Você está na página 1de 13

MATÉRIA MÉDICA HOMEOPÁTICA: Repertório terapêutico - Sais de Schuessler Página 1 de 13

Compartilhar 0 mais Próximo blog» Criar um blog Login

MATÉRIA MÉDICA HOMEOPÁTICA


Muitas e muitas horas de trabalho, agora em português - Homeopatas especialistas: João
Novaes (ND, Phd) e Rui Augusto (ND)

APH-TV
Destaques Vacina homeopática
A ciência e a Pandemia
acção de Wi-Fi
homeopática
Homeopatia e
Avogrado
Cientistas sob
ataque, só 5% são
independentes
Placebo? Leia a voz Artigo sobre
dos utentes Breve História escolher bons
do Futuro suplementos
alimentares

Verifique ainda os documentos que estão embebidos em alguns artigos, pois têm buscadores próprios.

Olavo de Carvalho fala sobre aborto


Translator Widget by Dicas Blogger e eutanásia

LISTA DE ARTIGOS
1-ORGANON - Hahnemann - português 8- Novaes - Repertório - Homem
2- Allen – Matéria Médica (dicas) 9- Plantas - fármacos - Interação
2ª- Allen - Keynotes 10-Repertório homeopático SOS
Programa de Rádio "True Outspeak"
11-Repertório terapêutico - Sais de
3-Alves - Repertório Homeopático e afins
Schuessler Arrependimento em leito de morte
4-Borland - Tipos de Crianças em Homeopatia 12-Sais de Schussler e Diagnóstico
5-Kent - Repertório.... (trad. Dr. João Novaes) 13-Schuessler, Gradivez e Pós-parto
6-Novaes - Homeopatia, Repertório e Lactentes 14-PATOLOGIAS, em revista
15-Matéria Médica / Farmacodinâmica
6ª-Novaes - Homeopatia, Repertório e Crianças
Homeopática
7-Novaes - Repertório - Mulher, Gravidez e Parto 16-Oligoterapia, Naturologia
A CONVERGÊNCIA, HAMER e a
7ª-Novaes - Gravidez, Pós-parto, Mulher,
17-MIASMAS MEDICINA
Crianças e Idosos
7b-Novaes- Repertório de Fitoterapia
7c-Novaes - Fitoterapia e Patologias
7d-Novaes - Miasmas

Relembre-se que o uso destes artigos não lhe garante o sucesso terapêutico, nem o habilita a
ser homeopata ou outra classificação da medicina naturológica. As decisões destes
profissionais consideram imensas valências.
Consulte um especialista

CURSO - VÍDEOS - História

Repertório terapêutico - Sais de Schuessler


Sexta-feira, Março 12, 2010

Repertório - Sais de Schüssler – Dr. João Novaes – Homeopata


Especialista

Acidez gástrica

• Natrum phosphoricum D6: na hiperacidez – 1 comprimido depois de cada refeição.


• Natrum chloratum D6: no déficit de ácidos gástricos – 1 comprimido 6 vezes ao dia
antes das refeições.

http://materiamedicahomeopatica.blogspot.com.br/2010/03/repertorio-terapeutico-sais... 15/09/2012
MATÉRIA MÉDICA HOMEOPÁTICA: Repertório terapêutico - Sais de Schuessler Página 2 de 13

Acne juvenil  

• Natrum phosphoricum D6: 1 comprimido 6 vezes ao dia durante um período de tempo


prolongado.
• Silicea D6: em pústulas purulentas – 1 comprimido 5 vezes ao dia.

Acúfenos

• Calcium fluoratum D6 + Silicea D6: 1 comprimido 5 vezes ao dia a longo prazo.

Alterações cardíacas nervosas

• Kalium phosphoricum D6: 1 comprimido 5 vezes ao dia a longo prazo.


• Magnesium phosphoricum D6: Como tranquilizante em afecções cardíacas mais intensas,
palpitações, etc. 1 comprimido dissolvido em água quente cada 10 minutos. Contador

Aftas (fungos, muguet, inflamação da mucosa bucal)

• Ferrum phosphoricum D6: 1 comprimido 5 vezes por dia.


• Kalium chloratum D6: em mucosas com saburra de cor branca ou branco brilhante. 1
comprimido em cada hora.
• Kalium phosphoricum D6: em saburras com bordas de cor vermelha nas comissuras dos
lábios, sem saburra lingual – 1 comprimido cada hora.

Alergias, prevenção de, respiratórias

• Ferrum phosphoricum D6 – tomar na 1ª e 2ª semana.


• Magnesium phosphoricum D6 – tomar na 3ª e 4ª semana. Iniciativas:
• Kalium sulfuricum D6 – tomar na 5ª e 6ª semana.
• 2 comprimidos em jejum e antes de deitar.

Hiperligações
Alopecia
• Site da APH (Assoc. Portug. Homeo.)
• Natrum clorathum D6 + Silicea D6 + Kalium phosphoricum: 1 comprimido 4 vezes ao • APH - TV
dia, a longo prazo. • Blog de José Maria Alves
• Ferrum phosphoricum D6: 1 comprimido 3 vezes ao dia. • Auto-Isopatia Energetica

Ambliopia

• Natrum chloratum D6: Na debilidade nervosa geral – 1 comprimido 3 vezes ao dia.


• Silicea D6: em ambliopias que aparecem ao mínimo esforço 1 a 2 comprimidos 3 vezes
ao dia a longo prazo.
• Natrum chloratum D6: em lágrimas e dor ocular que aparece ao ler – 1 comprimido 6 Seguidores
vezes ao dia.
Aderir a este site.
com o Google Rede Social

Amigdalite Membros (28)

• Natrum phosphoricum D6 + Ferrum phosphoricum D6: Em casos agudos e crónicos – 1


comprimido cada 3 em 3 horas.
• Magnesium phosphoricum D6: Nas amigdalites crónicas – 1 comprimido diluído em água
quente 4 vezes ao dia a longo prazo.
• Silicea D6: em amigdalites purulentas – 1 comprimido cada 2 horas.
• Calcium sulfuricum D6: 1 comprimido 3 vezes ao dia a longo prazo.

