Você está na página 1de 16

Slides da Aula

Vigilância em
Saúde

www.romulopassos.com.br 1

synthia samara vale bezerra - 060.109.944-38


www.romulopassos.com.br 2

synthia samara vale bezerra - 060.109.944-38


Vigilância em Saúde

www.romulopassos.com.br 3

synthia samara vale bezerra - 060.109.944-38


1. (Pref. Morrinhos-CE/PRÓ-MUNICÍPIO/2016) A vigilância epidemiológica é um “conjunto de ações que
proporcionam o conhecimento, a detecção ou prevenção de qualquer mudança nos fatores determinantes e
condicionantes da saúde individual ou coletiva, com a finalidade de se recomendar e adotar as medidas de
prevenção e controle das doenças ou agravos”. Seu propósito é:
a) Desenvolver ações de monitoramento contínuo do país/estado/região/município/território, por
meio de estudos e análises que revelem o comportamento dos principais indicadores de saúde,
priorizando questões relevantes e contribuindo para um planejamento de saúde mais abrangente;
b) Fornecer orientação técnica permanente para os que têm a responsabilidade de decidir sobre a execução
de ações de controle de doenças e agravos; tem como funções, dentre outras: coleta e processamento de
dados; análise e interpretação dos dados processados; divulgação das informações;
c) Visa ao conhecimento e à detecção ou prevenção de qualquer mudança nos fatores determinantes e
condicionantes do ambiente que interferiram na saúde humana;
d) É entendida como um conjunto de ações capazes de eliminar, diminuir ou prevenir riscos à saúde e de
intervir nos problemas sanitários decorrentes do meio ambiente, na produção e circulação de bens e na
prestação de serviços de interesse da saúde.

2. (Residência Multiprofissional de Enfermagem/NUCEPE – UESPI/2014) Em relação à vigilância em saúde na


Saúde da Família, indique se as assertivas abaixo são verdadeiras (V) ou falsas (F).

I - Para qualificar a atenção à saúde a partir do princípio da integralidade, é fundamental que os processos de
trabalho sejam organizados com vistas ao enfrentamento dos principais problemas de saúde-doença das
comunidades e com ações de promoção e vigilância em saúde efetivamente incorporadas no cotidiano das
equipes de Saúde da Família.

II - O conceito de vigilância em saúde inclui, exclusivamente, a vigilância e o controle das doenças


transmissíveis e a vigilância das doenças e agravos não transmissíveis.

III - No trabalho de controle sanitário é fundamental conhecer o território, identificar e interpretar a


organização e a dinâmica das populações que nele habitam, bem como compreender a forma como funcionam
e se articulam as condições econômicas, sociais e culturais, quais os atores sociais em questão e a relação
destes com seus espaços de vida e de trabalho.
IV - A população sob vigilância corresponde a todas as pessoas residentes no país. Cada município deve
notificar os casos detectados em sua área de abrangência, ou seja, apenas os residentes nesse município.

A sequência correta para I, II, III e IV é:

a) V – V – F– F

b) V – F – V – F

c) V – F – F – V

www.romulopassos.com.br 4

synthia samara vale bezerra - 060.109.944-38


d) V – V – V – F

e) V – F – V – V

3. (Prefeitura de Piripiri-PI/2012/LUDUS) Sobre as ações de Vigilância em Saúde, marque a resposta


INCORRETA.

a)Vigilância da saúde do trabalhador.

b) Vigilância das doenças e agravos não transmissíveis.

c) Vigilância ambiental em saúde.

d) Vigilância e controle das doenças transmissíveis.

e) Vigilância dos recursos do SUS.

4. (Ebserh Nacional/AOCP/2015) São os componentes da vigilância em saúde, EXCETO

a) ações de vigilância.

b) hierarquização das ações.

c) controle de agravos à saúde.

d) promoção à saúde.

e) prevenção de doenças.

5. (Residência em Enfermagem/UFAL-COPEVE/2015) A notificação de casos é o procedimento medular da


vigilância, por meio do qual os serviços de saúde informam de modo rotineiro e obrigatório a autoridade
sanitária sobre a ocorrência de eventos sujeitos à vigilância. No entanto, algumas vezes faz-se necessário
realizar uma busca intencional de casos do evento sujeito à vigilância. A equipe busca diretamente os
dados objetos de vigilância, revisando até mesmo os registros rotineiros do serviço de saúde e os registros
diários de atenção às pessoas. Esse tipo de ação é conhecida como

a) Vigilância Ativa.

b) Vigilância Passiva.

c) Vigilância Sentinela.

d) Pesquisas Sorológicas.

e) Pesquisa de casos e surtos.

