Você está na página 1de 4

Escola Municipal José Pereira de Araújo – Código 29384702

Rua Vista Alegre, S/N- Lagoa do Dionísio – Ibitiara - Bahia.


PORTARIA DE CRIAÇÃO: 134/87
Fone: (77) 3658 -1011

Diretora: Maria Zilma Araújo de Souza da Silva


Coordenadora: Raquel de Oliveira
Público Alvo: Alunos do 6º e 7º anos da Escola Municipal José Pereira de Araújo
Duração: 04 aulas
Gênero: Relato Pessoal
Sequência Didática
Objetivos:
 Motivar os alunos para o estudo do gênero relato pessoal;
 Aprimorar as competências de leitura e produção de textos levando em conta os mecanismos de
funcionamento da língua;
 Conhecer características discursivas e comunicativas desse gênero;
 Identificar as características estruturais e funcionais do gênero relato pessoal;
 Refletir sobre a linguagem.

Conteúdos:
 Leitura;
 Escrita;
 Características do Gênero Textual RESENHA;
 Comportamentos leitores.

Etapa 01 – (01aula)
 Compartilhar a proposta de trabalho com os alunos e explicar que faremos um estudo breve do
gênero Resenha Literária para produzir um texto do I Diagnóstico de Produção de 2018;
 Iniciar o estudo conversando com os alunos sobre as lembranças de fatos importantes que
aconteceram em suas vidas. Destacar que esses fatos, sempre que possível, devem ser
relatados a outras pessoas para que a troca de experiência sirva de aprendizado e
enriquecimento cultural.
 Convidar os alunos a realizar um roda de conversa onde serão estimulados a relatar sobre
algo marcante de sua infância.
 Após ouvir os relatos, entregar cópias de relatos diversos para os alunos.
 Convidar alguns alunos para ler em voz alta um relato e questionar se gostaram e por quê, qual
trecho gerou curiosidade, se admiraram alguma passagem que deixou o texto bonito ou divertido.
 Concluir a aula informando que:
O Relato Pessoal é uma modalidade textual que apresenta uma narração sobre
um fato ou acontecimento marcante da vida de uma pessoa. Nesse tipo de texto,
podemos sentir as emoções e sentimentos expressos pelo narrador.
Tal qual uma narração o relato pessoal apresenta um tempo e espaços bem
definidos donde o narrador torna-se o protagonista da história. Note que além de
narrativo, o relato pessoal pode ser descritivo, com a descrição do local, personagens
e objetos.
De acordo com o grau de intimidade entre os interlocutores (emissor e o
receptor), a linguagem utilizada no relato pessoal pode ser formal ou informal.
Os relatos pessoais podem ser divulgados pelos meios de comunicação, por
exemplo, jornal, revista, livro, internet, redes sociais, dentre outros.

Etapa 02 – (02 aulas)


 Informar aos alunos que na aula de hoje faremos a análise de um relato pessoal bem escrito para
identificar as principais características do gênero e se familiarizar com o mesmo;
RELATO PESSOAL

Meu primeiro dia de aula. Foi tudo muito novo e divertido. Aprendi a conviver com os
colegas de sala. A professora marcou muito minha vida, pois foi minha primeira professora,
chamada Tia Marilene. O dia estava chuvoso. Era uma chuva leve. No final do dia, minha
mãe foi me buscar e, enquanto ia para pegar o ônibus, contava as novidades do dia para ela.
Aprendi de tudo um pouco. A professora ensinou a fazer o cabeçalho, para colocar a
cidade onde moramos e a data. Em seguida, como se apresentar. A escola não era muito
grande, mas era muito aconchegante. As salas de aula ficavam na parte de cima. Como
estava na primeira série, era a primeira sala de aula.
O nosso convívio era legal. Todos os colegas gostavam de ajudar a carregar minha
mala. Eu era o primeiro da fila dos meninos, por ser um dos menores da sala. Sempre gostei
de estudar, sendo um dos primeiros alunos da sala.
As excursões da escola também eram muito divertidas. Naquele ano, fomos para um
sítio fazenda, vimos animais, passeamos de charrete e comemos uma deliciosa comida, com
frango e batatas.
Enfim, foram momentos marcantes que farão parte da minha vida para sempre, em
fotos, imagens e memórias.
Leia mais em Brainly.com.br - https://brainly.com.br/tarefa/1584904#readmore

 Distribuir cópias do texto acima para os alunos;