Já é membro?Iniciar sessão
Anemia

• Ferrum phosphoricum D6 + Calcium phosphoricum D6: 2 comprimidos 3 vezes ao dia. Holociência -


apresentação
Anorexia

• Kalium phosphoricum D6: Em transtornos psíquicos nervosos – 1 comprimido cada 3


horas.
• Calcium phosphoricum D6 + Natrum chloratum D6: em casos de debilidade geral,
anemia, produção deficiente de sucos gástricos, náusea, vómitos – 1 comprimido 3
vezes ao dia,
• respectivamente.
• Natrum phosphoricum D6: em hiperacidez, pirose, gastralgias depois de comer (pós- A ciência fundamental por detrás da
prandial). Homeopatia
• Kalium chloratum D6: em casos de afecção hepática, língua branca-escura, bulimia – 1
comprimido 3 vezes ao dia.

Arteriosclerose (calcificação das artérias)

• Calcium fluoratum D6: o agente mais importante, se procede, tratamento a longo prazo
– 1 comprimido 3 vezes ao dia.
• Silicea D12: Impede a progressão da arteriosclerose – 1 comprimido 3 vezes ao dia a
longo prazo.
• Magnesium phosphoricum D6: no aparecimento de moléstias cardíacas espasmódicas – 1
comprimido 5 vezes por dia.

http://materiamedicahomeopatica.blogspot.com.br/2010/03/repertorio-terapeutico-sais... 15/09/2012
MATÉRIA MÉDICA HOMEOPÁTICA: Repertório terapêutico - Sais de Schuessler Página 3 de 13

• Kalium phosphoricum D6: em estados de ansiedade, opressão cardíaca, fases HomeSchooling - Escola
depressivas – 1 comprimido por dia.
em Casa

Asma (asma brônquica)

• Kalium phosphoricum D6: no ataque, em pacientes com nervosismo como sinal


dominante – 1 comprimido cada 5 minutos. Em continuação seguir 1 comprimido cada 2
horas.
• Magnesium phosphoricum D6: no ataque, frequentemente na relação com dor abdominal
espasmódica – 1 comprimido cada 5 minutos.
• Kalium phosphoricum D6: no estado entre ataques – 1 comprimido cada 2 horas.
• Kalium chloratum D6: em casos com escarros brancos muito viscosos e sensação de
opressão cardio-pulmonar, no ataque – 1 comprimido cada 15 minutos para depois
passar a Kaium phosphoricum D6 + Magnesium phosphoricum D6 + Natrum suphuricum
D6 em tempos húmidos – 1 comprimido cada hora. Um novo conceito para a educação latina
• Calcium fluoratum D6: em casos de dispneia intensa e enfisema, expectoração difícil de
pequenas agregações de muco amarelado. Também em combinação com Silicea D6 para
o fortalecimento do tecido pulmonar atómico – 1 comprimido cada 3 horas.
• Kalium sulfuricum D6: em ataques vespertinos e nocturnos assim como depois de comer
– 1 comprimido cada 2 horas.

Atonia intestinal (ver obstipação)

Blefarite

• Ferrum phosphoricum D6: em inflamações e eritemas extensos – 1 comprimido 5 vezes


ao dia.
• Natrum phosphoricum D6: nas pálpebras coladas – 1 comprimido 5 vezes ao dia. Em
caso necessário em alternância com o preparado precedente.
• Silicea D12 - Em crostas purulentas nas pálpebras – 1 comprimido três vezes ao dia.

Bócio

• Magnesium phosphoricum D6: 1 comprimido dissolvido em água quente 5 vezes ao dia.


• Calcium fluoratum D6: em bócios nodulares duros – 1 comprimido 3 vezes ao dia a longo
prazo.

Bronquite

• Ferrum phosphoricum D6: anti-inflamatório principal – 1 comprimido cada meia hora.


• Kalium chloratum D6: depois do agente precedente se aparece suor – 1 comprimido de
hora a hora.
• Magnesium phosphoricum D6: em tosse espasmódica intensa – 1 comprimido dissolvido
em água quente cada 5 minutos.

Cãibras dos escrivães (veja-se em espasmos)

Cãibras das panturrilhas (veja-se em espasmos)

Cálculos biliares (veja-se também em colecistite)

• Natrum sulphuricum D6: no estado entre ataques.


• Natrum phosphoricum D6: durante 3 a 4 dias com intervalos de três semanas - 1
comprimido 3 vezes ao dia.
• Magnesium phosphoricum D6: em cólicas biliares e espasmos – 1 comprimido dissolvido
em água quente cada 5 a 10 minutos.
• Ferrum phosphoricum D6: depois do desaparecimento da dor, para prevenir o
desenvolvimento de uma colecistite – 1 comprimido cada meia hora.

Calos

• Calcium fluoratum D6 + Silicea D6: 1 comprimido cada 2 horas.

Cancro

• Magnesium phosphoricum D6: 2 comprimidos em jejum.


• Calcium phosphoricum D6: 2 comprimidos antes de deitar. Ou tomar 2 sais antes de
cada refeição, os dois em dias alternados.

Cataratas

• Kalium phosphoricum D6: como complemento ao resto das medidas terapêuticas, em


função sempre das características individuais de cada caso.

http://materiamedicahomeopatica.blogspot.com.br/2010/03/repertorio-terapeutico-sais... 15/09/2012
MATÉRIA MÉDICA HOMEOPÁTICA: Repertório terapêutico - Sais de Schuessler Página 4 de 13

Catarro faríngeo (veja-se em “faringite”)

Catarro gástrico (veja-se em “gastrite”)

Catarro vesical (cistite)

• Ferrum phosphoricum D6: no primeiro estado inflamatório, com dor, febre e micção
imperiosa – 1 comprimido cada meia hora.
• Kalium chloratum D6 + Silicea D12: no segundo estado inflamatório, geralmente
crónico; a urina é escura, turva e contém muco espesso de cor clara – 1 comprimido
cada 2 horas.
• Magnesium phosphoricum D6: na retenção de urina e espasmos da musculatura vesical
– 1 comprimido diluído em água quente cada meia hora.