6. (Prefeitura de Valença-RJ/2012/FUNCAB) A Vigilância da Situação de Saúde é um dos componentes da


Vigilância em Saúde e pode ser definida como:

a) ações de monitoramento contínuo do país/estado/região/município/equipes, por meio de estudos e


análises que revelem o comportamento dos principais indicadores de saúde, priorizando questões relevantes e
contribuindo para um planejamento de saúde mais abrangente.

www.romulopassos.com.br 5

synthia samara vale bezerra - 060.109.944-38


b) conjunto de ações que proporcionam o conhecimento, a detecção ou prevenção de qualquer mudança nos
fatores determinantes e condicionantes da saúde individual ou coletiva, com a finalidade de recomendar e
adotar as medidas de prevenção e controle das doenças ou agravos.

c) ações centradas nos fatores não biológicos do meio ambiente que possam promover riscos à saúde humana:
água para consumo humano, ar, solo, desastres naturais, substâncias químicas, acidentes com produtos
perigosos, fatores físicos e ambiente de trabalho.

d) conjunto de atividades destinadas à promoção e proteção, recuperação e reabilitação da saúde dos


trabalhadores submetidos aos riscos e agravos advindos das condições de trabalho.

e) conjunto de ações capazes de eliminar, diminuir ou prevenir riscos à saúde e de intervir nos problemas
sanitários decorrentes do meio ambiente, produção e circulação de bens e prestação de serviços de interesse
da saúde.

Vigilância Epidemiológica

Funções da Vigilância Epidemiológica

www.romulopassos.com.br 6

synthia samara vale bezerra - 060.109.944-38


7. (SEGPLAN-GO/SEAP-GO/2016) São inúmeras as funções da Vigilância Epidemiológica, exceto:
a) coleta de dados.
b) processamento de dados coletados.
c) análise e interpretação dos dados processados.
d) recomendação das medidas de controle apropriadas.
e) intervir nos problemas sanitários decorrentes do meio ambiente, da produção e da circulação de bens, e da
prestação de serviços de interesse da saúde.

8. (Prefeitura de Carangola-MG/2012/IDECAN) São funções da vigilância epidemiológica, EXCETO:


a) Coleta de dados.
b) Processamento de dados coletados.
c) Recomendação das medidas de controle apropriadas.
d) Emissão de licença para estabelecimentos.
e) Avaliação da eficácia e efetividade das medidas adotadas.

9. (Residência Multiprofissional de Enfermagem/NUCEPE – UESPI/2014) São responsabilidades da vigilância


epidemiológica, EXCETO:
a) Doenças de Notificação Compulsória.
b) Vigilância do óbito infantil e mortalidade materna.
c) Alimentação e retroalimentação dos bancos dos sistemas de informação.
d) Comércio de alimentos (restaurantes, lanchonetes, supermercados).
e) Doenças não transmissíveis.

10. (EBSERH/HU-UFS/SE/2014/AOCP) O conjunto de ações que proporcionam o conhecimento, a detecção ou


prevenção de qualquer mudança nos fatores determinantes e condicionantes de saúde individual ou coletiva,
com a finalidade de recomendar e adotar as medidas de prevenção e controle das doenças ou agravos é o que
se entende por:
a) vigilância sanitária.
b) vigilância epidemiológica.
c) saúde do trabalhador.

www.romulopassos.com.br 7

synthia samara vale bezerra - 060.109.944-38


d) assistência terapêutica integral.
e) assistência social

11. (HE-UFSCAR/EBSERH/AOCP/2015) Para o desenvolvimento do Sistema Nacional de Vigilância


Epidemiológica (SNVE), a atual orientação estabelece como prioridade o fortalecimento de qual sistema de
vigilância epidemiológica, a fim de proporcionar maior autonomia técnico-gerencial para enfocar os problemas
de saúde próprios de suas áreas de abrangência?
a) Sistemas federais de vigilância epidemiológica.
b) Sistemas estaduais de vigilância epidemiológica.
c) Sistemas municipais de vigilância epidemiológica.
d) Sistemas legais de vigilância epidemiológica.
e) Sistemas mensais de vigilância epidemiológica.

12. (Prefeitura de Santa Mariana-PR/FUNTEF-PR/2014) O sistema que compreende o conjunto interarticulado


de instituições do setor público e privado, componentes do Sistema Único de Saúde, que, direta ou
indiretamente, notificam doenças e agravos, prestam serviços a grupos populacionais ou orientam a conduta a
ser tomada no controle das mesmas é o
a) Sistema de Vigilância Sanitária.
b) Sistema Nacional de Vigilância Epidemiológica
c) Sistema Único de Saúde
d) Sistema Nacional de Saúde
e) Sistema de Educação Permanente.

