Você está na página 1de 55

Como se caracterizou o Antigo Regime a nível político?

Enaltecimento
do rei através
da arte e da
propaganda

Submissão Dirigismo
da nobreza económico:
e do clero mercantilismo

Sacralização
Apoio da Rei-Sol do rei – o seu
burguesia O Estado sou eu poder provém
de Deus

Luís XIV, rei de França


Recurso ao (1638-1715).
Direito romano

Hora H / 8.º ano


Quais eram os meios usados pelos reis
absolutos para centralizar o poder?

Para enaltecer a sua imagem o rei usava vestes luxuosas e


chamativas, apresentando-se como um modelo para a nobreza.
Hora H / 8.º ano
Quais eram os meios usados pelos reis
absolutos para controlar a nobreza?

O palácio de Versalhes era habitado pela família real e pela nobreza de corte,
que Luís XIV pretendia controlar, fazendo-a depender de si e dos seus favores.
Hora H / 8.º ano
Quais eram os cerimoniais públicos de reforço
do poder régio?

A nobreza acompanhava todos os momentos da vida real, participando em


algumas tarefas rotineiras como vestir os reis ou assistir às refeições, para
ganhar os favores régios e aumentar o seu prestígio social.
Hora H / 8.º ano
Como se caracterizava a sociedade
do Antigo Regime?

Clero
Ordens
privilegiadas
Nobreza

Ordem não
privilegiada Povo – 98%

A sociedade era hierarquizada, estratificada e tripartida e


existiam grandes desigualdades. A função social, a riqueza e
o poder de cada um dependia do seu nascimento.
Hora H / 8.º ano
Quais eram os privilégios do clero e da nobreza?

Clero Nobreza
- Leis próprias
- Acesso aos altos cargos políticos,
- Isenção da maioria dos impostos e do militares e eclesiásticos
serviço militar
- Isenção da maioria dos impostos
- Direito de asilo e formas de tratamento
- Penas judiciais mais leves
especial
- Formas de tratamento especial
- Cobrança da dízima aos fiéis

Hora H / 8.º ano


Qual era a situação económica
das ordens privilegiadas?

Detentores da maioria das terras, os privilegiados exigiam elevadas


rendas e impostos aos camponeses, deixando-os na penúria.
Hora H / 8.º ano
Que diferenças separavam as três ordens sociais?

O povo, apesar de constituir a maioria da população e assegurar a produção


agrícola e industrial, não dispunha de qualquer privilégio, nem direitos políticos.
Hora H / 8.º ano
Que diferenças separavam as três ordens sociais?

FORMAS DE TRATAMENTO REGULADAS POR LEI


(em Portugal)
• Excelência Alto clero
• Dom Alta nobreza
Bispos/Cónegos
• Senhoria
Viscondes/Barões
Baixa nobreza
• Vossa Mercê Baixo clero
Alguns burgueses

A forma de tratamento, o traje, as penas a que estavam sujeitos, o lugar


que ocupavam nas cerimónias públicas (por ordem de importância)
constituíam formas de diferenciação social entre as três ordens.
Hora H / 8.º ano
Quais eram as diversões da nobreza?

Bailes, banquetes, caçadas, piqueniques, idas à ópera


ou ao teatro contavam-se entre as diversões da nobreza.
Hora H / 8.º ano
Quem ascendia à nobreza?

Alguns burgueses acumulavam


grandes fortunas no comércio e
na banca. Outros distinguiam-se
em cargos públicos, tornando-
-se colaboradores dos
monarcas e sendo por eles
nobilitados. A ascensão podia,
também, ser conseguida através
do matrimónio ou da compra de
Imagem da peça O Burguês fidalgo, da autoria do dramaturgo
títulos.
francês Molière (século XVII), que satiriza os burgueses que
procuravam ascender socialmente, copiando os modos de vida
e o comportamento da nobreza.

Hora H / 8.º ano


Como vivia o povo?

O povo vivia em aldeias, onde trabalhava, do nascer


ao pôr do Sol, em terras das ordens privilegiadas.
Hora H / 8.º ano
Como vivia o povo?