Cefaleias

As cefaleias ou cefalalgias podem ser um sintoma das mais diversas enfermidades – tratar as
enfermidades básicas ou adjacentes! -, Mas também podem aparecer de forma isolada. O
termo migrana utiliza-se para definir uma cefaleia hemicraneal muito intensa que se apresenta
em forma de crise, frequentemente acompanhada de vómitos, e que se acentua com os efeitos
da luz e do ruído.

• Ferrum phosphoricum D6: em dores opressivas com congestão da cabeça, vertigo,


frequentemente acompanhadas de vómitos e transtornos visuais – 1 comprimido cada
meia hora.
• Kalium phosphoricum D6: em cefaleias de etiologia nervosa com irritabilidade, insónia ou
que aparecem como consequência de uma situação de stress e aborrecimento - 1
comprimido cada meia hora.
• Natrum chloratum D6: depois de enfermidades consecutivas e transtornos do sono,
cefaleias depois das manhãs até à noite, também em miúdas adolescentes - 1
comprimido cada meia hora.
• Magnesium phosphoricum D6: em cefaleias críticas, espasmódicas, terebrantes (dor que
produz a sensação de uma broca a penetrar nos tecidos), sobretudo na região occipital,
com um clarão diante dos olhos – “siete caliente” ou 1 comprimido cada meia hora.
• Silicea D12: especialmente indicado depois de um grande esforço intelectual ou na
“cefaleia do estudante”, também em pessoas hipersensíveis e debilitadas - 1 comprimido
cada meia hora.
• Natrum sulphuricum D6: sobretudo em cefaleias acompanhadas de transtornos
digestivos e cefaleias que pioram com o movimento e a exposição à luz - 1 comprimido
cada meia hora.
• Natrum phosphoricum D6: depois de um consumo excessivo de álcool com náuseas e
eructos ácidos - 1 comprimido cada meia hora.

Ciática

• Kalium phosphoricum D6: em casos agudos - 1 comprimido cada meia hora depois de
acabar com a dor.
• Magnesium phosphoricum D6: em dores de tipo espasmódico que melhoram com o calor
ou aquecimento, a cada meia hora.
• Calcium phosphoricum D6: em dores nocturnas, parestésicas, sobretudo na região coxal
- 1 comprimido 3 vezes ao dia.
• Siicea D12: em casos crónicos – 1 comprimido 3 vezes ao dia.

Colecistite

• Natrum sulphuricum D6 + Ferrum phosphoricum D6: 1 comprimido cada meia hora.


• Kalium phosphoricum D6: em quadros com febre crescente – 1 comprimido cada hora.
• Kalium chloratum D6: depois da fase aguda – 1 comprimido cada hora.

Cólicas

• Magnesium phosphoricum D6: para o tratamento sintomático em geral – "siete caliente"


ou 1 comprimido dissolvido em água morna cada meia hora.

Cravos (espinha na pele) (veja em acne)

Conjuntivite

• Ferrum phosphoricum D6: anti-infamatório principal na secreção purulenta de muco


branco – 1 comprimido cada ¼ de hora.
• Kalium chloratum D6: em caso de lacrimação muito intenso e secreções de muco fluido,
claro – 1 comprimido cada ¼ de hora.
• Natrum kloratum D6: 1 comprimido cada ¼ de hora.
• Natrum sulphuricum D6: em crianças escrofulosas com pus amarelo-esverdeado e
vesículas na conjuntiva – 1 comprimido 3 vezes ao dia.
• Silicea D12: na supuração amarela viscosa persistente.

http://materiamedicahomeopatica.blogspot.com.br/2010/03/repertorio-terapeutico-sais... 15/09/2012
MATÉRIA MÉDICA HOMEOPÁTICA: Repertório terapêutico - Sais de Schuessler Página 5 de 13

Comoção cerebral

• Ferrum phosphoricum D6 + kalium phosphoricum D6: como tratamento de apoio de


manutenção dos quadros febris, sobretudo em caso de perda de sensibilidade.
• Natrum sulphuricum D6: em perdas permanentes da capacidade cerebral – 1
comprimido cada hora.
• Magnesium phosphoricum D6: em transtornos visuais permanentes – 1 comprimido cada
hora.

Contusões ((veja-se “traumatismos”)

Constipação comum – resfriado

• Ferrum phosphoricum D6: antes dos primeiros sintomas de constipação – 1 comprimido


cada ¼ hora.
• Natrum chloratum D6: em constipações com secreção nasal serosa irritativa – 1
comprimido cada ½ hora.
• Magnesium phosphoricum D6: em constipações com crises de espirros frequentes –
“Siete caliente” ou 1 comprimido dissolvido em água morna cada ¼ de hora.
• Kalium sulphuricum D6: em casos de obstrução nasal – 1 comprimido cada hora.
• Silicea D6: em constipações crónicas, também em corizas secas com nariz irritado – 1
comprimido 6 vezes ao dia.

Crianças, insónia, medo e ansiedade

• Kalium phosphoricum D6 – 2 comprimidos em jejum.


• Calcium phosphoricum D6 – 2 comprimidos antes do almoço.
• Magnesium phosphoricum D6 – 2 comprimidos antes de deitar.

Duração de tratamento: 4 a 6 semanas.

Crianças, deficit de atenção

• Kalium phosphoricum D6 – 2 comprimidos em jejum.


• Calcium phosphoricum D6 – 2 comprimidos antes do almoço.
• Magnesium phosphoricum D6 – 2 comprimidos antes de deitar.

Duração de tratamento: 4 a 6 semanas.

Crosta láctea

• Natrum phosphoricum D6 – 1 comprimido 5 vezes ao dia.

Dentição infantil

• Calcium phosphoricum D6 + Calcium fluoratum D6: para activar a erupção dental - 1


comprimido 3 vezes ao dia.
• Ferrum phosphoricum D6: em moléstias febris da dentição – 1 comprimido 6 vezes ao
dia.
• Magnesium phosphoricum D6: em inflamações dolorosas – 1 comprimido dissolvido em
água quente cada hora.

