Você está na página 1de 9
ESTATÍSTICA E probabilidade Profª Claudinéia da S. de Oliveira E-mail: claudineia.bn@gmail.com Fone: 99689-7829
ESTATÍSTICA E
probabilidade
Profª Claudinéia da S. de Oliveira
E-mail: claudineia.bn@gmail.com
Fone: 99689-7829
Introdução a Estatística A Estatística é um ramo da Matemática Aplicada que se preocupa-se em
Introdução a Estatística
A Estatística é um ramo da Matemática
Aplicada que se preocupa-se em listar os
fatos, sistematizar os métodos de arranjos e
descrição e, finalmente, possibilitar à ciência
fazer inferências a partir de observações.
de arranjos e descrição e, finalmente, possibilitar à ciência fazer inferências a partir de observações. 1
de arranjos e descrição e, finalmente, possibilitar à ciência fazer inferências a partir de observações. 1
Fatos importantes (mundo) ◦ No ano 620 surgiu o primeiro documentos de estatística. ◦ Apenas
Fatos importantes (mundo)
◦ No ano 620 surgiu o primeiro documentos
de estatística.
◦ Apenas em 1708 houve a criação do
primeiro curso de estatística na Alemanha.
◦ Em 1872 houve o primeiro censo geral da
população brasileira.
◦ Em 1936 foi criado o IBGE (Instituto
Brasileiro de Geografia e Estatística).
◦ Apenas em 1997 houve a inclusão da
estatítica no ensino fundamental / médio.
- um administrador não pode deixar de lançar mão de conhecer o seu mercado de
- um administrador não pode deixar de lançar mão
de conhecer o seu mercado de atuação, ou
ainda sobre o comportamento do seu cliente;
- um contador não pode deixar de saber qual a
média de faltas ao serviço dos empregados de
determinada empresa
 A Estatística torna-se indispensável como uma
ferramenta capaz de auxiliar estes profissionais na
busca de soluções para seus problemas de
pesquisa.

Seja qual for a área ou o objeto de estudo do pesquisador, este poderá vir a utilizar conceitos de Estatística.

É

indispensável

para

qualquer

profissional

o

domínio

das

informações

pertinentes

ao

seu

trabalho:

-

um engenheiro precisa acompanhar com grande precisão o controle de qualidade de sua produção estando atento para ocorrência de falhas, identificando suas causas