Por vezes, o quotidiano era quebrado por momentos


festivos, sobretudo para comemorar datas religiosas.
Hora H / 8.º ano
Como eram as habitações do povo?
E o seu vestuário e alimentação?

Vivia em casas pequenas de um compartimento apenas. A alimentação era


pobre, à base de cereais, o vestuário singelo e a esperança de vida baixa.
Hora H / 8.º ano
E o povo não se revoltava?

A crescente desigualdade social, agravada por uma crise económica e


financeira, esteve na origem das revoluções liberais dos séculos XVIII e XIX.
Hora H / 8.º ano
Como se caracterizava a agricultura
do Antigo Regime?

Mão de obra abundante e Utilização do pousio devido


instrumentos rudimentares à falta de estrume

Os cereais eram a base


da alimentação

Hora H / 8.º ano


Qual era o papel do comércio triangular
no Antigo Regime?

O comércio triangular dos séculos XVII e XVIII gerava muitos


lucros. Estes eram reinvestidos pelas companhias comerciais,
levando ao desenvolvimento do capitalismo comercial.
Hora H / 8.º ano
Como se caracterizava a política mercantilista?

POLÍTICA MERCANTILISTA

Criação de Subsídios
Proteção do
manufaturas e Isenções fiscais
comércio e
companhias Monopólios
indústria
comerciais Importação de
matérias-primas

Balança Entrada de
comercial Aumento das
metais
positiva exportações
preciosos

Colbert, ministro de Luís XIV,


adotou a política mercantilista.

Hora H / 8.º ano


Qual era a importância da manufatura no
quadro da política mercantilista?

Instrumentos
mais sofisticados
Divisão e especialização
do trabalho
Mão de obra
assalariada

Na manufatura produz-se mais em menos tempo para


assegurar as necessidades internas e para exportar.
Hora H / 8.º ano
Quadro-síntese das características
da economia do Antigo Regime

Agricultura Comércio Indústria


- Economia rural – ocupava a - Dinâmico e lucrativo, - Desenvolvimento da
maioria da população sobretudo o colonial, manufatura, mais
gerava multiplicação de produtiva e lucrativa do
- Técnicas e instrumentos capitais e conduziu ao que o artesanato –
rudimentares (produtividade desenvolvimento do produzia-se mais em
fraca), fome e mortalidade capitalismo comercial menos tempo para
elevada exportar
- Recebia incentivos do
- Regime senhorial: clero, nobreza rei: monopólios - Recebia incentivos do
e rei possuíam grande parte das concedidos às rei: subsídios, isenções
terras trabalhadas por companhias de comércio fiscais, monopólios
camponeses sujeitos a pesadas (mercantilismo) (mercantilismo)
rendas e impostos
Hora H / 8.º ano
Como se caracteriza a arquitetura barroca?
Fachadas ornamentadas
Fachadas onduladas com com esculturas e medalhões Predomínio da
curvas e contracurvas sugerem linha curva
movimento e contraste

As colunas são usadas


como elementos
Igreja de S. Carlo das Quatro Fontes,
de Borromini, 1638-41
decorativos e não para
suportar o edifício
Hora H / 8.º ano
Como se caracteriza a arquitetura barroca?
Escadaria convergente
e divergente Predomínio da linha
curva (frontões
Fachadas onduladas sugerem curvos, pináculos)
movimento e contraste

Contraste claro/escuro

Casa de Mateus (perto de Vila Real), de Nicolau Nasoni, primeira metade do século XVIII.

Hora H / 8.º ano


Qual o aspeto dos jardins barrocos?

Jardins muito decorativos e arranjados


onde predomina a linha curva Os arbustos assumem
várias formas geométricas

Palácio de Versalhes, jardins.


Hora H / 8.º ano
Como se caracteriza a pintura barroca?