Desmame medicamentoso

• Natrum sulphuricum D6: 1 comprimido 6 vezes ao dia.

Diarreia

• Ferrum phosphoricum D6 + Kalium chloratum D6: em fezes claras, muco-sanguinolentas


e também pastosas – 1 comprimido cada ¼ de hora.
• Kalium phosphoricum D6: fisgadas sem disposição com dor tipo cólica, sensação de
ardor intestinal, diarreia de odor fétido.
• Magnesium phosphoricum D6: em deposições líquidas com dor abdominal tipo cólica que
melhora aplicando calor e adoptando uma postura de dobrado – 1 comprimido cada ¼
de hora.
• Natrum chloratum D6: em diarreia muco-serosa que não cessa e que provoca irritação
na região anal, alternando eventualmente com obstipação.
• Natrum phosphoricum D6: em fezes de odor acre, sobretudo em crianças pequenas com
saburra na língua amarelada – 1 comprimido cada ½ de hora.
• Natrum sulphuricum D6. em diarreia crónica que obriga a levantar-se de madrugada e
que piora com tempo húmido - – 1 comprimido cada ½ de hora.
• Silicea D12: em formas purulentas – 1 comprimido 3 vezes ao dia.

Doenças cutâneas crónicas

http://materiamedicahomeopatica.blogspot.com.br/2010/03/repertorio-terapeutico-sais... 15/09/2012
MATÉRIA MÉDICA HOMEOPÁTICA: Repertório terapêutico - Sais de Schuessler Página 6 de 13

• Kalium sulfuricum D6 – 2 comprimidos em jejum.


• Calcium phosphoricum D6 – 2 comprimidos antes do almoço.
• Natrium phosphoricum D6 – 2 comprimidos antes de deitar.

Em caso de prurido (urticária) juntar magnesium phosphoricum D6.

Duração de tratamento: de 3 a 6 semanas.

Eczemas (erupções cutâneas)

• Calcium phosphoricum D6 + Natrum chloratum D6: em erupções cutâneas secas – 1


comprimido cada 2 horas.
• Kalium chloratum D6. em erupções cutâneas exsudativas – 1 comprimido 3 vezes ao dia.
• Calcium fluoratum D6: em gretas, fissuras, formação de crostas, pele seca. 1
comprimido 3 vezes ao dia.
• Natrum chloratum D6 pomada: em eczemas seborreicos em zonas sebosas (face, peito,
costas, região genital).

Esfriamentos (recomenda-se efectuar um estudo diagnóstico em profundidade)

Enjoos dos viajantes (veja-se em “enjoos”)

Enjoos

• Natrum chloratum D6: como medida de prevenção – 1 comprimido cada 2 horas.


Durante a viagem – 1 comprimido cada ½ hora durante a viagem. Em casos agudos – 1
comprimido cada 5 minutos.
• Natrum phosphoricum D6: dada a variedade das reacções individuais dos afectados, este
pode ser também um preparado de selecção. Como medida de prevenção – 1
comprimido cada 2 horas. Durante a viagem – 1 comprimido durante a viagem. Em
casos agudos – 1 comprimido cada 5 minutos.

Enurese

• Natrum sulphuricum D6 + Kalium phosphoricum D6: em casos de debilidade nervosa ou


paralisia da musculatura vesical – 1 comprimido 5 vezes ao dia.
• Calcium phosphoricum: em idosos (prostáticos) – 1 comprimido 3 vezes ao dia.
• Calcium fluoratum D6: em ambos os casos – 1 comprimido 3 vezes ao dia.

Epilepsia

• Kalium chloratum D6: como tratamento de apoio da epilepsia – 1 comprimido 5 vezes ao


dia.
• Magnesium phosphoricum D6: em quadros com tendência convulsiva muito acentuada.
• Ferrum phosphoricum D6: em casos de ataques iminentes – 1 comprimido cada 5
minutos.
• Calcium phosphoricum D6: como medida de apoio em casos de grande prostração – 1
comprimido 5 vezes ao dia.

Epistaxis

• Kalium phosphoricum D6: em crianças, idosos e pessoas debilitadas.


• Kalium chloratum D6: em hemorragias de sangue espesso, viscoso e cor escura.
• Natrum chloratum D6: em caso de falta de coagulação (hipocoagulação).

Eructos

• Natrum phosphoricum D6: em eructos ácidos, sobretudo depois da ingestão de


alimentos ricos em gorduras – 1 comprimido 4 vezes ao dia.
• Natrum sulphuricum D6: em eructos amargos.
• Magnesium phosphoricum D6: em eructos que não proporcionam alívio acompanhados
de dor abdominal – 1 comprimido 4 vezes ao dia.
• Calcium phosphoricum D6: em eructos ácidos e sensação de ardor no esófago.

Erupção vesicular

• Natrum chloratum D6: 1 comprimido 5 vezes ao dia.

Erupções cutâneas (veja-se “eczemas”)

Entorses, distorções (veja “traumatismos”)

http://materiamedicahomeopatica.blogspot.com.br/2010/03/repertorio-terapeutico-sais... 15/09/2012
MATÉRIA MÉDICA HOMEOPÁTICA: Repertório terapêutico - Sais de Schuessler Página 7 de 13

Espasmos

• Magnesium phosphoricum D6: em todas as manifestações espasmódicas – sob a língua


ou 1 comprimido dissolvido em água quente cada 5 minutos.
• Silicea D12: em espasmos nocturnos, depois de um susto ou em estados de grande
excitação, sobretudo em cãibras das panturrilhas e plantas dos pés – 1 comprimido 5
vezes ao dia.
• Calcium phosphoricum D6: principalmente na dentição, mas também em pessoas
anémicas debilitadas com sensação de frio e entumecimiento; também alternando com
Magnesium phosphoricum D6 – 1 comprimido 5 vezes ao dia.

Espasmos (tiques)

• Natrum phosphoricum D6: 1 comprimido cada hora.

Estados de esgotamento

• Kalium phosphoricum D6: 1 comprimido cada hora.


• Magnesium phosphoricum D6: em casos de inquietude interna, cansaço, depressões – 1
comprimido 6 vezes ao dia.

