gomes Fereira - Contagem
nossas exportações. Está pedindo um encontro de contas e além de pagar o que deve-
mos ao Governo Central, em torno de R$ 80 bilhões, teríamos ainda alguns bilhões para Radialista Vânia Carvalho, São João Del Rey
receber de volta. Ou seja, só de deixar de pagar a dívida, algo em torno de 4 bilhões por
ano, Minas teria dinheiro de sobra para pagar em dia seu funcionalismo, dar os aumentos
necessários à várias categorias e ainda realizar uma série de obras em todo o Estado. Segunda-feira, 13
A solução do Ademir – Ex-deputado federal, estadual e prefeito de Contagem em Jornalista Mônica Miranda, Rádio Itatiaia
dois mandatos, Ademir Lucas foi sempre um bom líder na política e, por isso, sempre en-
controu soluções para os diversos assuntos. Como está sem mandato, assiste de cadeira Jornalista Manoel Higino dos Santos
O homenageado advogado Nelson Wilians, ladeado por Manoel Mário, ao debate político no Brasil como espectador privilegiado, pois conhece bem seus atores Ex-deputado Luiz Vicente Calichio
deputado Ivair Nogueira, jornalista Walter Freitas e este colunista e, assim, aplaudiu a decisão do deputado federal por minas Fábio Ramalho, o “Fabinho
Liderança” de peitar o presidente Temer, por ter esquecido Minas na composição do seu
Ministério. Ademir acha que Fabinho deveria aproveitar o momento e liderar uma ida de
A recessão que assustou – Ao divulgar na semana passada, o tamanho do chamado
toda a bancada mineira no Congresso, incluindo os deputados e senadores por nosso
Terça-feira, 14
rombo do PIB dos dois últimos anos, o IBGE causou um “frisson” nos meios econômicos
Estado, que deveria atravessar “andando” a Praça dos Três Poderes e ir ao Supremo,
do país e parte da oposição ao Governo Temer saiu em campo para falar mal do atual Jornalista Paulo Celso
numa grande audiência com a Ministra Carmem Lúcia, presidente daquela corte e pedi-la
momento econômico do país. No entanto, o próprio ministro da Fazenda, Henrique Meire-
les, fez questão de destacar que os economistas e a própria oposição deveriam olhar no
que faça valer constitucionalmente a Federação e decida a favor de Minas, na devolução Sra. Léia Márcia do Pinho
do dinheiro que é nosso, oriundo das desonerações de nossas exportações. Seria uma
retrovisor, pois o IBGE mostrou apenas a realidade do desempenho da nossa economia
posição política e ao mesmo tempo jurídica, pois uma decisão do supremo força o Governo (mulher do deputado Ivair Nogueira)
entre 2014 e 2016. Só em 2014, a queda da renda per capita dos brasileiros foi de 9,1%.
Já em 2016 o recuo da economia foi de 3,6%. Essa queda do PIB dura 11 trimestres e há
a devolver os bilhões que temos direito. Mércia Garcia - Anagalis
um esforço do Governo de criar uma agenda positiva para sairmos do sufoco. A aprovação
Homangem - Em cerimônia presidida pelo deputado Adalclever Lopes, presidente da
pelo Congresso da PEC dos gastos, foi uma iniciativa que trouxe credibilidade aos agentes
Assembleia, o Legislativo mineiro homenageou o advogado Nelson Wilians, com o título
da economia do Governo, que prepararam a reforma da Previdência em discussão no
de Cidadão Honorário de Minas. Nascido no Paraná e advogando em todo o Brasil, com
Quarta-feira, 15
parlamento e a tão desejada reforma tributária, além é claro, da reforma trabalhista. Há
escritório em BH e Uberlândia, é uma das mais destacadas figuras jurídicas do país. A
no país uma grande possibilidade de haver uma desoneração de algumas exigências que
proposição do título foi feita pelo deputado Ivair Nogueira. Depois da cerimônia no Plenário Sra. Vânia da Cunha Pereira Valadares
trouxeram mais dificuldades para o empresariado ter um empregado. Só chegaremos ao
pleno emprego se a economia reagir e o consumo interno aumentar. A liberação do FGTS
da Assembleia, o homenageado recebeu a todos para um jantar no Automóvel Clube. (mulher de Ziza Valadares)
em contas paralisadas, pode ajudar no aumento das vendas nos próximos meses. Dr. Geraldo Magela Gomes
Victor Nogueira, filho do deputado Ivair Nogueira e Leia

DA COCHEIRA
Arquivo Pessoal
Quinta-feira, 16
Num evento onde se consumiu 17 leitoas assadas e um boi, o ex-governador
Newton Cardoso homenageou o presidente da Assembleia, Adalclever Lopes, em
Prefeito Wander Borges, de Sabará
sua Fazenda Rio Rancho, em Onça do Pitangui. O momento contou com a presença Rodrigo Barreto Lucena- Assembleia Legislativa
de vários deputados e políticos de todo o Estado, inclusive o Governador Fernando
Pimentel, que elogiou a festa promovida por Newtão.

Temer não teme a lista de Janot. Declaração do presidente da República não


Sexta-feira, 17
surpreende, já que ele deve saber muito bem, quais são os políticos, principalmente,
do seu partido, envolvidos na busca da propina eleitoral.
Ronaldes Gonçalves Marques - Ex-prefeito de Nova Lima
Dr. Antônio Olavo - Brumadinho
Falando em propinas, ex-funcionário da Odebrecht, Hilberto Silva Mascarenhas,
disse a Justiça Eleitoral, que a empreiteira movimentou de 2014 a 2016, cerca de R$ 3
bilhões e R$ 390 milhões de reais em propinas. É dinheiro prá ninguém botar defeito. Sábado, 18
Está faltando, até hoje, uma medida de impacto do prefeito Alexandre Kalil, em
Belo Horizonte. Pela sua explosão de votos e pelo jeito de ser, esperava-se alguma
Jornalista J. D. Vital
coisa que pudesse movimentar a nossa pacata cidade. O Presidente do Minas Tênis Clube, Ricardo Santiago, recebeu no dia 08 Israel Pinheiro Filho
de março a visita do Cônsul Geral A.H. da Índia, Edson de Barros Gomes Jr, Jornalista Alessandra Mendes – Rádio Itatiai
Pelo andar da carruagem, os prometidos R$ 15 milhões do governador Fer-
acompanhado do associado Vicente Amorim.No encontro foram discutidos
nando Pimentel, para reformar a via expressa em Contagem não serão liberados.
O prefeito de antes era do PC do B e aliado do governador. O atual prefeito Alex de diversos assuntos sobre projetos que podem ser desenvolvidos em
Freitas é do PSDB. parceria e participação da comunidade indiana em eventos do Clube. A todos, os nossos Parabéns!

Montes Claros
Desenvolvimento econômico de BH Restaurante Favoritto
Tupinambás,58 - Melo

passa pela cadeia produtiva do Turismo Telefone (38) 3222-5353


restaurantefavoritto@yahoo.com.br

BH Convention & Visitors Bureau Churrascaria Chimarrão

E
Av. Gov. Magalhães Pinto,4910 - Jaraguá
stá confirmado, com os resulta- desfile de blocos caricatos e de escolas próprias dependências, assim como
dos do megaevento que acabou de samba – sem nenhuma ocorrência muitos bares. Telefone (38) 3215-1550
de acontecer, que o turismo tem mais grave em uma festa de milhões de No modelo gravitacional aplicado churrascariachimarraomoc@yahoo.com.br
forte impacto na economia da pessoas é a prova de que a população ao turismo, vemos a importância da Belo Horizonte
cidade – ou seja, dinheiro novo no bolso compreendeu a importância deste novo proximidade dos mercados para o Ambrósios Grill Pinguim - Choperia e Restaurante Toco Churrascaria
de todos os envolvidos –, fomentando Carnaval, aproveitando e se divertindo. crescimento turístico dos destinos. Fica
Av. Getúlio Vargas, 8 - Funcionários Rua Grão Mogol,157 - Sion Av. Mestra Fininha, 3185 - Morada do Sol
os mais diversos setores, consolidando Foram instalados três postos para aten- admitido que quanto mais os destinos
todas as políticas público-privadas e re- dimento médico, exclusivamente, para estão próximos dos centros emissivos, Telefone (31) 3262-4113 Telefone (31) 3282-2007 Telefone (38) 3212-3001
forçando a capacidade técnica instalada o evento e esse fato foi um dos maiores maiores são as probabilidades de êxito, marketing@ambrosios.com.br mktpinguimbh.com.br
da Cadeia Produtiva do Turismo para elogios pelos foliões. Pontos fortes como ou também com relação às maiores
todo tipo de eventos – culturais, comer- a diversidade, o comprometimento e disponibilidades de fatores oferecidos Armazém Dona Lucinha 1 Restaurante do Minas 1
Uberlândia
ciais, associativos, religiosos e técnicos. engajamento, a profissionalização, a pelos destinos receptivos. Ou seja, o Rua Padre Odorico,38 - São Pedro Rua da Bahia,2244 - Lourdes Restaurante Favoritto
O Carnaval de BH em 2017 foi segurança superaram em muito os estudo corrobora com o que vem acon- Rua Tupinambás,58 - Melo
Telefone (31) 3227-0562 Telefone (31) 3516-1310
mais uma vez enorme sucesso: de fracos como banheiros, ambulantes, tecendo em BH, em especial com o seu
público, de alegria e organização. O sonorização, trânsito e furtos. novo Carnaval. Primeiro, a população donalucinha@donalucinha.com.br restaurantedominas@gmail.com Telefone (38) 3222-5353
evento consolidou a capital mineira no Foram utilizados cerca de 655 foi para as ruas através de blocos de restaurantefavoritto@yahoo.com.br
cenário do Carnaval brasileiro e suscitou mil litros de água, 40% dela reusada, rua informais. E ao longo de três anos, Restaurante Casa dos Contos Restaurante Maria das Tranças
o desejo de vir passar o Carnaval em 265 litros de detergente, para limpeza foi ampliando o público do evento, Rua Rio Grande do Norte,1065 - Funcionários Rua Professor Morais,158 – Savassi Churrascaria Chimarrão
BH em 2018. A página virou e isso não de calçadas e ruas. Recolhidas 630 vindo em sequência os moradores Telefone (31) 3261-5853 Telefone (31) 3261-4802 Av. João Naves de Ávila,790 - Cazeca
tem volta, pois a população quis assim! toneladas de resíduo, além de outras da região metropolitana, depois de
macielnovosul@bol.com.br administrativo@mariadastranças.com.br Telefone (34) 3236-6329
Mas tudo pode ser ainda melhor. Belo 210 no Pré-Carnaval. Seiscentos garis cidades a 100/200 km de distância, os
Horizonte vai se entendendo como uma trabalharam durante o período de Momo. mineiros, e agora visitantes de várias churrascariachimarrao@netsite.com.br
cidade cosmopolita, turística, de grandes Sete mil policiais nas ruas, além de partes do Brasil. Patuscada Restaurante Fogo de Chão
fluxos, e tudo isso ligado à nossa cultura 2,3 mil guardas municipais. Cinco mil Todo estudo sobre turismo reforça Av. Bernardo Monteiro,1548 - Funcionários Rua Sergipe,1208 - Savassi Churrascaria Tropeiro
genuína e seus lugares únicos, que servidores municipais envolvidos! Uma o setor movimentando mais de 52 seg- Telefone (31) 3213-9296 Telefone (31) 3227-2730 Av. João Naves de Ávila,1374 - Sta. Maria
proporcionam experiências únicas. BH operação gigante que vem mudando o mentos econômicos. Receber visitan- patuscada@patuscada.com.br bh@fogodechao.com.br
se mostrou para o Brasil e para o mundo! paradigma da cidade! tes gera e amplia renda e empregos, Telefone (34) 3236-3602
O número de foliões foi subestimado Com um investimento público e aumenta recolhimento de impostos, e churrascariatropeiro@netsite.com.br
e levou a algumas falhas no planejamen-
to. Afinal, o crescimento do Carnaval
privado em torno de R$ 15 milhões, já
se falam em uma receita de R$ 514
a economia local fatura e agradece. E
isso cresce principalmente num destino
Ipatinga Juiz de fora
foi assustador e o público imprevisível. milhões. Segundo a Belotur, a média como BH, que é essencialmente da
Restaurante Cancun
Restaurante e Pizzaria Sabor a Mais Ouro Preto
Nunca se soube ao certo quantos foli- diária de gastos dos moradores foi de economia terciária criativa. Isso traz Rua Eugênio Fontainha,73 - Manoel Honório Restaurante Chafariz
ões iriam estar nas ruas, e blocos mais R$ 90, e dos visitantes foi de R$ 172, desenvolvimento econômico e social, Av. Monteiro Lobato,124 - Cidade Nobre
Telefone (32) 3216-3080 Rua São José,167 - Centro
organizados chegaram a ter centenas valor empregado em comidas, bebidas favorece a inclusão e a diversidade, Telefone (31) 3221-8645
restaurantesaboramais@ hotmail.com Telefone (31) 3551-2828
de milhares deles em uma única saída. e compras, sem contar as despesas e cria oportunidades de crescimento sabrinaapaula@hotmail.com
Uma análise bem técnica é necessária com hospedagem e transporte. Boa humano. chafarizouropreto@gmail.com
para que tenhamos como melhorar em parte do recurso injetado na economia A Cadeia Produtiva do Turismo Bacco Restaurante
todos os aspectos. O Carnaval é do se transforma em consumo e todo o favorece tudo isso, com muito trabalho Av. Independência,1850 - São Mateus Restaurante Chão de Minas
povo e ele é que deve orientar as ações. comércio irá lucrar no Pós-Carnaval. E conjunto e compartilhamento, buscando Restaurante A Kilo Mineiro Telefones (32) 3249-1850 Rua Nossa Sra. Auxiliadora, 29 - Sta. Luzia
Querem mais banheiros químicos – evi- novos patrocínios já estão previstos para encantar a todos que aqui vêm, procu- Av. Castelo Branco,703 - Horto
Telefones (31) 3551-2828 / 3553-1384
dentemente, pois o número de foliões o Carnaval 2018. rando que fiquem mais dias, que conhe- Telefones (31) 3822-5535
superou as expectativas – e o melhor A hotelaria teve um aumento de çam nossas atrações, e que retornem Restaurante Servir chafarizouropreto@gmail.com
restauranteakilomineiro@hotmail.com
posicionamento dos mesmos. A PBH 19% em sua ocupação e os restauran- em outras oportunidades, sendo também Av. dos Andradas,1215 - Fábrica chaodeminas@yahoo.com.br
disponibilizou 10 mil deles, num aumento tes de 20% em sua clientela. Hotéis da nosso marketing do boca-a-boca. Telefone (32) 3311-9200
de quase 50%. cidade fizeram de tudo para encantar Todos saíram felizes – moradores, Café Gerais
Chegar ao final de um megaeven- aos hóspedes, oferecendo comodidade visitantes, poder público e privado -, Restaurante Cozinha Vovó Ilma
Restaurante Estação Geraes Rua Conde de Bobadela,122 - N. Cachoeirinha
to – mais de 350 blocos de rua em 416 e mimos como horário de café estendido, e que seja sempre assim em muitos Av. Pero Vaz de Caminha, 402 - Bom Retiro
desfiles em todas as regiões da cidade, transfer gratuito para as concentrações outros eventos em Belo Horizonte. BH Rua Santo Antônio,650 - Centro Telefone (31) 3551-5097
Telefone (31) 3823-3506
três grandes eventos particulares, dos blocos principais, e bailes nas aos Olhos do Mundo! Telefone (32) 0000-0000 opassopizzajazzo@gmail.com