Predomínio das linhas


Dramatismo da cena espelha-se nos diagonais, que sugerem
rostos e nos gestos expressivos movimento

Corpos robustos e roliços


Contraste claro/escuro

O Rapto de Perséfone, de Rubens, um dos grandes pintores flamengos do Barroco.

Hora H / 8.º ano


Como se caracteriza a pintura barroca?

A exploração da tridimensionalidade, através da ilusão de ótica (trompe l’oeil),


foi desenvolvida pelos pintores italianos e muito utilizada na pintura dos tetos.
Hora H / 8.º ano
Como se caracteriza a escultura barroca?

Movimento sugerido pela fuga da


ninfa Dafne e a sua transformação
em loureiro quando é tocada por
Apolo

Expressão e gestos teatrais


espelham as emoções das
figuras e o dramatismo da cena

Vestes esvoaçantes sugerem


movimento e dinamismo

Apolo e Dafne, do famoso escultor


e arquiteto Bernini, 1622-25.
Hora H / 8.º ano
Como se caracteriza a escultura barroca?

Expressão de emoções fortes –


prazer

Expressão teatral das figuras

Exuberância dos panejamentos


sugere movimento e contraste
claro/escuro
Êxtase de Santa Teresa de Ávila, de Bernini, 1647-52.
Hora H / 8.º ano
Que papel assumiram o azulejo e a talha
dourada no barroco português?

Púlpito da igreja da Nossa Senhora Músicos, Cena Campestre, pormenor de


do Terço (Barcelos). Contraste da painel de azulejos, século XVIII, mosteiro
talha dourada com a azulejaria. de São Vicente de Fora, Lisboa.

Hora H / 8.º ano


Porque se fala numa revolução científica
no século XVII?

Método experimental
(observação, hipótese, experimentação
e lei científica)

Dúvida metódica
(todo o conhecimento é submetido à razão)

Matemática como linguagem da ciência


(exatidão das fórmulas e cálculos)

Novas teorias científicas:


Lei da gravitação universal e leis do movimento (Newton); confirmação do
heliocentrismo (Galileu); sistema de circulação do sangue (Harvey); estudos
sobre a eletricidade (Volta, Galvani e Benjamin Franklin).
Hora H / 8.º ano
Qual foi o contributo de Galileu para
o progresso científico?

Aplicou o método
experimental ao
estudo da Natureza
e do Universo

Com o seu telescópio, descobriu Fólio de Galileu, onde


as 4 luas de Júpiter e as estão retratadas as fases
montanhas e crateras da Lua. da Lua.

Confirmou o
Usou os cálculos e as
heliocentrismo e
fórmulas matemáticas
realizou várias
para explicar as leis
experiências sobre o
que regem a Natureza
movimento dos corpos

Hora H / 8.º ano


Qual foi o contributo de Newton
para o progresso científico?

Aplicou o método
experimental ao
estudo da Natureza
e do Universo

Newton criou o telescópio refletor,


melhorando a observação
Formulou as leis do Usou os cálculos e
astronómica. A técnica e a ciência
movimento, a lei da as fórmulas
influenciavam-se mutuamente,
permitindo um maior domínio do gravitação universal matemáticas para
Homem sobre a Natureza. e a teoria da explicar as leis que
refração da luz regem a Natureza

Hora H / 8.º ano


Que outros contributos foram dados para
o progresso científico no século XVII?

Harvey

Harvey descreveu o sistema de


circulação do sangue.
Lavoisier estudou a
composição da água e a Outros
natureza da respiração. contributos
científicos
Volta,
Lavoisier Galvani e
Benjamin
Franklin

Volta explica o princípio da


eletricidade a Napoleão.
Hora H / 8.º ano
Como eram difundidos os novos
conhecimentos científicos?

Livros científicos como Academias científicas


este, de Newton, que foi como a Royal Society de
considerado uma das Londres.
obras mais influentes
de toda a história da
ciência.

Universidades
como a de Oxford
em Inglaterra.
Hora H / 8.º ano
Que invenções técnicas mudaram o mundo?

