Você está na página 1de 47

P R O F.

T H I A G O C A R R Ã O
ANALISE DE PROVAS

• + 80% de todas as questões

• Do art 1º ao 3º da lei 13.146/15


• Falam sobre Acessibilidade e Atendimento Prioritário
• Direitos fundamentais
• Igualdade e não discriminação

• Como as bancas perguntam – Letra fria da lei ou entendimento


geral
ART 1º

• É instituída a Lei Brasileira de Inclusão da Pessoa com Deficiência (Estatuto da


Pessoa com Deficiência), destinada a assegurar e a promover, em condições
de igualdade, o exercício dos direitos e das liberdades fundamentais
por pessoa com deficiência, visando à sua inclusão social e cidadania.
ESTATUTO DA PCD
Exercício de Direitos
Assegurar e
Promover

Liberdades Fundamentais

Cidadania
Visar
Inclusão Social

CONDIÇÕES DE
IGUALDADE
ATENÇÃO

Portado de Deficiência
x
Pessoa com Deficiência
QUESTÃO DE PROVA

• O Estatuto da PCD, Lei Brasileira de Inclusão da Pessoa


com Deficiência, destinada a assegurar e a promover, em
condições de igualdade, o exercício dos direitos e das
liberdades individuais?

CERTO OU ERRADO
CONCEITO DE PCD – ART 2º
• Considera-se pessoa com deficiência aquela que tem
impedimento de longo prazo de natureza física, mental,
intelectual ou sensorial, o qual, em interação com uma ou mais
barreiras, pode obstruir sua participação plena e efetiva na
sociedade em igualdade de condições com as demais pessoas.
PCD
Física

DICA

F
Impedimento
M
I
Intelectual de Longo Mental
Prazo

S
Sensorial
BARREIRAS

Urbanísticas

Atitudinais Transporte

Barreiras

Tecnológicas Arquitetônicas
Pode Obstruir

Participação plena em
igualdade de condições.
AVALIAÇÃO DA DEFICIÊNCIA
Funções
QUANDO Impedimento
NECESSARIO
Estrutura do
Corpo

Biopsicossocial
Pessoais

Fatores Psicológicos

Equipe MULTI PROFISSIONAL


E
Socioambientais
INTERDISCIPLINAR
QUESTÃO DE PROVA

• Considerando o disposto na Lei n.º 13.146/2015 — Estatuto da Pessoa com


Deficiência (EPD) será assegurada a pessoa com deficiência avaliação por um
único profissional?

• Será obrigatória para comprovar sua deficiência a avaliação será


biopsicossocial, realizada por equipe multiprofissional e interdisciplinar ?
DEFINIÇÕES - ART 3º

• I – Acessibilidade
Possibilidade e Condições de alcance com SEGURANÇA e AUTONOMIA

• Espaços
• Mobiliário
• Equipamento Urbano
• Edificações Rol
• Transporte Exemplificativo
• Informações
• Comunicações
• Outros Serviços
Abertos ao Público
DEFINIÇÕES - ART 3º

• II – Desenho Universal

PRODUTOS
AMBIENTES SEM ADAPTAÇÃO
PROGRAMAS ou Projeto
Especifico
SERVIÇOS
DEFINIÇÕES - ART 3º
Autonomia
• III – Tecnologias Assistivas ou Ajuda Tecnica

Independência
Deficiente ou
com Mobilidade
Reduzida
Inclusão Social

Qualidade de
Vida
PCD X P COM MOBILIDADE REDUZIDA

PCD Pessoa com Mobilidade Reduzida


Deficiência Física Mais amplo
Mental
Auditiva redução efetiva da mobilidade
Visual da flexibilidade
Múltipla da coordenação motora ou da percepção
Longo Prazo Permanente ou Temporário
Todo deficiente idoso,
gestante,
lactante,
pessoa com criança de colo
obeso
DIREITOS FUNDAMENTAIS
• TOP 10

Vida
Habilitação e Reabilitação
Saúde
Educação
Moradia
Trabalho
Assistência Social
Previdência Social
Cultura, Esporte, Turismo e Lazer
Transporte e Mobilidade
DIREITO A VIDA

• Dignidade
• Não é obrigado
ação afirmativa (ele escolhe)
Intervenção / Procedimentos

Exceção
Risco de vida
Curatela
DIREITO A HABILITAÇÃO OU
REABILITAÇÃO
• Atenção Integral
Diagnostico e intervenção Precoce (pré-natal)
Serviços articulados, integrados com as politicas públicas.
Atendimento pelo SUS – mais próximo
DIREITO A SAÚDE (PREVENÇÃO)

