Você está na página 1de 7

LEGISLAÇÃO E

REGULAMENTAÇÃO
JURISPRUDÊNCIA
ANEEL
PARTICIPAÇÃO
PÚBLICA
DESTAQUES
nº 52
▪  ANEEL ▫  Geração ▫  Audiências Públicas ▫  Leilões Agosto de 2018
▫ MME ▫  Transmissão ▫  Consultas Públicas
▫  Distribuição ←→
↑ voltar ao início

O boletim eletrônico Energia traz


informações sobre os principais atos
adminisrativos, normativos e textos legais
relacionados à regulamentação do setor de
energia elétrica no Brasil.

PERIODICIDADE
Mensal

SÓCIO RESPONSÁVEL
José Roberto Oliva Júnior
(FOTO: NASA, UNSPLASH)

COLABORADORES
Julia Batistella Machado ANEEL
Marina Bianchi Fronterotta
Ana Clara Pessoa Mello de L. Castro ANEEL aprova a revisão de ANEEL aprova a revisão de
Submódulos dos Procedimentos Submódulo dos Procedimentos de
Para receber ou deixar de receber esta de Rede Regulação Tarifária
publicação entre em contato conosco A ANEEL publicou, em 15.08.2018, a Resolução A ANEEL publicou, em 15.08.2018, a Resolução
através do e-mail pna@pn.com.br. Normativa n° 825, de 13.08.2018, que aprova a revisão Normativa n° 826, de 13.08.2018, que aprova a
2018.8 dos Submódulos 10.6 e 23.3 dos Procedimentos versão 1.6 do Submódulo 6.8 dos Procedimentos de
de Rede. Os Submódulos revisados tratam do Controle Regulação Tarifária – PRORET. O Submódulo revisado
da Geração e das Diretrizes e Critérios para Estudos trata das Bandeira Tarifárias.
Elétricos. Clique aqui para acessar o texto da REN n° 826/2018.
Clique aqui para acessar o texto da REN n° 825/2018. Clique aqui para acessar o texto o Submódulo 6.8.
Este boletim tem caráter genérico e informativo, não constituindo
Clique aqui para acessar o texto do Submódulo 10.6.
opinião legal para qualquer operação ou negócio específico. Para
mais informações, entre em contato com nossos advogados ou Clique aqui para acessar o texto do Submódulo 23.3.
visite o website www.pinheironeto.com.br.

www.pinheironeto.com.br
1
LEGISLAÇÃO E
REGULAMENTAÇÃO
JURISPRUDÊNCIA
ANEEL
PARTICIPAÇÃO
PÚBLICA
DESTAQUES
nº 52
▪  ANEEL ▪  Geração ▫  Audiências Públicas ▫  Leilões Agosto de 2018
▪  MME ▫  Transmissão ▫  Consultas Públicas
▫  Distribuição ←→
↑ voltar ao início

ANEEL altera Resolução Normativa


sobre penalidades aplicáveis a
usinas termelétricas por falta de
combustível
A ANEEL publicou, em 23.08.2018, a Resolução
Normativa n° 827, de 21.08.2018, que altera a MME
Resolução Normativa ANEEL nº 583, de 22.10.2013.
As alterações incluem uma nova fórmula de MME publica Portaria que altera
cálculo da penalidade aplicável (que passou a condições de solicitação do REIDI
ser referenciada no Custo Variável Unitário – CVU, O Ministério de Minas e Energia publicou, em
em vez de no Preço de Liquidação de Diferenças 13.08.2018, a Portaria n° 318, de 01.08.2018, que
– PLD), e a liberdade na negociação da cláusula resolve que a pessoa jurídica de direito privado,
de penalidade nos contratos de fornecimento. titular de projeto para implantação de infraestrutura
Clique aqui para acessar o texto da REN n° 827/2018. de geração e transmissão de energia elétrica,
Clique aqui para acessar o texto da REN n° 583/2013. poderá requerer à Agência Nacional de Energia
Elétrica - ANEEL o enquadramento no Regime
Especial de Incentivos para o Desenvolvimento
da Infraestrutura - REIDI; e revoga as Portarias
MME 274, de 19.08.2013; 310, de 12.09.2013;
222, de 07.06.2016; e 487, de 15.12.2017.
Clique aqui para acessar o texto
da Portaria n° 318/2018.
Clique aqui para acessar o texto
da Portaria n° 274/2013.
Clique aqui para acessar o texto
da Portaria n° 310/2013.
Clique aqui para acessar o texto
da Portaria n° 222/2016.
Clique aqui para acessar o texto
da Portaria n° 487/2017.
(FOTO: NASA, UNSPLASH)