Estados de ansiedade

• Kalium phosphoricum D6: 1 comprimido 6 vezes ao dia.

Estados depressivos

• Kalium phosphoricum D6: em perda de memória, irresolução, abatimento, angústia,


choro. Esgotamento psíquico geral – 1 comprimido cada hora.

Estomatite ulcerosa (veja-se em “aftas”)

Escoriações em crianças pequenas

• Natrum chloratum D6 + Natrum phosphoricum D6: 1 comprimido cada 2 horas.

Faringite

• Ferrum phosphoricum D6: antes dos primeiros sintomas – 1 comprimido cada 5 minutos.
• Calcium phosporicum D6: 1 comprimido cada hora.
• Kalium phosphoricum D6: em caso de afectação intensa das amígdalas - 1 comprimido
cada 5 minutos.
• Kalium phosphoricum D6 + Calcium phosphoricum D6: 1 comprimido cada hora.

Febre (recomenda-se efectuar um estudo diagnóstico em profundidade)

• Ferrum phosphoricum D6: em febre incipiente – 1 comprimido cada ¼ de hora


adicionalmente.
• Kalium phosphoricum D6: 1 Comprimido 6 vezes ao dia.

Febre dos fenos

• Natrum chloratum D6 + Ferrum phosphoricum D6: 1 comprimido cada ¼ de hora.


• Para a prevenção (profilaxia) ambos preparados simultaneamente – 1 comprimido 3
vezes ao dia.
• Magnesium phosphoricum D6: como tratamento intermédio em crises de espirros e
estados asmáticos – 1 comprimido dissolvido em água quente cada ¼ de hora).

Feridas (veja-se em “queimaduras” e “traumatismos”)

Fissuras anais (gretas, rasgos)

• Calcium fluoratum D6 + Silicea D6: 1 comprimido 3 vezes ao dia.

Frieiras

• Kalium phosphoricum D6 + Natrum muriaticum D6: 1 comprimido cada ½ hora.


• Silicea D6: para a prevenção de uma supuração – 1 comprimido cada 2 horas.

Flatulência

http://materiamedicahomeopatica.blogspot.com.br/2010/03/repertorio-terapeutico-sais... 15/09/2012
MATÉRIA MÉDICA HOMEOPÁTICA: Repertório terapêutico - Sais de Schuessler Página 8 de 13

• Natrum sulphuricum D6 + Calcium fluoratum D6: 1 comprimido 5 vezes ao dia.


• Magnesium phosphoricum D6: em cólicas com flatulência – “siete caliente” 1 porção
cada 5 minutos.

Fungos, Muguet (veja-se em “aftas”)

Furúnculos

• Ferrum phosphoricum D6: 1 comprimido cada ¼ de hora.


• Silicea D6: acelera a supuração, o estalido do furúnculo e a regeneração tecidular – 1
comprimido cada ¼ de hora.
• Calcium phosphoricum D6: em processos de cura lentos, também depois da abertura do
foco de pus – 1 comprimido cada 3 vezes ao dia.
• Calcium fluoratum D6: quando o foco de inflamação não se abrange, em feridas com
bordos duros – 1 comprimido 3 vezes ao dia.
• Kalium phosphoricum D6: em pus fétido e em múltiplos furúnculos (antrax) – 1
comprimido cada ¼ de hora.

Gastrite

• Ferrum phosphporicum D6: no estado agudo com dor depois das refeições, sobretudo
quando se acompanha de febre – 1 comprimido cada ¼ de hora.
• Magnesium phosphoricum D6: em dores espasmódicas que obrigam a adoptar uma
postura de dobrar-se, em gastrites associadas a náuseas e a vómitos, também em
diarreias – 1 comprimido dissolvido em água quente cada 5 minutos.
• Natrum phosphoricum D6: em casos de hiperacidez, eructos ácidos, vómitos e pirose,
aversão às gorduras – 1 comprimido cada hora.
• Kalium suphuricum D6: em gastrites crónicas com dor e sensação de peso na região
hepática – 1 comprimido 5 vezes ao dia.
• Calcium phosphoricum D6: como agente imediato, sobretudo nos quadros associados à
dor depois de ingerir alimentos ou bebidas frias, inclusive em quantidades mínimas e em
acumulação de gases no estômago – 1 comprimido 4 vezes ao dia.

Gota

• Ferrum phosphoricum D6 + Kalium chloratum D6: durante o ataque de gota com febre –
1 comprimido cada ¼ de hora.
• Natrum phosphoricum D6: em ataques de gota sem febre – 1 comprimido cada ¼ de
hora.
• Silicea D6: 1 comprimido 3 vezes ao dia.
• Calcium phosphoricum D6: em casos crónicos, também em patologia bioclimática – 1
comprimido 3 vezes ao dia.
• Silicea D6 + Calcium fluoratum D6: em tofos gotosos – 1 comprimido 3 vezes ao dia.

Gripe (veja-se em “infecções gripais”)

Hematomas

• Ferrum phosphoricum D6: no estado inicial – 1 comprimido cada ½ hora e, se for


necessário, ao fim de uns dias.
• Kalium chloratum D6: 1 comprimido cada 2 horas.

Hemorróidas

• Calcium fluoratum D6 + Silicea D6: 1 comprimido 3 vezes ao dia.


• Ferrum phosphoricum D6: em nódulos hemorróidais inflamados – 1 comprimido cada ½
hora.
• Magnesium phosphoricum D6: em hemorróidas dolorosas não inflamadas, em espasmos
do esfíncter anal – 1 comprimido dissolvido em água quente cada ¼ de hora.
• Kalium phosphoricum D6: em hemorróidas com prurido e ardor intensos – 1 comprimido
5 vezes ao dia.