O que é Estatística? Estatística pode ser pensada como a ciência de aprendizagem a partir
O que é Estatística?
Estatística pode ser pensada como a ciência
de aprendizagem a partir de dados.
Informações que vem
de observações,
contagens, medições
ou respostas
Em linhas gerais, a Estatística
fornece métodos que auxiliam o
processo de tomada de decisão.
O QUE É ESTATÍSTICA? “ Estatística é a ciência que coleta, organiza, analisa e interpreta
O QUE É ESTATÍSTICA?
“ Estatística é a ciência que coleta,
organiza, analisa e interpreta dados para
a tomada de decisões” (Larson e Farber,
2010, p.3).
Pra que serve o conhecimento da estatística? Por que em todas as áreas de atividades
Pra que serve o conhecimento da
estatística?
Por que em todas as áreas de atividades surgem
dúvidas, tais como:
•Qual a evolução do salário
mínimo real?
Porque usar a estatística?  Por que a natureza apresenta VARIABILIDADE:  Variações de indivíduo
Porque usar a estatística?
 Por que a natureza apresenta VARIABILIDADE:
 Variações de indivíduo para indivíduo;
 Variações no mesmo indivíduo;
 “A Estatística estuda como controlar, minimizar e
observar a variabilidade INEVITÁVEL de todas as
medidas e observações”.
Como varia a renda dos indivíduos de certa população?
Como varia a renda dos
indivíduos de certa
população?
•O consumo de energia per capita está aumentando?
•O consumo de energia
per capita está
aumentando?
 Grande parte das informações divulgadas pelos meios de comunicação atuais provém de pesquisas e
 Grande parte das informações divulgadas pelos meios
de comunicação atuais provém de pesquisas e estudos
estatísticos.
 Os índices da inflação, de emprego e desemprego,
divulgados e analisados pela mídia são um exemplo
de aplicação da Estatística.
 O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística – IBGE é o
órgão responsável pela produção das estatística
oficiais que subsidiam estudos e planejamentos
governamentais no Brasil.
Precisa de tudo isso na Contabilidade, na Administração, na Engenharia ? Se você quer informação
Precisa de tudo isso na
Contabilidade, na Administração,
na Engenharia
?
Se você quer informação
confiável e que antecipe o
futuro, SIM, precisa!!
É muito fácil mentir usando a ESTATÍSTICA, o difícil é falar a verdade sem ela.
É muito fácil mentir usando a
ESTATÍSTICA, o difícil é falar a verdade sem ela.
Medir é importante: o que não é medido não é
gerenciado (Kaplan e Norton)
Se não podemos medir, não podemos controlar. Se
não podemos controlar, não podemos gerenciar. Se
não podemos gerenciar não podemos melhorar
(Campos)
Conceitos Básicos
Conceitos Básicos
Amostra  Nos trabalhos de pesquisa em que a população de interesse for muito grande,
Amostra
 Nos trabalhos de pesquisa em que a
população de interesse for muito grande,
é praticamente impossível (e quase
sempre desnecessário) termos acesso a
todos os seus elementos da população.
 Nesses casos, ao invés de trabalhar com
toda a população, podemos pesquisar
apenas uma parte dela, a qual damos o
nome de “amostra”.
POPULAÇÃO “População é o conjunto de todos os resultados de interesse”. “ População”, ou universo,
POPULAÇÃO
“População é o conjunto de todos os resultados de interesse”.
População”, ou universo, é o conjunto formado por todas
as observações realizadas sobre um determinado
fenômeno. Em outras palavras, a população é formada por
todos os elementos ou dados de interesse de uma
pesquisa.
População: conjunto de indivíduos com pelo menos uma
característica em comum.
X 1
X 2 X 3
Amostra População
Amostra
População
Censo  Quando uma pesquisa é realizada com todos os elementos da população, dizemos que
Censo
 Quando uma pesquisa é realizada com
todos os elementos da população,
dizemos que foi realizado um
levantamento censitário ou um censo.
VARIÁVEL É uma característica observada em cada elemento pesquisado. Cada medida de altura é um
VARIÁVEL
É
uma
característica
observada
em
cada
elemento
pesquisado.
Cada medida de altura é um dado, e o conjunto das
medidas das alturas (dados) compõe a variável.
Conjunto de dados
Variável
Dado  É qualquer característica que possa ser observada ou medida de alguma maneira, ou
Dado
 É qualquer característica que possa ser
observada ou medida de alguma
maneira, ou seja, são observações
documentadas ou resultados da
medição.
TIPOS DE VARIÁVEL Não há sentido de ordenação. Ex. Raça de cavalo, sexo, Nominal Estado
TIPOS DE VARIÁVEL
Não há sentido de ordenação.
Ex. Raça de cavalo, sexo,
Nominal
Estado civil, cor de olhos, etc.
Qualitativa
Ordinal
Há sentido de ordenação.
Ex. Faixa de idade,nível de
Instrução, classe social, etc.
Variável
Descrevem dados contínuos.