• Atenção Integral

• Nível de Complexidade = SUS

• Acompanhamento

• Garantia de transporte e acomodação


DIREITO A EDUCAÇÃO
Estado
• Inclusão – Redes regulares de ensino

• RESPONSAVEIS =>
Sociedade Família

Com
Escolar
DIREITO A MORADIA

• Acessibilidade
• Digna
• Casa Adaptada = Moradia adaptada
para a vida Independente da PCD
DIREITO A TRABALHO

• Livre Escolha e Aceitação


• Ambientes inclusivos
• Igualdade de Remuneração
Atenção especial a Mulher PCD
Maior Fragilidade
Mais ações
DIREITO A ASSISTÊNCIA SOCIAL

• Não possui meios $$


• 1 salario mínimo = Auxilio Inclusão

PCD
DIREITO A PREVIDÊNCIA SOCIAL

• Regras distintas para aposentadoria da PCD


CF/88 – Servidores
Segurados prev social
DIREITO A CULTURA, ESPORTE,
TURISMO E LAZER
• Acessibilidade
Mínimo 1 acompanhante
Local com plena visão
não pode ser na Saída

Hotéis e Pousadas
10% com acessibilidade
mínimo de 1 quarto
DIREITO A TRANSPORTE E
MOBILIDADE
• Transporte Público – Garantia de acessibilidade
Não só em veículos mas no sistema também.

• Números
Estacionamento
Próximo e Sinalizadas Carro deve ter
credencial
2% mínimo de 1 vaga
Taxi
10% da frota
Não pode cobrar valor diferenciado
Locadora
1 a cada 20 carros deve ser adaptado
ATENÇÃO

• Qualquer pessoa que se deparar com qualquer uma dessas garantias sendo

feridas, tem o dever de denunciar as autoridades competentes, para que


estas sejam cumpridas.
QUESTÃO DE PROVA
QUESTÃO DE PROVA

Planos de saúde
Seguros de Saúde
Taxi
Uber
DEFICIENTE AUDITIVO

• Direito a Educação
Ensino Superior
Edital / Prova / Curso = ADAPTADOS

• Ed Especial – TODOS – Níveis / Etapas / modalidades

• Interpretes de Libras
Ed Basica – Ensino Médio + Curso de libras
Ed Superior – Curso Superior prioritariamente em Tradução e interprete de libras.
ATENDIMENTO PRIORITÁRIO

• Logo após (próximo)


• Extensivo ao acompanhante
• Tratamento diferenciado (Acento, Mobiliário, Local de embarque e desembarque)
QUESTÃO DE PROVA

Exceções – Restituição de Imposto de renda


Processo Judicial
PROCESSOS SELETIVOS
• atendimento preferencial
• formulário de inscrição de exames com campos específicos para que o candidato com
deficiência informe os recursos de acessibilidade e de tecnologia assistiva necessários para sua
participação;
• provas em formatos acessíveis para atendimento às necessidades específicas
• recursos de acessibilidade e de tecnologia assistiva adequados, previamente solicitados e
escolhidos pelo candidato com deficiência;
• dilação de tempo, tanto na realização de exame para seleção quanto nas atividades acadêmicas,
mediante prévia solicitação e comprovação da necessidade;
• critérios de avaliação das provas escritas, discursivas ou de redação que considerem a
singularidade linguística da pessoa com deficiência, no domínio da modalidade escrita da língua
portuguesa;
• tradução completa do edital e de suas retificações em Libras.
ANO: 2018 BANCA: FCC ÓRGÃO: TRT - 14ª
REGIÃO (RO E AC)

• Claudio é pessoa com deficiência e pretende participar de processo seletivo para ingresso em
curso oferecido por instituição de ensino superior. Nos termos da Lei no 13.146/2015, a instituição
deverá disponibilizar recursos de acessibilidade e de tecnologia assistiva adequados,

• A-independentemente de prévia solicitação, e escolhidos pela própria instituição, que avaliará caso a
caso de acordo com a necessidade dos candidatos.
• B-previamente solicitados e escolhidos por Claudio.
• C-previamente solicitados por Claudio, tendo em vista a necessidade de cada candidato portador
de deficiência, mas escolhidos pela própria instituição.
• D-independentemente de prévia solicitação, mas escolhidos por Claudio, no dia da realização do
processo seletivo.
• E-os quais independem de solicitação, bem como de qualquer escolha, vez que são disponibilizados
de forma igualitária a todas as pessoas com deficiência.
DEFICIÊNCIA FÍSICA

