Você está na página 1de 13

O vaso que Deus usa

Tipo: Esboços e estudos bíblicos / Autor: Pr. Luis Carlos Dicara

TEXTO CHAVE: II Corintios 4:7

“ Temos porém este tesouro em vasos de barro,

para que a excelência do poder seja de Deus e não de nós”.

1. Preparando-nos para sermos usados nas mãos de Deus.

I. OS DIFERENTES VASOS QUE DEUS USA.

1. Deus usa a sua Palavra

a) Deus usa a sua Palavra para regenerar, I Pd.1:23


b) Deus usa a sua Palavra para limpar, Jo.15:3
c) Deus usa a sua Palavra para santificar, Jo.17:17
d) Deus usa a sua Palavra para alumiar, Sl.119:105
e) Deus usa a sua Palavra para vivificar, Sl.119:25,107
f) Deus usa a sua Palavra para alimentar, MT.4:4 Sl.119:103
g) Deus usa a sua Palavra para testificar, Jo.5:39

2. Deus usa seus Anjos

a) Deus usa os Anjos para executar juízo, II Sm.24; Gn.19; At.12:23; Ap.8:1-9
b) Deus usa os Anjos para ministrar aos santos, Dn.6:22; Hb.1:14
c) Deus os Anjos para reger as nações, Dn.10:13-21; 12:1
d) Deus usa os Anjos para ajudar aos crentes, MT.18:10; At.8:26; 27:23
e) Deus usa os Anjos para executar tarefas de proteção, Sl.34:7; 91:11; At.12:7-10
f) Deus usa os Anjos para testemunhar a conversão dos pecadores, Lc.15:8,9 At.10:3
g) Deus usa os Anjos para trazer respostas as orações, Dn.9:21-23;10:12,13 At.10

3. Deus usa os Elementos da Natureza

a) Deus usa a chuva, Gn7:12


b) Deus usa os trovões, Jo.26:14; Sl.77:18
c) Deus usa os terremotos, MT.24:7; At.16:26; Ap.11:13
d) Deus usa a saraiva, Ex.9:18; Sl.18:13; Ap.16:21
e) Deus usa o relâmpago, Ex.19:16; MT.24:27
f) Deus usa os rios, Sl.66:6; Is.43:2
g) Deus usa os raios, Lc.10:18; Sl.18:14

4. Deus usa sua Igreja

a) Deus usa a sua igreja para adorar, Jo.4:23,24


b) Deus usa sua igreja para louvar, Lc.24:53; Hb.2:12; Tg.5:13
c) Deus usa sua igreja para pregar, Mc.16:15
d) Deus usa sua igreja para revelar, Éf.3:10
f) Deus usa sua igreja para testemunhar, At.1:8; 20:24
g) Deus usa sua igreja para ganhar almas, MT.4:19
h) Deus usa sua igreja para realizar a sua obra. Jo.20:21

II. OS VASOS NAS ESCRITURAS.

1. Sete tipos de material

a) Barro
1. II Coríntios 4:7
2. Levítico 6:28
3. Símbolo de fragilidade
4. Jo.10:9

b) Madeira
1. Êxodo 7:19
2. Símbolo da natureza humana
3. I Coríntios 3:12
4. Procede de uma árvore sacrificada

c) Pedra
1. Êxodo 7:19
2. I Pd.2:5
3.Genesis 11:8
4. Gênesis 28:18

d) Ferro
1. Josué 6:19
2. Eclesiastes 10:10
3. Daniel 2:33
4. Provérbios 27:17

e) Bronze e Cobre
1. II Samuel 8:10
2. Êxodo 27:3
3. Êxodo 38:3
4. Cobre e Bronze falam da mistura

f) Prata
1. II Reis 12:13
2. II Crônicas 9:24

OBSERVAR: Ex.31:1-5 e Lm.4:1,2. Estudar a estatua de Nabucodonozor.