Contínua
Ex. Massa de uma pessoa,
Quantitativa
Discreta
Produção de leite de uma
vaca,
etc.
Descrevem dados discretos.
Ex. Número de sementes
germinadas, números de frutos
estragados, etc.
ARREDONDAMENTO DE DADOS De acordo com resolução do IBGE nº 886/66 : - Quando o
ARREDONDAMENTO DE DADOS
De acordo com resolução do IBGE nº 886/66 :
- Quando o primeiro algarismo a ser abandonado é 0, 1, 2,
3, ou 4, fica inalterado o último algarismo a permanecer.
Ex: 53,24 passa a 53,2 ;
17,3452 passa a 17,3
- Arredondando para o inteiro mais próximo
18,1 = 18
79,01 = 79
- Arredondando para o décimo mais próximo
15,326 = 15,3
79,0099 = 79,0
- Arredondando para o centésimo mais próximo
88,444 = 88,44
7,9839 = 7,98
Quando o primeiro algarismo a ser abandonado é 5, há duas soluções: a) Se o
Quando o primeiro algarismo a ser abandonado
é 5, há duas soluções:
a) Se o 5 for seguido de zeros até sua última casa
decimal, arredonda-se para menos, exceto se o
algarismo que antecede o 5 for ímpar
52,5 = 52 (arredondamento para menos)
54,5000 = 54 (arredondamento para menos)
18,50000 = 18 (arredondamento para menos)
186,50000 = 186 (arredondamento para menos)
b) Nos demais casos, o arredondamento sempre
é para mais, ou seja, acrescenta-se 1 unidade ao
algarismo que antecede o 5.
31,953 = 32,0
23,859 = 23,9
55,050505
= 55,1
ARREDONDAMENTO DE DADOS Quando o primeiro algarismo a ser abandonado é 6, 7, 8, ou
ARREDONDAMENTO DE DADOS
Quando o primeiro algarismo a ser abandonado é 6, 7,
8, ou 9, aumenta-se de uma unidade o último algarismo
a permanecer.
Ex: 42,87 passa a 42,9 ;
25,08 passa a 25,1;
53,99 passa a 54,0
- Arredondando para o inteiro mais próximo
20,7 = 21
72,68 = 73
- Arredondando para o décimo mais próximo
40,99 = 41,0
91,286 = 91,3
- Arredondando para o centésimo mais próximo
1,806 = 1,81
59,7290 = 59,73
Fases de um Método Estatístico Planejamento Coleta dos dados Apuração dos dados Apresentação dos dados
Fases de um Método Estatístico
Planejamento
Coleta dos dados
Apuração dos dados
Apresentação dos dados
Análise e interpretação
Fases de um Método Estatístico Planejamento 1) Determinar o procedi- mento necessário para resolver o
Fases de um
Método Estatístico
Planejamento
1) Determinar o procedi-
mento necessário para
resolver o problema.
Coleta dos dados
• Que dados deverão ser
obtidos?
• Como se deve obtê-los?
2) Dois tipos de
Apuração dos dados
levantamento:
• Censitário: abrange toda a
Apresentação dos dados
população (Censo ou
Recenseamento).
• Amostragem: estuda-se
Análise e interpretação
uma parte da população
(amostra).
Planejamento Coleta dos dados Apuração dos dados Tratamento prévio dos dados coletados, resumindo-os através de
Planejamento
Coleta dos dados
Apuração dos dados
Tratamento prévio dos
dados coletados,
resumindo-os através de
sua contagem e
agrupamento.
Apresentação dos dados
Análise e interpretação
Planejamento Obtenção, reunião e registro dos dados • Fontes Primárias: dados coletados direta-mente pelo
Planejamento
Obtenção, reunião e registro
dos dados
• Fontes Primárias: dados
coletados direta-mente pelo
pesquisador.
Coleta dos dados
• Fontes Secundárias:
Apuração dos dados
através de relatórios,
arquivos, livros, etc.
Apresentação dos dados
Análise e interpretação
Exemplos’: Estudo
observacional; Realização
de Experimento;
Realização de Simulação;
Uso de levantamento ou
pesquisa de mercado
Planejamento • Apresentação Tabular: apresentação numérica Coleta dos dados em tabelas. • Apresentação
Planejamento
• Apresentação Tabular:
apresentação numérica
Coleta dos dados
em tabelas.
• Apresentação gráfica:
Apuração dos dados
Apresentação dos dados
apresentação
geométrica que permite
uma visualização rápida
do fenômeno estudado.
Análise e interpretação
Planejamento Consiste em tirar Coleta dos dados Apuração dos dados conclusões que auxiliam o entendimento
Planejamento
Consiste em tirar
Coleta dos dados
Apuração dos dados
conclusões que auxiliam
o entendimento do
problema em estudo e
fazer generalizações
(inferências) e
Apresentação dos dados
previsões.
Análise e interpretação
- o Método Estatístico, como visto aqui, não começa e nem termina um trabalho de
- o Método Estatístico, como visto aqui, não começa e nem
termina um trabalho de pesquisa.
- - O Método Estatístico permitirá ao pesquisador coletar,
apurar, apresentar e descrever as informações do que
precisa.
- - Como fechamento, o pesquisador fará a análise dessas
informações com base no conhecimento teórico que tiver
sobre o assunto.
- O Método Estatístico, portanto, é um meio, ou um
instrumento, empregado para a obtenção das informações
de que precisa o pesquisador.