Você está na página 1de 3

Campus de Lhanguene, Av.

do Trabalho, no 2482, Bairro de Chamanculo C, Distrito Municipal KaMubukuana; Tel: +258 1


401078, Fax: +258 1 401082; fcnm@up.ac.mz
CURSO DE LICENCIATURA EM ENSINO DE QUÍMICA
LABORATÓRIOS III
QUÍMICA INORGÂNICA II

PRÁTICA LABORATORIAL Nº 7: Compostos Complexos


Esta prática tem como objectivo principal habilitar os estudantes a estudar as propriedades químicas dos compostos
complexos, nomeadamente:
 Diferenciar, em termos de propriedades, entre um sal duplo e um complexo;
 Estudar e caracterizar compostos com iôes complexos;
 Estudar o equilíbrio de complexação;
 Decomposição de iões complexos;
 Estudar o comportamento dos complexos em reacções de intercâmbio iónico;
 Estudar o comportamento dos complexos em reacções redox;
Outros objectivos são:
 O desenvolvimento de capacidades e habilidades na manipulação de material laboratorial, para a realização de
experiências laboratoriais;
 A realização de reacções químicas;
 A explicação dos factos observados e os resultados obtidos.

Nota:
1. Todos os produtos das práticas não devem ser deitados fora, nas bacias de lavagem. Coloque num recipiente,
já disponível, para conservar os produtos. A razão disto é evitar a contaminação dos esgotos que pode originar
a poluição dos cursos das águas ou do mar, também eses produtos podem ser reciclados.
2. Coloque os produtos ácidos em recipiente diferente dos produtos alcalinos! (Isto evitará problemas de
intoxicação por produtos secundários que poderão resultar de reacções secundárias ácido-base ou de
hidrólise).

Experiência nº 1: Iões dum sal duplo.

Em 3 tubos de ensaio coloque, em cada um deles, 5 gotas da solução de NH4Al(SO4)2. Em seguida,. adicione:
 Ao 1o tubo, 1 gota da solução de NaOH;
 O que observa?
 Ao 2o, 2 gotas de KH3(C2O2)2.2H2O; e,
 O que observa?
 Ao 3o tubo, 2 gotas de BaCl2.
 O que observa?
 Anote as observações e escreva as equações das reacções.
 Que iões podem ser identificados em cada tubo de ensaio? Poequê?
 Escreva a equação da dissociação electrolítica de NH4Al(SO4)2.

Experiência nº 2: Iões dum sal complexo.


a) Em dois tubos de ensaio, deite, em cada um, 10 gotas da solução de FeCl3. Em seguida, adicione:
 Ao 1o tubo, 5 gotas da solução de Na2S; e,
Atenção: Conserve o produto do 2o tubo, para a
 O que observa?
experiência seguiente!
 Ao 2o, 2 gotas da solução de KSCN.
 O que observa?
 Anote as observações e escreva as equações iónica das reacções.
 Que ião pode ser identificado na solução de FeCl3 a partir de S2- e de SCN-? Encontre uma explicação!

b) Utilize agora uma solução de K3[Fe(CN)6] em vez de FeCl3 para reacções análogas com Na2S e KSCN.
 Observe com atenção se aparece um precipitado negro num tubo e uma coloração vermelha no outro e dê uma
explicação!

1
dr. Basílio Alberto Assane
 Verifique se existem iões Fe3+ na solução de K3[Fe(CN)6].
 Escreva a equação da dissociação electrolítica de K3[Fe(CN)6].

Experiência nº 3: Equilíbrio de Complexação.


Divida o produto do 2o tubo da experiência anterior (experiência 2) em dois tubos de ensaio:
 No primeiro, dicione mais duas gotas de FeCl3.
 O que observa? Há intensificação ou diminuição da intensidade da coloração? Dê uma justificação (porquê,
se não se a quantidade de KSCN não mudou?)!
 No segundo, dicione mais duas gotas de KSCN.
 O que observa? Há intensificação ou diminuição da intensidade da coloração? Dê uma justificação (porquê,
se não se a quantidade de FeCl3 não mudou?)!

Experiência nº 4: Compostos com catião complexo.

 Obtenha, por reacções de intercâmbio iónico, precipitados de AgCl e Cu(OH)2;


 Deixe repousar;
 Decante o líquido; e, Atenção: Guarde os produtos
 Junte aos precipitados um excesso de uma solução de NH3. para a experiência seguinte!
 O que observa?
 Anote as observações e escreva as equações das reacções!

Experiência nº 5: Decomposição de iões complexos.


a) À solução de [Ag(NH3)2]Cl obtida na experiência 4, junte-lhe Ácido nítrico até obter uma reacção ácida
(comprovar com papel indicador!).
 O que observa?
 De que precipitado se trata?
 Escreva a equação da dissociação electrolítica do complexo e explique o papel do Ácido nítrico!

b) Divida a solução de [Cu(NH3)4] 2+, obtida na experiência 3, em duas partes:


 À uma delas, junte uma solução de NaOH; e,
 O que observa?
 À outra, adicione uma solução de Na2S.
 O que observa?
 Anote as observações e escreva as equações das reacções!
 Explique a razão porque o precipitado se forma somente num dos tubos, e, não nos dois.

Experiência nº 6: Compostos complexos em reacções de intercâmbio.


Em dois tubos de ensaio, deite, em cada um, 5 gotas de uma solução de solução de FeCl3 e acrescente:
 Ao 1o tubo, um volume igual de K4[Fe(CN)6]; e,
 Ao 2o, um volume igual de K3[Fe(CN)6].
 O que se forma nestas reacções?
 Anote as observações e escreva as equações das reacções!
 Qual destes produtos é Azul da Prússia? E o outro produto como se chama (Azul de quê)?
Experiência nº 7: Compostos complexos nas reacções redox.
a) Misture, num tubo de ensaio, 10 gotas de cada uma das soluções H2O2 e KOH.
 Em seguida, junte-lhe 10 gotas da solução de K3[Fe(CN)6].
 Tem lugar a libertação de um gás.
 Comprove com uma lasca incandescente que o gás libertado é o Oxigénio e, escreva as equações das reacções.

b) Estude a reacção do Sulfato de ferro (II), recém preparada, com o Hexacianoferrato (II) de potássio e o
Hexacianoferrato (III) de potássio.
 Com qual deles se obtém logo uma coloração azul? Porquê?

c) Junte 5 gotas de Hexacianoferrato (II) de potássio com 3 a 4 gotas de Água de Cloro;


 Leve à uma ebulição enérgica (até eliminar o excesso de Cloro);
 À solução obtida, junte 8 gotas da solução de FeSO4.
 O que observa?
 Anote as observações e escreva as equações das reacções!

2
dr. Basílio Alberto Assane
Experiência nº 8: Formação de aquocomplexos e hidroxocomplexos de Cr (III) e Zn (II).
a) Obtenha, por reacções de intercâmbio iónico, o Hidróxido de crómio (III) e investigue as suas propriedades
ácido-base.
 Explique o que se observa e escreva as equações das reacções.
 Explique ainda a estrutura desses complexos, sabendo que o no de coordenação é 6.

b) Que reacções se podem usar para transformar o Zn(OH)2, anfotérico em Água, a hidroxocomplexos de Zn
(II)?
 Realize essas reacções.
 Escreva a estrutura desses complexos, sabendo que o no de coordenação é 4.

BOM TRABALHO!

3
dr. Basílio Alberto Assane