O jornal Edição do Brasil, circulando ininterruptamente há mais de 30 anos, se destaca por ser o único semanário
mineiro com linha editorial opinativa. Utilizando-se de modernas técnicas de jornalismo, com matérias curtas e bem
elaboradas, detém o respeito dos mais importantes setores políticos, econômicos e empresariais do Estado.
EDIÇÃO DO BRASIL
11 a 18 de março de 2017 S A Ú D E E V I D A 7
Um cromossomo a mais Dor de cabeça ou cansaço durante a leitura
e atenção de menos pode ser sinal de Dislexia Perceptual
ONG Luz Diamante é responsável por um belo projeto Se algumas atividades cotidia-
nas, que deveriam ser simples ou até
de inclusão para portadores da Síndrome de Down mesmo prazerosas, como ler, usar
o computador ou jogar bola, têm se
tornado muito desconfortáveis, aten-
e heike. Os cursos são voltados para ção: você pode estar com a Síndrome

Wilson Dias
Natália Macedo ampliação e consciência do ser. De de Irlen, também conhecida como
acordo com a coordenadora Maria Dislexia Perceptual de Leitura.
A criança que você queria Beatriz, o instituto criou um programa A síndrome, que recebe o so-
morreu. O que temos aqui, solidário. “Decidimos que este proje- brenome da doutora Helen Irlen,
é um bebê com Síndro- to seria voltado para pessoas com psicóloga americana que descobriu
me de Down. A assistente social do deficiência e, com foco, nos jovens e estudou o assunto que provoca um
hospital vai te auxiliar na entrada com Síndrome de Down. Atendemos desajuste no processamento visual
dos papeis para adoção, caso você Dia 21 de março é promovido o jovens acima de 14 anos, porque já afetando o desempenho à leitura,
queria se livrar dele”. Essa foi a fala Dia Internacional da Síndrome de Down existe várias instituições que traba- podendo interferir também em outras
do médico que fez o parto de Cíntia, lham com crianças. Mas, aceitamos atividades visuais, como percepção
mãe de uma criança que possui todas as idades mesmo assim”. de profundidade e capacidade de se-
Síndrome de Down. Essa repórter Bate papo A ONG tem um diferencial: pois guir objetos em movimento. Os sinto-
passou uma tarde na agradável Em uma roda de conversa, as trabalha com os pais. Glória, uma das mas se agravam se a pessoa estiver
sede da ONG Luz Diamante, onde mães dos atendidos pela ONG conver- mães participantes do projeto, diz que sob iluminação branca luminescente. 
ouviu histórias e casos sobre essas savam abertamente sobre a questão. isso é muito importante. “Aqui, eu me outros males como déficit de atenção há procedimentos que ajudam a
pessoas que são excepcionais e, “A médica disse que meu filho não ia sinto especial. Desde que minha filha Sintomas ou capacidade intelectual limitada. aliviar os sintomas, como o uso de
na maioria das vezes, esquecidas andar, não ia falar, não ia me chamar nasceu, a minha vida é esperar. E eu Segundo o médico Arthur Schae- O fato é que a doença pode afetar transparências para a leitura e filtros
e incompreendidas pela sociedade. de mãe. Pensei que ele viraria um ve- não ligo, mas o projeto, também, pensa fer, da Clínica Schaefer, de Curitiba, pessoas de qualquer idade. que podem ser adaptados aos óculos
Causada pela presença de três cro- getal, mas com um ano ele já andava em mim. Fomos muito bem acolhidas”. cerca de 12% a 14% da população “Os exames oftalmológicos con- ou lentes de contato – eles propiciam
mossomos 21 em todas, ou na maior e muito bem. Voltei nela para avaliar e Hoje, existe uma proposta para geral são afetados pela Síndrome vencionais não identificam os por- uma melhora no desempenho ao uso
parte das células, a Síndrome de ela disse que estava dentro do espe- ampliação da ONG. “Nós atendemos de Irlen e seus portadores costu- tadores da doença e no processo do computador, na leitura à distância,
Down ocorre na concepção da crian- rado. Não entendi a contradição. Falta 30 jovens e queremos ampliar para mam apresentar fadiga, cansaço, de diagnóstico, os profissionais ao subir e descer escadas e na co-
ça. Os indivíduos com a condição tem uma pessoa que entenda a condição e 50, além disso, trabalhamos manei- desconforto e/ou dores de cabeça capacitados utilizam transparên- ordenação e equilíbrio em práticas
47 cromossomos, em vez de 46, como nos explique, exatamente, tudo o que ras de criar autonomia para eles. à leitura, uso de computador ou cias de cores diferentes ou filtros, desportivas.
boa parte da população. Estima-se vai acontecer, de uma forma positiva. Como por exemplo, dar capacitação práticas de atividades que exijam onde a combinação de cores irá
que no país exista 300 mil pessoas Eles são diferentes, mas são capazes”, para que eles possam ser empre- coordenação motora. “Esses são os eliminar apenas os comprimen-
com a síndrome. Porém, este número, afirmou Cíntia. endedores e, para isso, precisamos sintomas da alteração da percepção tos de onda que causam descon- Dúvidas?
de acordo com a assistente social e A história de Neusa é semelhante. motivá-los. Realizamos oficinas cria- visual causada por um desequilíbrio forto”, esclarece o especialista. Faça um teste no The Offi-
coordenadora da Luz Diamante, Maria “Quando meu filho nasceu, o médico tivas e percebemos uma mudança da capacidade de adaptação à luz”, cial Irlen Internacional websi-
Beatriz da Cunha, é subnotificado. veio me dizer que ele tinha um proble- muito grande no desenvolvimento afirma o oftalmologista.  Tratamento te http://irlen.com/get-tested/
“Só é contabilizado as pessoas que já ma e seria incapaz. Eu não acreditei deles. São trabalhos diferentes do É muito difícil diagnosticar o Não há tratamento para a cura (o conteúdo do teste
precisaram de algum atendimento no nele. A forma, como ele me deu a no- que eles estavam habituados. Os portador de Irlen, pois muitas vezes e os sintomas não melhoram com a está em inglês).
Sistema Único de Saúde (SUS), con- tícia foi muito errada. Voltei para casa resultados são ótimos e, com isso, os sintomas são confundidos com de idade ou uso de medicação. Porém,
tudo, nem todos o utilizam”, explica. e tive que enfrentar tudo sozinha. Os entendemos que é hora de crescer”,
Além da falta de números reais, amigos e alguns familiares não querem diz a coordenadora.
outro ponto chama a atenção no que saber. É uma luta minha”, compartilha. Mas, Maria Beatriz explica que,
se refere a síndrome: a falta de infor- Mas, apesar de todas as dificulda- devido ao fato da ONG viver de do-
mação, tanto da população quanto des, as mães sempre se mostraram ações, a expansão vai demorar bas-
dos médicos. A vice-presidente da positivas. “Quando minha filha nasceu, tante para sair do papel. “Precisamos
Amadinhos Down – ONG parceira prometi ajudá-la e, desde que chega- angariar fundos e fazer parcerias. Já
da Luz Diamante –, Karina Icasatti, mos em casa não fiz outra coisa. Eu temos alguns patrocinadores, volun-
aponta que poucos são os especialis- cresci muito com a vinda dela, bus- tários e, também, temos alguns pais
tas que entendem a deficiência. “Na cando apoiá-la aprendi a ajudar. Sou que tem condição de pagar mensali-
maioria dos casos, os médicos tratam muito grata por ter recebido o presente dade. Continuaremos correndo atrás
a condição de forma geral, mas cada de ser sua mãe”, diz Tereza. para que possamos concretizar esse
caso é individual”. Durante a conversa, elas dei- sonho”.
Ela, que também possui um filho xaram uma mensagem à toda so- *O sobrenome das mães entre-
com a síndrome, acrescenta que os ciedade: “É preciso olhar com amor vistadas foram preservados.
médicos, em sua maioria, não tem para os portadores da Síndrome de
expectativa alguma para a criança. Down. Tratar o diferente com carinho
“Eles não sabem nem como dar a e, principalmente, respeito. Buscar
notícia. Tratam a situação como um informações, é primordial para que se
verdadeiro luto. Acabam com a ale- possa alcançar, de fato, a inclusão”. Mais informações de como
gria dos pais diante do nascimento ser atendido pela ONG, ou
de uma criança. Tudo vira um grande Luz Diamante até mesmo como ajuda-la no
drama. Recebemos olhares de dó, Localizada na Rua Américo Wer- site: www.luzdiamante.com.br.
como se ter um filho com Síndrome neck, 245, no bairro Mangabeiras, a Ou pelo telefone (31) 2512-0657
de Down fosse a pior coisa do uni- ONG Luz Diamante, trabalha com
verso”, lamenta. terapias holísticas: ocupacional, ioga

Dr. Milton Moura Olavo Machado


Cardiologista, Ativista Quântico, palestrante Presidente da Federação das Indústrias
(www.drmiltonmoura.com) de Minas Gerais (Sistema Fiemg)

A mulher pode ser o que ela quiser!