2. Sete utilizações dos vasos.

A) Vaso do Senhor, Is.52:11

B) Vaso do altar,Ex.38:3,30
1. Caldeirões, Jr.52:18
2. Pás, MT.3:12
3. Bacias, Jo.13:5
4. Garfos
5. Braseiros, 47:14

C) Vaso do Tabernáculo, Ex.27:19


1.Pragas

D) Vasos de mesa, Ex.39:36


1. Pratos
2. Colheres
3. Escudelas
4. Tigelas

E) Vaso do Santuário, Nm.18:3

F) Vaso do Ministério
1. I Cr.9:28
2. Hb.9:21

3. Vinte designações gerais dos vasos.

A) Vasos santos, I Sm.21:5


B) Vasos ungidos, Ex.30:26-29;40:9,10; Nm.7:1
C) Vasos sagrados, I Rs.8:4; I Cr.22:19
D) Vasos para ministrar, II Cr.24:14
E) Vasos escolhidos, At.9:15
F) Vasos de misericórdia, Rm.9:23
G) Vasos de ira, Rm.9:22
H) Vasos para honra, Rm.9:21; II Tm.2:20
I) Vasos para desonra, Rm.9:21; II Tm.2:20
J) Vasos desejáveis, Os.13:15
L) Vasos de oleiro, Ap.2:27; Sl.2:9
M) Vasos fracos, I Pd.3:7
N) Vasos quebrados, Sl.31:12; Lv.6:28
O) Vasos emprestados, II Rs.4:4
P) Vasos vazios, II Rs.4:4
Q) Vasos cheios, II Rs.4:6
R) Vasos com azeite, MT.25:4
S) Vasos sem azeite, MT.25:3
T) Vasos menores, Is.22:24
U) Vasos preciosos, II Cr.36:10

2. Análise das leis espirituais que nos permitem ser usados por Deus.

I. A LEI DO VASO QUEBRADO: (Quebrantamento espiritual)

Textos de referência:

A. Juizes 7:20
B. Levitico 6:28
C. Marcos 14:3

1. Porque deve o cristão ser quebrantado ?

A) Por causa de sua natureza


1. Todos pecaram, Rm.3:23
2. Todos são culpados, Gl.3:22
3. A cabeça está enferma, Is.1:5
4. Os olhos estão cheios de adultério, II Pd.2:14
5. A boca está imunda, Rm.3:14
6. As mãos estão sujas de sangue, Is.1:5
7. Os pés correm para o mal, Pv.1:16
8. A Língua é mentirosa, Rm.3:13; Tg.3:6
9. Todo o corpo é abominável, Is.1:6
10. Até os pensamentos são ímpios, Gn.6:5; Rm.1:28

B) Por causa do seu orgulho, Pv.18:12

C) Porque assim aprende realmente a confiar em Deus.


1. Salmos 31:12-14
2. Salmos 38:8
3. Salmos 51:8

2. Que acontece aos quebrantados ?

A) São sarados.
1. O Senhor sara os quebrantados de coração, Sl.147:3
2. Sara a minha alma..., Sl.41:4
3. Pelas suas pisaduras fomos sarados, Is.53:5
4. Ele...nos sarará, Os.6:1
5. A curar os quebrantados de coração, Lc.4:18
6. A quebrada ligarei, Ez.34:16

B) O Senhor nunca os despreza, Sl.57:17

C) O Senhor está perto, Sl.34:18a

3. Exemplos de homens quebrantados,


A) Jó, quebrantado através do sofrimento
B) Moisés, quebrantado através da solidão
C) Jacó, quebrantado através da luta

O VASO QUEBRADO ESTÁ PRONTO PARA SER USADO.

