Você está na página 1de 6

Digite aqui o título do seu artigo (Fonte Arial, tam 15 em negrito)

Nome completo do (a) aluno (a) - e-mail do autor (fonte 12, negrito)
Nome completo do curso.
Instituto de Especialização do Amazonas - ESP
Cidade, UF, data completa (dia, mês e ano) ex.: Manaus, AM, 15/05/2018.

Resumo (Arial 12)


Espaçamento: Simples.
Neste espaço, e sem mudar nenhuma formatação já existente, discorra em
aproximadamente 15 linhas acerca do seu trabalho. Resuma tudo indicando:
tema, delimitação do tema, justificativa (importância) do tema, problema central
(que questão serviu de base para a pesquisa), método usado (tipo de pesquisa
empreendida), objetivos geral e específicos (o que se quis alcançar com a
pesquisa e quais benefícios resultarão dela) e o resultado alcançado. Não
deverá ser feito resumo em outra língua (abstract). O resumo deve ser todo
redigido em um único parágrafo. O seu artigo não deverá conter homenagens
nem dedicatórias. O que está exposto neste roteiro prático é o suficiente.
Espaçamento: Simples.
Palavras-chave: apresente de 3 a 5 palavras, separadas por ponto, com a
primeira letra de cada uma em maiúsculo. (Ex.: Palavras-chave: Formatação.
Modelo padrão. Autores. Normas.)
1. Introdução (Arial 12)
Espaçamento: Simples
Ainda mantendo a mesma formatação, a partir daqui seu TCC deverá apresentar
exposição por meio de tópicos: introdução, desenvolvimento e conclusão. Tente
escrever a introdução em uma ou duas laudas. Veja que os parágrafos não
terão recuo nos seus inícios. Só mude de parágrafo quando for mudar de
ideia a ser exposta, independente do tamanho que o parágrafo assumirá.
Na introdução, comece comentando em que área de conhecimento o seu estudo
se insere. Fale um pouco sobre a base inicial que o levou a pesquisar o tema e,
por isso, o motivo da escolha. Apresente em qual contexto (época, lugar) o tema
está inserido. Explique por qual razão decidiu focar em determinado aspecto do
tema. Descreva o que você identificou como uma questão a ser investigada por
meio de uma pesquisa, portanto, trata-se de apresentar o problema de sua
pesquisa (você pode concluir essa frase com uma pergunta, pois uma
interrogação representa o problema que deu origem à pesquisa). Informe por
que considera relevante buscar uma resposta que elucide o problema, como
forma de oferecer uma justificativa para que o problema identificado por você
mereça a realização de uma pesquisa. Consequentemente, apresente o objetivo
da pesquisa (use sempre um verbo no infinitivo para apresentar o objetivo geral
e os objetivos específicos que se espera alcançar com o desenvolvimento da
pesquisa. Exemplos de verbos: identificar, descrever, explicar, elucidar,
classificar, quantificar etc.). Caso você tenha uma hipótese, apresente-a na
introdução (uma hipótese não é elaborada para ser defendida com unhas e
2

dentes pelo pesquisador). O pesquisador deve se comprometer a testar a(s)