“Dizem que a mulher é sexo
frágil. Mas que mentira absurda”. A
em mais detalhes. Pode fazer mais
coisas simultaneamente sem perder
são as emoções? Em termos de
neurociência, já podemos vislumbrar
BH, capital da inovação
música já anunciava uma grande a qualidade. O cérebro da mulher é um significado diferente para sensibi-
verdade: a mulher pode ser o que particular. O corpo biológico da mu- lidade e percepção. Mulher tem sexto Brasília é a capital política de construir uma indústria A proposta é transformar
ela quiser! Talvez, apenas analisando lher também é particular. Portanto, a sentido. A mulher pode ser o ela quiser!
do país, São Paulo é a capital moderna e competitiva glo- o hipercentro de BH no maior
friamente alguns dados estatísticos, consciência da mulher expressa-se Qual é a sensação de perceber,
da economia brasileira, o Rio balmente. Nesta empreitada, polo de economia criativa do
não se tenha muito a comemorar de forma diferente. nutrir e desenvolver uma nova vida
nesta data. A mulher ainda sofre mui- Respeito, essa é a palavra que dentro de si mesmo? Com a palavra,
de Janeiro é a capital do turis- com muita honra, contamos, Brasil, como epicentro deste
tos preconceitos quando comparada se impõe no momento. A mulher pode as mulheres! Somente elas podem mo e nosso objetivo é trans- no Fiemg Lab, com a parceria movimento que vai conectar
ao homem. Contudo, o intuito não é ser o que ela quiser! ter essa experiência. Somente elas formar Belo Horizonte e sua do Sebrae-MG, Governo de startups, grandes empresas,
levantar esses dados aqui, mas sim O cérebro feminino tem particula- podem desenvolver essa sensibi- região metropolitana na “capi- Minas Gerais, Fapemig, CNI, profissionais da economia
valorizá-la e fazer uma homenagem ridades específicas, ou seja, é capaz lidade. Somente elas são capazes tal brasileira do conhecimento Grupo BMG e Atmosphera. criativa e empresas de TI. É
neste Dia Internacional da Mulher. de realizar conexões que envolvem desse feito. Nessa diferenciação e da inovação”. Nessa direção, Em seu conjunto, a qua- um movimento alinhado com
A mulher tem hormônios em ambos os hemisférios cerebrais, sexual que existe em todos os seres um passo importante foi dado lidade dos cem projetos se- a tendência mundial de con-
dosagens que o homem não tem e envolvendo um número muito maior humanos, a mulher é privilegiada. na última segunda-feira, com lecionados pelo Fiemg Lab centrar a economia criativa em
isso a torna única! de conexões. O cérebro humano, Isso faz da mulher um ser especial a seleção de cem projetos contém atributos fundamen- zonas centrais, aproveitando
Faço aqui um elogio ao estro- de uma forma geral, possui cerca e todos nós, homens, deveríamos inovadores para participar tais – ousadia, criatividade e a diversidade de talentos e
gênio, hormônio feminino que atribui de 100 bilhões de neurônios, onde respeitá-las, valorizá-las e aprender do Fiemg Lab, um programa potencial para se transformar setores, como ocorre em Pitts-
características especiais à mulher, cada neurônio é capaz de realizar 5 mais com elas. pioneiro entre as federações em negócios de sucesso. De burgh, Kansas, San Francisco,
entre elas a sensibilidade. E também mil conexões cada um. O número de O que a mulher pode ser? A de indústrias de todo o país. É fato, as 73 startups e 27 spino- Medellín, Lisboa e Barcelona.
uma peculiaridade específica quanto conexões possíveis é exorbitante! As mulher, por essas e outras, pode ser uma centena de boas ideias de ffs selecionadas apresentam No âmbito do Conselho de
às conexões cerebrais: a mulher faz mulheres conseguem otimizar melhor o que ela quiser! Quem vai impedir?
jovens e pequenas empresas ideias inovadoras e disruptivas Tecnologia e Inovação da Fie-
muito mais conexões, algo que os essas conexões. Como seria bom se Fica aqui um apelo para a valorização
– startups e spinoffs –, das em setores estratégicos para a mg, presidido pelo nosso vice-
homens não são capazes de realizar. todos nós pudéssemos otimizar essas e o respeito que as mulheres mere-
Vantagem? Sim! Ela pode realizar conexões! Quais são os pensamentos cem. Sexo frágil? Mas que mentira
diversas regiões mineiras, economia mineira - nas áreas -presidente Valentino Rizzioli,
multitarefas. Pode prestar atenção que as mulheres possuem? Quais absurda! do país e até internacionais. de TI, segurança e saúde do criamos o projeto Synergy.
Durante 18 meses elas terão trabalho, alimentos, energia, A ideia da construção de
o apoio do Sistema Fiemg e educação, vestuário, constru- coworkings industriais, com
dos parceiros do Fiemg Lab ção civil, logística e agropecuá- foco no setor eletroeletrônico

Motocicleta, automóvel
para transformar seus projetos ria. O Fiemg Lab é um exemplo e na “internet das coisas”, foi
e ideias em produtos de alta importante do trabalho que, em idealizada dentro do nosso
intensidade tecnológica e ele- parceria com os nossos sindi- Conselho e implementada
vada capacidade de agregar catos filiados, realizamos no pela iniciativa privada. As

ou imóvel? valor à indústria mineira.


Temos uma excepcional
objetivo de inovar e investir em
novas tecnologias e soluções
empresas Seva e Unitec já
se beneficiam, em Contagem,

?
base a nos apoiar. Já dispo- para as empresas mineiras. de um espaço criado dessa
mos de instituições do porte Há outras iniciativas igual- maneira, onde podem ser
e da importância da UFMG e mente relevantes. Uma delas é desenvolvidos e fabricados

Moto, Honda CRF 230 - R$ 13.290,00


em 80 vezes de R$ 207,65
das universidades de Viçosa
e de Itajubá. Também temos a
Fundação Dom Cabral, a Fun-
o P7 Criativo, projeto que es-
tamos realizando em parceria
com o Sebrae-MG, Apex Brasil
placas e chips.
No Centro de Inovação e
Tecnologia - CIT Senai Fiemg

carro dação de Amparo à Pesquisa


de Minas Gerais (Fapemig), a
unidade do Google em BH, o
e o Governo do Estado, por
meio da Codemig e da Funda-
ção João Pinheiro. O objetivo
Campus Cetec, em Belo Hori-
zonte, estão sendo aplicados
R$ 149 milhões, em parceria

ou casa Centro de Engenharia e Tec-


nologia da Embraer (instalado
no CIT Senai Fiemg – Campus
é a criação, na Praça Sete, em
BH, de um espaço destinado
a ampliar a densidade do
com a CNI e com o BNDES.
Cada vez mais
Ali, instalamos três Institutos
de Inovação e cinco de Tecno-
Cetec) e os polos de inovação ecossistema de startups em logia, onde mais de 40 doutores
Pálio Fire 1.0 Flex 4 P - R$ 32.620,00
Não importa como você sonha. em 80 vezes de R$ 509,67
e tecnologia em Santa Rita do Minas Gerais. O antigo prédio e mestres atuam em conjunto
Sapucaí, no Sul de Minas, e do Bemge – construído em com a indústria mineira para o
O que importa é que realizamos aqui mesmo em BH – o São 1953, com projeto de Oscar Matriz
desenvolvimento em Belo Hori
de soluções
Pedro Valley. Em Varginha Niemeyer – será restaurado para setores de grande impacto
todos os seus sonhos. está o hub de tecnologia para e reestruturado para abrigar, na economiarepresentações
do estado. em
a saúde da Philips América em um ambiente de colabo- Em essência, o Fiemg
Taxas competitivas, atendimento diferenciado e Latina. Em Betim, localiza-se ração e empreendedorismo,
cidades do país.
Lab, o P7 Criativo, o Projeto
garantia de quase quatro décadas de operação. o centro de design da Fiat empresas inovadoras e de alta Sinergy e os nossos centros
Chrysler, com mais de 100 intensidade tecnológica nos de inovação e tecnologia são
Estes são alguns dos fatores que fazem da
designers – o único fora dos segmentos do design, moda, exemplos da forma como a
Multimarcas um dos melhores consórcios Imóvel - R$ 224.957,53
em 180 vezes de R$ 1.896,65 EUA e da Itália. software, games e audiovisu- indústria mineira trabalha para
do Brasil. Matriz em Belo Horizonte Esta é a linha que que- al. O P7 começa a operar já criar, no estado, ambiente
e representações em várias cidades do país. remos seguir, apoiada no neste semestre com ações nos propício ao surgimento de so-
binômio “Inovação e Tecno- eixos da internacionalização e luções inovadoras para nossas
logia” e em sua capacidade empreendedorismo. empresas.

o seu consórcio multibrasileiro


88 E D U C A Ç Ã O EDIÇÃO DO BRASIL
11 a 18 de março de 2017

1,3 milhão de jovens entre 15 e 17


anos abandonam os estudos no Brasil
Em Minas Gerais, 156 mil pessoas nessa faixa etária não estão matriculadas em nenhuma escola
A superintendente de Desen- Ações Existe também um trabalho

Divulgação
Natália Macedo volvimento do Ensino Médio da Cecília afirma que já existem intenso feito para fomentar o

S
Secretaria de Estado de Educação, meios de reverter esse quadro. protagonismo jovem. Segundo
ócrates dizia que “O ho- Cecília Resende, aponta uma des- “Hoje, nós organizamos uma Supe- ela, foram organizadas rodas
mem para ser completo conexão entre o jovem e o plano de rintendência de Desenvolvimento de conversas nas escolas es-
tem que estudar, trabalhar ensino das escolas, como principal do Ensino Médio, Juventude e taduais, com a participação da
e lutar”. Mas, não é bem fator para o abandono precoce. Educação Profissional. Esse nú- comunidade e dos professores.
assim que se forma um “Além de vários outros motivos, o cleo, conta com quatro diretorias “É preciso ouvir esses jovens,
cidadão no Brasil. O motivo disso que vem sendo ensinado não dialo- e cada uma delas trabalha com a entender o que eles querem e o
é que um estudo feito pelo Instituto ga com o campo e as necessidades perspectiva de atendimento pleno que precisam”.
Unibanco, com base nos últimos da juventude hoje”. à juventude”. Por último, está sendo fecha-
dados do IBGE, apontou que 1,3 Ela acrescenta que hoje, em Ela conta que o trabalho des- da uma parceria com a UFMG.
milhão de jovens, no Brasil, aban- Minas Gerais, 1,2 milhão de jovens sas diretorias na educação pro- “Estamos organizando com eles
donam a escola antes de concluir são atendidos pelo Ensino Médio. fissional tem sido realizado por um seminário que vai tratar de
os estudos, e destes, 52% não “Mas, nós sabemos que 13% da meio de uma rede em todo o metodologias para o trabalho
chegam nem a terminar o ensino nossa população entre 15 e 17 Estado. “Ofertamos 27 cursos de com a juventude. O objetivo é
fundamental. ainda está fora da escola. E é um educação, técnicos e de ensino à transformar a sala de aula e o
Os números não param por número que não gostaríamos que distância, com carga horária de ambiente escolar, tornando-o
aí – do total de jovens fora da existisse, e que nos entristece. 800 a 1200 horas em todas as 47 mais participativo e interativo
escola, 610 mil são mulheres, Temos que reduzir esse índice e é Para especialista, o currículo escolar não dialoga regionais de Minas. As vagas são para os jovens”.
entre elas, cerca de 212 mil são o que estamos fazendo”. destinadas para todos os estudan-
mães adolescentes. Deste grupo, Para superintendente, existem
com as necessidades de um jovem tes que estão ou já concluíram o Consequências
apenas 2% retornam as aulas falhas que desmotivam o jovem. “É ensino médio”. A superintendente destaca que
após o nascimento da criança. Já impossível fazer com que qualquer De acordo com a represen- abandonar os estudos é prejudicial
entre os homens, 63% evadiram, pessoa aprenda com um ensino No Brasil, do total de jovens fora da escola, tante da secretaria, a diretoria de para a formação do indivíduo como
pois estavam trabalhando ou que não sabe o que perguntar, não Educação de Jovens e Adultos, um todo. “Largar a sala de aula
procurando emprego. Contudo, questiona e não mostra que aquilo
610 mil são mulheres, entre elas, cerca reorganizou o currículo da forma- é deixar para trás sua cidadania.
a educação até os 17 anos no que está sendo trabalhado pode de 212 mil são mães adolescentes. ção desse grupo. “O tempo escolar Educação é direito de todos e
país é obrigatória, de acordo resolver um problema. Digo isso, foi revisto e abrimos 1.795 novas quando eu nego isso, eu estou
com a Emenda Constitucional pois também sou professora há 30 turmas que haviam sido fechadas negando a própria educação e for-
n° 59 e com o Plano Nacional anos e, sei que a escola, hoje, não Ela completa que o problema lugar, que não seja atrás de uma ao longo dos últimos 12 anos. mação do jovem, porque é através
de Educação, então, porque o desafia e não se conecta com o do ensino hoje é se preocupar ape- mesa durante horas. A questão é Nesse momento, temos a maior dos estudos que ele vai se formar
índice de evasão continua em problema da comunidade em que nas em passar a informação. “Isso, ensinar o aluno a transformar isso ampliação de atendimento ao EJA como cidadão, agente social, em-
crescimento? está envolvida, não há motivação”. podemos encontrar em qualquer em conhecimento”. do Estado”. preendedor e ator social”.