www.pinheironeto.com.br
2
LEGISLAÇÃO E
REGULAMENTAÇÃO
JURISPRUDÊNCIA
ANEEL
PARTICIPAÇÃO
PÚBLICA
DESTAQUES
nº 52
▫ ANEEL ▪  Geração ▫  Audiências Públicas ▫  Leilões Agosto de 2018
▫ MME ▪  Transmissão ▫  Consultas Públicas
▫  Distribuição ←→
↑ voltar ao início

G E R A ÇÃO

ANEEL reconsidera a revogação de Reserva - CERs e quitação das inadimplências ANEEL revoga outorgas de
de outorgas de centrais e débitos relativos à contratação de conexão e centrais geradoras eólicas e
geradoras eólicas uso do sistema de transmissão; e (ii) declarar a aplica penalidades a Furnas
A Diretoria, por unanimidade, decidiu: (i) conhecer perda de objeto do Pedido de Reconsideração, Centrais Elétricas S.A.
do Pedido de Reconsideração interposto pela com pedido de efeito suspensivo, interposto A Diretoria, por unanimidade, acompanhando o voto
Energimp S.A. em face das Resoluções Autorizativas pela Companhia Hidro Elétrica do São Francisco do Diretor-Relator, decidiu: (i) revogar as outorgas
nº 6.636/2017, 6.637/2017, 6.638/2017, 6.639/2017, - Chesf em face das Resoluções Autorizativas nº de autorização para implantação e exploração das
6.640/2017, 6.641/2017, 6.642/2017 e 6.643/2017 e, 6.636/2017, 6.637/2017, 6.638/2017 e 6.639/2017, Centrais Geradoras Eólicas - EOLs Itaguaçu da Bahia,
no mérito, dar-lhe provimento, para (i.a) revogar ante o provimento do Pedido de Reconsideração Ventos de Santa Luiza, Ventos de Santa Madalena,
as Resoluções Autorizativas mencionadas; (i.b) interposto pela Energimp S.A. para não revogar as Ventos de Santa Marcella, Ventos de Santa Vera,
restaurar a eficácia das Portarias nº 563/2010, autorizações para a exploração das Centrais Eólicas Ventos de Santo Antônio, Ventos de São Bento,
566/2010, 605/2010, 745/2010, 183/2012, 140/2012, Araras, Garças, Lagoa Seca e Vento do Oeste. Ventos de São João, Ventos de São Rafael e Ventos de
226/2012 e 138/2012; (i.c) permitir a transferência A efetividade da decisão foi condicionada à São Cirilo; e (ii) aplicar as penalidades de cobrança
do controle societário das Centrais Eólicas Araras, quitação de todas as inadimplências e débitos de multa correspondente a 1% do investimento
Garças, Lagoa Seca, Vento do Oeste, Ventos de relativos à contratação de conexão e uso do sistema declarado à Empresa de Pesquisa Energética - EPE,
Santa Rosa, Ventos de Santo Inácio, Ventos de de transmissão, e quitação ou parcelamento para cada empreendimento, conforme explicitado
São Geraldo e Ventos de São Sebastião para a das inadimplências e débitos referentes a não na Tabela 2 do voto original do Diretor-Relator, a
Sequoia Capital Ltda.; e (i.d) determinar o prazo entrega de energia estabelecidas nos Contratos ser recolhida em até 10 (dez) dias da publicação do
de 90 dias para a quitação ou parcelamento das de Energia de Reserva - CERs dentro do prazo despacho decorrente desta decisão, e de suspensão,
inadimplências e débitos referentes a não entrega referido no subitem "i.d" do dispositivo. pelo período de 1 (um) ano, do direito das Sociedades
de energia estabelecidas nos Contratos de Energia de Propósito Específico - SPEs titulares das outorgas
e de Furnas Centrais Elétricas S.A. de contratar ou
participar de licitações promovidas pela ANEEL.

