Você está na página 1de 11

**Livro não comercial. Distribuído gratuitamente em todas as fontes!

**
- Introdução
Resolvi escrever esse meu terceiro ebook(livro digital) devido dois fatores: o
grande sucesso que os outros dois livros foram e a reflexão de perguntas
que fizeram em minhas palestras onde explanei a respeito dos dois primeiros
livros.

Devido ao grande sucesso, minha única possibilidade é de ser infinitamente


grato a todos. Foram mais de 25 mil downloads e compartilhamentos.
Só de saber que pelo menos 25 mil pessoas tiveram acesso a informação
que reuni e dei de graça, já é motivo de me sentir muito honrado. Após
escrever o sucesso "Os 6 passos para alcançar a fluência em libras" e "Os 4
pilares da fluência em libras" , muitos ficavam perguntando: - Então, como
posso estudar Libras em casa sozinho todos os dias para ter um bom
resultado? Quais são as maneiras que existem para treinar sozinho e o
qual/que você indica?

Quando tentava responder estas questões ao vivo durante minhas palestras,


eu não conseguia responder de forma clara e rápida, pois percebia que é um
assunto amplo com várias possibilidades. Por isso, esse livro nasceu, para
responder justamente estes questionamentos.

O meu intuito com este livro então, é não somente te entregar "a faca e o
queijo" e sim te ensinar detalhadamente como fazer o corte no queijo e
comer.Depois dessa, o máximo que eu poderia fazer por você, seria se eu
fosse na sua casa pessoalmente te ensinar Libras todos os dias rsrsrs..

Brincadeiras a parte, gostaria então de te desejar uma ótima leitura, ótima


reflexão e principalmente uma ótima prática.

"Algumas pessoas tem aptidões para fazer. Outras pessoas não tem a
tal aptidão. Dentre as que tem aptidões, existem aqueles que não
exercitam e não aprimoram/treinam suas aptidões. Dentre os que não
tem as aptidões, existem aqueles que mesmo não tendo aptidões, se
esforçam para treinar, adquirir e aprimorar as mesmas. No fim de tudo,
aquele que não tinha aptidão se esforçou mais para adquirir e
aprimorar, e acaba ganhando daquele que já tinha em si. Por isso, o
esforço ganha do talento. E então? Quais destas pessoas você será?"
( Carlos Cristian)

**Livro não comercial. Distribuído gratuitamente em todas as fontes!**


Quem é o Autor?
Meu nome é Carlos Cristian, se você já leu meus dois livros anteriores ou
teve a oportunidade de me conhecer pessoalmente, você já sabe bastante
coisas sobre mim. Mas se por ventura, você faz parte de uma parcela das
pessoas que ainda não me conhece, e muita das vezes não sabe nada sobre
mim. Abaixo resumidamente te falarei um pouco sobre mim:
Sou Fundador de duas empresas; O Instituto Tertúlias Libras e
o SOS Interpretes , estas são duas escolas de Libras destinadas a Ouvintes
e
também para surdos que querem apenas a Libras. Onde eu também atuo
como professor de Libras.
Sou também o criador do blog Tertúlias Libras, onde escrevo vários textos
explanando melhor alguns temas teóricos, psicológicos, polêmicos e
emocionais que envolvem a Língua Brasileira de Sinais.
Criei também o grande programa e projeto Repensando a Educação
Inclusiva, que tem como foco ajudar interpretes e professores que
trabalham na educação Inclusiva e bilíngue.
Sou palestrante, já palestrei em incontáveis eventos como SEBRAE,
Associação de surdos, Associação de cegos, eventos religiosos e entre
outros locais.
Também atuo como Consultor de Teatro, de acessibilidade e de
Interpretação e processo tradutórios.
Sou Poliglota, tenho domínio de mais de 4 idiomas.
Além de ser completamente apaixonado por temas aleatórios que
aparentemente não fazem conexão alguma, mas que para mim se
completam como: Física clássica, Física Quântica, Metafísica, Economia,
Psicologia, Marketing, Psicanalise, Biologia, Saúde da Aimentação,
Espiritualidade e entre outros.

A sede do Instutito Tertúlias Libras atualmente se localiza(enquanto escrevo


esse livro) em Belo Horizonte/MG, mas temos já alguns pólos espalhados
pelo Brasil.