F I E M G
Ciemg lança publicação Torneio Internacional de Robótica
em Brasília terá 6 equipes de Minas
especializada sobre a indústria Competição organizada pelo SESI acontece entre 17 e 19 de março

O
s robôs de Lego serão as estrelas da (que envolve o desafio mecânico da criação
Sebastião Jacinto

fase nacional do Torneio Internacio- dos robôs, estratégias, lógica, matemática e


nal de Robótica FLL (First Lego Le- programação). Além de Core Values ou va-
ague), em Brasília, do dia 17 a 19 de lores fundamentais, que avalia a capacidade
março. Minas Gerais terá seis representantes de trabalhar em equipe dos competidores.
na competição, a equipe Lego Bros, do SESI Para a gerente de Educação Básica do
de São Gonçalo do Sapucaí, vencedora da SESI, Maria Conceição Caldeira, o evento
etapa mineira; o time vice-campeão, Einstein leva aos alunos muito mais do que apenas o
Robot e o 3° lugar geral, Cyberzukas. Além ensino da robótica. “O torneio dá oportunida-
desses times, o grupo P.D.G., ganhador da de para todos os estudantes de vivenciarem
categoria Projeto de Pesquisa; Legonautas, situações de aprendizado e de cooperação
na categoria Design e The Sixties, no quesito de uma forma muita intensa, que vai além de
Trabalho em Equipe, também estarão na apenas o ensino de dentro de sala de aula.”
capital federal.   A analista de projetos educacionais
Desde 2013, o SESI é o operador oficial do SESI, Anete Maria de Oliveira, ressaltou
do Torneio de Robótica em parceria com que o aprendizado através das práticas da
a instituição norte-americana FIRST (For robótica estimula os alunos a se interessa-
Inspiration and Recognition of Science and rem pela metodologia científica, matemática,
Technology) e o Grupo LEGO Education (Di- física e tecnologia.
namarca). Durante os dois dias, 74 equipes “A robótica é uma excelente ferramenta
José Agostinho (à direita): “Queremos mais do que apresentar a realidade da indústria mineira” com alunos de escolas públicas, particulares na formação ética, pessoal e profissional
e independentes, entre 9 e 16 anos de todo dos estudantes, pois ela estimula e trabalha

I
o Brasil, disputam o título da competição habilidades como liderança, trabalho em
novar e tomar o caminho do co- dedicada e empenhada em aprimorar exclusivamente no setor, o que chega e 20 vagas em torneios internacionais nos equipe e comunicação. Aspectos que são
nhecimento é o papel do Ciemg, seus produtos e antecipar o futuro, e que agora com o Anuário da Indústria. Para a EUA, Dinamarca, Reino Unido e Austrália. imprescindíveis para esses adolescentes,”
na avaliação do presidente da ins- os empresários “devem também mostrar superintendente do Ciemg, a publicação O tema oficial desta temporada é o Animal pontuou.
tituição José Agostinho da Silveira que tomamos o caminho da modernida- é de extrema relevância, pois “retrata Allies ou animais aliados. A ideia é buscar O estudante Nathan Azevedo, da equipe
Neto, dada no lançamento do Anuário da de e unidos mostrar nossa importância de forma fiel a experiência de quem soluções para que a relação entre homens e Lego Bros, conta como é a experiência de
Indústria, realizado no dia 7 de março, na economia e na sociedade”, finalizou.  vive a realidade da indústria de Minas”, animais seja amistosa para ambos. participar do Torneio. “É incrível poder parti-
na Fiemg. analisou.  Os alunos serão avaliados em quatro ca- cipar de um evento como esse. Para nosso
O Anuário é uma publicação espe- Entre outros temas apresentados, tegorias: projeto de pesquisa sobre o tema da projeto de pesquisa ou para a construção
cializada, focada exclusivamente na ati- Inovação como sustentabilidade, inovação e po- atual temporada; desafio do robô (no qual, na do robô sempre buscamos fazer o melhor
vidade industrial, onde são apresentados A inovação começa com a capaci- tenciais setores para atração de investi- mesa de competição os robôs precisam exe- e aprendemos muito durante o processo,”
análises, projeções e perspectivas de tação, disse o industrial Cássio Braga mentos, a publicação traz uma entrevista cutar missões de forma autônoma); Design disse.
especialistas para a tomada de decisão dos Santos ao relatar sua experiência com lideranças empresariais sobre os
estratégica do empresário. “Queremos como um dos diretores do Ciemg.  “Um desafios da indústria e perspectivas para
Divulgação

mais do que apresentar a realidade modelo de associativismo e referência os próximos anos. 


da indústria mineira, numa abordagem em capacitação empresarial, que tem Outro ponto abordado é a significa-
ampla dos principais e potenciais seg- ainda a promoção de negócios como tiva diversificação da indústria mineira,
mentos do setor, queremos aproximar
uma das prioridades em 2017”, afirmou.  que vai além de mineração e siderurgia,
nossas empresas do mercado e mostrar
O diretor citou ainda o Cadastro avançando em setores como vestuário
possíveis e novos caminhos a serem
Industrial, que abre oportunidades prin- e confecções, hoje o segundo setor
seguidos”, apontou José Agostinho. Para
cipalmente para pequenas empresas. maior empregador da indústria de trans-
ele, o produto foi idealizado como instru-
A ferramenta virtual será lançada em formação em Minas, atrás apenas do
mento de inspiração e simboliza uma das
breve e para o industrial o novo portal segmento alimentício.
frentes de trabalho da instituição que é
vai oferecer maior interação e oportu- Minas tem grande potencial para in-
de fomentar negócios. 
A partir da realidade do país e do nidade para que essas empresas se vestimentos e avança de maneira rápida
mundo globalizado, o conteúdo aborda o apresentem ao mercado em condição para a quarta revolução industrial. Dois
quadro econômico geral, mostrando que de igualdade com empresas maiores. exemplos são bem marcantes: o estado
a indústria mantém seu ritmo dinâmico “A qualquer hora, qualquer empresário tem dois polos de desenvolvimento tec-
de inovação e aprimoramento, e está do mundo que queira investir em Minas nológico que são as startups em Belo
empenhada em aprimorar seus produtos terá acesso a esses dois instrumentos Horizonte e Região Metropolitana e as de
e antecipar o futuro. Traz ainda não só de promoção de negócios”, afirmou. A tecnologia da informação, concentradas
dados atuais, como o momento de difi- plataforma também abrigará o Anuário em Santa Rita do Sapucaí.   
culdades por que passa a indústria, mas da Indústria para acesso virtual. O Anuário tem tiragem de 16.000
também apresenta o lado de quem está exemplares e já está sendo distribuído
conseguindo crescer apesar da crise.  nas regiões estratégicas do estado.
Anuário da Indústria Também terá sua versão virtual dispo-
Ao agradecer a contribuição da equi-
pe do Sistema Fiemg e do Sebrae MG, A indústria mineira responde por 28% nível para acesso por meio de mais um
José Agostinho afirmou que a publicação do PIB do estado, enquanto a média produto de promoção de negócios do
mostra que a indústria mantém seu ritmo nacional é de 22,5%. Mesmo assim, o Ciemg, o portal cadastroindustrialmg.
dinâmico de inovação e aprimoramento, estado não tinha uma publicação focada com.br, que será lançado em maio. Desde 2013, o SESI é o operador oficial do Torneio de Robótica

Estaándo
cheg
Cuidar da nossa água é Cuidar da nossa gente.
EDIÇÃO DO BRASIL
11 a 18 de março de 2017 C I D A D E S 9

Terminal Rodoviário de BH passará a


receber viagens da Estação José Cândido
A
partir de 1º de abril, as em- sília, Campos dos Goytacazes (RJ) e De acordo com o planejamento,

Divulgação
presas de transporte cujos São João da Barra (RJ). O fluxo diário no dia a dia, o Tergip contará com Terminal Rodoviário é responsável
embarque e desembarque no local é de cerca de 1.400 pessoas, disponibilidade de vagas nas platafor- pelo transporte de aproximadamente
são realizados na Estação em média, sendo que, em feriados, o mas para inclusão desses horários, 10 milhões de passageiros por ano
Rodoviária José Cândido da Silveira, número pode aumentar em mais de sem prejuízo na operação. Nos dias
bairro Santa Inês, Região Leste de 100%. Hoje o Terminal José Cândido de maior movimento, as empresas
Belo Horizonte, passarão a atender opera com 8% da capacidade de par- enviarão à gerência de tráfego as
no Terminal Rodoviário Governador tidas e chegadas do Tergip. São 25 solicitações dos horários extras. A
Israel Pinheiro (Tergip), localizado no linhas operando no local, com média partir dessa demanda, será feita
Centro da capital. de 27.000 embarques/mês. a distribuição nas plataformas, de
A utilização da Estação José Somam-se a esse cenário um maneira que o usuário tenha um bom
Cândido, que pertence à Companhia estudo de tráfego realizado nos serviço. As solicitações de partidas
Brasileira de Trens Urbanos (CBTU), arredores do Tergip e as obras de extras serão remanejadas para faixas
foi uma alternativa temporária adotada melhorias que estão sendo concreti- disponíveis e as saídas acontecerão
em 2012 pelo até então administrador zadas na rodoviária central, algumas durante o período da madrugada.
da Rodoviária, o Município de Belo Ho- em fase de execução e outras em Para evitar atrasos nos embarques
rizonte. Na época, o objetivo era aguar- licitação, com o foco de atender à dos passageiros em períodos de
dar a construção do novo Terminal no população de modo mais eficiente e maior movimento, como nos feriados,
São Gabriel, Região Nordeste, também com maior conforto. por exemplo, foi montada uma opera-
de responsabilidade do município.   ção na Avenida do Contorno próximo
Em março de 2016, o Governo Planejamento de trânsito à rodoviária junto com a BHTrans.
do Estado de Minas Gerais, por meio O levantamento sobre o fluxo O objetivo é que os usuários
da Companhia de Desenvolvimento de veículos na região foi realizado que forem chegando ao Terminal
Econômico de Minas Gerais (Code- a pedido do Governo do Estado de aguardem, em fila, o momento de Estrutura do Tergip Desde 1º de março de 2016, o Ter- entre elas a licitação para concessão
mig), passou a administrar tanto a Es- Minas Gerais, por meio da Codemig, entrada para realizar o desembar- Inaugurado em 1971, o Termi- gip é gerido pela Companhia de Desen- de uso dos banheiros, a instalação
tação José Cândido, quanto o Tergip. com o objetivo de evitar travamentos que. Tendo em vista que cada feriado nal Rodoviário Governador Israel volvimento Econômico de Minas Gerais de novos bebedouros, a revitali-
O caráter provisório e as con- e retenções de trânsito no local, com tem uma característica diferente, o Pinheiro (Tergip) é responsável (Codemig), que, mediante convênio com zação do piso do mezanino e do
dições da Estação José Cândido, a volta das linhas de ônibus da José planejamento é, que após receber pelo transporte de aproximada- o Departamento de Estradas e Rodagem hall de entrada, a substituição das
objeto de constantes reclamações por Cândido para o Tergip. as solicitações da demanda de mente 10 milhões de passageiros (DER), passou a ser responsável pela longarinas, entre outros projetos que
parte dos usuários, foram os principais Nesse sentido, as linhas com horários extras, seja implantada a por ano. Além de sua atividade administração das atividades e instala- estão sendo executados e licitados.  
pontos de atenção. Por se tratar de destino aos Estados do Norte e operação que implicará o controle principal, o embarque e desem- ções do Terminal, visando estimular o A volta do atendimento realizado
um imóvel da União, a Codemig está Nordeste, Espírito Santo, a Brasília do número de partidas, o reforço de barque de passageiros, o Tergip turismo no Estado. Comprometida com pelo Tergip gera maior conforto e
impedida de realizar investimentos no e aos municípios de Campos dos funcionários nas plataformas e nos também oferece diversos serviços as diretrizes do Governo estadual em comodidade aos usuários, que terão
local em prol de melhorias. Atualmen- Goitacazes e São João da Barra (RJ), pátios de estocagem, a triagem nas à população, como alimentação, prol dos mineiros, a nova gestão tem melhor estrutura, mais facilidade ope-
te, na Estação ocorrem 63 embarques que terão suas partidas e chegadas escadas, a solicitação de apoio da bancos, correios e lotéricas. A trabalhado para oferecer segurança, racional por parte das empresas de
e desembarques diários. transferidas do Terminal José Cândi- BHTrans, da Guarda Municipal, do estrutura, de mais de 45 mil m², conforto e bem-estar a seus usuários. transporte, facilidade de acesso à re-
Os destinos são Norte e Nordeste do para o Tergip, já foram distribuídas Juizado da Infância e Juventude, da movimenta, diariamente, média de Nesse intuito, estão sendo re- gião central, melhoria no atendimento
do país, Espírito Santo, Belém, Bra- nas plataformas de partidas. ANTT e do DEER. 40 mil pessoas. alizadas várias mudanças no local, àqueles que viajam longas distâncias.