www.pinheironeto.com.br
3
LEGISLAÇÃO E
REGULAMENTAÇÃO
JURISPRUDÊNCIA
ANEEL
PARTICIPAÇÃO
PÚBLICA
DESTAQUES
nº 52
▫ ANEEL ▫  Geração ▫  Audiências Públicas ▫  Leilões Agosto de 2018
▫ MME ▪  Transmissão ▫  Consultas Públicas
▪  Distribuição ←→
↑ voltar ao início

ANEEL dá provimento parcial a ANEEL retifica parcialmente


Pedido de Reconsideração em face decisão anterior para determinar
do resultado do Reajuste Tarifário o envio à Diretoria somente em
Anual de 2017 caso de afastamento normativo
A Diretoria, por unanimidade, decidiu conhecer do No contexto de um pedido de anuência a contrato
Pedido de Reconsideração interposto pela Elektro de mútuo entre partes relacionadas, a Diretoria, por
Eletricidade e Serviços S.A. em face da Resolução unanimidade, decidiu retificar parcialmente a decisão
Homologatória nº 2.290/2017, que homologou exarada na 27ª Reunião Pública Ordinária, realizada
o resultado do Reajuste Tarifário Anual de 2017, em 31/7/2018, de modo a destacar que a necessidade
dando-lhe provimento parcial para: (i) que fosse de encaminhar o processo para a Diretoria pela SFF
considerado no processo tarifário subsequente o deve ocorrer somente em caso de necessidade de
(FOTO: NASA, UNSPLASH) componente financeiro de R$ 22.427,43 (vinte e dois novo afastamento normativo, passando a vigorar
mil, quatrocentos e vinte e sete reais e quarenta com a seguinte redação: "A Diretoria decidiu, ainda
T R A N S M I S SÃO e três centavos), atualizado pela regra prevista no encaminhar o processo à Superintendência de
Módulo 4 dos Procedimentos de Regulação Tarifária Fiscalização Econômica e Financeira – SFF para
Diretoria permite que o ONS isente - PRORET; (ii) que o componente Fator de Ajuste de análise do novo pleito apresentado pelo Grupo CEEE,
desconto da RAP ocasionados pela Devolução EER Angra III seja alocado como TE CVA no Ofício GAB/DIR/FIN/032-2018, de 13 de julho
greve dos caminhoneiros para que a apuração da CVA subsequente possa de 2018, relativo à possibilidade de anuência para
A Diretoria, por unanimidade, decidiu permitir considerar o ajuste decorrente da metodologia Termo Aditivo que trate da ampliação dos valores
ao Operador Nacional do Sistema Elétrico – ONS desenvolvida para a reversão dos valores de Angra financiados no referido Contrato de Mútuo, devendo
que promova a isenção do desconto de receita III; e (iii) que o valor de R$ 3.402.670,88 (três milhões, a Superintendência submeter o assunto à nova
estabelecido no art. 14 da Resolução Normativa quatrocentos e dois mil, seiscentos e setenta reais deliberação pela Diretoria em caso de necessidade
nº 729/2016, nos casos de cancelamentos de e oitenta e oito centavos), a preço de junho de 2017, de identificação de afastamento normativo."
desligamentos a pedido de concessionárias seja considerado como componente financeiro no
de transmissão, ocasionados pela greve dos processo tarifário de 2018 e atualizado pelo Índice
caminhoneiros iniciada em 21 de maio de 2018. Nacional de Preços ao Consumidor Amplo – IPCA.