Atualmente, toda sexta feira, as 19 horas, dou aula gratuita de Libras online
ao vivo na página do Facebook – Carlos Cristian Libras.

Há muitas mais novidades e oportunidades que estão vindo por aí.

Esse é um resumo rápido de quem sou, um pouquinho do que faço.

Agora sem enrolação vamos ao que interessa?

**Livro não comercial. Distribuído gratuitamente em todas as fontes!**


Os modelos tradicionais de ensino, seu método e
minha crítica
No ano de 2016, eu criei um projeto chamado Repensando a Educação
Inclusiva,onde neste projeto eu daria aulas para interpretes que trabalham na
área da educação ou que futuramente pretendem trabalhar. Dentro deste
curso, discutimos bastante a respeito da educação, além de estudarmos
profundamente os modelos mais antigos de educação até o modelo mais
atual.Neste período de estudo, a gente percebeu que hoje temos um modelo
de educação praticamente industrial.O modelo de colocar vários alunos em
uma única sala e ensinar tudo igual para todos, mesmo sendo pessoas
diferentes, com capacidades, habilidades e tendências distintas.

Assim como em uma fábrica onde a mercadoria é passada por cada sessão,
e em cada uma,são realizados ajustes já pré programados pela máquina.
Hoje as escolas tradicionais agem assim, elas tentam ensinar a mesma coisa
para todos , onde em cada série joga uma pancada de conteúdo no aluno e
passa ele para a próxima série, onde será novamente jogado nele mais uma
pancada de conteúdo e assim consecutivamente, até esse mesmo formar.
Como se os alunos fossem apenas mercadorias sendo feitas e preparadas
nas "indústrias".

Essa crítica acima não é minha, aliás já está bastante difundida por outros
profissionais que também estão insatisfeitos com o modelo atual.Entretanto,
o que não vejo ninguém fazer é, entender por qual razão esse modelo está
em vigor e prevalece.Isso começou quando se criou a "escola para todos",
onde esse modelo, embora muito falho é a maneira que o sistema encontrou
para realizar a educação em longa escala, atendendo o máximo de pessoas
possíveis.Então na verdade, o modelo pode às vezes ser falho, mas até
então, para se atender a todos, o modelo é capaz, pelo menos na teoria.

O grande problema é que vários cursos técnicos, especialização ,


profissionalizantes e etc acabam usando o mesmo modelo. Embora o
modelo já tenha se mostrada bastante falho.

As escolas de Libras por exemplo , em sua grande maioria seguem essa


mesma tradição como metodologia: separa os alunos por série( básico,
intermediário e avançado) e em cada um destes níveis já está programado
um cronograma fixo de conteúdos que será passado aos alunos, e assim o
modelo industrial se repete. O aluno vai passando por cada sessão e é
jogado nele um monte de conteúdo, que em Libras geralmente é uma lista
enorme de sinais, de vários conteúdos aleatórios e o aluno chega no
avançado e forma.
A pergunta é - De todo o conteúdo passado durante todo o curso, o quanto
os alunos realmente aprenderam? O quanto realmente foi assimilado?

Para espanto ou não das senhoras e senhores, pude notar quando dei aulas
em algumas destas instituições que menos de 50% do conteúdo é realmente
assimilado e aprendido.Tudo isso devido um modelo ineficaz : um método
que é usado na maioria das vezes e que obtêm nenhum ou pouco resultado .
O que pretendo escrevendo isso ao leitor, é que entenda que o método que
você usa para estudar tem muita influência na sua aprendizagem.

A maioria das escolas de Libras geralmente usam o seguinte método para


alfabetização:No módulo I se ensina datilologia, cores, números, sinais de
comprimentos. A partir de então, nos outros módulos focam em aprender
sinais de contextos específicos, por exemplo: "sinais de todos os animais" ,
"sinais de todas as profissões" , "sinais de esportes", "sinais de lugares" e
etc., e sempre é uma lista de palavras que o instrutor ou professor faz, uma
atrás da outra, depois passa uma atividade com aquele tema e na aula
seguinte é mais uma outra lista de sinais de outro contexto.

