Você está na página 1de 16

Desenho de Moda

Passo a passo

COORDENAÇÃO MOTORA
1
Versão 1.0
Índice

Cris Victer 03
Materiais 04
Coordenação Motora 05
Desenhando– Exercício 1 08
Desenhando– Exercício 2 11
Desenhando– Exercício 3 14
A Moda mudou minha vida 15

2
Cris Victer
CRIS VICTER é Cristiane Aparecida Gontijo Victer, ela é docente na área de Moda,
formada pela Faculdade de Arte e Design/FACED em Design de Moda, Mestre em
Desenvolvimento Regional pela UEMG, pós-graduada em Planejamento
Educacional e Docência do Ensino Superior pela ESAB e também Técnica em
Vestuário pelo CEFET - Centro Federal de Educação Tecnológica de Minas Gerais.

Atuou como docente e coordenadora do curso de moda da FACED por quase


uma década. Atua também como professora no curso de Produção de Moda do
CEFET.

CRIS VICTER, também tem vasta experiência no cenário da Moda, desenvolvendo


ações em diversas atividades do setor, como desenvolvimento de produto,
planejamento de coleção, modelagem, organização de desfiles, produção de
moda, treinamentos e consultorias especializadas.

Atua na área de educação desde 1994, ministrando cursos de desenho de moda,


modelagem, história da moda e teoria da cor. Tendo ministrado cursos em
instituições de ensino como CEFET no curso Técnico em Vestuário e Produção de
moda nas disciplinas de desenho de moda digital, planejamento de coleção e
modelagem computadorizada.

CRIS VICTER também tem forte influência como formadora de opnião no cenário
da moda brasileira. Ela tem diversos artigos publicados na área de moda, design e
sustentabilidade.

O expertise que CRIS VICTER desenvolveu


durante todos estes anos como profissional
da moda, possibilita que ela apoie e gere
tansformações profissionais e de vida em
pessoas que se interessam em entrar neste
fantástico mundo da MODA.

3
Materiais
Os materiais que serão utilizados em todas as aulas para treinamento de
coordenação motora, desenhos de saias e de calças, são os seguintes:

• 1 régua transparente de 30cm;


• 1 lapiseira espessura 0,7 mm;
• 1 borracha com refil;
• 1 lápis comum;
• Folhas A4;

Posteriormente serão implementados outros materiais, como lápis de cor e caneta


hidrográfica.

4
Coordenação motora

Os primeiros desenhos são para treinamento


de coordenação motora. Eles são muito
importantes para que se tenha a destreza
necessária ao desenho de moda. O primeiro traço,
como se fosse uma onda, e da esquerda para a
direita, deverá ser feito com lápis comum. O
desenho terá o formato de um tecido. Para esse
tipo de desenho é muito importante deixar a mão
deslizar livre sobre o papel. Para tanto, é preciso
segurar na parte central do lápis e deixá-lo bem
solto. Não há problemas se no começo o desenho
sair na posição contrária ou um pouco torto, o
importante é que a mão seja bem solta. O traço
pode ser feito da direita para a esquerda e
também da esquerda para a direita, isso
possibilitará um desenho mais livre e limpo.

Este tipo de desenho possibilitará


o formato das ondas
relacionadas ao tecido. Assim,
quando colocado o traço da
parte de cima e o traço da parte
de baixo é possível perceber o
formato como se fossem dobras
de tecido. Ao escurecê-lo é
como se fosse a parte da dobra
de uma cortina ou de um tecido.

Trataremos posteriormente o sombreado que deverá ser feito com lápis


especiais. Este traçado é utilizado principalmente para fazer o desenho de saia
godê e de saia plissada.

5
Utilizando novamente o traçado, mas para os dois lados, considerando o
formato similar a uma pequena cabecinha de E.T., faça uma onda para a
direita e outra onda para a esquerda. É importante não fazer esse desenho
como se estivesse fazendo-o na vertical. A forma correta é deitar bem os traços.

6
O acabamento será colocado como se fosse o tecido. De baixo para cima
puxe as linhas, tanto da parte inferior quanto da parte superior. O resultado será
a barra da saia.

O importante ao trabalhar a coordenação


motora é a atenção voltada à pressão do
lápis. Ao desenhar, primeiro pressione o
lápis e o solte. Desse modo tem-se um traço
mais forte no início, um traço médio, e um
traço bem fino no final.

Isso faz com que o desenho ganhe uma


forma interessante. Apertar o lápis e soltá-lo
é um treinamento de coordenação
motora. Apertar e soltá-lo no ar. Isso deve
ser feito por toda a folha.

Essa técnica pode ser feita ao se falar com


alguém ao telefone, por exemplo, de
modo que se encha uma folha de traços
apertando e soltando o lápis no ar.

Da direita para a esquerda, da esquerda Assim, todos os dias, ao


para a direita, da parte superior para a começar a desenhar é
parte inferior, da parte inferior para a parte interessante trabalhar os traços
superior, nas diagonais, e assim como se fosse um aquecimento
sucessivamente. É importante que se treine para as mãos.
pelo menos três folhas.

7
No decorrer do material irá existir páginas para que você
imprima e repita os exercícios. O ideal é pelo menos 3
páginas de cada nesta primeira fase.

Desenhando - Exercício 1

8
Esse tipo de traço também é utilizado para fazer o desenho de cabelos. Por
exemplo, ao desenhar um cabelo ondulado utilize o formato desses “ss” e, a
partir de então, acompanhe o movimento dos “ss” apertando o lápis e
soltando-o.

Acompanhe a parte de fora da volta e no meio deixe um pouco claro para


dar uma ideia de luz.

9
Algumas pontas ficam maiores e
outras menores, mas o importante é
que essas pontas fiquem retas e bem
finas no final, e o começo com o
traço bem forte.

Com o tempo serão utilizados os lápis


6B (além do 4B) e o esfuminho, para
trabalhar o efeito de luz e sombra.

Posteriormente, para esse traço


também serão utilizados o lápis
aquarela e canetinha de ponta bem
fina. Cada um dará um efeito
diferenciado.

Esse é um bom exercício para coordenação motora.

10
Desenhando - Exercício 2

11
Outro tipo de traço também muito utilizado é o traçado para elástico ou
detalhes em saias e calças. É um detalhe simples, mas que às vezes os alunos
têm muita dificuldade.

O exercício é de subir, descer, e soltar o lápis..

12
Além disso, é também importante treinar para cima.

Os traçados menores dão


acabamento nas peças. Por
exemplo, ao desenhar uma saia com
esses exercícios, seria possível ter um
babado e um elástico. Na parte de
cima faça um franzido, e na parte de
baixo os traços subindo.

Com esses detalhes tem-se um


desenho de saia. A partir de luz e
sombra tem-se o acabamento da
saia.

É importante lembrar que os riscos no


desenho deverão ser colocados de
baixo para cima, tentando encontrar
as linhas.

13
Desenhando - Exercício 3

14
A MODA MUDOU MINHA VIDA!
SE MUDOU A MINHA VIDA
PODE MUDAR A SUA TAMBÉM!

Veja este vídeo da Professora Cris Victer e veja como a MODA mudou sua vida
e a importância de trabalhar no que se gosta de fazer.

15
LISTA VIP DA CRIS
Clique no botã o abaixo, deixe seu e-mail e receba com exclusividade
e gratuitamente, os novos eBooks e Dicas sobre Moda e como se tornar
um profissional de sucesso neste segmento

16