hipótese(s) que será(ão) confrontada(s) com os dados colhidos pela pesquisa. O
pesquisador tem o compromisso de apresentar os resultados. Exemplo: a
hipótese X foi confirmada pelos dados Y; a hipótese X não foi confirmada em
virtude dos resultados Y e Z. A elaboração de hipótese(s) é facultativa. Mas o
teste da(s) hipótese(s) e apresentação dos resultados não fará parte da
introdução. Na introdução você apenas apresenta a(s) hipótese(s). Testes e
resultados serão apresentados no capítulo de desenvolvimento do texto.
Ainda neste parágrafo da introdução faça citações de trabalhos realizados por
outros autores (conceitos, dados estatísticos gerados por outros pesquisadores,
teorias) de modo que tais citações demonstrem-se relacionadas ao tema de sua
pesquisa ou ao problema da pesquisa. Você pode comparar as citações de dois
ou mais autores, comente se há pontos de convergência conceitual entre autor A
e B, ou se há divergências entre os mesmos; ou compare uma citação de
determinado autor com os resultados estatísticos de determinada pesquisa
representada por um órgão institucional ou realizada por outro pesquisador
específico. Comente o que você interpreta dessa comparação e faça uma
conexão com o seu tema, ou o problema de sua pesquisa. Para você dar início a
este parágrafo onde citações serão feitas, sugere-se começá-lo por meio de uma
apresentação, um breve histórico de conceitos que estejam diretamente
relacionados ao tema ou ao problema de pesquisa. Vamos imaginar que você vá
buscar em vários autores o conceito de gestão que cada um elaborou. Cada
frase pode começar por um autor. Exemplo: Na visão de Autor A (2011:5) gestão
significa “aqui entre aspas está o conceito feito por este autor”. Entretanto, Autor
B (2008:39) entende que “aqui entre aspas está o conceito feito por este autor”.
Autor C (1993:49) considera que “aqui entre aspas está o conceito feito por este
autor”. Agora você fará um breve comentário acerca das citações. Por exemplo:
Ao se comparar as três citações é possível perceber uma defasagem conceitual.
As ideias de Autor A (2011) e Autor B (2008) convergem entre si, e divergem da
ideia defendida por Autor C (1993). Talvez a diferença entre as décadas em que
cada conceito foi produzido esteja na origem de tal defasagem conceitual. Ao
citar o autor, anote apenas seu último sobrenome: Cardoso (ano:página). Caso
essa menção ao autor venha ao fim da citação e entre parênteses, use só letras
em caixa alta (CARDOSO, ano:página), segundo este modelo.
Espaçamento: Simples
Se a citação couber em até 3 linhas, ela fica dentro do parágrafo, como nos
exemplos acima e entre aspas. Se a citação ultrapassar as 3 linhas ela deve ser
deslocada do parágrafo, com margem esquerda de 4 cm, espaçamento simples,
fonte reduzida para o tamanho 10, e ficar sem as aspas. Veja o exemplo a
seguir:
A partir do parágrafo anterior, apresente ao longo da introdução até
encerrá-la, entre 4 e 8 autores que tenham formulado um conceito a
respeito do tema, ou do problema de pesquisa. Possivelmente você vai
perceber que autores diferentes possuem conceitos diferentes sobre o
objeto que você pesquisa. Assim, na introdução você passa a realizar
uma espécie de auditoria dos autores para citar o conceito que cada
um elaborou sobre um mesmo objeto, ou sobre uma mesma situação.
Comente como você interpreta dois ou mais conceitos a partir da
comparação feita por você entre os mesmos (SOBRENOME, 2011:15).
O exemplo acima é um exemplo do formato de citação direta quando o texto
ultrapassa 3 linhas. Perceba que o sobrenome do autor citado fica com todas as
letras em maiúsculo e dentro de um parêntese, seguido do ano de publicação do
3