www.pinheironeto.com.br
4
LEGISLAÇÃO E
REGULAMENTAÇÃO
JURISPRUDÊNCIA
ANEEL
PARTICIPAÇÃO
PÚBLICA
DESTAQUES
nº 52
▫ ANEEL ▫  Geração ▪  Audiências Públicas
▫  ▫  Leilões Agosto de 2018
▫ MME ▫  Transmissão ▫  Consultas Públicas
▪ 
▫  Distribuição ←→
↑ voltar ao início

AUDIÊNCIAS PÚBLICAS

Audiência Pública Assunto Prazo de Contribuição


Obter subsídios para o aprimoramento da proposta referente à Quarta Revisão Tarifária Periódica da Celg
Distribuição S.A (Celg-D), a vigorar a partir de 22 de outubro de 2018, e definição dos correspondentes limites
ANEEL – AP n° 035/2018 De 25.07.2018 a 07.09.2018
dos indicadores de continuidade de Duração Equivalente de Interrupção por Unidade Consumidora (DEC) e
Frequência Equivalente de Interrupção por Unidade Consumidora (FEC), para o período de 2019 a 2023.

Obter subsídios para o aprimoramento das disposições do Atendimento ao Público previstas na Resolução
ANEEL – AP n° 027/2018 De 11.06.2018 a 08.09.2018
Normativa nº 414/2010 e complementada pelo Módulo 8 dos Procedimentos de Distribuição – PRODIST

Terceira Fase. Obter subsídios à proposta de regulamentação da revisão periódica das RAPs das instalações de
ANEEL – AP n° 041/2017 De 15.08.2018 a 17.09.2018
transmissão de energia elétrica, especificamente em relação às regras para apuração da BRR e de Outras Receitas.

Obter subsídios para o aprimoramento da proposta de regulamentação da cobertura tarifária


ANEEL – AP n° 038/2018 de custos com o Encargo de Serviço de Sistema – ESS e com o Encargo de Energia de Reserva – De 09.08.2018 a 22.09.2018
EER, objeto do Submódulo 5.4 dos Procedimentos de Regulação Tarifária – PRORET.

Obter subsídios para aprimoramento da estrutura de capital utilizada na metodologia


ANEEL – AP n° 039/2018 De 23.08.2018 a 24.09.2018
de precificação da receita teto dos leilões de transmissão.

Obter subsídios para o aprimoramento dos Submódulos dos Procedimentos de Rede em função da necessidade de
ANEEL – AP n° 041/2018 incorporação da flexibilização de requisitos da modalidade de despacho operativo das usinas hidrelétricas com potência De 30.08.2018 a 15.10.2018
superior a 30 MW, bem como de inclusão dos requisitos estabelecidos para usinas com modalidade de operação Tipo II-C.

Obter subsídios e informações adicionais para o aprimoramento da proposta de agrupamento das áreas de concessão das
ANEEL – AP n° 042/2018 De 30.08.2018 a 15.10.2018
empresas RGE Sul Distribuidora de Energia S.A – RGE Sul e Rio Grande Energia S.A – RGE, pertencentes ao grupo CPFL Energia.

Obter subsídios para o aprimoramento da proposta de revisão do Plano de


ANEEL – AP n° 040/2018 De 28.08.2018 a 31.10.2018
Universalização Rural da Eletrobrás Distribuição Piauí.