O aeróstato aperfeiçoado pelos irmãos Montgolfier


a partir de um modelo do padre luso-brasileiro
Bartolomeu de Gusmão. Este apresentou uma
miniatura ao rei D. João V em 1709. A máquina a vapor de James Watt (1769),
que veio revolucionar a indústria e os
transportes.
Hora H / 8.º ano
Quais foram os entraves colocados pela
Igreja ao progresso científico?

Galileu foi condenado pela Inquisição a prisão domiciliária, tendo sido obrigado
a negar a teoria heliocêntrica. As suas obras foram colocadas no Índex.
Hora H / 8.º ano
Qual era o regime político que vigorava em
Portugal no Antigo Regime?

Edifica obras Centraliza os


grandiosas – poderes
imagem de políticos
grandeza

Submete as Fundamenta
ordens o poder no
privilegiadas direito divino

D. João V
Rei absoluto
Não
convoca
Cortes
Hora H / 8.º ano
Que contexto económico favoreceu o reforço
do poder no reinado de D. João V?

O reinado de D. João V beneficiou da descoberta de ouro e diamantes no


Brasil. O rei financiou grandes obras, projetando uma imagem de esplendor.
Hora H / 8.º ano
Quais foram as grandes obras edificadas por D. João V?

A construção do convento-palácio de Mafra foi iniciada em 1715. O rei


pagava assim a promessa pelo nascimento de um filho herdeiro do trono.
Hora H / 8.º ano
Quais foram as grandes obras edificadas por D. João V?

A biblioteca é a joia do convento de Mafra. Construída em estilo rococó, contém


36 mil obras, incluindo a 2.ª edição de Os Lusíadas, de Luís de Camões.
Hora H / 8.º ano
Quais foram as grandes obras edificadas por D. João V?

A Biblioteca Joanina da Universidade de Coimbra é uma das mais fabulosas da


época. Foi construída entre 1717 e 1728, em estilo rococó. Ao fundo, o retrato do rei.
Hora H / 8.º ano
Quais foram as grandes obras edificadas por D. João V?

O Aqueduto das Águas Livres, iniciado em


1731, abastecia Lisboa, levando água de Belas.
Hora H / 8.º ano
Como se caracterizava a sociedade
portuguesa do Antigo Regime?

Clero
4%
Ordens
privilegiadas Nobreza
10%

Ordem não Povo


privilegiada 86%

A sociedade portuguesa era hierarquizada, estratificada


e tripartida e existiam grandes desigualdades sociais.
Hora H / 8.º ano
Como se caracterizava a economia
portuguesa do Antigo Regime?

Comércio externo
Economia rural de
controlado por
subsistência mas
transportadores
com culturas de
estrangeiros
vocação comercial

Dependência do
estrangeiro, O comércio,
sobretudo de sobretudo o colonial,
Inglaterra era a atividade mais
lucrativa

Indústria
artesanal
pouco
produtiva
Hora H / 8.º ano
Qual era o papel do comércio na economia nacional?

O vinho, a fruta, o sal e o azeite


constituíam os produtos de vocação
comercial mais rentáveis.

A reexportação para a Europa dos


produtos coloniais, como o açúcar,
o pau-brasil e o tabaco, garantiam
uma balança comercial equilibrada.
Hora H / 8.º ano
Como participava Portugal no comércio triangular?

O comércio colonial era o pilar da economia portuguesa.

Hora H / 8.º ano


Qual era a situação da balança comercial portuguesa em
1670? Que razões explicam essa situação?

Queda do preço do Queda do preço do


açúcar e do tabaco sal e do vinho Comércio externo
(concorrência controlado por
(concorrência estrangeiros
holandesa, inglesa e espanhola e francesa)
francesa)

Hora H / 8.º ano


Quais foram as medidas mercantilistas
tomadas pelo conde da Ericeira?

Criação de Importação de
manufaturas equipamentos e
(têxtil, vidro, ferro) técnicos estrangeiros

Subsídios, benefícios Leis pragmáticas


fiscais, monopólios (proibição da
de fabrico às importação de artigos
manufaturas de luxo estrangeiros)
D. Luís de Meneses, conde da
Ericeira (1632-90), ministro de
D. Pedro II.

