Você está na página 1de 3

Segue um pequeno presente.

IMPOSTOS

ICMS

PRODUTOS
a) Aliquota de ICMS, campo B1_PICM (Aliquotas validas: 0, 7, 12, 17, 18, 25)
b) ICMS Solidário: Solidario na saída (B1_PICMRET), Solidário na Entrada (B1_PICMENT)
TES
a) Credita ICMS? campo 4_CREDICM
b) Calcula ICMS? campo F4_ICM
c) % de redução de ICMS, campo F4_BASEICM
d) Livros Fiscais, F4_LFICM
e) Para diferença de ICMS na compra, campo F4_COMPL
f) Agrega valor, campo F4_AGREG (Incorpora ICMS no total da NF)
g) Agrega solidário, campo F4_INCSOL, (Agrega ICMS solidária no total da NF)
h) ICMS diferido, campo F4_ICMSDIF
PARAMETROS
c) Parâmetros: MV_ESTADO (SP), MV_ESTICM (SP18AC18), MV_ICMPAD (18), MV_ALIQICM
(0,7,12,18,25,37,17)

d) ICMS na Pauta, campo B1_VLR_ICM

PS. Para a geração de alíquota interestadual o sistema ira considerar principalmente os parâmetros informados
acima, alem dos campos de estado e inscrição estadual no cadastro de clientes.

ICMS PARA NÃO CONTRIBUINTE

a) Quando se refere a operações de outros estados, onde o destinatário não é contribuinte de ICMS, a
alíquota deste imposto a ser aplicado é a interna do estado emitente, é definida no parâmetro MV_ICMPAD.
No cadastro de clientes, o cliente deve ser do tipo F (Consumidor Final) e o campo de inscrição estadual deve
estar sem nenhum conteúdo ou apenas preenchido com ISENTA.

ICMS Para Zona Franca de Manaus (Suframa)

a) TES: F4_ICM = S
b) TES: F4_LFICM = "I"
c) CLIENTES: A1_SUFRAMA (Código do cliente na Suframa)
d) CLIENTES: A1_CALCSUF (Se considera desconto para suframa)
e) CLIENTES: A1_CODMUN (Código do município)
f) CLIENTES: A1_TIPO (Deve ser do tipo "R" OU "S")
g) CLIENTES: A1_INSCR (Inscrição Estadual deve ser preenchido)
h) PRODUTOS: B1_PICMENT (Solidário na entrada)
i) PRODUTOS: B1_PICMRET (Solidário na saída)
j) PRODUTOS: B1_IMPZFRC
k) PRODUTOS: B1_PICM (Deve estar zerado)

SUBSTITUICAO TRIBUTARIA

1) COLOCAR MARGEM DE LUCRO NO PRODUTO

2) SOLIDARIO NA SAIDA E TIPO DO CLIENTE = S

PS. O sistema utiliza a seguinte formula para chegar no valor de ST:


1000 + IPI * ML = A (base ICMS retido)
A * Aliq Interna = X
1000 * Aliq destino = Y
X - Y = Valor do ICM Retido

FUNRURAL

1) Cad. da Empresa o campo Prod. Rural


2) Tes com gera Dupl. = Sim
3) Cad. Produto com B1_CONTSOC=S
4) Verificar parametro MV_CONTSOC
5) Flag no cad. Fornecedor relacionado a Funrural.

Após aplicar este procedimento, o sistema ira gerar um titulo de Funrural no financeiro
Existem 2 formas de estar considerando o calculo de FUNRUAL:

FUNRURAL RETIDO: nao deve entrar no custo de aquisicao, desconta-se o valor do fornecedor e gera o titulo a
recolher para o governo.
FUNRURAL ASSUMIDO: Entra no custo da mercadoria, nao se desconta do fornecedor e gera titulo a recolher
para o governo.

Complemento de Substituição:
O procedimento é muito parecido com o do Compras, só que deve-se criar um campo C6_ICMSRET e informar
na validação a expressão(x3_valid): MaFisGet("IT_VALSOL").

Segue o procedimento:

1) Implantar um pedido de venda ou nota fiscal de entrada de complemento de ICMS


2) Informar no rodapé do documento de entrada que o imposto é substituição tributária. No pedido de venda,
deve ser preenchido o campo criado para este fim
3) Confirmar o documento de entrada ou gerar o documento de saída.

IPI (Imposto sobre produto industrializado)

TES
e) Credita IPI?, campo F4_CREDIPI
f) Calcula IPI?, campo F4_IPI
g) % Redução de IPI, campo F4_BASEIPI
h) Livro fiscal de IPI, F4_LFIPI
i) Destaca IPI na NF? F4_DESTACA
j) Incide IPI na base de ICMS? F4_INCIDE
k) Incide IPI no frete? F4_IPIFRET
l) Despesa acessória deve compor a base de IPI? F4_DESPIPI
PRODUTOS
m) Alíquota de IPI, campo F4_IPI

IRRF (Imposto de Renda Retido na Fonte)

NATUREZA
n) Calcula IRRF?, campo ED_CALCIRRF
o) Percentual de calculo de IRF, campo ED_PERCIRRF
p) Amarrar Natureza ao cadastro de Fornecedor/Cliente
PRODUTOS
Calcula IRRF?, campo B1_IRRF
Redução de IRRF?, campo B1_REDIRRF

MV_ALIQIRRF - Caso não seja informada a natureza


MV_VLRETIR - Valor mínimo para dispensa de retenção de IRRF

Se o fornecedor for Pessoa Física, o sistema ira pegar da tabela de IRRF (CFX011) do configurador.
PIS/COFINS

NATUREZA
a) Calcula Pis? campo ED_CALCPIS
b) Percentual de PIS, campo ED_PERCPIS
c) Calcula Cofins? Campo ED_CALCCOF
d) Percentual de Cofins, campo ED_PERCCOF
TES
e) Calcula Pis e Cofins? campo F4_PISCOF
f) Credito de Pis/Cofins, campo F4_PISCRED (Credita/Debita)
PRODUTOS
g) Percentual de Pis , Campo B1_PCOFINS
h) Percentual de Cofins, campo B1_PPIS

MV_TXPIS - Taxa de Pis


MV_TXCOFIN - Taxa de Cofins

INSS

NATUREZA
q) Calcula INSS? ED_CALCINSS - com percentual (11%)
r) Percentual de INSS, campo ED_PERCINS
FORNECEDORES/CLIENTES
a) Natureza do cadastro de fornecedores (módulo Compras/Estoque)
a) Natureza do cadastro de cliente (para módulo Faturamento)
b) Pergunta se calcula INSS, campo A1_RECINSS

MV_VLRETIN - Valor mínimo para dispensa de retenção de INSS

ISS (Imposto sobre serviço)

CLIENTE
a) Cliente não pode ser Consumidor Final.
b) No campo ISS no preço A1_INCISS, se o ISS estiver imbutido no preço
informar "S", se deseja incluir o ISS no total da NF informar "N"
NATUREZA
a) O campo calcula ISS ED_CALDISS tem que estar igual a "S"
PRODUTOS
a) No campo % de ISS, se o conteudo for igual a 0, sera valido o conteudo do parametro MV_ALIQISS.
b) Informar o campo B1_CODISS
c) Utilizar unidade de medida equivalente ao serviço, ex. "HR - Horas"
TES
d) Calcula ICMS = S, b) Livro fiscal de ICMS = S, c) Calcula ISS = S, Livro Fiscal de ISS = T
e) MV_DESCISS...deve estar como .T.

Você também pode gostar