Nova creche em JF é esperada Para comemorar o aniversário do município


há 10 anos pela comunidade Ipatinga realizara XTERRA Brazil Tour 2017

A
No último dia 4, o bairro Igrejinha
Carlos Mendonça

Prefeitura de Ipatinga,

Divulgação
em Juiz de Fora, recebeu com festa
através da Secretaria
a notícia de que o primeiro Centro de
de Cultura, Esporte e
Educação Infantil do bairro é realida-
de. O termo de autorização de início Lazer, em parceria com
das obras foi assinado pelo prefeito o SESI, está trazendo ao Vale
Bruno Siqueira (PMDB), na quadra do Aço um evento esportivo de
do Projeto “Agente do Amanhã”, ao grande porte para abrir o mês de
lado da futura creche. A obra, que aniversário da cidade: uma etapa
está orçada em R$ 1.375.212,30, tem do XTERRA Brazil Tour 2017.
o prazo de execução de 12 meses. Um dos maiores festivais de
Obra está orçada em
A Secretária de Educação, Denise eventos off-road do país e que
R$ 1.375.212,30 e tem o
Franco, destacou a importância da se traduz como uma mistura de
prazo de execução de 12 meses
Primeira Infância, que através do Es- mountain bike com nado e corri-
tatuto d​a Primeira Infância garante às da, a competição deverá reunir
crianças o direito de brincar, prioriza a a felicidade com a nova creche: “Há é possível transformar realidades. atletas do Brasil e vários outros
qualificação dos profissionais sobre as mais de 10 anos reivindicamos uma Em Igrejinha, realizamos também países. Ela acontece entre os
especificidades dessa época de vida, creche em Igrejinha. O meu filho atividades de voluntariado voltadas dias 8 e 9 de abril. 
e envolve as crianças de até seis anos não teve essa oportunidade, mas para estudantes do bairro, além do
na formatação de políticas públicas. plantamos para outras pessoas e, por programa Parceria Votorantim pela Custo zero
“Zeloso com essa demanda, o isso, estamos emocionados hoje de Educação, promovido com a Secre-
prefeito Bruno Siqueira assumiu junto De acordo com o secretário
ver que a creche é uma realidade”. taria de Educação, que contribui para XTerra foi criado em 1996 como um duelo entre triatletas e
à Rede Nacional Primeira Infância, o de Cultura, Esporte e Lazer,
elevar ainda mais a qualidade do en- praticantes de mountain bike, na Ilha de Maui, Havaí-EUA
compromisso com essa etapa da vida Homenagens sino público municipal. A creche que Carlos Oliveira, o XTERRA vem
dos cidadãos juiz-foranos, priorizando A prefeitura identificou projetos, será construída em Igrejinha, cujo à cidade com custo zero para
os direitos das crianças. Hoje, lançamos pessoas e entidades de destaque terreno foi doado pela Votorantim Me- o município e deve gerar cerca Visibilidade Duathlon, XTERRA Half Night
a construção do Centro de Educação In- na localidade e merecedoras de tais, é uma conquista da comunidade de 90 empregos temporários. A cidade espera receber Run, XTERRA Short Night Run,
fantil Vereador João Batista de Oliveira. homenagens. Uma dessas pessoas e irá beneficiar diversas famílias da “A prefeitura dará apoio institu- milhares de atletas, muitos anôni- XTERRA MTB Cup Pro, XTERRA
É a expressão desse compromisso com é a Simone. Com lágrimas nos olhos, região”, afirma Jose Maximino Tadeu cional, suporte logístico com a mos, mas também competidores MTB Cup Sport e XTERRA Kids. 
a primeira infância na cidade, fruto de ela deixou a emoção tomar conta Miras Ferron, gerente geral da Unida- sinalização e liberação das vias de elite. Moradores da região
planejamento, trabalho e transparên- ao receber o Troféu “Cidadão Bem de Juiz de Fora da Votorantim Metais. públicas para a realização das também devem participar das Criado no Havaí
cia”, enfatiza Denise. Comum”, por toda a sua dedicação Izac Cassiano e Luciano Silva provas, além de assistência na atividades, principalmente as O XTerra foi criado em 1996
A presidente da Associação de e amor à comunidade. também foram homenageados com arena principal, XTERRA VILLA- crianças, já que uma etapa in- como um duelo entre triatletas
Moradores do bairro, Valéria Eloísa A Votorantim Metais recebeu o o Troféu “Cultura Bem Comum”, pelo GE, que será montada no Parque fantil está prevista.  e praticantes de mountain bike,
da Silva, comemorou essa conquista Troféu “Bem Comum Solidariedade”, projeto de aulas de capoeira oferecidas Ipanema”. Para receber bem os visitan- na Ilha de Maui, Havaí-EUA. O
para os pais e crianças: “Tenho três devido ao trabalho que faz na comu- no bairro. Fechando as homenagens, o A administração pública ofe- tes, o Parque Ipanema contará evento tem formato único, que
netas que vão ter um espaço ade- nidade, oferecendo atividades para servidor da Secretaria de Obras, Mar- recerá apoio nos locais onde com uma estrutura especial que envolve toda a família com total
quado para ficar. Essa é uma das crianças e adolescentes através do cos Antônio da Silva, mais conhecido
melhores coisas que nosso bairro serão realizadas as atividades inclui posto médico, área vip, segurança e agrega saúde, turis-
“Agente do Amanhã”, uma parceria como “Peroba”, recebeu o troféu “Ser-
está conseguindo. Há muitos anos físicas. Em acordo firmado com área de guarda-volume e pódio mo, meio ambiente e esportes, os
entre a empresa, a Amac e a Pre- vidor Bem Comum”, por sua atuação
estamos lutando por isso. É uma feitura. “É com grande orgulho que profissional, relacionamento com os os organizadores do evento, será de premiação. pilares do Xterra  life style.  
maravilha, somos só felicidade”.  recebemos esta homenagem da Pre- colegas e com a população há 30 anos. utilizada mão de obra local para Além do Parque Ipanema, Com mais de dez anos
Simone dos Anjos é nascida e feitura de Juiz de Fora. Nós da Voto- Além das homenagens, a soleni- montagem das estruturas do a etapa XTERRA Vale do Aço de história no Brasil, foram
criada em Igrejinha e nem mesmo rantim Metais temos o compromisso dade contou, ainda, com a apresenta- XTERRA. “Além disso, o evento acontecerá na Associação Es- mais de 400 largadas nas
uma oportunidade fora do país fez de contribuir para o desenvolvimento ção do coral “Pequenas Alegrias”, for- deve movimentar a economia e portiva e Recreativa Usipa. São diversas modalidades, sendo
com que ela abandonasse as raízes das comunidades onde operamos e mado por crianças do projeto “Agente ao mesmo tempo revigorar o tu- seis modalidades previstas, 86 etapas em 11 estados e
e saísse de sua terra. Amante de Igre- o Agente do Amanhã é um exemplo do Amanhã” e uma roda de capoeira rismo em nossa cidade”, acredita sendo duas noturnas e uma para mais de 155 mil participantes
jinha confessa, Simone não escondia de que com parcerias de sucesso com crianças da comunidade. o titular da pasta.  crianças. São elas: XTERRA e espectadores. 

OPORTUNIDADE

TERNO
SOB MEDIDA
Super 120
a partir de
R$ 1.400,00

Venha tirar suas medidas


ou agende um horário de
atendimento em sua casa ou no
seu escritório e iremos até você.

Av. Contorno, 7187 - Lj. 3


Lourdes - Belo Horizonte - MG
Telefone: 31 3227-4733
Acesse nosso site:
jotabaptista.wix.com/jbatista
10 G E R A L EDIÇÃO DO BRASIL
11 a 18 de março de 2017

Livro traz um novo olhar sobre a tragédia de Mariana


Obra será lançada neste mês na livraria Quixote
Bittercourt, o livro faz uma volta Epaminondas contou que gem não será lembrado somente
Da Redação ao passado e relembra como se resolveu escrever sobre o tema como o maior acidente/crime am-

O
formou a relação entre as cidades pois era algo de seu interesse. biental do mundo, mas como um
rompimento da barragem mineiras que dependem da mine- “Quando fiquei sabendo do que grito de justiça daqueles que não
de Fundão, no distrito ração, como Mariana e Diamantina, havia acontecido estava em Ca- podem falar; da natureza, dos
de Bento Rodrigues, em e como os commodities influencia- nudos, Bahia, e resolvi voltar”. O peixes, águas e animais da terra
2015, é um assunto bas- ram no atual modelo de negócio. processo de pesquisa e seleção e do ar. Ou, ainda, daqueles que
tante conhecido entre os brasilei- Mesclando com fotografias de fotos durou, aproximadamen- não mais falarão, pois tiveram
ros, seja pelo impacto ambiental tiradas pelo próprio autor, o texto te, quatro meses. suas vidas ceifadas, sob morros
causado ou pelas 19 mortes. contém informações de diversas Para que a primeira edição de lama e rejeitos de minério”.
Para além disso, o crime am- áreas do conhecimento, como do livro fosse publicada, o autor A Editora Chiado, de Portu-
biental também trouxe reflexões por exemplo economia, direito, contou com a ajuda do deputado gal, também se interessou pela
sobre o atual modelo de negócios administração, psicologia e entre estadual Durval Ângelo (PT), que obra e vai lançá-la no dia 25
das grandes corporações. E, é outras, para tentar explicar o que financiou os primeiros exempla- deste mês na livraria Quixote,
justamente sobre esse tema que o rompimento da barragem simbo- res. Além disso, o parlamentar na Savassi, região Centro-Sul de
o livro A Tragédia de Mariana liza. “Apresento vários dados que também escreveu o prefácio da Belo Horizonte. O livro custará
e o Narcisismo Gerencial da permitem que o leitor tire conclu- obra. “O rompimento da barra- R$ 35,00.
Pós-Modernidade discute.   sões sobre o ocorrido, chamando
Escrito pelo mestre na área a atenção para a busca incessante
de administração, Epaminondas pelo lucro das grandes empresas”. Lançamento do livro A Tragédia de Mariana e
o Narcisismo Gerencial na Pós-Modernidade
O livro faz uma volta ao passado e relembra
como se formou a relação entre as cidades Data: 25 de março (sábado)
Local: Livraria Quixote -  Rua Fernandes Tourinho, 274 - Savassi
mineiras que dependem da mineração Horário: de 11h às 14h
Preço: R$ 35,00

Vereador quer estacionamento


gratuito em hospitais de JF Governador empossa integrantes
Daniel Amaro
O projeto de Lei do ve-
maneira, precisamos elimi-
nar essa correlação”.
Essa não é a primeira
vez que o projeto de Lei é
do Conselho Estadual da Mulher
reador Charlles Evangelista apresentado. Em 2015, o

Veronica Manevy
(PP), que prevê a proibição vereador Chico Evangelista
da cobrança de estaciona- (PROS), pai de Charlles,
mento em estabelecimentos apresentou o mesmo texto.
hospitalares, clínicas mé- Porém a proposta foi vetada
dicas, entre outros, entrou pelo Executivo Municipal
novamente em discussão e a negativa sustentada
na Câmara Municipal. A pelo plenário da Câmara
medida vale para institui- em fevereiro de 2016. Con-
ções públicas ou privadas forme justificativa de veto
e serão permitidas 2 horas publicada no Diário Oficial
de gratuidade. “O suficiente Eletrônico do Município, a
para o embarque e/ou de- rejeição da proposta é por
sembarque de pacientes e “abranger tanto instituições
acomodação dos mesmos, públicas quanto privadas,
em situações de atendimen- revelando verdadeira inter-
to de urgência e emergên- venção na propriedade - e,
cia”, diz Evangelista. consequentemente, no cam-
O vereador considera po do Direito Civil”.
a cobrança atual abusiva Caso o projeto seja
e inoportuna. “Não é como aprovado, os estabeleci-
se fôssemos ao shopping, mentos que se enquadram
depender do atendimento nas características deverão
hospitalar não é uma esco- dispor de sinalização clara,
Fernando Pimentel ao lado da subsecretária de Políticas para as Mulheres da Sedpac, Larissa Borges
lha e só ficamos lá o quanto visível e de fácil acesso. O
for necessário para o nosso descumprimento da regra O governador Fernando Pimentel empossou informações, fiquei realmente comovido. Somos é bom lembrar que a democracia só existe de
bem-estar. Nesses casos, acarretará em multa de R$ nesta quarta-feira (8/3), Dia Internacional da Mu- um estado de maioria feminina mas, ainda assim, fato quando há igualdade plena entre homens e
a rapidez do atendimento 1 mil, e no caso de reinci- lher, no Palácio da Liberdade, 34 integrantes do e apesar de os números estarem em queda, a cada mulheres”, salientou, ressaltando, como exemplo,
pode ser influenciada pelo dência, perda do alvará de Conselho Estadual da Mulher (CEM), entre titulares hora 14 mulheres sofrem violência doméstica em as diferenças salariais entre os gêneros.
interesse financeiro. Dessa funcionamento. e suplentes. O órgão é vinculado à Secretaria de Minas Gerais, e 600 mulheres a cada grupo de A subsecretária de Políticas para as Mulheres
Direitos Humanos, Participação Social e Cidadania 100 mil mulheres”, pontuou. da Sedpac, Larissa Borges, integrante do CEM,
Divulgação