Hipertensão (veja-se em “pressão arterial”)

Hipotensão

• Magnesium phosphoricum D6: em forma de “siete caliente”

Hipotensão (veja-se em “pressão arterial”)

Ictus apoplético (recomenda-se efectuar um estudo diagnóstico em profundidade)

http://materiamedicahomeopatica.blogspot.com.br/2010/03/repertorio-terapeutico-sais... 15/09/2012
MATÉRIA MÉDICA HOMEOPÁTICA: Repertório terapêutico - Sais de Schuessler Página 9 de 13

• Ferrum phosphoricum D6; sempre que o paciente conserve a consiência – 1 comprimido


cada ¼ de hora.
• Silicea D12: depois do episódio, também em combinação com Ferrum phosphoricum D6,
recomendando-se manter o tratamento a longo prazo – 1 comprimido 3 vezes ao dia.
• Kalium phosphoricum D6: contra as paresias permananentes – 1 comprimido 5 vezes ao
dia.

Incontinência espontânea, ao tossir, espirrar, por pressão, etc

• Natrum chloratum D6: 1 comprimido cada hora.

Infecção gripal

Em geral, a infecção gripal caracteriza-se por um estado febril de curta duração que apresenta
grande similitude com uma gripe propriamente dita – enfermidade infecciosa febril aguda
(influenza) -. Os preparados recomendados no tratamento da infecção gripal devem ser
considerados unicamente como medidas terapêuticas de apoio no tratamento da gripe

genuína.

• Ferrum phosphoricum D6: o primeiro estado – 1 comprimido cada 10 minutos.


• Kalium phosphoricum D6: para o tratamento de manutenção – 1 comprimido cada ½
hora.
• Kalium chloratum D6: depois de ter superado o ponto culminante do processo infeccioso
– 1 comprimido cada 2 horas.

Inflamação da mucosa bucal (recomenda-se efectuar um estudo diagnóstico em


profundidade)

• Ferrum phosphoricum D6: 1 comprimido cada ¼ de hora; adicionalmente gargarejos


bucais cada ½ hora com uma solução de 3 comprimidos do preparado dissolvido em
água tépida.
• Kalium phosphoricum D6: em casos de halitose bucal – 2 comprimidos cada ¼ de hora e
gargarejos bucais cada ½ hora com uma solução de 3 comprimidos do preparado
dissolvidos em água tépida.

Insónia

• Kalium phosphoricum D6: na insónia de causa nervosa – 1 comprimido 6 vezes ao dia a


longo prazo.
• Magnesium phosphoricum D6: em pacientes de grande excitabilidade, palpitações –
“siete caliente” ou 1 comprimido dissolvido em água morna cada ¼ de hora.
• Silicea D6: quando uma corrente de pensamentos intensos impede de conciliar o sono –
1 comprimido 3 vezes ao dia.
• Ferrum phosphoricum D6: na congestão cranial, cefaleias, também no climatério – 1
comprimido cada hora.

Irritação do apêndice (recomenda-se efectuar um estudo diagnóstico profundidade)

• Ferrum phosphoricum D6 + Kalium chloratum D6: agente terapêutico principal em casos


de sensação de tensão interna, obstipação – 1 comprimido cada hora.

Laringite (veja-se em “rouquidão”)

Lesões do disco intervertebral

• Calcium fluoratum D6 + Silicea D6: em ambos os casos 1 comprimido 3 vezes ao dia a


longo prazo.

Lumbago

• Ferrum phosphoricum D6: como preparado de selecção perante os primeiros sintomas –


1 comprimido cada ¼ de hora.
• Magnesium phosphoricum D6: em lumbagos com dor intensa – “siete caliente” ou 1
comprimido dissolvido em água quente cada 5 minutos.
• Calcium phosphoricum D6: lumbagos em idosos – 1 comprimido cada ½ hora

Lombalgias na mulher

• Magnesium phosphoricum junto ao tratamento específico + Kalium phosphopricum D6 –


1 comprimido dissolvido em água quente cada ½ hora.

Manifestações parestésicas (recomenda-se efectuar um estudo diagnóstico em


profundidade):

• Kalium phosphoricum D6: a modo de prova – 1 comprimido 5 vezes ao dia.


• Magnesium phosphoricum D6: 1 comprimido dissolvido em água quente 5 vezes ao dia.

Mastites em mães lactantes

http://materiamedicahomeopatica.blogspot.com.br/2010/03/repertorio-terapeutico-sais... 15/09/2012
MATÉRIA MÉDICA HOMEOPÁTICA: Repertório terapêutico - Sais de Schues... Página 10 de 13

• Ferrum phosphoricum D6 (nos primeiros sintomas de inflamação e tumefacção para a


prevenção da supuração) + Natrum phosphoricum D6 1 comprimido cada ¼ de hora.
• Silicea D6: antes dos primeiros sinais de supuração – 1 comprimido 5 vezes ao dia.
• Kalium phosphoricum D6: em febre – 1 comprimido cada hora.
• Calcium fluoratum D6: para abrandar as bordas duras do foco de pus – 1 comprimido 5
vezes ao dia.

Migrana (veja-se em “cefaleia”)

Miogelose (veja-se em “miosclerose)

Miosclerose

• Calcium fluoratum D6: 1 comprimido 3 vezes ao dia.

Moléstias das regras (veja-se em “transtornos menstruais”)

Nervosismo, esgotamento nervoso (se for persistente, recomenda-se efectuar um estudo


diagnóstico sintomático)

• Kalium phosphoricum D6 para o tratamento sintomático + Calcium phosphoricum D6 1


comprimido 5 vezes ao dia.
• Magnesium phosphoricum D6: em neuralgias de natureza espasmódica – “siete caliente”
ou 1 comprimido dissolvido em água morna cada ¼ hora.
• Silicea D6: em estados de grande debilidade geral, hipersensibilidade e estados de
angústia- 1 comprimido 3 vezes ao dia.

Nevralgia facial

Magnesium phosphoricum D6

• Em forma de “siete caliente” cada 2 horas ou 1 comprimido dissolvido em água morna


cada ¼ hora.

Obesidade

• Antes do pequeno-almoço: Kalium phosphoricum D6, 3 comprimido.


• Antes do almoço: Natrum phosphoricum D6, 3 comprimidos.
• Antes do jantar: Natrum sulphuricum D6, 3 comprimidos.

Obstipação

• Alumina D7 – 5 gotas depois das refeições.