II. A LEI DO VASO QUEBRANTADO: (Dedicação espiritual)

1. Mandamentos sobre a dedicação ao Senhor

A) II Tm.2:15
B) Rm.12:1.
C) II Tm.4:5

2. Vasos consagrados para o serviço de Deus.

A) Levitico 8:11
B) Êxodo 30:27,18

3. Como devemos nos dedicar ao Senhor

A) Alegremente, Sl.64:10
B) Voluntariamente, Sl.110:3
C) Constantemente, Lv.6:13

III. A LEI DO VASO LIMPO: (Santificação pessoal)

1. A palavra santificado aparece mais de 100 vezes no A.T. e mais de 30 vezes no N.T. seu
significado é tornar separadora para fazer a vontade de Deus, Jo.17:18,19

2. A palavra santo ocorre mais de 100 no A.T. e 12 no N.T. significando ser separado daquilo
que não é puro, Hb.7:26

3. A palavra santo surge 62 vezes no N.T. e se refere aos crentes, Significa separados para
Deus.

4. Três aspectos da santificação:

A) Posicional, I Co.6:11 Hb.10:10; Éf.5:25,26


B) Experimental, Rm.6:13; 12:1; II Co.3:18
C) Final, I Jo.3:2, Éf.5:27

5. Como podemos ser santificados ?

A) Pela palavra de Deus, Jo.17:17


B) Pelo sangue de Jesus Cristo, Hb.13:12; 10:10
C) Pela pessoa de Cristo, I Co.1:2
D) Pelo Espírito Santo, Rm.15:16
E) Pela fé, At.28:16

IV. A LEI DO VASO EMPRESTADO: (Comunhão espiritual)

1. Os vasos emprestados da Escritura,


A) O machado de II Rs.6:5
B) As vasilhas de II Rs.4:2
C) Os talentos de Mateus 25:14-30

2. A natureza de nossa comunhão com Deus.


A) Sobrenatural
1. Espírito+Espírito
2. Matéria+Espírito
3. Espírito+Matéria

B) Real e íntima
1. Não é ilusória
2. Não é fantasiosa
3. Não é teórica

C) Espiritual e gloriosa

V. A LEI DO VASO FRÁGIL: (Submissão total)

Referência básica: II Co.4:7

1. O barro é chamado de caco, Is.45:9


2. Deus é chamado de oleiro, Is.64:8
3. Deus nos quer em sua mão, Jr.18:6
4. Não esqueçamos: somos quebráveis. Ap.2:27
5. A submissão nos conduz a plena utilização.
6. Deus nos escolheu para usar-nos, Jo.15:16 Sl.33:12; Jo.15:19
7. Deus nos chamou para usar-nos, I Pd.2:9; Rm.8:30
8. Deus tem um trabalho para nós, Jo.15:16; MT.21:28; Jo.15:17
9. Nosso trabalho não será vão no Senhor, I Co.15:58
10. Ao final de nosso trabalho, o Senhor nos galardoará, Ap.22:12; MT.20:7,8.

DEUS NOS AJUDE A VIVER DE TAL MANEIRA QUE CADA UM DE NÓS VENHA A SER: O VASO
QUE DEUS USA.

Dados do autor:

Nome:
Pr. Luis Carlos Dicara

Detalhes:
Conferencista e pregador atuando no Campo de missões no Brasil e no Exterior, Formado em
Missiologia, Teólogo, escritor, articulista, representante do CNPB (Conselho nacional dos
Pastores do Brasil), presidente do Projeto Despertar das Nações, diretor interclesiastico da
FATEC (faculdade Teológica Cristocêntrica e Academia de ciência da Religião) e Membro do
Conselho e da academia Cultural de Missões Cristocêntrica ), Ministro de Evangelho ordenado
pela Convenção Nacional das Assembléias de Deus (CONAMAD), Preletor em vários
congressos e seminários no Brasil e exterior, Professor de Homilética, Ética Cristã e
Escatologia, tem vários estudos e mensagens gravados em Cds, k-7, vídeos e várias
apostilas e livros.

Peça um conselho sobre o asunto ao autor:


prdicara@yahoo.com.br
As sete coisas que não haverá no céu
Tipo: Esboços e estudos bíblicos / Autor: Pr. Luis Carlos Dicara

( Texto : Ap 21.1-5 )

Introdução : Na eternidade tudo será maravilhoso , se acabarão as lutas as provações, daqui


a pouco tudo isso irá acontecer na nossa vida, para aqueles que esperaram as promessas do
Senhor

1. No céu não haverá mar ( Ap. 21.1 ) O mar fala de inquietação , agitação tribulação,
ventos e tempestades se acabarão no céu, o mar não existe mais.