• Segmento do Corpo = FUNCIONAL


DEFICIÊNCIA VISUAL

• Cegueira
• Baixa Visão
• Ângulo
• Somatório
DEFICIÊNCIA AUDITIVA

• Bilateral
TOTAL ou PARCIAL
DEFICIÊNCIA MENTAL / INTELECTUAL

• Significativamente inferior a media


• Ate 18 anos
• Habilidades sociais
RESERVA DE VAGAS EM EMPRESAS

• + de 100 funcionários

101 – 200 – 2% de reserva


201 – 500 – 3% de reserva
501 – 1000 – 4% de reserva
+ de 1000 – 5% de reserva
CÃO GUIA

• Só para CEGOS ou BAIXA VISÃO


Pode ingressar em qualquer espaço
Meios de transporte internacional com origem no BR
Atenção – Poder ser solicitado o cartão de vacina do cão guia

• Se não deixar entrar


Discriminação e passível de multa + interdição do local
QUESTÃO DE PROVA
QUESTÃO DE PROVA
• É correto afirmar que a pessoa com deficiência é aquela que tem impedimento a
médio prazo de natureza física, mental, intelectual ou sensorial?

• A Lei n° 13.146/2015 estabelece para a pessoa com deficiência direitos à vida,


habilitação e à reabilitação, à saúde, à educação, à moradia, ao trabalho, à cultura,
ao esporte, ao turismo e ao lazer, ao transporte e à mobilidade, à assistência social
e à previdência social. Esses direitos são denominados como
a) sociais.
b) inclusivos.
c) humanitários.
d) fundamentais.
e) igualitários.
ANO: 2018 BANCA: FCC ÓRGÃO: TRT - 15ª
REGIÃO (SP)
• Mirtes, deficiente física, cadeirante, compra ingresso para espetáculo de teatro em prédio histórico pertencente ao
Estado X. Chegado o dia e a hora do evento, teve seu acesso obstado, pois, o único meio para chegar ao seu
assento seria por extensa escadaria. Ocorre que a reforma do prédio não previu acessibilidade, mantendo-se a
estrutura do século XVIII.
• De acordo com a Lei n° 13.146/2015, considera-se barreira qualquer entrave, obstáculo, atitude ou comportamento
que limite ou impeça a participação social da pessoa, bem como o gozo, a fruição e o exercício de seus direitos à
acessibilidade, à liberdade de movimento e de expressão, à comunicação, ao acesso à informação, à compreensão, à
circulação com segurança, entre outros. No caso hipotético, a dificuldade encontrada por Mirtes pode ser
classificada como barreira

• A-de transporte.
• B-Atitudinal.
• C-Urbanística. Barreiras Arquitetônicas - arquiteto - interior do edifício.
• D-Arquitetônica.
• E-Tecnológica. Barreias Urbanísticas - via urbana - rua.
ANO: 2018 BANCA: FCC ÓRGÃO: TRT - 15ª
REGIÃO (SP)
• As empresas públicas de transporte e as concessionárias de transporte coletivo reservarão
assentos, devidamente identificados aos idosos,
• A-gestantes, obesos, lactantes, pessoas portadoras de deficiência e genitores.
• B-lactantes, genitores, obesos e pessoas acompanhadas por crianças de colo.
• C-pessoas portadoras de deficiência e pessoas com animais.
• D-gestantes, lactantes, pessoas portadoras de deficiência e pessoas acompanhadas por crianças
de colo.
• E-lactantes, pessoas portadoras de deficiência, pessoas acompanhadas por crianças de colo e
genitores.
ANO: 2018 BANCA: FCC ÓRGÃO: TRT - 15ª
REGIÃO (SP)
• De acordo com o Decreto n° 3.691/2000, para as pessoas portadoras de deficiência,
comprovadamente carentes, beneficiárias do passe livre, as empresas permissionárias e
autorizatárias de transporte interestadual de passageiros reservarão

• A-sete assentos de cada veículo destinado a serviço convencional.


• B-cinco assentos de cada veículo destinado a serviço convencional.
• C-10% dos assentos de cada veículo.
• D-5% dos assentos de cada veículo.
• E-dois assentos de cada veículo destinado a serviço convencional.
BONS ESTUDOS

Você também pode gostar