Você está na página 1de 13

E-BOOK

LEGISLAÇÃO DO SUS
HUOP/UNIOESTE/2019

www.romulopassos.com.br 1
www.romulopassos.com.br 2
Questões Comentadas
Legislação do SUS
Princípios do SUS (Lei nº 8.080/90, art. 7º)

www.romulopassos.com.br 3
Equidade

www.romulopassos.com.br 4
1. (Pref. Umuarama/PR/UNIOESTE/2014) As ações e serviços públicos de saúde e os serviços privados,
contratados ou conveniados que integram o Sistema Único de Saúde (SUS), são desenvolvidos de
acordo com as diretrizes previstas no art. 198 da Constituição Federal, obedecendo ainda aos seguintes
princípios:
I - universalidade de acesso aos serviços de saúde em todos os níveis de assistência;
II - integralidade de assistência, entendida como conjunto articulado e contínuo das ações e serviços
preventivos e curativos, individuais e coletivos, exigidos para cada caso em todos os níveis de
complexidade do sistema;
III - preservação da autonomia das pessoas na defesa de sua integridade física e moral;
IV - igualdade da assistência à saúde, sem preconceitos ou privilégios de qualquer espécie;
V - direito à informação, às pessoas assistidas, sobre sua saúde; divulgação de informações quanto ao
potencial dos serviços de saúde e a sua utilização pelo usuário.
a) As alternativas I, II e III estão corretas.
b) As alternativas II e III estão incorretas.
c) As alternativas I,II,III, IV e V estão corretas.
d) As alternativas II, III, IV e V estão incorretas.
e) As alternativas I, II, III, IV e V estão incorretas

2. (Pref. Catanduvas/PR/UNIOESTE/2015) De acordo com a Lei nº 8.080/90, são princípios do Sistema


Único de Saúde (SUS), EXCETO
a) prioridade da rede filantrópica para o atendimento médico especializado.
b) universalização do acesso aos serviços de saúde em todos os níveis de assistência.
c) direito à informação, às pessoas assistidas, sobre sua saúde.
d) participação da comunidade.
e) descentralização político-administrativa, com direção única em cada esfera de governo.

A articulação das políticas e programas, a cargo das comissões intersetoriais, abrangerá,


em especial, as seguintes atividades:

 São subordinadas ao CNS, integradas pelos Ministérios e órgãos competentes e por


entidades representativas da sociedade civil.

www.romulopassos.com.br 5
3. (Pref. Umuarama/PR/UNIOESTE/2014) Na Lei nº 8.080/90, diz que na articulação das políticas e
programas, a cargo das comissões intersetoriais, abrangerá, em especial, as seguintes atividades:
a) alimentação e nutrição, saneamento e meio ambiente, recursos humanos, vigilância sanitária e
farmacoepidemiologia, recursos humanos e prestação de serviços especiais.
b) alimentação e transporte, saneamento e meio ambiente, vigilância sanitária e
farmacoepidemiologia, recursos humanos, ciência e tecnologia e saúde do trabalhador.
c) alimentação e nutrição, saneamento e meio ambiente, vigilância sanitária e farmacoepidemiologia,
recursos tecnológicos, ciência e tecnologia e saúde do trabalhador.
d) alimentação e nutrição, saneamento e meio ambiente, vigilância sanitária e farmacoepidemiologia,
recursos humanos, ciência e tecnologia e saúde do trabalhador.
e) alimentação e nutrição, saneamento e meio ambiente, vigilância sanitária e farmacotecnologia,
recursos humanos, ciência e tecnologia e saúde do trabalhador.

4. (Pref. Catanduvas/PR/UNIOESTE/2015) A transferência de recursos pelo Fundo Nacional de Saúde


para os Municípios, os Estados e o Distrito Federal, de forma regular e automática, corresponde à
execução do princípio da
a) universalidade.
b) descentralização.
c) hierarquização.
d) integralidade.
e) regionalização.

Vigilância Epidemiológica

www.romulopassos.com.br 6
Vigilância Sanitária

Vigilância em Saúde do Trabalhador

Vigilância Ambiental

www.romulopassos.com.br 7
5. (Pref. Umuarama/PR/UNIOESTE/2014) Dos objetivos e atribuições no campo de atuação do Sistema
Único de Saúde (SUS), é CORRETO afirmar que, entende-se por vigilância epidemiológica um conjunto
de ações.
a) que proporcionam conhecimento, detecção ou prevenção de qualquer mudança nos fatores
determinantes e condicionantes de saúde individual ou coletiva, com a finalidade de recomendar e
adotar as medidas de disseminação e controle das doenças ou agravos.
b) que proporcionam conhecimento, detecção ou articulação de qualquer mudança nos fatores
determinantes e condicionantes de saúde individual ou coletiva, com a finalidade de recomendar e
adotar as medidas de prevenção e controle das doenças ou agravos.
c) que proporcionam conhecimento, detecção ou prevenção de qualquer mudança nos fatores
determinantes e condicionantes de saúde individual ou coletiva, com a finalidade de recomendar e
adotar as medidas de prevenção e controle das doenças ou agravos.
d) que proporcionam conhecimento, detecção ou prevenção de qualquer mudança nos fatores
determinantes e condicionantes de saúde individual ou coletiva, com a finalidade de recomendar e
adotar as medidas de prevenção e descontrole das doenças ou agravos.
e) que proporcionam conhecimento, detecção ou prevenção de qualquer mudança nos fatores
determinantes e incondicionantes de saúde individual ou coletiva, com a finalidade de recomendar e
adotar as medidas de prevenção e controle das doenças ou agravos.