2. No céu não haverá choro ( Ap. 21.4 ) O Deus dos abatidos e tristes, ele mesmo enxugará
pessoalmente as nossas lágrimas , que serão transformadas em alegria ( Sl 126.5 ) , bem
aventurados os que choram pois eles serão consolados

3. No céu não haverá dor ( Ap. 21.4 ) O ser humano sofre com dores , cansaços , dor no
coração , na alma , e é afligido lá ele tirará todo fardo pesado toda opressão deste mundo de
pecado que nos rodeia e os enfados da carne.

4. No céu não haverá tristeza ( Ap. 21.4 ) Tristeza é algo que destrói a alma e deixa abatido
nosso coração , lá não seria possível ter a tristeza pois na presença do Rei dos Reis até a
tristeza salta de alegria , pois será alegria no Espírito, a tristeza será transformada em uma
alegria eterna.

5. No céu não noite ( Ap. 22.5 ) A noite é período de trevas , Jesus mencionou sobre a noite
, noite lembra o juízo de Deus sobre o rei Belsazar quando apareceu a mão misteriosa, noite
lembra as trevas do mundo onde não pode mais trabalhar, noite lembra o choro ( Sl 30.5 ),
mas lá o Cordeiro de Deus iluminará a cidade para todo sempre.

6. No céu não maldição ( Ap. 22.3 ) No Éden , o homem vivia em comunhão, após pecar a
maldição entrou na terra e ela começou a produzir espinhos e abrolhos, gerada pela
desobediência do homem quando pecou , mas no céu tudo será restaurado e a maldição do
pecado , da terra será aniquilada , ( Gl 3.10 ) A maldição já foi destruída.

7. No céu não haverá morte ( Ap. 21.4 ) O último inimigo foi vencido ele ressuscitou e vive,
morte onde está seu aguilhão onde está a tua vitória, a morte foi vencida eu e você
viveremos com ele estaremos com ele, pois somos vencedores e lá no céu tudo será imortal,
para toda eternidade.

CONCLUSÃO : Na vida futura tudo isto vai acontecer, se você vive por momentos difíceis
vale a pena continuar esperando avinda do Senhor Jesus pois estaremos indo para o céu e
participando de todas as bênçãos de Cristo Jesus.
Simbologia : Levítico e Hebreus II
( 1685 visitas )

Publicado em: 7/7/2006


Por: Raquel Fragoso
Renascer em Cristo - São Bernardo do Campo
raquelcamargofragoso@yahoo.com.br

Bíblia Virtual Versão impressora


V - ESTUDANDO A EPÍSTOLA AOS HEBREUS

O estudo de Hebreus habilita-nos a ver a conexão vital entre o Velho Testamento e o Novo
Testamento, aprende-se a ver o N.T. como cumprimento do A.T. E como a plena revelação de Deus em
Jesus, o nosso Grande Sumo-Sacerdote.
O primeiro passo no seu estudo de Hebreus ou de qualquer outro livro da Bíblia, é LER todo o livro.
O melhor meio de se estudar a Bíblia é ler a Bíblia.

Dr. Whitaker Work escreveu:

“ A surpresa das Escrituras surge muitas vezes de uma maneira muito natural, por meio de leituras
frequentes. A Bíblia é um livro que oferece a sua doçura e o seu perfume àquele que persistentemente o
visita. Alguém já disse que adquirimos o hábito de ler as Escrituras como o gado pastando nos prados –
machucando as flores debaixo dos pés. Ninguém espera vislumbrar toda a mente não se pode alcançar
toda significação e mensagem de um livro da Bíblia com uma leitura apressada. A experiência já provou
que o mais simples de todos os meios de se estudar a Palavra de Deus é ler, tornar a ler, ler ainda e mais
ainda. Há passagens que podemos ler cem vezes, sem nela encontrarmos mensagem especial. O
remédio? Lê-las de novo. Na centésima primeira vez a luz pode raiar e a mente e o coração se encherem
da verdade revelada. Quantas pessoas não têm exclamado depois de uma dessas experiências: “É muito
maior do que julgava e muito mais profundo do que podia compreender”! A pressa tem estragado muita
leitura da Bíblia. Não se pode ler o livro de Deus como se lê o Jornal. Não é este o método de se ler a
Mensagem do nosso Pai celestial. Para conhecer este grande e único livro clássico da alma, deve-se sentir
prazer em se chegar constantemente à sua presença e deter-se bastante tempo na sua atmosfera e
beleza. Escolha uma passagem ou um livro da Bíblia e absorva-o com muitas leituras repetidas, como se
estudasse uma musica ao piano, até que aquela melodia seja a SUA melodia predileta, até que ela se
tenha apoderado do seu coração. Tal esforço será apenas justiça que faremos à Palavra de Deus.” Leia,
quer entenda quer não. Entendê-las-á mais tarde. E esta leitura preliminar é um dos passos essenciais
para se conseguir sentido destas passagens.
As primeiras leituras não são para interpretação mas para impressões gerais para se sentir o “gosto”
do livro. Por isto não se deve perguntar a princípio: “Que significa este versículo?” ou “ Que ensina esta
passagem?” estas perguntas virão depois. “O que está escrito?” sempre deve preceder ao “Por que está
escrito”. Ou melhor estudemos primeiramente o fato em si mesmo, depois o seu porquê. Preserve na sua
leitura continuada.

O Sacrifício da Leitura

Deus recompensa a cada um segundo o interesse dos nossos corações. Depois de cada leitura
pergunte-se após alguns minutos: “Que resultado obtive agora desta leitura?” Registre em um caderno
todos os fatos ou pensamentos notáveis que cada leitura nova lhe sugerir. Faça as leituras com meditação
e oração para que o Espírito Santo possa guiar.

VI - O PERFEITO SACERDÓCIO DE CRISTO

Três Pedras de Tropeço

Os leitores aos quais a Epístola foi dirigida, estavam em perigo de abandonar o Cristianismo para
voltarem ao judaísmo. Esta seríssima situação tinha-se originado em virtude da sua baixa condição
espiritual e da tendência de exaltar o judaísmo e depreciar o Cristianismo.
Três fatos relacionados com o Cristianismo, constituíam pedras de tropeço ou de escândalos para os
crentes hebreus:

1.A invalidação de uma religião antiga, divinamente indicada, da qual a nova religião parecia uma
novidade ou inovação. O culto levítico era uma antiguidade venerável, não invenção do homem, mas uma
ordem emanada do próprio Deus. O Cristianismo era uma religião de ontem.

2.A humilhação e sofrimentos de Jesus, considerados como o Cristo, o Messias Sofredor. Eles eram
incapazes de conciliar a dignidade das experiências humanas de Jesus com a dignidade da Sua Pessoa,
como o Filho de Deus e Messias Prometido.
3.Ausência, na religião Cristã, de um sacerdócio e um ritual de sacrifício.

Percebe-se que a epístola aos Hebreus trata-se de uma apologia do cristianismo no sentido de uma
forte defesa.

O Cristianismo é melhor

O Tema Central é O Cristianismo é melhor que o Judaísmo.

1.Jesus é melhor que os profetas. Hb. 1:1-3


2.Jesus é melhor que os anjos. Hb 1:4 a 2:1-8
3.Jesus é melhor que Moisés e Josué. Hb.3:1 a 4:13
4.Jesus é melhor que Arão. Hb 4:14 a 7:28
5.Jesus é Ministro de um melhor Concerto Hb. 8
6.Jesus presta um melhor Serviço. Hb. 9:1-12
7.Jesus oferece um melhor Sacrifício. Hb. 9:13 a 10:18
8.Jesus proporciona um motivo melhor de fé. Hb 10:19 a 12:03
“ Ora a suma do que temos dito é que temos um sumo sacerdote, tal que está assentado nos céus à
destra do trono da Majestade.” Hb. 8:1

Porque o Sacerdócio?