• Calcium fluoratum D6: em casos de lassidão intestinal e em hemorróidas – 1 comprimido
cada hora.
• Ferrum phosphoricum D6: em casos de função intestinal reduzida com sensação de calor
no recto, em lombalgias e em congestão na cabeça – 1 comprimido cada hora.
• Calcium phosphoricum D6: na debilidade generalizada de idosos – 1 comprimido cada
hora.
• Kalium sulphuricum D6: em sensação de plenitude intensa – 1 comprimido cada hora.
• Silicea D12: em puxões sem fezes – 1 comprimido cada hora.

Odontalgias

• Ferrum phosphoricum D6: quando não existem indicações odontológicas, p.e.,


odontalgias depois de uma constipação – 1 comprimido cada ¼ hora.

Olhos de galo

• Calcium fluoratum D6 + Silicea D6: 1 comprimido cada 2 horas.

Panarício (inflamação flegmonosa situada perto das unhas)

• Ferrum phosphoricum D6: no estado inicial da inflamação – 1 comprimido cada ¼ de


hora.
• Silicea D12: em caso de formação de pus – 1 comprimido 5 vezes ao dia.
• Calcium fluoratum D6: com fins curativos – 1 comprimido 3 vezes ao dia.

Perda de memória

• Kalium phosphoricum D6: 1 comprimido cada hora.


• Calcium fluoratum D6: em falhas de memória de etiologia arteriosclerótica – 1
comprimido 3 vezes ao dia. Cabe a possibilidade de combinar ou alternar ambos
preparados.

http://materiamedicahomeopatica.blogspot.com.br/2010/03/repertorio-terapeutico-sais... 15/09/2012
MATÉRIA MÉDICA HOMEOPÁTICA: Repertório terapêutico - Sais de Schues... Página 11 de 13

Pirose

• Natrum phosphoricum D6: 2 comprimidos em caso necessário.


• Magnesium phosphoricum D6: em sintomas de tipo espasmódico – 1 comprimido
dissolvido em água quente cada hora.

Pressão arterial

• Calcium fluoratum D6: no aumento da pressão arterial (hipertensão) de base


arteriosclerótica: 1 comprimido 6 vezes ao dia.
• Ferrum phosphoricum D6: na diminuição da pressão arterial – 2 comprimidos 6 vezes ao
dia.

Prurido

• Magnesium phosphoricum D6: sempre que este sintoma não se deva a outra
enfermidade definida (icterícia, diabetes mellitus, etc.) – 1 comprimida cada hora.
• Calcium phosphoricum D6: em casos de prurido senil – 1 comprimido 3 vezes ao dia.
• Calcium fluoratum D6: em pele seca, áspera – 1 comprimido 3 vezes ao dia.

Prurido anal

• Calcium fluoratum D6 + Ferrum phosphoricum D6: 1 comprimido cada 2 horas,


respectivamente.

Queimaduras (recomenda-se efectuar um estudo diagnóstico em profundidade)

• Ferrum phosphoricum D6: para uso interno em queimaduras em primeiro grau – 1


comprimido cada ¼ de hora.
• Natrum chloratum D6: em casos de formação de bolhas, em combinação com Ferrum
phosphoricum D6 – 1 comprimido cada ½ hora.
• Silicea D12: em feridas por queimaduras supuradas – 1 comprimido cada 2 horas.

Regeneração do sangue

• Calcium phosphoricum D6: 2 antes de cada refeição.


• Natrium chloratum D6: 2 antes de cada refeição.

Reumatismo

1. Reumatismo muscular:

• Ferrum phosphoricum D6 + Kalium chloratum D6. Em dores musculares ao movimentar-


se – 1 comprimido cada ½ hora.
• Magnesium phosphoricum D6: em dores musculares migratórias, terebrantes (diz-se da
dor que produz a sensação de uma broca a penetrar nos tecidos) – “Siete caliente” ou 1
comprimido dissolvido em água quente cada ¼ hora.
• Calcium phosphoricum D6: em dor muscular associado a sensação de entumecimento,
frio, um “formigueiro” que se acentua pela noite e em repouso – 1 comprimido 5 vezes
ao dia.

2. Reumatismo articular

• Ferrum phosphoricum D6: nas fases iniciais, sobretudo nos casos febris – 1 comprimido
cada ¼ de hora.
• Kalium sulphuricum D6: em dores migratórias que pioram pela noite – 1 comprimido
cada ½ hora.
• Magnesium phosphoricum D6: como tratamento intermédio quando a dor é
particularmente intenso – “Siete caliente” ou 1 comprimido dissolvido em água morna
cada 10 minutos.
• Calcium phosphoricum D6: em reumatismo articular crónico e como tratamento de
manutenção – 1 comprimido 5 vezes ao dia a longo prazo.

Rouquidão

• Kalium chloratum D6 em rouquidões associadas a laringites + Kalium sulphuricum D6 1


comprimido cada ½ hora.
• Ferrum phosphoricum D6: em esforços das cordas vocais (conferencistas, cantores, etc.)
e em dores de garganta – 1 comprimido cada hora.
• Kalium phosphoricum D6: em esgotamento nervoso e paralisia das cordas vocais – 1
comprimido cada hora.

Sensação de (bolo faríngeo)

• Magnesium phosphoricum D6: 1 comprimido dissolvido em água quente cada ¼ de hora.

Sensação de nós na garganta (veja-se em “sensação de bolo faríngeo”)

http://materiamedicahomeopatica.blogspot.com.br/2010/03/repertorio-terapeutico-sais... 15/09/2012
MATÉRIA MÉDICA HOMEOPÁTICA: Repertório terapêutico - Sais de Schues... Página 12 de 13

Septicemia (imprescindível efectuar um estudo diagnóstico em profundidade)

• Kalium phosphoricum D6: Como apoio ao resto de medidas que seja preciso adoptar 1
comprimido cada ¼ de hora.

Sufocos da menopausa

• Ferrum phosphoricum D6: 1 comprimido 5 vezes ao dia a longo prazo.

Surdez

• Silicea D6 + Calcium fluoratum D6: 1 comprimido 6 vezes ao dia.