Vigilância Sanitária

www.romulopassos.com.br 8

synthia samara vale bezerra - 060.109.944-38


13. (CNEN/2014/IDECAN) “Conjunto de ações capazes de eliminar, diminuir ou prevenir riscos à saúde e de
intervir nos problemas sanitários decorrentes do meio ambiente, da produção e circulação de bens e da
prestação de serviços de interesse da saúde, abrangendo o controle de bens de consumo que, direta ou
indiretamente, se relacionem com a saúde, compreendidas todas as etapas e processos, da produção ao
consumo e o controle da prestação de serviços que se relacionam direta ou indiretamente com a saúde.” A
afirmativa anterior se refere a:
a) Saúde pública
b) Vigilância sanitária
c) Auditoria hospitalar
d) Medicina preventiva
e) Vigilância ambiental em saúde

14. (HC-UFG/EBSERH/AOCP/2015) Qual Lei que define o Sistema Nacional de Vigilância Sanitária, cria a
Agência Nacional de Vigilância Sanitária e dá outras providências?
a) Lei nº 9.782/1999.
b) Lei nº 9.841/1999.
c) Lei nº 8.142/1990.
d) Lei nº 8.212/1991.
e) Lei nº 8.078/1990.

15. (Prefeitura de Mogi das Cruzes-SP/2014/CAIPIMES) Entende-se por vigilância sanitária um conjunto de
ações capaz de eliminar, diminuir ou prevenir riscos à saúde e de intervir nos problemas sanitários decorrentes
do meio ambiente, da produção e circulação de bens e da prestação de serviços de interesse da saúde. É
correto afirmar:
a) Na Lei nº 8.080, de 19 de setembro de 1990, não estão previstas as ações de vigilância sanitária.
b) A vigilância sanitária é responsável pelo controle de bens de consumo que, direta ou indiretamente, se
relacionem com a saúde.

www.romulopassos.com.br 9

synthia samara vale bezerra - 060.109.944-38


c) O controle da prestação de serviços que se relacionam direta ou indiretamente com a saúde, não são de
competência da vigilância sanitária.
d) A participação na normatização, fiscalização e controle dos serviços de saúde do trabalhador nas
instituições e empresas públicas e privadas, não são de competência da vigilância sanitária.

16. (Assembleia Legislativa do Estado de Minas Gerais/FUMARC/2014) De acordo com o Art. 6º da LEI 9.782,
de 26 de janeiro de 1999, a Agência Nacional de Vigilância Sanitária - ANVISA tem finalidade institucional de
promover a proteção da saúde da população, por intermédio do controle sanitário da produção e da
comercialização de produtos e serviços submetidos à vigilância sanitária, inclusive dos ambientes, dos
processos, dos insumos e das tecnologias a eles relacionadas, bem como o controle de portos, aeroportos e de
fronteiras. Cabe à ANVISA, no âmbito de suas atribuições, EXCETO:
a) Coordenar o Sistema Nacional de Vigilância Sanitária.
b) Fomentar e realizar estudos e pesquisas no âmbito de suas atribuições.
c) Obedecer às normas e às ações de vigilância sanitária estabelecidas pelo Executivo.
d) Estabelecer normas e padrões sobre limites de contaminantes, resíduos tóxicos, desinfetantes, metais
pesados e outros que envolvam risco à saúde.

17. (UFPB/2016) Segundo a Lei Orgânica 8.080 de 1990, entende-se por Vigilância Epidemiológica:
a) Um conjunto de ações que proporcionam o conhecimento, a detecção ou prevenção de qualquer mudança
nos fatores determinantes e condicionantes de saúde individual ou coletiva, com a finalidade de recomendar e
adotar as medidas de prevenção e controle das doenças ou agravos.
b) Um conjunto de atividades que se destina, através das ações de vigilância, à promoção e proteção da saúde
dos trabalhadores, assim como visa à recuperação e reabilitação da saúde dos trabalhadores submetidos aos
riscos e agravos advindos das condições de trabalho.
c) Conjunto de medidas de controle da prestação de serviços que se relacionam direta ou indiretamente com a
saúde.
d) Conjunto de ações de controle de bens de consumo que, direta ou indiretamente, se relacionem com a
saúde, compreendidas todas as etapas e processos, da produção ao consumo.
e) Um conjunto de ações capaz de eliminar, diminuir ou prevenir riscos à saúde e de intervir nos problemas
sanitários decorrentes do meio ambiente, da produção e circulação de bens e da prestação de serviços de
interesse da saúde.

www.romulopassos.com.br 10

synthia samara vale bezerra - 060.109.944-38


Saúde do Trabalhador

www.romulopassos.com.br 11

synthia samara vale bezerra - 060.109.944-38


18. (Ebserh Nacional/AOCP/2015) Qual sistema de vigilância constitui-se em um dos componentes do Sistema
Nacional de Vigilância em Saúde e visa à promoção da saúde e à redução da morbimortalidade da população
trabalhadora, por meio da integração de ações que intervenham nos agravos e seus determinantes
decorrentes dos modelos de desenvolvimento e processos produtivos?
a) Vigilância em Saúde do Trabalhador.
b) Vigilância em Saúde da Criança e do Adolescente.
c) Vigilância em Saúde da Mulher.
d) Vigilância em Saúde do Idoso.
e) Vigilância em Saúde do Homem.