O objetivo principal da religião é trazer o homem de volta à comunhão com Deus. Vimos que o homem
quando criado á imagem de Deus, gozava da mais íntima comunhão com Deus, face a face, de alma para
alma, de amigo para amigo.
Com a entrada do pecado, essa comunhão desapareceu. Em Genêsis 3, vemos o homem fugindo
amedrontado e se escondendo da presença de Deus. Para o Criador, o problema era como trazer o
homem de volta à comunhão com Ele. Este é o propósito da Redenção – “Cheguemo-nos” . ( HB. 4:16;
7:19, 25; 10:1, 19-22)
Se o fim da religião é trazer o homem para junto de Deus e é o sacerdócio que exerce este objetivo.
Pois a obra do sacerdote é remover a barreira do pecado.A coisa que em todos os tempos tem afastado o
homem de Deus, é o Pecado. E sem que o pecado tenha sido removido o homem não pode se aproximar
de Deus. Há somente um meio pelo qual o pecado pode ser removido e este é a obra do nosso Sumo
Sacerdote.

O Sacerdócio de Cristo

O sacerdócio de Cristo é o cerne “ o coração da religião”. Os demais elementos do Cristianismo são


importantes, muito importantes, mas o Sacerdócio de Cristo é absolutamente essencial.
“ Ora a suma do que temos dito é que temos um sumo sacerdote tal...”

VII - O SACRIFÍCIO MELHOR


Levítico 9:13 a 10:18

O serviço de Arão fracassou quanto ao objetivo de trazer os homens à presença de Deus. E esse
fracasso foi devido à insuficiência do sacrifício que ele oferecia sobre o altar. “ É impossível que o sangue
de touros e de bodes tire pecados”. E enquanto o pecado permanecia o caminho para a presença de Deus
estava impedido.
Mas ao passo que o serviço de Arão fracassou na sua finalidade de abriu o caminho para a presença de
Deus, vimos que o sacrifício que Cristo realizou rompeu o véu em duas partes, de alto a baixo, permitindo
ao homem vir até o Santo dos Santos, à presença de Deus. E este fato foi devido à suficiência do
sacrifício de Cristo realizado na Cruz e que removeu para sempre a barreira do pecado.

O fato Central

“ O Cristianismo é melhor que o Judaísmo ”. Mas em virtude de o sacerdócio ser o próprio coração de
ambas as religiões o autor desceu ao tema particular: “ Cristo, o Sacerdote do Cristianismo, é melhor que
Arão, o sacerdote do judaísmo”.
“ O Serviço que Cristo realizou é melhor que o de Arão realizado no dia da Expiação”. E porque o
próprio coração do serviço Araônico, realizado no dia da Expiação, era o sacrifício que ele oferecia sobre o
altar, provando que “ Cristo ofereceu um Sacrifício Melhor que o oferecido por Arão”.
Fato central do Cristianismo é a Cruz de Cristo e dela O autor de Hebreus fez o alicerce sobre o qual
repousa toda a sua Epístola.

O Sacrifício Melhor

1.A oferta de Arão foi “sangue de bodes e de touros”; a oferta de Cristo foi o “sangue de Cristo”. A vida
do Deus-Homem em contraste com a vida de um animal!

2.Cristo “ofereceu-se a si mesmo”; isto é, Sua oferta foi inteiramente voluntária. (João 10:17-18), sua
oferta foi expontânea (João 18:1-6; Mt. 26-53; João 19:10-11). Não foi Judas, nem os soldados, nem
pilatos que levaram Jesus à morte; foi Ele próprio que se entregou voluntariamente. A oferta de Arão era
involuntária. Quase podemos ver os sacerdotes arrastando os bodes e novilhos para o altar.