Durante o percurso o aluno tem a ilusão de que está aprendendo tudo, pois
está sendo jogado encima dele uma infinidade de sinais. E quando o aluno
não aprende ele sente "eu que não consegui decorar, devo ser burro, o curso
ensinou sim tudo isso". Depois, geralmente no intermediário vão aprender
outros sinais específicos, treinar alguns textos, aprender classificadores e
etc.Depois no avançado,tentam introduzir o aluno a tradução e interpretação.

O problema é que esse método não condiz com o funcionamento do cérebro.


Nós seres humanos aprendemos de três formas: repetição, experiência e
observação( de padrões). Só ver os sinais sendo feitos pelos instrutores e
fazendo apenas uma atividade com aqueles novos vocabulários é
insuficiente para o cérebro realmente aprender, o máximo que conseguimos
é decorar temporariamente e depois esquecer.

Outro grande problema de quem geralmente estuda Libras, é não ter o hábito
de estudar todos os dias. Não necessariamente em casa.. mas em outros
locais que esteja com um tempinho. Ir no curso apenas uma vez na semana
é muito pouco, precisa ver e estudar Libras todos os dias.

As atividades que irei descrever no próximo capítulo foram criadas em cima


destas três fôrmas de aprendizagem que descrevi.

Quero que você entenda que se você não realizar atividades diariamente
como estas que serão descritas abaixo, o seu aprendizado será muito
devagar.Não importa o quão bom o seu curso é, a aprendizagem tem que ser
ativa e não passiva. Ninguém se torna bom em algo apenas esperando as
informações sobre aquilo chegar até si, mas sim, indo atrás das informações
e se relacionando ativamente com elas.

Por essa razão que estes exercícios precisam ser feitos todos os dias, até
que seja alcançado o resultado almejado.

- Os métodos e estratégias de estudar sozinho


Antes de qualquer coisa, eu gostaria de esclarecer que não estou te
incentivando a abandonar o seu curso e apenas usar estes métodos abaixo,
o que estou dizendo é que juntamente com o seu curso, praticar estes
métodos será ótimo.

Exercício 1 - melhorar a datilologia

Pegue uma câmera filmadora, pode ser celular ou câmera mesmo, coloque-a
em posição para se filmar. Pegue qualquer livro que tenha na sua casa, abra
ele aleatoriamente e faça a datilologia da primeira palavra que ver na página
que abriu. Abra em outra página e faça a datilologia para a câmera da
primeira palavra que ver e faça isso consecutivamente.

Essa atividade ( filmagem) deve se em média de 10 minutos, no mínimo 25


palavras.Após o término, desligue a filmagem e veja o vídeo. A sua missão
agora é ver se entende a própria datilologia, se você está fazendo a
configuração de mãos corretamente das letras e principalmente ver se a sua
velocidade está boa, natural ou com muito atraso. Essa atividade é indicada
a ser feita dia sim , dia não.

Em menos de 1 mês já dá para notar grande diferença no aluno que usa


esse método.

Exercício 2 - pote de palavras para decorar

Consiga um pote que seja bonitinho e que caiba várias palavras em


pequenos papeis dobrados. Você pode até fazer o seu próprio pote se tiver
essa habilidade. Pegue um papel e escreva uma lista de palavras ou sinais
que tem ou teve dificuldade de decorar, ou pode simplesmente serem sinais
que aprendeu recentemente e está com medo de esquecer. Corte cada
palavra, separando- as e dobrando os papeizinhos como se fosse
sorteio.Agora você só precisa balançar o pote e tirar cada palavra para ao ler
tentar lembrar e fazer o sinal.

O ideal é você colocar sinais que você não tem facilidade para decorar, pois
a repetição irá te fazer memorizar e realmente aprender estes sinais.
PS: por muito tempo eu usei em minhas aulas do básico essa brincadeira.
Todas as palavras que ensinava eu colocava dentro do pote para os alunos
reverem. E em toda aula por pelo menos uma hora a gente fazia essa
brincadeira.

Eu indico fazer essa brincadeira consigo mesmo todos os dias, por pelo
menos 15 minutos e sempre acrescentar mais palavras ao seu pote e tirar as
palavras que foram muito fácil e que você já não tem mais dificuldade para
lembrar.