Supurações

• Silicea D6: em supurações de todo o tipo como apoio a outras medidas em casos agudos
– 1 comprimido cada 5 minutos. Em casos crónicos – 1 comprimido 6 vezes ao dia.

Tosse

• Ferrum phosphoricum D6: no estado inicial – 1 comprimido cada ¼ de hora.


• Magnesium phosphoricum D6: na crise de tosse espasmódica nocturna sem
expectoração – 1 comprimido dissolvido em água quente cada 10 minutos.
• Kalium chloratum D6: em escarros filamentosos de difícil expectoração com sensação de
opressão na região cardio-pulmonar – 1 comprimido cada ½ hora.
• Natrum sulphuricum D6: em tosse com escarros verdosos e viscosos – 1 comprimido
cada ½ hora.

Tosse convulsa (recomenda-se efectuar um estudo diagnóstico em profundidade)

• Ferrum phosphoricum D6: Como medida de apoio do tratamento habitual nestes casos
ou perante o aparecimento dos primeiros sintomas, inclusive perante a simples suspeita.
1 comprimido cada ¼ de hora.
• Magnesium phosphoricum D6: “Siete caliente” ou 1 comprimido dissolvido em água
morna perante cada ¼ de hora.

Os seguintes preparados podem estar indicados de forma adicional em função da consistência


da expectoração:

• Kalium chloratum D6: em escarros espessos de cor branca. 1 comprimido cada hora.
• Calcium phosphoricum D6: em escarros de aspecto similar a clara de ovo, sobretudo em
crianças debilitadas – 1 comprimido cada hora.
• Kalium sulphuricum D6: em escarros viscosos amarelados – 1 comprimido cada hora.
• Kalium phosphoricum D6: em geral, em todos os casos de grande prostração e sintomas
nervosos - 1 comprimido cada hora.

Transtornos climatéricos

• Ferrum phosphoricum D6 + Magnesium phosphoricum D6: 1 comprimido 6 vezes ao dia


(Magnesium phosphoricum D6, diluído em água quente).

Transtornos menstruais

• Magnesium phosphoricum D6: em dores durante o período menstrual, em lombalgias –


“Siete caliente” ou 1 comprimido dissolvido em água morna cada 5 minutos.
• Magnesium phosphoricum D6: como medida preventiva, 6 dias antes das regras, 1
comprimido dissolvido em água quente cada hora.

Traumatismos (contusões, entorses, distensões, lesões contusas e incisas, hematomas)

• Ferrum phosphoricum D6: para uso interno: em todos os traumatismos recentes,


hematomas, etc - 1 comprimido cada ¼ de hora.
• Kalium chloratum D6: em tumefacções de partes moles 1 comprimido cada hora.
• Calcium phosphoricum D6: para estimular a formação de consolidação nas fracturas. 1
comprimido 3 vezes ao dia.
• Calcium fluoratum D6: 1 comprimido 3 vezes ao dia.

Treçolho

• Silicea D6 + Calcium fluoratum D6: 1 comprimido cada 2 horas;


• Natrum phosphoricum D6: em crianças escrofulosas – 1 comprimido cada 2 horas.

Úlceras das pernas

• Calcium fluoratum D6 + Natrum sulphuricum D6: 1 comprimido cada hora.


• Silicea D6: em úlceras supuradas das pernas, 1 comprimido 6 vezes ao dia.

http://materiamedicahomeopatica.blogspot.com.br/2010/03/repertorio-terapeutico-sais... 15/09/2012
MATÉRIA MÉDICA HOMEOPÁTICA: Repertório terapêutico - Sais de Schues... Página 13 de 13

Unhas frágeis e quebradiças

• Silicea D6: 1 comprimido 3 vezes ao dia durante 2-3 meses aproximadamente.

Urticária

• Kalium phosphoricum D6 + Natrum chloratum D6: uma primeira fase de tratamento 1


comprimido cada 10 minutos, posteriormente, 1 comprimido 3 vezes ao dia.
• Calcium fluoratum D6 + Silicea D6: 1 comprimido 3 vezes ao dia a longo prazo.
• Ferrum phosphoricum D6: em hemorragias varicosas e flebites. 1 comprimido cada 5
minutos.

Verrugas

• Kalium chloratum D6 + Natrum chloratum D6: 1 comprimido 3 vezes ao dia.

Vertigo (recomenda-se efectuar um estudo diagnóstico em profundidade)

• Ferrum phosphoricum D6: em vertigos com congestão cranial, 1 comprimido cada 2


horas.
• Calcium phosphoricum D6: em idosos com isquemia cerebral, 1 comprimido cada 2
horas.
• Kalium phosphoricum D6 em vertigos de causa nervosa e em estados de debilidade +
Magnesium phosphoricum D6 – 1 comprimido dissolvido em água quente 4 vezes ao dia.

Vómitos (Recomenda-se efectuar um estudo diagnóstico em profundidade).

• Ferrum phosphoricum D6: Em vómitos ácidos, também em mulheres gestantes, 1


comprimido cada ¼ de hora.
• Natrum sulphuricum D6: em vómitos biliosos – 1 comprimido cada ¼ de hora.
• Natrum chloratum D6: em vómitos mucoserosos – 1 comprimido cada ¼ de hora.
• Natrum phosphoricum D6: em vómitos de líquido ácido (também em crianças) em
enjoos, 1 comprimido cada ¼ de hora.
• Magnesium phosphoricum D6: em vómitos espasmódicos, também em enjoos, 1
comprimido cada ¼ de hora.
• Calcium phosphoricum D6: em vómitos depois da ingestão de bebidas frias e gelados
(crianças!); principalmente agente antiemético na gravidez, 1 comprimido cada ¼ de
hora.

Vómitos da gravidez

• Calcium phosphoricum D6: 1 comprimido 6 vezes ao dia.

"siete caliente" - modo de tomar com água quente

Mensagem mais recente Página inicial Mensagem antiga

Obrigado pela vossa visita

http://materiamedicahomeopatica.blogspot.com.br/2010/03/repertorio-terapeutico-sais... 15/09/2012