3.“Sem mancha”. É verdade que o sacrifício de Arão era, fisicamente, sem mancha, um especime físico
perfeito; mas o sacrifício de Cristo foi moralmente sem mancha.(Hb. 7:26)
4.“Pelo Seu Espírito Eterno” O sacrifício de Cristo envolvia o seu próprio espírito em contraste com os
sacrifícios da lei, em que eram envolvidos somente a carne e o sangue. Este fato eleva ainda mais o
sacrifício de Cristo a um plano infinitamente mais alto que o sacrifício de Arão. A coisa importante no
sacrifício de Cristo não é o fato que o seu Sangue foi derramado, mas o espírito em que foi derramado,
um espírito livre, amoroso e santo. Ele derramou a Sua alma na morte (Isaias 53), o Seu Santo espírito.

5.“Um Espírito Eterno” o espírito que Cristo se ofereceu estava com ele desde toda a eternidade e
continuará eternamente com ele. O sacrifício de si próprio na Cruz foi um simples evento histórico, mas o
espírito com que ele realizou aquele ato vem desde toda a eternidade e se estenderá por toda a
eternidade. Por este espírito eterno Cristo ofereceu-se antes que viesse ao mundo, quando esteve no
mundo e depois que deixou o mundo.

Jesus foi “morto antes da fundação do mundo”. Ele ofereceu-se ao Pai pelos pecados da raça humana,
desde toda a eternidade passada. O espírito do sacrifício da Cruz foi um espírito eterno, por isso atinge,
no passado a todos os pecados dos que creram em Deus, desde Adão até Pedro; e alcança no futuro,
redimindo todas as almas crentes, desde a Cruz até a segunda vinda de Cristo. O sacrifício de Cristo
transcende a superioridade do sacrifício de Arão, sacrifício que foi apenas temporário.

Purificação da Consciência

O sacrifício de Arão santificava “ quanto a purificação da carne”, isto é, limpava somente de impurezas
cerimoniais. Se o homem se tornasse cerimonialmente imundo, por tocar num leproso ou num cadáver,
então o sacrifício de Arão era suficiente para restaurar sua pureza cerimonial. Seu sacrifício não ia além
da carne, atingia somente o exterior do homem. Era um sacrifício limitado pois era simplesmente um
sacrifício de carne e sangue.
A eficácia do sacrifício de Cristo purifica a consciência. Atinge o mais recôndito do ser humano e
remove o sentimento de culpa da sua consciência. Somente um sacrifício com tal poder seria suficiente
para o pecador nada menos que isto. Seu sacrifício foi o do próprio Deus-Homem, sacrifício voluntário,
moralmente sem mancha, do espírito eterno. Daí resulta a sua transcendente superioridade sobre o
sacrifício de Arão que foi ode bodes e novilhos – involuntário, fisicamente sem mancha, isto é, somente
quanto à “ carne e o sangue”, um sacrifício temporário.

Razões porque o sacrifício de Cristo é melhor que o de Arão:

1.Porque ele purifica a consciência, ao passo que o de Arão purificava somente a carne Hb 9:13-14.

2.Por ele selou o novo Concerto, tornando acessível a herança eterna; ao passo que o de Arão selava o
Velho Concerto, tornando acessível somente a herança temporal. Hb 9:15-20.

3.Porque ele purificou o Tabernáculo celestial, ao passo que o de Arão purificava unicamente o
tabernáculo terrestre . Hb. 9:21-24.

4.Porque ele foi oferecido UMA VEZ POR TODAS, sendo portanto, final; ao passo que o de Arão era
oferecido de ano em ano. Hb 9:25-28.
a) Seu sacrifício foi feito uma vez para sempre. Hb 9:25-26.
b) Portanto ele é completo e final. Hb. 9:27-28.