Exercício 3 - frases com o pote de palavras

Usando o mesmo pote de palavras, você irá ao tirar as palavras do pote além
de fazer o sinal que tirou, você vai precisar montar 3 frases com o sinal que
tirou.Assim você vai além de fazer o sinal que tirou, fazer outros sinais e
treinar em contexto.

Essa é batata! Ajuda muito a desenvolver. Você deve fazer ela também todos
os dias. Eu indico fazer ela por pelo menos 15 minutos também.

Exercício 4 - fazendo combinações de 2 a 3 palavras do pote

Ainda usando o seu "bendito" pote , você agora ao invés de tirar apenas uma
palavra, você deve tirar de duas a 3. E precisa montar uma frase ou uma
pequena história usando os 2 ou 3 sinais que foram tirados no pote. Você
pode aumentar para quantas palavras quiser. E pode até mesmo fazer um
texto enorme com estas palavras.

Essa é uma das brincadeiras que mais dão certo. Funciona muito para
aprender e treinar libras rápido.Mas eu indico que faça apenas dia sim, dia
não pois é perigoso se você fizer todos os dias ficar enjoado.

Exercício 5 - traduzir o seu dia todo para libras

Você simplesmente no final do dia, vai tentar contar em libras para si mesmo
tudo que fez , pensou, com quem conversou, onde foi, o que sentiu e etc.
Ao encontrar uma frase ou palavra que não sabe passar para libras, anote
para depois perguntar para seu professor do curso. Faça entao uma lista
enorme de palavras ou frases que gostaria de saber falar e leve a ele ou ela.
Eu lhe garanto que se o seu professor ou instrutor for bom ele vai adorar
receber essa lista e te ensinar estes sinais.

Esse método também é top,se você realmente usar ele consecutivamente o


seu avanço vai ser "animal".Porém eu indico usar ele apenas 2 vezes na
semana, porque se fizer todos os dias fica muito repetitivo e começa a ficar
chato.

Exercício 6 - copie a sinalização de surdos

Essa é uma das melhores atividades: você precisa encontrar um vídeo de


um surdo que sinaliza e que esteja dando alguma opinião sobre alguma
coisa, ou contando alguma coisa etc.. você só precisa tentar sinalizar junto
com ele o vídeo todo.E exatamente copiar todos os sinais que ele fizer, e não
apenas copiar os sinais, como também a expressão facial, a expressão
corporal e respiração.

Essa é uma das atividades que mais leva aluno do básico à fluência em
pouco tempo.

Mesmo que você não entenda oque estiver sendo sinalizado. Simplesmente
copie como se fosse um louco.No começo você vai ter muita dificuldade de
acompanhar e fazer junto.. mas não desanime.. continue que em pouco
tempo estará sinalizando na mesma velocidade dos surdos.

Com essa atividade você adquire coordenação motora, você pode aprender
de forma natural a estrutura da libras, vai adquirir a forma própria visual e
direcional dos surdos sinalizarem e mais um tanto de outros benefícios.

Eu indico fazer essa atividade todos os dias.

Exercício 7 - datilologia em todos os lugares

Essa atividade já é famosa.Você pode fazer essa em qualquer lugar.


Principalmente quando você estiver dentro de um ônibus indo para algum
lugar ou até mesmo caminhando na rua.Você precisa apenas todas as
palavras que ver como placas, nome de rua, nome de loja e etc.. você só
precisa fazer em datilologia.

No começo vai ser difícil fazer rápido. Depois você vai estar tão ágio que vai
conseguir fazer todas as palavras que ver e ainda vai ficar procurando mais.

Exercício 8 - treine expressão facial e corporal com desenho animados


ou programa de comédia

Essa é muito boa para desenvolver expressão facial e corporal.

Você simplesmente precisa ligar a TV ou no computador desenhos animados


ou filme/série/talkshow de comédia e tentar copiar exatamente igual a
expressão facial e corporal dos personagens ou atores.
Seria bom se você sempre se filmar neste processo para você você como
está o seu progresso. Algumas pessoas por baixa auto estima não consegue
fazer essa , muito menos filmar. Mas acredite em mim... Essa atividade irá te
levar para um outro nível. Encare esse seu medo e vergonha e seja feliz.