19. (UPE/2016) Entende-se por saúde do trabalhador, segundo a lei 8080/90, um conjunto de atividades que
se destina, por meio das ações de vigilância epidemiológica e vigilância sanitária, à promoção e à proteção da
saúde dos trabalhadores.
Sobre essa questão, leia os itens abaixo:
I. A garantia ao sindicato dos trabalhadores de requerer ao órgão competente a interdição de máquina,
quando houver exposição a risco iminente para a vida ou saúde dos trabalhadores.
II. A informação ao trabalhador e à sua respectiva entidade sindical e às empresas sobre os riscos de acidentes
de trabalho.
III. A avaliação do impacto que as tecnologias provocam à saúde.
IV. A revisão periódica da listagem oficial de doenças originadas no processo de trabalho.
V. A assistência ao trabalhador vítima de acidentes de trabalho ou portador de doença profissional e do
trabalho.
Assinale a alternativa CORRETA.
a) Todos os itens estão corretos.
b) Apenas 4 itens estão corretos.
c) Apenas 3 itens estão corretos.
d) Apenas 2 itens estão corretos.
e) Apenas 1 item está correto.
20. (HU-PEST/UFSC/EBSERH/IBFC/2016) Considerando a lei 8080/90, no que tange à Saúde do Trabalhador,
analise as afirmativas abaixo e assinale a alternativa correta:
I. O texto da lei abrange participação, no âmbito de competência do Sistema Único de Saúde-SUS, em estudos,
pesquisas, avaliação e controle dos riscos e agravos potenciais à saúde existentes no processo de trabalho.
II. O texto da lei prevê a avaliação do impacto que as tecnologias provocam à saúde.
III. O texto da lei não prevê a garantia, ao sindicato dos trabalhadores, de requerer ao órgão competente a
interdição de máquina, de setor de serviço ou de todo o ambiente de trabalho, quando houver exposição a
risco iminente para a vida ou saúde dos trabalhadores.
a) I, II e III são corretas
b) Apenas I e II são corretas
c) I, II e III são incorretas
d) Apenas I é correta
e) Apenas III é correta

www.romulopassos.com.br 12

synthia samara vale bezerra - 060.109.944-38


Vigilância Ambiental

Objetivos da Vigilância Ambiental

www.romulopassos.com.br 13

synthia samara vale bezerra - 060.109.944-38


21. (Ebserh Nacional/AOCP/2015) Busca a identificação de situações de risco ou perigos no ambiente que
possam causar doenças, incapacidades e mortes com o objetivo de se adotar ou recomendar medidas para a
remoção ou redução da exposição a essas situações de risco. O enunciado refere-se à
a) vigilância nutricional.
b) vigilância ambiental.
c) vigilância transversal.
d) vigilância seccional.
e) vigilância ontológica

22. (ES/DF/2014/IDECAN) “O campo tático da saúde coletiva deveria centrar‐se na promoção da saúde
ambiental, que contemplaria tanto a saúde humana quanto a dos ecossistemas, de maneira uníssona, visto
que, em uma realidade globalizada e complexa, tornou‐se impossível pensar essas duas dimensões em
separado.” (Machado, C. J. S.; Ramos, R. R. Ciência, saúde coletiva, meio ambiente e sociedade. Jornal da
Ciência, n. 13 (2010). Sobre saúde ambiental, assinale a afirmativa INCORRETA.
a) Desenvolve e aplica medidas de controle da disseminação de vetores, seus reservatórios e fontes de
contaminação.
b) Tem como objetivo detectar e prevenir a alteração de fatores ambientais que venham a influenciar na
saúde humana.
c) Visa avaliar contaminantes ambientais e a presença de agentes no meio ambiente que possam acarretar
riscos à saúde humana.
d) Analisa a influência do ser humano na degradação do meio ambiente, aplicando medidas de controle e
prevenção de intemperismo ambiental.
e) Objetiva a criação e implementação de medidas que minimizem riscos ambientais com a finalidade de
prevenir e controlar fatores de risco à saúde.

www.romulopassos.com.br 14

synthia samara vale bezerra - 060.109.944-38


Gabarito
1-B
2-B
3-E
4-B
5-A
6-A
7-E
8-D
9-D
10 - B
11 - C
12 - B
13 - B
14 - A
15 - B
16 - C
17 - A
18 - A
19 - A
20 - B
21 - B
22 - D

www.romulopassos.com.br 15

synthia samara vale bezerra - 060.109.944-38


www.romulopassos.com.br 16

synthia samara vale bezerra - 060.109.944-38

Você também pode gostar