Algumas atribuições comuns a todas as esferas de governo na gestão


do SUS

I - definição das instâncias e mecanismos de controle, avaliação e de fiscalização das


ações e serviços de saúde;

II - administração dos recursos orçamentários e financeiros destinados, em cada ano, à


saúde;

III - acompanhamento, avaliação e divulgação do nível de saúde da população e das


condições ambientais;

IV - organização e coordenação do sistema de informação de saúde;

V - elaboração de normas técnicas e estabelecimento de padrões de qualidade e


parâmetros de custos que caracterizam a assistência à saúde.

www.romulopassos.com.br 8
6. (Pref. Catanduvas/PR/UNIOESTE/2015) Marque a alternativa que corresponde a uma atribuição
comum de todas as esferas de governo na gestão do SUS.
a) Acompanhar, avaliar e divulgar o nível de saúde da população e as condições ambientais.
b) Definir e coordenar os sistemas de redes integradas de assistência de alta complexidade.
c) Promover a descentralização para os municípios dos serviços e das ações de saúde.
d) Controlar e fiscalizar os procedimentos dos serviços privados de saúde.
e) Coordenar e participar na execução das ações de vigilância epidemiológica.

7. (UNIOESTE/UNIOESTE/2013) A problemática denominada desumanização, é um conceito que


revela a percepção da população e de trabalhadores da saúde frente a problemas como as filas, a
insensibilidade dos trabalhadores diante do sofrimento das pessoas, os tratamentos desrespeitosos, o
isolamento das pessoas de suas redes sócio-familiares nos procedimentos (consultas exames e
internações), as práticas de gestão autoritária, as deficiências nas condições concretas de trabalho,
(degradação nos ambientes e nas relações de trabalho), as quais derivam de condições precárias da
organização e dos processos de trabalho. Qual a alternativa proposta pelo Ministério da Saúde no
Caderno Humaniza SUS?
a) Para “se humanizar na saúde”, as iniciativas deveriam ser direcionadas para o enfrentamento de
atitudes e comportamentos individuais considerados inadequados.
b) Estratégias pedagógicas devem seguir na direção do que seja humanização – correlacionada à
bondade, à benevolência, à hospitalidade - e se apresentam como recurso para resolver a questão de
“como fazer para que os operadores da saúde ajam de modo certo”.
c) Devem incluir os diferentes sujeitos para participarem no planejamento, implementação e avaliação
dos processos de produção de saúde e de formação do trabalhador de saúde, compreende as relações
entre os sujeitos trabalhadores, gestores e usuários dos serviços de saúde.
d) Para esta problemática a estratégia deverá ser a reciclagem, visando à remodelação dos sujeitos.
Neste sentido, a formação terá a conotação de correção daqueles trabalhadores de saúde, formar na
humanização terá o sentido de “humanizar os desumanos”.
e) Para a PNH estas orientações não são clínicas, nem políticas e sim éticas e tomam sentido no
acolhimento, na democracia das relações, entre usuários e valorização do trabalhador.

www.romulopassos.com.br 9
Vejamos alguns exemplos de coeficientes e índices mais utilizados em saúde
pública (ROUQUAYROL; GURGEL, 2013):

Obs.: É importante considerar que o componente da mortalidade infantil


inclui outros três componentes: mortalidade neonatal precoce (zero a seis
dias), neonatal tardia (sete a 27 dias) e pós-neonatal (28 a 364 dias) (RIPSA,
2008).

www.romulopassos.com.br 10
8. (UNIOESTE/UNIOESTE/2013) A investigação epidemiológica de casos e epidemias constitui-se em
uma atividade obrigatória de todo sistema local de vigilância epidemiológica. A ocorrência de casos
novos de uma doença (transmissível ou não) ou agravo (inusitado ou não), passível de prevenção e
controle pelos serviços de saúde, indica que a população está sob-risco e pode representar ameaças à
saúde que precisam ser detectadas e controladas ainda em seus estágios iniciais, portanto, é
INCORRETO afirmar que
a) a investigação epidemiológica tem que ser iniciada imediatamente após a confirmação da
doença/agravo, para o qual as autoridades sanitárias considerem necessário dispor de informações.
b) o seu propósito final é orientar medidas de controle para impedir a ocorrência de novos casos.
c) confirmar o diagnóstico e determinar as principais características epidemiológicas.
d) identificar grupos expostos a maior risco e fatores de risco.
e) tem como principais objetivos identificar fonte de infecção e modo de transmissão.

www.romulopassos.com.br 11
Gabarito
1–C 5–C
2–A 6–A
3–D 7–C
4–B 8–A

Adquira o Livro de Legislação do SUS, Saúde Pública e Epidemiologia


para Concursos e Residências
Para que você tenha acesso aos conteúdos do livro, é necessário que esteja matriculado (a)
em nosso site. O Livro Legislação do SUS, Saúde Pública e Epidemiologia para Concursos e
Residências é composto por um único volume com 432 páginas, acompanhado com todo conteúdo
atualizado e comentado em videoaulas online.

Para adquiri-lo com frete grátis, acesse:


http://romulopassos.com.br/cursos/detalheCursoView/125.

Adquira o Curso Completo – Online


Para que você tenha acesso aos conteúdos do site, é necessário que esteja matriculado (a)
em nossos cursos. O Curso Completo de Enfermagem para Todos os Concursos e Residências
- Online engloba todos os conhecimentos específicos de enfermagem, assim como as disciplinas
básicas mais cobradas nos concursos atuais.

Acesse o seguinte link e tenha em mãos o curso que mais aprova!


https://www.romulopassos.com.br/cursos/detalheCursoView/114

Vale destacar que será um imenso privilégio ter você entre nossos alunos.

www.romulopassos.com.br 12
www.romulopassos.com.br 13