Você está na página 1de 2

LIBERTAÇÃO

TEXTO: Mateus 17:14-20.


INTRODUÇÃO
Em relação ao diabo há muitas e controvérsias teorias. O que por sinal é muito bom para
ele.
Ele pode até pegar carona em tudo que é coisa ruim, no entanto ele não faz tudo sozinho.
Ele tem um aliado em nossas vidas que permite a ele, por diversas vezes, nos controlar,
esse aliado é a nossa natureza caída.
1) Mas quem é o diabo?
O diabo é um anjo caído. Num determinado momento na eternidade ele se rebelou
contra Deus e foi expulso da presença do Senhor (Ez 28:11-19).
2) Qual o poder que ele tem?
Hoje o poder que o diabo hoje tem sobre você é somente aquele que você der a ele. (Ef
4:27).
3) Como eu dou poder ao diabo?
Tudo começa com o pecado. Foi por Adão pecar contra Deus que o diabo se apropriou
da vida do homem.
Quando você peca, o seu pecado produz algo que chamamos de morte. Deus
estabeleceu que o salário do pecado é a morte. A morte na bíblia é uma existência sem
a presença de Deus. Isso é a pior coisa que pode acontecer a alguém.
4) Quais são os sintomas de operação demoníaca na sua vida?
Prisões ou Amarras
Prisão é a incapacidade de fazer aquilo que se deveria ser capaz de fazer.
Exemplo: Medo, Pânico, Depressão, Perdoar, Pedir perdão.
Compulsão
Ex.: Roubar, Prostituir, Comprar, Xingar, etc.
Quando alguém se sente compelido a fazer alguma coisa que não quer fazer, a despeito
de todos os esforços para resistir.
Comportamento irracional
QUALQUER FORMA DE COMPORTAMENTO IRRACIONAL é uma indicação de
forças sobrenaturais em operação.
Exemplo: suicídio.
Doenças Inexplicáveis
Uma doença repentina, para a qual não há explicação médica, é obra de forças malignas.
Manifestação
É a forma mais clara de operação demoníaca. Os demônios quando confrontados com o
poder de Deus não podem suportar.
5) Formas mais comuns de pecados por onde o diabo entra
Todo pecado enquanto não é lavado pelo sangue de Jesus, é oportunidade do diabo entrar
a) Maldições hereditárias.
Muitas vezes nós achamos que a única coisa que afeta nossas vidas são os nossos próprios
atos. Isso depende. Se nós recebemos de nossos pais herança material porque isso não
existiria também herança no mundo espiritual? Os nossos pais morrem, mas os espíritos
malignos que os acompanharam não. Caso nossos pais fizeram algum pacto com forças
espirituais do mal, elas continuam influenciando nossas vidas.
Exemplo: é comum você ver em uma família o avô ser dominado pelo álcool, o pai se
rendendo também ao álcool e conseqüentemente o filho também se transformando em um
alcoólatra.
b) Desvios sexuais.
Primeiro é importante salientar que o sexo foi criado por Deus e, portanto, é abençoado
pelo Senhor desde que seja praticado de acordo com os princípios Dele. Todas as vezes
que colocamos o sexo como objetivo principal de um relacionamento e passamos a
explorá-lo de qualquer forma e em qualquer oportunidade, na verdade nós estamos
chamando para cima de nossas vidas toda sorte de castas de demônios.
Exemplos: masturbação, Narcisismo (adoração por si mesmo), Exibicionismo,
Fetichismo (prazer em ver peças como calcinhas, olhos, pernas, etc), Bestialismo (sexo
com animais), Sado-masoquismo (sexo com sofrimento), Pedofilia (sexo com crianças),
Homossexualismo (sexo com pessoas do mesmo sexo).
c) Pactos, oferecimentos, trabalhos, macumba ...
A forma mais rápida de estarmos completamente debaixo do poder do diabo é pactuando
com ele. Como normalmente fazemos isso? Através de contato direto com ele, fazendo
trabalhos de macumba, feitiçarias, ocultismos, e coisas do gênero. Muitos não fazem,
mas pedem que alguém faça por ele, é a mesma coisa.
Às vezes você pode pensar que determinadas práticas não tem nada a ver com o diabo.
Exemplo: espiritismo (consulta aos mortos), candomblé, umbanda, quimbanda,
esoterismo, parapsicologia, simpatias, idolatria e coisas do gênero, fazer preces a quem
já morreu. Está escrito isso em Dt 18:09-14 onde Deus relata estas práticas que Ele
abomina e certamente serão completamente desprezados por Ele os que tais atos praticam.
PROCESSO DE LIBERTAÇÃO
1.1 Reconheça a necessidade de libertação. “Conhecereis a verdade e a
verdade vos libertará.” – Jo. 8:32.
1.2 É preciso estar em Cristo. Sem uma experiência de salvação é impossível
quebrar maldições. Rm. 8:1 Agora, pois, já nenhuma condenação há para os
que estão em Cristo Jesus.
1.3. Precisa haver arrependimento pelo pecado.
1.4. Rejeite e se desfaça de todo objeto de maldição.
1.5. Seja parte de uma célula. “Confessai, pois, os vossos pecados uns aos
outros e orai uns pelos outros, para serdes curados. Muito pode, por sua
eficácia, a súplica do justo.” – Tg 5:16
1.5. Faça parte de uma célula.

Interesses relacionados