(Sedpac) e tem caráter deliberativo e consultivo “As mulheres negras sofrem ainda mais. Dados ressalta que a impunidade é um problema sério no
para promover ações em favor dos direitos das nacionais mostram isso. Em 10 anos, houve queda país. “Temos avançado na superação dela, mas o
mulheres. de 10% nos homicídios de mulheres brancas e principal é a gente desconstruir a cultura machista
Pimentel destacou o foco de seu Governo em aumento de 54% nos assassinatos de mulheres que é naturalizada no Brasil”, afirmou.
ouvir as demandas das mulheres e desenvolver negras. Um completo absurdo. Os números são A pesquisadora do Núcleo de Estudos e Pes-
políticas públicas que transformem efetivamente estarrecedores e não podem continuar assim”, quisa sobre a Mulher da Universidade Federal de
a realidade, tendo as mulheres como agentes de destacou o governador. Minas Gerais (UFMG) e membro do CEM, Luciana
mudanças. Segundo Pimentel, além do conselho estadual, Vieira Rubim Andrade, reforçou a importância do
“A posse do conselho é a primeira das inúme- outras iniciativas estão sendo adotadas no Estado, movimento feminista e de mulheres de Minas
ras atividades das mulheres de Minas Gerais neste entre elas o programa Ônibus Lilás, que atende Gerais.
8 de março de lutas. Nosso Estado sempre foi um mulheres vítimas de violência em comunidades “Sempre estivemos na vanguarda do país,
lugar de muitas e importantes lutas. Esse conselho quilombolas e rurais de difícil acesso. Também será na institucionalização dos conselhos, na criação
tem como principal foco de atuação a promoção criado o Observatório de Gênero e Raça, como das delegacias especializadas no atendimento às
da igualdade de direitos e de oportunidades entre uma rede acadêmica de estudos e pesquisas sobre mulheres, na criação dos SOS. Estamos vivendo
todas as pessoas, e o combate a todas as formas a situação social da mulher mineira. nacionalmente um fim de um ciclo frutífero das
de discriminação. É um espaço de controle social, Pimentel lembrou que ações como o fortale- políticas públicas voltadas ao gênero. É preciso
com interlocução e representatividade da socieda- cimento do Conselho Estadual da Mulher repre- entender o papel que os estados têm hoje no
de civil organizada e do Governo, na proposição sentam uma alternativa na construção de uma enfrentamento à violência. É nos estados que
e avaliação de políticas públicas voltadas para democracia plena. “Não podemos e não vamos temos de lutar e batalhar pela garantia desses
a promoção de todas as mulheres”, afirmou o perder nossos sonhos por conta desses solavan- direitos”, avaliou.
governador. cos momentâneos na estrada da história. Vamos Também participaram da cerimônia o presiden-
Fernando Pimentel manifestou preocupação continuar nossa luta. Para quem viveu tempos te da Assembleia Legislativa de Minas, Adalclever
com os números da violência contra as mulheres sombrios, como muitos de nós aqui, e achava Lopes, a presidente do Servas, Carolina Pimentel,
no estado e no país como um todo. “A gente sabe que o autoritarismo já tinha se transformado em a defensora pública geral licenciada, Christiane
da gravidade da violência de gênero e vem agindo, matéria de livro de escola, era quase impossível Malard, além de secretários de Estado, deputados
desde o início do governo, para melhorar esse imaginar que a palavra democracia poderia ser estaduais, vereadores, lideranças da cultura e de
Vereador Charlles Evangelista cenário. Mas, no contexto em que recebi essas colocada em xeque como está sendo agora. Mas movimento sociais.

Cooperativa Evangélica Popular


Oferece empréstimos sem consulta ao SPC e SERASA
para trabalhadores em geral, inclusive, autônomo,
empreendedor e agricultor.

Exemplo:

5.000 40 x R$ 169,00
10.000 60 x R$ 219,00
15.000 60 x R$ 309,00
20.000 60 x R$ 399,00

DE 8:00 ÀS 17:00 HORAS

TELEFONE: 31 98502-4655
EDIÇÃO DO BRASIL
11 a 18 de março de 2017 C I D A D E S 11
Detentos de Itajubá transformam QUEM SABE, SABE Advogado & Jornalista

bicicletas em cadeiras de rodas


Bicicletas transformadas em ca-
deiras de rodas. Brinquedos infantis
nas áreas de hidráulica, elétrica,
pintura, máquinas e alvenaria.
um documento enviado pela ONG
Caravelas, em que relatava proble-
PAU LO C E SA R P E D R O SA
revitalizados. Roupas de postos de
saúde lavadas e passadas. Unifor-
O projeto das cadeiras de rodas
começou há seis meses e tem o
mas sociais na região e pedia ajuda.
A partir disso, foram surgindo ideias CANAL ABERTO CORECON-MG
mes produzidos em escala industrial. apoio da Helibras, empresa brasileira para auxiliarmos de alguma forma.”
Essas são algumas das atividades fabricante de helicópteros, instalada Heineken compra Schin e Devassa.
O economista Paulo Roberto Paixão Bretas foi empossa-
realizadas no Presídio de Itajubá. A no município. Ela doa as rodas me- Diversidade Depois de acumular perdas de R$ 584 mi-
do no dia 10 de março, como novo presidente do Conselho
lista de tarefas não para de crescer nores, o aro para locomoção, o esto- A relação do presídio com a lhões nos últimos dois anos, a Brasil Kirin,
Regional de Economia de Minas Gerais (Corecon-MG), ao
e conta com a dedicação de presos, famento e faz a pintura da estrutura comunidade envolve também alimen- subsidiária do grupo japonês Kirin e dona lado do vice-presidente eleito, economista Adriano Miglio Por-
que trouxeram suas experiências das cadeiras. A empresa ainda doou tação e lavanderia. Semanalmente, das marcas de cerveja Schin, Eisenbahn, to. A nova diretoria estará à frente da entidade no ano de 2017.
profissionais de fora ou aprenderam uma máquina de solda profissional cerca de 200 peças de roupas de Baden Baden e Devassa, anunciou a ven-

Divulgação
o ofício em cursos oferecidos na para a oficina do presídio. cama são entregues nos postos de da de suas operações para a holandesa
própria unidade. Damião Pereira dos Santos, de saúde de Itajubá. Dois detentos ope- Paulo Roberto
Heineken. A transação envolveu R$ 3,38
A dupla Donizeti e Damião é si- 41 anos, conta que também faz ou- ram as máquinas de lavar e passar.
bilhões. Desse montante, R$ 664 milhões
Paixão Bretas
nônimo de esperança e alegria para tras reformas em cadeiras de rodas e Na câmara de preparo e pesa-
foram efetivamente desembolsados. A
adultos e crianças da região. Eles já já participou de algumas entregas. “É gem de alimentos trabalham dois pre-
transformaram mais de 300 bicicletas um momento emocionante, fico muito sos que cuidam de lavar, descascar, diferença será usada para pagar dívidas.
em cadeiras de rodas. As bikes foram feliz. É gratificante poder ajudar as cortar e embalar verduras, legumes
apreendidas por roubo ou uso no tráfi- pessoas com o meu trabalho”. e frutas para a cozinha do presídio. Ligações para celular estão mais
co de drogas e estavam na delegacia Para o diretor de Atendimento e Para o restaurante popular da cidade baratas. As chamadas locais e interur-
de Itajubá. Os detentos ainda fizeram Ressocialização, Leandro Rodrigues são enviados semanalmente quase banas de telefones fixos para móveis
renascer os brinquedos quebrados Palma, o projeto das cadeiras de 350 quilos de alimentos. A alimen- ficaram mais baratas a partir do sábado de
de praças públicas e escolas. Os rodas ocupa um lugar especial entre tação dos presos e servidores é a carnaval. A redução das ligações locais vai
dois, também são responsáveis pela todas as atividades exercidas pelos mesma, sendo preparada por nove variar entre 16,49% e 19,25%, enquanto
manutenção geral do presídio e atuam detentos. “Fiquei impressionado com detentos. Produção e controle de
nas chamadas interurbanas a queda será
qualidade ficam por conta de uma
de 7,05% a 12,01%. A principal redução
Omar Freire

nutricionista e uma chef de cozinha. 


“Eles são extremamente cui- será para os clientes da Oi, de 19,25%. A
dadosos e competentes, sabem de menor será para clientes da Algar Telecom A VEZ DE PICCIANI
suas responsabilidades”, garante a Sercomtel, de 16,49%. Para as chamadas
nutricionista Vanessa Nunes de Oli- interurbanas, a queda nos valores vai variar Jonas Lopes, ex-presidente do TCE, e o seu filho,
veira. Visitas inesperadas de inspeção de 7,05% a 12,01%. Jonas Neto, estão em pleno processo de delação pre-
fazem parte da programação do fim miada. O troféu maior que entregam, com riqueza de
de semana de Vanessa, que cuida da Prédios de alto padrão. O percentual detalhes, é o poderoso chefão do PMDB fluminense,
alimentação do presídio há três anos. de salas comerciais de alto padrão para Jorge Picciani. Além, é claro, de todos os seus colegas
“Nunca fui surpreendida com qualquer locação que estão vazias no Rio de Janeiro de TCE, com uma solitária exceção. Coluna de Lauro
tipo de erro ou descuido nas quatro
atingiu o seu mais alto patamar histórico Jardim – O Globo
refeições servidas diariamente”, diz.
A sigla da nova secretaria de em dezembro, 37,6%, de acordo com uma
Estado, Seap, já é aplicada nos uni- pesquisa inédita da consultoria Cushman
formes dos detentos, fabricados na & Wakefield. O resultado é conseqüência SOB PRESSÃO
confecção que funciona no Presídio da recessão, somada ao grande volume de
de Itajubá.  São entregues, sema- prédios que ficaram prontos em 2016, um Tachada de mal do século, a depressão é respon-
nalmente, 600 calças femininas e total de 215 mil metros quadrados. sável por retirar do mercado de trabalho milhares de
600 camisas masculinas, com 19 profissionais todos os anos. No ano passado, 75,3 mil
O projeto das cadeiras de rodas começou há seis meses presos trabalhando de segunda a Patrocinando o EI. O jornalão “The trabalhadores foram afastados em razão do mal, com
sexta-feira, das 8h às 17h. Times” publicou que algumas das maio- direito a recebimento de auxílio-doença em casos epi-
res marcas do mundo, como Disney e sódicos ou recorrentes. Eles representaram 37,8% de
Mercedes-Benz, estão “involuntariamente todas as licenças em 2016 motivadas por transtornos