1. Aumentar a produção interna.


2. Diminuir as importações (evitando a saída de dinheiro).
3. Equilibrar a balança comercial.
4. Aumentar a quantidade de metais preciosos do país.
Hora H / 8.º ano
Quais foram as medidas mercantilistas
tomadas pelo conde da Ericeira?

«O dinheiro é o sangue das repúblicas e sucede no corpo político o mesmo


que sucede no corpo físico com a falta de sangue (…). O único meio que há
para evitar (…) que o dinheiro saia do Reino é introduzir nele as artes (as
indústrias). A introdução das artes evitará em comum o dano que fazem ao
Reino o luxo e as modas, tirará a ociosidade do Reino, fá-lo-á mais povoado
e abundante de gente e frutos (…); as rendas reais aumentarão.»
Duarte Ribeiro de Macedo, Sobre a Introdução das Artes no Reino, séc. XVII

«Dom Pedro, por Graça de Deus Príncipe de Portugal e dos Algarves (…)
4. Nenhuma pessoa se poderá vestir de pano, que não seja fabricado neste
reino; como também se não poderá usar de voltas de renda, cintos, talins
(correias de couro), boldriés (cintos de couro), e chapéus, que não sejam
D. Pedro II, 1648-1706. feitos nele (…).»
Pragmática de 1677

Hora H / 8.º ano


Porque falhou a política mercantilista em Portugal?

Descoberta de
ouro e • Crescimento das
diamantes no importações vindas de
Brasil Inglaterra, França, Itália
(1699)

• Inglaterra abre o seu


Tratado de mercado aos vinhos
Methuen portugueses e Portugal
(1703) abre-se aos lanifícios
ingleses
D. João V, 1689-1750.

Crescimento das importações Balança comercial negativa


Hora H / 8.º ano
Porque falhou a política mercantilista em Portugal?

Exportação de vinhos para Inglaterra. O ouro e o comércio externo.

Portugal ficou dependente das importações inglesas.

Hora H / 8.º ano


Porque constituiu a Inglaterra uma exceção
ao Antigo Regime europeu?

Regime parlamentar
favorável aos interesses Burguesia e nobreza
comerciais da burguesia empreendedoras com
e da nobreza mentalidade capitalista

Expansão marítima e Existência de


constituição de um capitais para
império colonial investir

Indústria e
agricultura
desenvolvidas
Hora H / 8.º ano
Porque constituiu a Holanda uma exceção
ao Antigo Regime europeu?

Regime parlamentar
Burguesia
favorável aos
empreendedora
interesses
com mentalidade
comerciais da
capitalista
burguesia

Expansão
marítima e Existência de
constituição de capitais para
um império investir
colonial

Indústria
desenvolvida
Hora H / 8.º ano
Como se afirmaram a Holanda e a Inglaterra
a nível comercial?

A Holanda e a Inglaterra desenvolveram o capitalismo comercial


a partir da criação dos bancos, bolsas e companhias comerciais.
Hora H / 8.º ano
De que forma as novas instituições favoreceram
o desenvolvimento do capitalismo comercial?

O Banco de Amesterdão, fundado em 1609,


aceitava depósitos e fazia pagamentos. A Bolsa de valores de Amesterdão,
fundada em 1602, transacionava ações
das companhias comerciais.

Estas novas instituições criaram condições financeiras para


aumentar os investimentos exigidos pelo grande comércio feito à
escala mundial, permitindo a multiplicação de capitais.
Hora H / 8.º ano
De que forma as novas instituições favoreceram
o desenvolvimento do capitalismo comercial?

Multiplicação
de capitais

Os bancos faziam
pagamentos e empréstimos.

Frotas maiores

DESENVOLVIMENTO
DO CAPITALISMO
COMERCIAL

Acionistas investiam
capitais na bolsa, integrando Mais produtos
as companhias comerciais.
Hora H / 8.º ano