Você está na página 1de 17

• GESTÃO DA INOVAÇÃO E

EMPREENDEDORISMO
• MÓDULO 4

• 1º semestre 2013
GESTÃO DA INOVAÇÃO
• Gestão: Ação ou resultado de gerir.
• Gestão: significa gerenciamento, administração, onde existe
uma instituição, uma empresa, uma entidade social de
pessoas, a ser gerida ou administrada.

• Invenção: É uma ideia, um esboço ou modelo para um


dispositivo, produto, processo ou sistema novo ou
aperfeiçoado.

• Inovação: É um produto, serviço ou processo novo


que pode ser comercializado e tem um mercado
potencial. A inovação só existe se for colocada à
disposição do mercado.
O QUE É INOVAÇÃO?
* Segundo Manual de Oslo:

• Inovação é a implementação de um produto (bem ou


serviço) novo ou significativamente melhorado, ou um
processo, ou um novo método de marketing, ou um
novo método organizacional nas práticas de negócios,
na organização do local de trabalho ou nas relações
externas.

• Introdução de novidade ou aperfeiçoamento no


ambiente produtivo ou social, que resulte em novos
produtos, processos ou serviços.
EXEMPLO:
• O brasileiro não é inovador, o brasileiro é criativo. Se
a necessidade é comer e o brasileiro não tem dinheiro,
ele tem a criatividade de fazer malabarismos com
laranjas em esquinas para conseguir dinheiro.
• O povo brasileiro é reconhecido pela sua grande
criatividade, mas apesar disso não conseguiu resolver
problemas básicos como o analfabetismo, porque falta
deter o conhecimento, planejamento e AÇÕES
DIFERENCIADAS.
• Inovar é gerar ou agregar valor de qualquer tipo a
partir da criatividade, em conjunto do conhecimento a
partir de uma ideia original.
ENQUANTO QUE ...
• Japão não é criativo, o Japão é inovador, porque pega
a criatividade dos outros e une ao conhecimento
adquirido e gera valor de qualquer tipo.

• Para ser inovador é preciso ter acesso à informação


e à educação de qualidade.

• A criatividade por si só não gera inovação, pois


precisa do conhecimento. Aliás, a criatividade não
resolve nada sozinha, assim como o conhecimento
não resolve nada sem a ação. A criatividade, depois de
processada corretamente, vira inovação.
INOVAÇÃO TECNOLÓGICA
• “Transformação de uma ideia em um produto vendável,
novo ou melhorado, ou num processo operacional na
indústria ou no comércio, ou num novo método de serviço
social” (Manual Frascatti – OECD, 1994).
• Segundo Schumpeter, Inovação Tecnológica contempla:
• Introdução de um novo produto
• Introdução de um novo método de produção
• Abertura de um novo mercado
• Conquista de uma nova fonte de fornecimento
• Constituir uma nova organização
“Inovação é um esforço para criar alterações úteis ao potencial
econômico e social da empresa” (Peter Drucker).
EMPREENDEDORISMO - CONCEITO

• O empreendedorismo se constitui em um conjunto de

comportamentos e de hábitos que podem ser

adquiridos, praticados e reforçados nos indivíduos, ao

submetê-los a um programa de capacitação adequado

de forma a torná-los capazes de gerir e aproveitar

oportunidades, melhorar processos e inventar

negócios.
O QUE É EMPREENDEDORISMO ?
• Transformar uma ideia em realidade.
• Identificar uma oportunidade.
• Contagiar pessoas com suas ideias.
• Estar pronto para assumir riscos e aprender com os
erros.
• Ser um profundo conhecedor do todo e não só de
algumas partes.
• Ser capaz de utilizar essas informações para seu
próprio aperfeiçoamento.
• Criação de empresas.
• Geração do auto- emprego.
• Empregado – empreendedor.
EMPREENDEDORISMO NO BRASIL

• “ O empreendedorismo é uma revolução silenciosa, que


será para o século XXI mais do que a revolução
industrial foi para o século XX”.

Jeffry Timmons, 1990


EMPREENDER

• “Fazer algo novo (criativo) e/ou diferente

(inovador) com o objetivo de criar riqueza para o

indivíduo e adicionar valor para a Sociedade.”

• Raymond Kao, 1997.


EMPREENDIMENTO
• Os meios utilizados para criar riqueza para o
indivíduo e adicionar valor para a Sociedade.

• Pode ser uma empresa, um projeto, uma


atribuição no trabalho, uma ação social, etc.
EMPREENDEDOR

• “É uma pessoa que se engaja num processo de

criação de riqueza e agregação de valor, através

do desenvolvimento de ideias, da combinação

de recursos e de fazer as coisas acontecerem.”

• Raymond Kao, 1997.


EMPREENDEDOR
• É aquele que destrói a ordem econômica existente pela
introdução de novos produtos e serviços, pela criação
de novas formas de organização ou pela exploração de
novos recursos e materiais. (SCHUMPETER, 1949)

• É aquele que faz as coisas acontecerem, se antecipa


aos fatos e tem uma visão futura da organização.
CARACTERÍSTICAS DOS
EMPREENDEDORES
• São Visionários • Ficam ricos
• Sabem tomar decisões • São líderes e formadores de
• São indivíduos que fazem a equipes
diferença
• São bem relacionados e
• Sabem explorar ao máximo organizados
as oportunidades
• Sabem Planejar
• São determinados e
dinâmicos • Possuem conhecimento do
• São dedicados negócio

• São otimistas e apaixonados • Gostam de assumir riscos


pelo que fazem
• Criam valor para a
• São independentes e sociedade
constroem o próprio destino
EMPREENDEDOR X ADMINISTRADOR

• Todo bom empreendedor deve ser um bom


administrador para obter sucesso, mas nem todo bom
administrador é um bom empreendedor. (DORNELAS,
2001)
• Um bom administrador sabe planejar, executar e
controlar.
• Um bom empreendedor saber, além dos conceitos de
administração, a partir de uma ideia, formatar um novo
negócio e a partir dele uma nova empresa.
PRINCIPAIS DESAFIOS DO EMPREENDEDOR

• Entender o ambiente

• Tornar-se líder no ambiente

• Promover inovações constantes

• Desenvolver relações de confiança

• Promover o desenvolvimento de toda a


Sociedade
EMPREENDEDOR
• O empreendedor é visto como aquele que muda, que
altera o ambiente ao seu redor. É visto como agente de
mudança, mostrando grande capacidade de vislumbrar o
novo, o diferente. É um visionário.

• Um exemplo de empreendedor: o dono do Ricardo Eletro.


Vamos pesquisar sobre sua empresa e descobrir porque
ele é considerado um empreendedor??