Prefeito de Mariana faz balanço do Carnaval financiando” extremistas islâmicos e na-


zistas com anúncios na internet. É que
mentais e comportamentais, quem incluem não só a
depressão, como estresse, ansiedade, transtornos bipo-
lares, esquizofrenia e transtornos mentais relacionados
vídeos desses grupos estão sendo exibidos
junto de publicidades das companhias, que ao consumo de álcool e cocaína. No ano passado, mais
pagam uns R$ 30 para cada 1.000 visua- de 199 mil pessoas se ausentaram do mercado e rece-
O Carnaval de Mariana se conso- dúvidas de que fizemos o melhor Vargas foi o cenário dos desfiles das
lida como um dos melhores do interior Carnaval de todos os tempos. Foi Escolas de Samba adulta e mirim, lizações. E alguns têm mais de 1 milhão. beram benefícios relacionados a estas enfermidades,
de Minas Gerais. Este ano, foram bacana demais ver as pessoas nas contabilizando um grande público o que supera o total registrado em 2015, de 170,8 mil.
cinco dias de folia, com mais de 60 ruas, curtindo com a família, mos- que, apesar da chuva, não arredou Valentão da Gávea (RJ). A desem-
atrações para um público diário que trando que essa é uma festa maior pé e garantiu a torcida. O Carnaval bargadora Suimei Cavalieri, da 3ª Câmara
superou a casa dos 15 mil. Ao avaliar
a organização da festa, o prefeito Du-
e mais forte do que pensavam. Isso
graças ao povo que fez uma festa
de Mariana mobilizou centenas ser-
vidores públicos municipais, desde
Criminal do Rio, negou mais um pedido de
liminar para soltar o promotor de eventos
Alex de Freitas em Brasília
arte Junior “Du” (PPS) comemorou os linda”, disse. a organização a linha de frente, na
José Philippe Ribeiro de Castro. Preso des- O senador Aécio Neves (PSDB-MG) recebeu, em
números positivos que fizeram desta Os três palcos oficiais do Carna- limpeza, garantindo uma festa linda
de junho de 2015 por agredir três pessoas Brasília, o prefeito de Contagem, Alex de Freitas (PSDB),
a melhor festa de todos os tempos.  val de Mariana 2017 – Praça Gomes e uma cidade limpa!
Na avaliação do prefeito, o des- Freire “Jardim”, a Rua Frei Durão e numa festa em sua casa, na Gávea, Zona para o encontro entre com o ministro das Cidades, Bruno
taque ficou por conta da participação a Praça Tancredo Neves receberam Investimentos Sul carioca. Ele será levado a júri popular. Araújo. Essa foi a oportunidade que Alex teve para apre-
popular nesse ano, marcado pela shows de renome regional e nacio- Em 2017, o Carnaval de Mariana Uma das vítimas, como se sabe, teve a sentar alguns projetos na área de habitação e mobilidade
tranquilidade e diversidade de atra- nal, entre eles os talentos do The teve investimento público de cerca orelha decepada. do município ao ministro.
ções para toda a família. “Não tenho Voice Kids 2016. A Avenida Getúlio de R$ 750 mil com infraestrutura,
contratação das bandas, repasse Cadeira 37 em jogo. Continua acirrada

Divulgação
para escolas de samba e blocos
Douglas Couto

a disputa, ainda nos bastidores, entre o poe-


tradicionais, além de estrutura como ta Antonio Cícero e o professor e historiador
banheiros químicos, pagamento de
Arno Wehling pela cadeira 37 da Academia
equipes de segurança, brigadistas e
Brasileira de Letras, que era ocupada por
socorro médico, dentre outros.
“Mariana tem vivido dias felizes, Ferreira Gullar. A candidatura de Arno, no
a população está satisfeita brincando entanto, teve algumas adesões recentes,
com alegria, em família, e o balanço e já hã quem contabilize 20 votos para ele.
que fazemos é que a cidade aprovou São necessários 18 para a eleição, que
o Carnaval 2017. Podemos dizer que acontece no dia 9 de março.
o público está satisfatório, além da
população local, temos muitos visi-
tantes, as vezes a chuva atrapalhou
um pouco, mas as praças continua- PROTEJA NOSSAS CRIANÇAS. EM CASO DE VIOLÊNCIA, DENUNCIE. TELEFONE: 0800-311119
ram cheia e a festa bonita”, avaliou
O Carnaval de Mariana teve investimento público de cerca de R$ 750 mil o secretário de Cultura Turismo e Cartas, críticas, convites e sugestões enviar para o email: paulocesarpedrosa@yahoo.com.br
Patrimônio, Efraim Rocha.

Publieditorial
Exmo. Sr. Procurador Geral da tiça do Estado de Minas Gerais, ad re- Em face desse desiderato, en- Horizonte, o depositário público oficial, CRIME DE APROPRIAÇÃO Apesar das obrigações assumidas
República ferendo do Órgão Especial, autorizou a volvendo os Representados, as insti- mantinha sob sua responsabilidade INDÉBITA pelos Representados, estes, nos anos
transferência para a conta específica do tuições e órgãos públicos que repre- milhares de bens penhorados, remo- de 2015 e 2016, vem criando todo tipo
Doutor RODRIGO JANOT Poder Executivo, no percentual de 75% sentam, o fato é que os verdadeiros vidos, sob sua guarda, de todas as O ato de conversão de coisa de embaraço para dar o calote dos
do valor total dos depósitos judiciais donos do dinheiro, em depósitos, espécies. Ocorre que pelo andar da alheia por parte de quem tinha sob sua depósitos judiciais, já que os saldos
REPRESENTAÇÃO CRIMINAL existentes nas respectivas Varas das estão a deriva, inadimplentes com as carruagem esse depositário alegou guarda, em confiança ou consignada destes depósitos judiciais não poderão,
Comarcas de todo o Estado de Minas obrigações , muitas delas decorrentes que o local foi invadido e os bens por qualquer título, com a obrigação normativamente, permanecer com
Espólio de EMERENCIANO Gerais, na forma prevista nos comandos dos direitos nos próprios processos, desapareceram, não restando “um de restituir constitui crime de apro- saldo negativo por se tratar de contas
RODRIGUES FERREIRA, Identi- das disposições da referida lei. como é o caso do Representante que berilo”e ninguém recebeu seus valo- priação indébita. Os meliantes fizeram pertencentes às partes, fazendo delas
dade nº 1123615 – SSP/MG, CPF- tem de pagar custas e emolumentos e res, de modo que os donos ficaram uso indevido do dinheiro depositado, verdadeiros joguetes ou lançadeiras
124.692.546-04, representado pelo Num primeiro momento a insti- ônus profissionais do processo do seu no prejuízo. em proveito próprio ou de terceiro, para frustrar os pagamentos dos alvarás.
inventariante ANTONIO RODRIGUES tuição financeira – Banco do Brasil inventário e não se sabe se o impasse e desde que se evidencia o ânimo Circunstância ainda digna de registro é
CUNHA, pelo advogado, com base em s/a – através da gerência da agência será resolvido. A lei decretada pela Assembleia deliberado de transformar-se de mero que o Governo não disponibilizou de
procedimentos e atos ilícitos, consubs- Setor Público de Belo Horizonte nº 1615 Legislativas do Estado de Minas detentor dos depósitos em proprietá- qualquer valor para resgatar precatórios
tanciados em estelionato e apropriação resistiu a ordem emanada do egrégio Uma das fábulas de FEDRO define Gerais, composta por verdadeiros rios. Portanto, está caracterizada a depois que recebeu os valores deposita-
indébita, faz REPRESENTAÇÃO CRI- Tribunal de Justiça, ensejo de decreto o desvio de bens com uso de persona- eunucos mentais e promulgada pelo apropriação indevida dos depósitos ao dos, cuja quantia, segundo informações,
MINAL em face de: de prisão do gerente por parte de um gens da fauna e flora, de conteúdo atual Governador do Estado, um dos deter os valores sem o consentimento ultrapassa a cifra de TRES BILHÕES DE
Juiz da Vara da Fazenda Pública do moral, transmitida na palma da mão envolvidos no inquérito da operação do legítimo dono, visto que o consenti- REAIS ( R$ 3.000.000.000,00 ).
FERNANDO DAMATA PIMENTEL, Estado da Capital. de crianças, verbis: “zelote” é de uma inconstitucionalida- mento de restrição quando solicitado,
brasileiro, casado, eventualmente Go- de e ilegalidade que se evidencia por em conversão dolosa do detentor da As imputações aqui noticiadas estão
vernador do Estado de Minas Gerais; Em face dessa coação irresistível “Cadê o toucinho que estava aqui, ser específica, não tem caráter geral e posse para proveito ou uso, ou para previstas nos artigos 171, 168, § 1º, inciso
a instituição financeira acabou deter- o gato comeu; cadê o gato, foi para o abstrato, um instrumento mumificado proveito ou uso de terceiros, ou ain- III e 71 do Código Penal, cujos fatos acu-
PEDRO CARLOS BITENCOURT minando as transferências dos valores, mato; cadê o mato, o fogo queimou; nos antecedentes e consequentes, da de estranho ao seu destino. A lei satórios preenchem os requisitos formais
MARCONDES, brasileiro, casado, em dinheiro, para a conta específica cadê o fogo, a água apagou; cadê a próprio para cambalachos e golpes penal considera apropriação indébita explicitados no artigo 41 do Código de Pro-
desembargador e ex-presidente do do Poder Executivo, em montante de água, o boi bebeu; cadê o boi, morreu”. (uma cultura partidária disseminada não só a conversão, mas quando se cesso Penal. As imputações nelas contidas
egrégio Tribunal de Justiça do Estado bilhões de reais a serem apuradas nas duas últimas décadas). apropria de coisa alheia , ou lhe dá abrangem fatos delituoso e vem lastreada
de Minas Gerais; na forma prevista na lei e conferida Fazenda pastiche desta fábula com destinação diversa com prejuízo para em elementos informativos idôneos, o que
em prestação de contas pelo colendo o caso em comento: CRIME DE ESTELIONATO o seu legítimo dono. evidencia a justa causa para persecução
GETÚLIO NERI PALHANO FREI- tribunal de Contas do Estado de Minas penal em juízo. Ademais verifica-se a
RE, brasileiro, casado, gerente da Gerais (que por força dos resultados Cadê o dinheiro dos depósitos Os imbróglios consubstancia- Apresentado o Alvará no dia 10/ existência dos pressupostos processuais
Agência Setor Público de Belo Hori- certamente será aprovada com res- judiciais, a Assembleia decretou e dos na lei, autorizado pelo egrégio janeiro/2017 para levantamento do e das condições para o exercício da ação
zonte nº 1615 do Banco do Brasil s/a, salva, como vem sendo observado na o governador sancionou; Cadê os Tribunal de Justiça, levados a efeito valor depositado, conta judicial nº penal mediante denúncia a ser ofertada
instalada na Rua Rio de Janeiro, nesta prática e na praxe). deputados, estão a vetar abertura para transferências dos valores 2200120929761, além de estar sus- pelo Ministério Público Federal e pelo órgão
Capital, de processo criminal do governador custodiados em depósitos judiciais penso o pagamento pelos motivos já administrativo ( Conselho Nacional de
Passados vários meses, a institui- pelo ilícito penal da operação “zelote”; se consumam os desvios de finali- mencionado o Banco do Brasil s/a Justiça ), com as determinações próprias
Pelos fatos e fundamentos expos- ção financeira – Banco do Brasil s/a Cadê as contas transferidas por auto- dades. Constituem atos fraudulentos, disse que teria de ter autorização e as que se fizerem necessárias.
tos a seguir: – vinha resgatando os ALVARAS JU- rização do presidente do Tribunal de verdadeiro estelionato, em virtude de CEPREC, órgão controlador de
DICIAIS expedidos pelos respectivos Justiça, foram depositadas em conta do qual se produziu um ilícito penal. depósitos exclusivamente para fins Pelo exposto o Representante,
Em 14 de julho de 2015 a Assem- Juízos das Varas em que se achavam específica do poder executivo; Cadê Os artifícios e ardis intentados para de pagamento de precatório (Emen- por oportuno, requer seja recebida
bleia Legislativa do Estado de Minas identificados os depósitos judiciais, até o presidente do Tribunal de Justiça, obtenção dolosa do consentimento de da Constitucional nº 62/2009), já a presente peça desta notícia crime
Gerais decretou e o Governador do que se esgotou as reservas de valores encerrou o mandato; Cadê o gerente outrem na realização da conversão e declarada inconstitucional e que acusatória para abertura de Inquérito
Estado promulgou a Lei nº 21.720, com existentes, quando no dia 23 de de- do Banco do Brasil suspendeu os da autorização para utilização desvir- nada tem a ver com depósitos judi- Criminal e consequente instauração do
eficácia suspensa pela ADI 5353 do zembro próximo passado, a instituição pagamentos dos alvarás; Cadê os tuadas é crime e impõe penalidades ciais à disposição de juiz referente processo-crime, citando os acusados
STF, que dispõe sobre a utilização de financeira, dizendo não ter reservas de alvarás judiciais, estão sem fundos;. à sua prática, pois confiscaram os a processos de responsabilidade do para responderem e acompanhar aos
depósitos judiciais em dinheiro, tributá- depósitos, suspendeu o pagamento dos Cadê a solução, está em disputa judi- depósitos judiciais e entregaram juízo da Vara, o que não passa de demais atos do processo, pena de lei, e
rios ou não, existentes em processos ALVARAS expedidos, caracterizando cial; Cadê a justiça, deletou; Cadê o aos estelionatários precedidos de engodo para atrasar o pagamento e/ que sejam condenados ao final às penas
judiciais, para a finalidade de custeio inusitadas ordens de pagamentos dinheiro desviado acabou e o governo manobras e artifícios no sentido ou levantamento do valor autorizado, previstas com as agravantes que o caso
da previdência social, pagamento de SEM FUNDOS, gerando uma guerra decretou a insolvência, a esperança, de iludir os proprietários e donos. A certo é que o alvará está em poder do recomenda dada a extensão e gravidade
precatórios, assistência judiciária e de medidas judiciais e extrajudiciais morreu. usurpação em tais casos decorreu banco, e ainda que sanada a etapa de que se reveste, com sequestro de
amortização da dívida com a União. entre o Governo do Estado de Minas da entrega dos depósitos judiciais referente a inusitada autorização do valores em dinheiro para garantia e res-
Gerais e o Banco do Brasil s/a, com A guisa de ilustração, em décadas por meio ardiloso e fraudulento, não CEPREC, continua suspenso pelo gate dos alvarás com, e finalmente com
Em atos ilícitos sucessivos o então informações as mais estapafúrdias e longínquas, havia a figura do deposi- ocorrido voluntariamente com autori- fato de que o banco diz que não tem penalidade de suspensão dos direitos
Presidente do egrégio Tribunal de Jus- desencontradas. tário público nas Comarcas. Em Belo zação dos donos. saldo para resgate. políticos por prazos legais.