texto de onde foi extraída a citação e, não se esqueça, insira o número da


página de onde você extraiu a citação. De preferência, use o que você julgar que
seja o seu principal autor como referencial teórico, mencionando isto na
introdução.
A introdução não deverá ter subtópicos.
O artigo como um todo deverá conter de 12 a 16 páginas. Tente não extrapolar
estes limites. Caso seja extremamente necessário, uma ou duas páginas a mais
serão aceitas. Menos que 12 páginas fará o artigo ser recusado. Escreva e
revise bem o seu artigo antes de enviá-lo para as correções.
Espaçamento: Simples
2. Desenvolvimento (Arial 12) (Escolha um título adequado a esta parte. Não
use a palavra “Desenvolvimento”, pois ela só expressa o motivo deste
tópico)
Espaçamento: Simples
As páginas deverão ser numeradas no canto superior direito, a partir do fim do
resumo. Assim, se o resumos e as palavras-chave consumirem a primeira
página, a segunda terá o número 2 no seu alto à direita. Aqui também não
deverá haver modificação na formatação já existente. Basta clicar em cima e
digitar. Para que o conteúdo já exposto desapareça, basta digitar pressionando
antes a tecla insert.
No desenvolvimento é optativo ter subtópicos (2.1, 2.2, 2.3 e assim por diante).
Estes subtópicos não deverão ser negritados.
Nesta parte você deverá falar sobre: tema escolhido, delimitação do tema,
relevância (justificativa) do tema, pergunta que originou o interesse por seu tema
escolhido (problema de pesquisa), o que se espera alcançar de forma geral e de
forma específica com o seu trabalho (objetivos: geral e específicos). Estes
objetivos devem ser em número de um para o geral e até 4 para os específicos.
Lembre-se de que cada problema proposto (cada pergunta) deverá ser
respondida no seu TCC. Assim, tente escolher poucas perguntas para evitar
trabalho muito extenso (uma ou duas são suficientes). Além disso, aborde
também o(s) método(s) empregado(s) na confecção de seu artigo (Pesquisa
literária? Exploratória? Quantitativa? Qualitativa? Mista?). Feito isto, passe a
escrever sobre os dados que fundamentaram sua pesquisa (dados científicos,
com autores de renome na área pesquisada), evitando usar autores não
consagrados e textos não científicos. Caso use algo não científico, justifique
porque o usou.
Nunca se esqueça de citar a fonte de suas pesquisas. Não citar configura
crime de plágio e seu coordenador rejeitará seu TCC. Faça você mesmo seu
artigo, pensando que ele será o fruto de seus esforços durante o tempo do
curso. Este artigo, quando bem elaborado e contribuindo efetivamente para a
melhoria científica da área envolvida, servirá para que você passe a ser
percebido no meio acadêmico e profissional, podendo gerar-lhe muitos
benefícios profissionais em sua vida.
Esta parte denominada de “Desenvolvimento” deverá servir para que você
exponha as ideias já existentes e que os diversos pesquisadores anteriores a
você sejam relembrados. Deixe comentários e críticas para a parte que vem a
seguir (Discussão). Quanto mais conciso, objetivo e limpo for o seu texto, melhor
será a qualidade do seu TCC. Evite palavras chulas (use somente se
indispensável), expressões populares, senso comum e repetição de vocábulos.
Atente-se para a correção gramatical do seu texto. Revise-o exaustivamente
4

para que erros não o comprometam. Escreva-o sempre de forma impessoal


(Julga-se que...; Espera-se com este TCC contribuir para...) em vez de fazê-
lo de forma pessoal (Apresento aqui...; Considero que...). Não seja repetitivo
nas ideias. Vá direto ao ponto desejado, mas sempre de forma embasada e com
uma linguagem agradável ao leitor.
Espaçamento: Simples
3. Discussão (Arial 12) (Escolha um título adequado a esta parte. Portanto,
não deixe a palavra “Discussão”, pois ela só expressa o motivo deste
tópico.)
Espaçamento: Simples
Aqui você deverá entrelaçar científica e didaticamente todos os dados expostos
no “Desenvolvimento” anteriormente feito. Seus comentários e críticas deverão
aparecer e isto demonstrará que você é de fato um pesquisador. Tente, portanto,
ser honesto em suas visões. Defenda cientificamente e não por paixão despida
de lógica ou razão. Fundamente bem suas ideias.
Compare os autores entre si naquilo que diz respeito aos seus achados.
Demonstre o valor destes achados científicos em relação ao que deseja
defender em seu TCC. Se precisar, divida este tópico em subtópicos (3.1; 3.2;
3.3 e daí por diante. Estes subtópicos não deverão ser negritados.). Não conclua
ainda, apenas demonstre seus achados e o que eles querem dizer no contexto
geral de sua pesquisa. Tanto aqui quanto na parte do “Desenvolvimento”, caso
precise, use tabelas e/ou gráficos, mas sempre citando a fonte. Tais figuras
deverão ter título + fonte e devem ser inseridas de forma centralizada. Veja o
exemplo abaixo.
Espaçamento: Simples
Como podemos demonstrar pelo gráfico abaixo, temos que a qualificação da
equipe sofreu um decréscimo no ano de 2011. Vejamos:

Gráfico 1 – Qualificação da equipe


Fonte: Dados produzidos pelo o autor (2011)
Perceba que antes de inserir o gráfico o autor deve mencionar um texto
introdutório que demonstre para o leitor o que a imagem significa. Caso isto não
seja feito, a mesma parecerá solta e fora de contexto. Lembre-se: gráfico é
diferente de figura. Figura pode ser, por exemplo, uma foto.
Antes de cada subtópico – caso decida por usá-los – também escreva uma
breve introdução para que o tópico e o subtópico não fiquem em sequência
imediata e fora de contexto.Caso opte por citações diretas, valha-se de
expressões como: Segundo Autor A (ano:página),... De acordo com Autor B
(ano:página),... etc. Se a opção for por citações indiretas, faça-o demonstrando
que aquela é uma leitura sua, interpretativa e não literal. Por exemplo: Segundo
5

se pode compreender da leitura de Autor C (ano:página)... Autor D (ano:página)


nos dá a entender, por meio de sua leitura, que...
Espaçamento: Simples
4. Considerações Finais (Arial 12)
Espaçamento: Simples
Aqui você escreverá as suas considerações acerca da pesquisa realizada para a
redação do seu TCC. Não deverão ser utilizadas citações de outros autores.
Outros autores podem ser comentados, mas não ter trechos seus citados, pois
isto já foi feito nos dois tópicos anteriores. Aqui aparecerá sua capacidade de
trabalho. Sua marca e seu nível de compreensão ficarão explicitados nesta parte
do seu trabalho. Não se esqueça, aqui você deverá validar a sua pesquisa. Não
deixe de responder, nesta conclusão, a todas as perguntas por você elaboradas
lá no início do artigo (problemas de pesquisa precisam de respostas). Também
esta parte deverá ser enxuta, sem rodeios, sem excessos. Porém, sem faltas.
Espaçamento: Simples
Referências (Não use Referências Bibliográficas nem numere este tópico.)
Espaçamento: Simples
Todas as citações feitas no texto devem constar ao final, nesta seção de
Referências. As Referências devem aparecer pelo último sobrenome do autor
em ordem alfabética, com todas as letras em maiúsculo, seguido do nome com
apenas a primeira letra em maiúsculo. As referências não devem ser
numeradas. O espaçamento é simples, com um espaço entre cada referência
listada. O título das obras citadas em seu texto como Referência deve estar
destacado em negrito.
Espaçamento: Simples
ABNT, ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE NORMAS TÉCNICAS. NBR 6023:
informação e documentação: referências: elaboração. Rio de Janeiro, 2002.
ABNT, ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE NORMAS TÉCNICAS. NBR 6028:
resumo: elaboração. Rio de Janeiro, 2002.
ABNT, ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE NORMAS TÉCNICAS. NBR 10520:
citações: elaboração. Rio de Janeiro, 2002.
ABNT, ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE NORMAS TÉCNICAS. NBR 14724:
formatação de trabalhos acadêmicos. Rio de Janeiro, 2002.
DEMO, Pedro. Metodologia Científica em Ciências Sociais.São Paulo: Cortez,
1991.
LAKATOS, Eva Maria. Metodologia Científica.São Paulo: Atlas, 1997.
MORAES, Irani Novah. Elaboração da Pesquisa Científica.Rio de Janeiro:
Ateneu, 1996.
SALOMON, Décio Vieira. Como fazer uma monografia.São Paulo: Martins
Fonte, 1995.
SEVERINO, Antônio Joaquim. Metodologia do Trabalho Científico.São Paulo:
Cortez,1996.

Atenção: Não use a palavra Editora, pois após o nome da cidade já fica claro
que o nome que surge é o da Editora. Ou seja, ao invés de Editora Ateneu,
basta escrever Ateneu.
6

Anexo(s)
Os anexos devem vir ao final do trabalho. Vale salientar que os anexos ao serem
inseridos não são contados como páginas, portanto, não as enumere. Por outro
lado, para a redação de artigos não se recomenda a inserção de anexos. Use-os
somente se indispensáveis.