Observação: o texto pode já trazer as marcações para que os alunos percebam facilmente as partes que
compõem o mesmo.
 Ler o texto em voz alta e solicitar que os alunos acompanhem a leitura;
 Neste momento o professor poderá ainda pedir aos alunos para observarem a linguagem utilizada
pelo autor para escrever o texto, a pontuação, enfim a estrutura e estética geral do mesmo.
 Em seguida apresentar quadro de características do gênero: Relato Pessoal, sistematizar e expor
na parede para posteriores consultas.
Cola do professor:
Ainda que não exista uma estrutura fixa, para produzir um relato pessoal é essencial
estarmos atentos a alguns pontos, por exemplo: quem? (narrador que produz o relato), o que?
(fato a ser narrado), quando? (tempo), onde? (local que ocorreu), como? (de que maneira
aconteceu o fato) e porque? (qual o causador do fato):
 Título: ainda que não seja necessário em todos os relatos, há alguns indicados com um título
referente ao tema que será abordado.
 Tema: primeiramente é importante delimitar o tema (assunto) que será abordado no relato
pessoal, seja um evento que ocorreu, uma fase da vida, uma conquista, uma superação, ou
até mesmo uma história triste.
 VERDE: Introdução: pequeno trecho em que aparecem as principais ideias que se quer
relatar. Nessa parte é possível encontrar o local, tempo e personagens que fazem parte da
narrativa.
 AZUL: Contexto: observe em que contexto se passa o relato que será narrado. Fique atento
a utilização dos tempos verbais no presente e no passado e ainda ao espaço (local) que
ocorrem os fatos. Personagens: observe no seu relato quais são as pessoas envolvidas e de
qual maneira devemos mencioná-las no texto. Por exemplo se elas são relevantes e fazem
parte do acontecimento.
LILAS: Desfecho: após apresentar a sequência de fatos (ordem dos acontecimentos), é
extremamente importante pensar numa conclusão para seu relato, seja uma questão que
surgiu com a escrita, ou mesmo uma sugestão para as pessoas enfrentam tal problema.

Etapa 03 – (01aula)
 Iniciar a aula retomando a aula anterior e informando que hoje em duplas eles irão ler um outro
relato para identificar na mesma as partes que o compõe;
 Organizar a turma em duplas;
 Distribuir cópias do relato para os alunos;
 Pedir que pintem as partes do texto:
 Azul: Introdução: pequeno trecho em que aparecem as principais ideias que se quer
relatar. Nessa parte é possível encontrar o local, tempo e personagens que fazem
parte da narrativa.
 Amarelo: contexto onde se passa o relato que será narrado, utilização dos tempos
verbais no presente e no passado e ainda ao espaço (local) que ocorrem os fatos,
pessoas envolvidas.
 Vermelho: Desfecho: conclusão do relato, seja uma questão que surgiu com a escrita,
ou mesmo uma sugestão para as pessoas enfrentam tal problema.
 Circular pelas duplas intervindo e oferecendo ajudas quando necessário;
 Socializar e sistematizar atividade;

O MEU PRIMEIRO DIA DE AULA

Eu estava curiosa para ver logo o que era a escola. E quando chegou o grande dia, minha
mãe me acordou bem cedo, levantei, tomei café da manhã e fomos para a tão esperada “escola”.
O caminho parecia muito longo, ao chegarmos à escola, fiquei encantada, era mesmo um
sonho. A sirene tocou e o inspetor foi orientando os alunos enquanto os professores faziam a
chamada.
A minha professora chamava-se Edna. Era linda, nunca tinha visto uma professora tão
bela e delicada. Ela falou um pouco de si e depois cada um dos alunos se apresentou. A primeira
aula foi de higiene pessoal, eu amei, não via a hora de chegar em casa e fazer tudo o que a
professora tinha ensinado. Quando cheguei falei tanto que até perdi a fome, coitada da minha
mãe, tinha preparado o almoço com tanto carinho, e eu só pensava em colocar em prática tudo
que havia aprendido naquela aula maravilhosa.
Almocei e fui correndo escovar os dentes para então brincar com os meus irmãos em frente
a nossa pequena casa na cidade de Fernandópolis.
Diante da lembrança desse momento tão mágico, eu não esqueço até hoje minha primeira
aula na Escola Estadual Professor Antonio Tanuri e principalmente da professora Edna Simões
Moita Garcia.

Sandra Lara
Turma de Letras - 3ºA

Etapa 05 – (Produção)
 Organizar a sala para a atividade;
 Relembrar a turma a proposta da atividade;
 Entregar folha específica para passar o texto a limpo.
Observação: Orientar quanto a importância da revisão dos aspectos discursivos e notacionais.
 Recolher para mapeamento de aprendizagens que os alunos garantem e que ainda precisam de
investimento.
Os resultados serão utilizados para nortear o planejamento das próximas aulas.