Belo Horizonte, 09 de fevereiro de 2017.


P.p. Getúlio Barbosa de Queiroz - advogado
OAB/MG-9.589
12 E S P O R T E EDIÇÃO DO BRASIL
11 a 18 de março de 2017

Adilson espera conquistar títulos Campeonato Brasileiro


com a camisa do Atlético Mineiro Feminino 2017 já está
“O Atlético é a minha melhor oportu-
nidade de conquistar títulos importantes”,
O novo reforço alvinegro confirmou o
seu desejo de disputar a principal compe-
desde o aeroporto, muita gente conhecida
com quem já trabalhei, inclusive o Roger.
em andamento no país
afirmou o volante Adilson em sua apre- tição do continente. Aos poucos, a gente vai se sentindo em

Leandro Martins / Allsports


sentação, que aconteceu na Cidade do “Tenho conhecimento da grandeza do casa, se sentindo bem e, com certeza,
Galo. O jogador foi revelado pelo Grêmio clube, dos títulos importantes conquista- é uma alegria muito grande estar aqui”,
e defendeu o Terek Grozny, da Rússia, nos dos nos últimos anos. Tive experiência disse o meio-campista.
últimos seis anos. na Libertadores, sendo semifinalista em Adilson espera trazer para o Galo a Campeonato
A apresentação foi feita pelo presidente 2009 e participando da edição de 2011. experiência adquirida no exterior. “Tive servirá de
Daniel Nepomuceno, que elogiou a vontade Conheço bem a competição, sei o que uma evolução grande lá fora, não só den-
do atleta em vestir a camisa alvinegra. é necessário para vencer e vou tentar tro como fora de campo. A gente passa base para
“O Adilson é um dos nomes que foram contribuir. Ajudar o máximo possível para por muitas experiências, conhece outras a seleção
colocados pelo Roger desde o início do que Atlético possa vencer, novamente, culturas, outras línguas. Passei por alguns
trabalho e quero agradecer a ele porque esse campeonato”, comentou Adilson, que treinadores interessantes também, então, feminina
se colocou à disposição desde o primeiro comemorou a chegada ao Galo. a gente aprende bastante coisa. Vou pro-
momento, quando surgiu a possibilidade de “É um prazer, uma alegria imensa curar desempenhar esse bom papel que
fazer um pré-contrato. Ele fez um esforço chegar a um clube grande como o Atlético. fiz lá fora aqui no Galo também”, destacou.
pessoal grande para poder ser inscrito na Todo atleta gostaria de trabalhar em um O volante concluiu agradecendo o
Libertadores”, disse o presidente. time assim. Fui muito bem recebido aqui, apoio da massa nas redes sociais. Na semana em que se comemora Na visão do coordenador de fute-
“Quero agradecer o carinho do torce- o Dia Internacional da Mulher, a bola bol feminino da CBF,  Marco Aurélio
dor nas redes sociais, fiz uma postagem vai rolar para a abertura do Campeo- Cunha, o novo modelo de disputa do
CAM

e a resposta do torcedor foi muito rápida, nato Brasileiro Feminino 2017 - Série Brasileirão Feminino irá beneficiar a
muito boa, todo mundo apoiando. O que A-1. A partir do dia 11 de março, pelo todos: clubes e atletas.
posso prometer é fazer o meu melhor, quinto ano seguido, as meninas irão “Acredito que o mais importante
trabalhar forte e ajudar o Atlético a con- mostrar, pelos gramados do país, que foi o aumento de número de jogos.
quistar títulos”. o seu lugar também é no futebol.  Antes, com as fases preliminares,
Para Manoel Flores, diretor de uma equipe jogava quatro vezes e
competições da CBF, um campeonato podia estar fora. Agora vai ter um
forte para a modalidade só ajuda a número de base grande. Isso ajuda
reforçar que o esporte não tem gênero o clube a divulgar o time na cidade
e foi feito para que todos participem. e buscar patrocínio para um determi-
“O esporte, e o futebol se inclui nado período, por exemplo. Acho que
nisso, não tem gênero, foi feito para esse é o melhor caminho: fazer essas
todos. Acreditamos que o futebol jogadoras terem lastro e jogarem. É o
feminino tem um papel muito impor- caminho que a CBF tem para fomen-

Adilson tante nisso e só tem a crescer com


uma competição mais sólida, forte e
equilibrada” destacou.
tar o futebol feminino, que já é um
modelo absorvido no Brasil”. 

defendeu o Com novidades – a principal delas é


a criação de mais uma divisão: a Série
A-2, também com 16 clubes –, a compe-
O novo formato
O formato prevê dois grupos, de

Terek Grozny, tição vai ter maior duração. Deste modo,


as jogadoras da modalidade ficarão em
atividade por mais tempo no decorrer do
oito clubes cada, com turno e returno.
Avançarão às quartas de final os qua-
tro times melhores colocados de cada

da Rússia, ano. Manoel lembra que estas mudan-


ças foram solicitadas pelos próprios
clubes e acredita que, a partir de agora,
grupo. Nesta fase, serão disputados
jogos de ida e volta, assim como na
semifinal e na final. Portanto, as equi-

nos últimos
o campeonato será ainda mais forte. pes que chegarem à decisão terão
“A nossa expectativa para a com- feito 20 partidas. Os times eliminados
petição é a melhor possível. A CBF vive na primeira fase terão atuado 14
um novo momento no futebol feminino vezes. A Série A2 tem previsão de
seis anos e, para sacramentar este bom mo-
mento, esperamos que a competição
início para maio. Com as divisões,
a competição agora terá acesso e
cresça. Foi um pedido dos clubes para descenso. As duas equipes piores
fazer duas divisões, para que desse colocadas na A1 em 2017, disputarão
mais cotas, ficasse mais equilibrado. a A2 em 2018. Consequentemente,
Tudo foi atendido e esperamos que os dois finalistas da A2 em 2017,
o campeonato fique ainda melhor”, disputarão a A1 em 2018, e assim
Fonte: Site do CAM. acrescentou. será a cada ano.

Luiz Carlos Gomes


Presidente da Associação Mineira de Cronistas Esportivos-AMCE Hotel Fazenda

Horizonte Belo
amce@amce.org.br

Mulheres & Futebol


Brumadinho - MG
M
arço é o mês Mas o futebol mineiro tem Horizonte, Guaxupé, Itaúna,
delas. Graciosas muito mais coisas rolando por Ponte Nova e Jacutinga. São
e competentes, aí, na maioria das vezes de clubes semiprofissionais, alguns
marcam presença forma quase anônima. Por com larga história de sucesso

Sua melhor opção para:


forte em todos os exemplo. Temos o campeonato no passado, mas que ao longo
setores da vida moderna. Não do módulo II, reunindo times tra- do tempo foram perdendo força.
poderia ser diferente no es- dicionais. Neste ano, participam Sobrevivem pela vontade e gar-
porte, em especial no futebol. o Nacional de Muriaé, Social de ra de uns poucos abnegados.
No início eram poucas. Aos João Monlevade, Guarani de Outra competição que tem
poucos foram ocupando espa- Divinópolis, Betinense de Betim, muita tradição e merece o res-
ço. Determinadas, buscaram o Tupynambás de Juiz de Fora, peito de todos é ligada ao fute-
conhecimento, unindo o amor
ao esporte a especialização
Boa de Varginha, Mamoré de
Patos de Minas, Patrocinense
bol amador de Belo Horizonte.
Esmagado pelo crescimento
• Reuniões e treinamento • Férias
• Fins de semana • Feriados
conquistada nos bancos escola- de Patrocínio, Cap Uberlândia, da cidade que acabou com a
res. Hoje, são dezenas atuando Uberaba e Araxá. maioria dos campos, continua
em todos os setores da mídia A disputa acontece em duas existindo e sobrevivendo meio
esportiva. Sabem tudo e muito etapas. Na primeira, dividida na marra. Por mais incrível
mais. Merecem o nosso carinho em dois grupos, classificam que possa parecer 48 times
e respeito. Muito bom verificar dez para o hexagonal final. Os participam.
nos arquivos da  Associação dois últimos dos dois grupos Divididos em oito chaves,
Mineira de Cronistas Esporti- da primeira fase descem para disputam cerca de 24 jogos a
vos (AMCE) a quantidade de a segunda divisão. O campeão cada domingo. São mais de
mulheres filiadas, devidamente e o vice do hexagonal sobem 1.400 jogadores envolvidos,
credenciadas para atuar com para o módulo I. além de treinadores, árbitros,
enorme profissionalismo. Uma O importante é que os clu- auxiliares, apoiadores, dirigen-
prova que mulher é muito mais bes se obrigam a utilizar jo- tes e torcedores. Sim, muitos
do que mãe, esposa, filha ou gadores de até 24 anos. Com dos times amadores tem torce-
namorada. Parabéns as mu- exceção de sete atletas com dores apaixonados. Estes times
lheres radialistas e jornalistas mais idade. É sem dúvida uma lutam contra a falta de recursos,
esportivas. Parabéns a todas excelente oportunidade para os de campos e da total falta de
as mulheres que neste mês de jovens iniciarem suas carreiras. espaço para divulgação. Nor-
março recebem as merecidas Imagino o sacrifício dos dirigen- malmente jogam em horários
homenagens. tes para manter seus clubes alternativos. Na verdade os ti-
Mudando de assunto, im- nesta disputa. Normalmente os mes amadores são verdadeiros
portante destacar o bom traba- jogos acontecem em estádios heróis da resistência.
lho que a Federação Mineira de apertados e vazios. As viagens Outras competições promo-
Futebol (FMF), sob o comando e hospedagens não são de pri- vidas pela FMF também acon-
do jovem presidente Castellar meira e a falta de recursos para tecem ao logo do ano. Campe-
Modesto Guimarães Neto, vem saldar os compromissos é uma onato de futebol feminino, Taça
realizando em favor do nosso constante. Na verdade estes BH, Copa Itatiaia, Torneio Co-
futebol. Além de modernizar a clubes contam apenas com o rujão e torneios para menores
entidade em todos os sentidos, apoio da Federação, de alguns de 15,17 e 20 anos. Um esforço
movimenta o futebol em pratica- poucos idealistas e da impren- tremendo para manter acesa a
mente em todas as regiões de sa esportiva de suas cidades, chama do futebol. Pelo interior
Minas. Evidente que a grande que não medem esforços para afora, as ligas desportivas se
maioria do público acompanha transmitir os jogos e valorizar o desdobram para organizar as
mesmo é o campeonato do evento e seus participantes. É mais variadas competições.
módulo I. Reúne os principais um caminho duro para tentar Infelizmente muitas estão com
times, apresenta jogadores de alcançar o sonho de chegar a suas atividades paralisadas por
renome, atrai bons patrocina- elite do futebol. total falta de recursos. Com a
dores e mobiliza considerável A Federação organiza tam- crise, o que já não era bom,

A 52 km de BH e 9 km do Inhotim
massa de torcedores. Além de bém o campeonato da segunda piorou de vez.
merecer grande destaque na divisão que conta com a parti- Assim caminha o futebol mi-
mídia. Para se ter uma ideia, cipação dos seguintes clubes: neiro. Alvo de críticas, renegado
centenas de veículos de comu- Arsenal de Santa Luzia, Lu- por muitos que pregam até sua
nicação, da capital e do interior, ziense de Santa Luzia, Coimbra extinção em favor das grandes
mantém equipes de profissio-
nais envolvidas exclusivamente
com o principal campeonato de
de Belo Horizonte, Siderúrgica
de Sabará, Valério de Itabira,
Santarritense de Santa Rica do
competições nacionais e inter-
nacionais, mas que segue firme
encarando o desafio de continu-
www.horizontebelo.com.br
futebol de Minas. Sapucaí, Venda Nova de Belo ar construindo sua história.
(31) 3261-1515