CONSULTAS PÚBLICAS

Consulta Pública Objeto Prazo de Contribuição

Obter subsídios acerca da metodologia e atualização da Taxa Regulatória de Remuneração do Capital para os segmentos
ANEEL – CP n° 015/2018 De 17.08.2018 a 30.09.2018
de distribuição, transmissão e geração (cotistas) conforme disposto em Relatório de Análise de Impacto Regulatório – AIR.

www.pinheironeto.com.br
5
LEGISLAÇÃO E
REGULAMENTAÇÃO
JURISPRUDÊNCIA
ANEEL
PARTICIPAÇÃO
PÚBLICA
DESTAQUES
nº 52
▫ ANEEL ▫  Geração ▫  Audiências Públicas ▪ Leilões Agosto de 2018
▫ MME ▫  Transmissão ▫  Consultas Públicas
▫  Distribuição ←→
↑ voltar ao início

L E I LÕE S

(FOTO: PEXELS) (FOTO: LICHTBLICK, PANTHERMEDIA NETZENTGELTE.JPG) (FOTO: SLAVA BOWMAN, UNSPLASH)

Leilão A-6: realizado em Leilão de Distribuidoras da Leilões A-1 e A-2: previstos para
31 de agosto de 2018. Eletrobrás: realizada sessão pública. o dia 7 de dezembro de 2018.
O Leilão A-6, realizado em 31.08.2018, contratou o Foi realizada na sede da B3 em São Paulo, na A Portaria do Ministério de Minas e Energia nº 317,
total 2,1 GW de potência em projetos de geração última quinta feria, 30.08.2018, a sessão pública publicada em 31.07.2018, determina que a ANEEL
de energia, previstos para entrarem em operação do Leilão de Desestatização de três Distribuidoras deverá promover, no dia 7 de dezembro de 2018, dois
em 2024. Os contratos movimentaram R$23,67 da Eletrobrás. O objeto do leilão foram as Leilões de Compra de Energia Elétrica Proveniente
bilhões, ao preço médio de R$ 140,87 por MW/ participações societárias representantes do controle de Empreendimentos de Geração em 2018, os Leilões
hora. De acordo com a CCEE, o deságio médio acionário das concessionárias de distribuição A-1 e A-2. O primeiro deles tem suprimento previsto
foi de 46,89%, o que significaria uma economia de energia nos estados do Acre (Eletroacre), para início em 01.01.2019 e término em 31.12.2020,
para os consumidores de R$20,9 bilhões ao Rondônia (Ceron) e Roraima (Boa Vista). enquanto o segundo tem início de suprimento
longo período de suprimento dos contratos. O critério de julgamento dos lances foi um previsto para 01.01.2020 e término para 31.12021.
A usinas de energia eólica foram o grande destaque índice de deságio composto por um elemento Acesse a Portaria MME n° 317/2018 aqui.
do Leilão, sendo responsáveis por mais da metade de flexibilização tarifária e outro de bonificação
do total negociado. Apenas nessa fonte foram da outorga (Índice Combinado de Deságio na
contratados 1,25 GW de potência e 658,6MW médios Flexibilização Tarifária e Outorga). A Eletroacre
de garantia física. O deságio médio foi de 60,15%, de e a Ceron foram arrematadas pela Energisa com
forma que o preço médio ficou em R$90,45/MWh. um deságio de 31% e 21%, respectivamente,
Acesse mais informações sobre o enquanto que a Boa Vista foi vendida à Oliveira
resultado do Leilão aqui. Energia, com um deságio equivalente a 0%.
Acesse mais informações sobre o leilão aqui. e aqui.

www.pinheironeto.com.br
6
LEGISLAÇÃO E
REGULAMENTAÇÃO
JURISPRUDÊNCIA
ANEEL
PARTICIPAÇÃO
PÚBLICA
DESTAQUES
nº 52
▫ ANEEL ▫  Geração ▫  Audiências Públicas ▫  Leilões Agosto de 2018
▫ MME ▫  Transmissão ▫  Consultas Públicas
▫  Distribuição ←→
↑ voltar ao início

GLOSSÁRIO

ANEEL - Agência Nacional de Energia Elétrica

CCEE - Câmara de Comercialização


de Energia Elétrica

CMSE - Comitê de Monitoramento do Setor Elétrico

CNPE - Conselho Nacional de Política Energética

EPE - Empresa de Pesquisa Energética

MME - Ministério de Minas e Energia

ONS - Operador Nacional do Sistema Elétrico


(FOTO: PEXELS)

www.pinheironeto.com.br
7