Exercício 9 - traduza tudo ao seu redor mentalmente

Essa atividade é indicada para quem já está do " Intermediário " para cima.

Simplesmente você precisa tudo que acontecer ao seu redor.. tudo que você
ouvir.. traduzir para libras mentalmente.
Ao encontrar palavras ou contextos que não sabe fazer em libras anote para
perguntar para algum professor.

Essa atividade eu indico até para quem já trabalha como interprete

Exércicio 10 - enfim, pense em libras

Essa é a atividade mais importante para você fazer, independente do nível


que você já estar.

Sabe aquela voz que tem na sua cabeça e conversa com você mesmo? Sim
essa voz mesmo que você usa dentro da sua cabeça até mesmo quando
está lendo este texto. O último passo para você realmente ficar bom em
libras é esquecer essa voz, substituir ela por mãos.
Exatamente.. ao invés de você ter uma voz para pensar.. para ser sua
consciência.. seu self.. você precisa substituir ela por um par de mãos.

Pensar o tempo todo na língua ou quase o tempo todo vai te fazer ter
reflexões de como os surdos pensam. E a consequência disso é que assim,
você vai começar a se colocar no lugar dos surdos e depois na hora de
sinalizar ou traduzir, a informação não irá mais passar por português e
depois verter para libras. A informação saída direto do seu sentimento, do
seu raciocínio visual para libras.
Quando você estiver conseguindo já fazer isso com facilidade, a sua libras
estará tão boa, que frequentemente pessoas confundirão você com surdo .

O que fazer com a Faca e o queijo?


Veja bem! Agora sim eu já te dei todos os meios e estratégias necessárias
para você estudar libras todos os dias em casa independente se você é ou
não assinante do Librasflix.

Na verdade , na verdade, o seu desenvolvimento e progresso será muito


maior tendo acesso ao librasflix. Mas para aqueles que não podem adquirir,
mesmo sendo muito barato, eu entendo.
A única reflexão que tenho é muito barato para se realizar seu sonho.

O seu dever, mais do que obrigação, de agora em diante é estudar libras


todos os dias em casa.

Se você ainda quer entender ainda mais sobre o processo de aprendizagem


e como você pode estudar sozinho, aconselho você assistir ou rever a minha
Oficina Gratuita e Online sobre "Como aprender Libras sozinho".
O Link da oficina é esse: sosinterpretes.klickpages.com.br/oficinaLBFX
Não sei oque mais posso fazer por você, pois tudo que já pensei fiz e
prometo continuar pensando maneiras de te ajudar ainda mais alcançar seu
objetivo.

Mas na real, todos nos sabemos que apenas você, pode fazer alguma coisa
por você.Apenas você pode tomar a decisão de não se conformar com o
mediano e sair da média.

Não seja mediócre. Mediucridade vem de ser médio. Aceitar estar na média.
Não seja mediócre então, esteja acima da média, faça alguma coisa por você
mesmo.

Eu acredito em você, se eu não acreditasse eu não lhe apresentaria todos os


recursos que ardualmente me esforço para te apresentar. Mas tudo,
literalmente tudo só depende de você. Já lhe dei, a faça e o queijo, já lhe
ensinei 10 formas diferentes de cortar este queijo, ofereço continuamente e
continuarei a tentar oferecer meu apoio e assistência para corta-lo, mas a
decisão é sua.

**Livro não comercial. Distribuído gratuitamente em todas as fontes!**


Gostou deste Ebook? Quer mais?
Onde mais você pode me encontrar?

Meu e-mail: carloscristianlibras@gmail.com – qualquer coisa me envie um


e-mail.

Curta a nossa página no Facebook:


https://www.facebook.com/Tertuliaslibras/ - Me ajude a alcançar mais
curtidas na página e divulgar nosso trabalho.
Leia nosso blog: tertuliasdelibras.blogspot.com.br – tem muita coisa lá de
graça.
Veja meu site: sosinterpretes.klickpages.com.br – Confira lá.
Veja nosso canal do Youtube: youtube.com/c/CarlosCristianLibras – tem vídeos todo
dia.
Acesse o LIBRASFLIX: sosinterpretes.klickpages.com.br/librasflix

**Livro não comercial. Distribuído gratuitamente em todas as fontes!**