5.Porque ele pode e torna perfeito o adorador; ao passo que o de Arão falhava em alcançar aquele
objetivo. Hb 10:1-18.
a) O fracasso da lei levítica para aperfeiçoar o crente Hb 10:1-4.
b) Cristo, por sua perfeita obediência, anulou os sacrifícios primitivos. Hb 10:5-9.
c) A perfeição da Obra Completa de Cristo HB 10:10-18
1) Provada pelo fato de que ela foi realizada uma vez para sempre, vs 10.
2)Provada pelo fato de Êle sentar-se à mão direita de Deus, vs 11-14
3)Provada pelo testemunho das Escrituras, vs. 15-18

VIII - CONCLUSÃO

João Batista declarou abertamente “ Eis o Cordeiro de Deus que tira o pecado do mundo”, ciente de
que Cristo era e é o sacrifício perfeito aos olhos do Justo Juiz, Este Cordeiro imaculado conheceu a dor
levando sobre o seu corpo os nossos pecados e iniquidades, o seu sangue carmesim purifica-nos de todos
os nossos pecados.
No Antigo Testamento o sangue dos animais não tinham poder de perdoar pecado, mas somente
encobri-los pois somente o sangue de Jesus perdoa pecados e nos reconcilia com Deus.
O sacrifício agradável e perfeito já foi feito e está disponível pelo poder do sangue a salvação e o
perdão dos pecados a todos os que crerem. Amém.
As barreiras na vida do crente e seus resultados
Tipo: Esboços e estudos bíblicos / Autor: Pr. Luis Carlos Dicara

Texto : Lc 5.17-26

Introdução : As vezes nos deparamos com as barreiras outras se levantando contra nossa
vida ,mas as barreiras devem ter grandes propósitos para as nossas vidas, vamos falar sobre
4 barreiras que surgem na nossa vida e vamos vencê-las em nome de Jesus.

1. BARREIRA DAS DÚVIDAS E INSEGURANÇA

A falta de fé , crer no que está para acontecer , sempre na hora da aproximação , a dúvida
sempre vai tentar ofuscar e atrapalhar os milagres na nossa vida.

Precisamos crer sem dúvidas só assim será efetuado o milagre do Senhor na nossa vida.

2. BARREIRA DA RELIGIOSIDADE

Eram os fariseus os religiosos de status naquele período , que queriam se destacar entre os
judeus eram extremos em religiosidades e não viviam o que declaravam em fé.

Quando Jesus disse na autoridade do filho de Deus que aquele homem estava perdoado, os
fariseus começaram a murmurar , reclamar mencionando em seus corações quem é este ?

Ele é o perdão

Ele é a misericória , a verdade , o caminho , a justiça , graça o milagre aquele que tem toda
autoridade especialmente para perdoar os pecados ( o único ).

Quem pode perdoar pecados senão Deus ( Jesus é Deus - Fp 2.5-11 ).Há muitos reliosos se
levantando contra nossa vida querendo se colocar no lugar de Jesus

3. BARREIRA DAS PESSOAS ( MULTIDÃO )

A multidão as vezes é uma barreira , uma pedra de tropeço , um grande impedimento ,


quantas pessoas torcem para não vencermos ( até mesmo crentes ) ? ou irmãos , até
mesmo familiares ?

São muitas pessoas reunidas em só mesmo lugar ( dificultava o homem chegar até onde
Jesus estava ) - muitos não chegam a Jesus por causa do medo de que as pessoas vão
falar.Alguns dizem por que toda hora ir a igreja ?, ou ir a oração ? mas se chegarmos até
Deus Ele chegará até nós , faça igual a mulher do fluxo de sangue venceu a barreira da
multidão e tocou na orla dos vestidos de Jesus e recebeu a cura.

4. BARREIRA DO IMPECÍLIO

Ele o homem paralítico não podia entrar naquela casa pelas portas , ele em um ato de fé ,
resolveu usar um método muito estranho , desceu de cima do telhado.Ou seja ele passou
por cima do impecílo que estava na frente para chegar até Jesus e receber o milagre , hoje
com Deus você salta muralhas , Deus te ajuda m Deus vai providênciar os meios necessários

As dificuldades e os embaraços foram vencidos com ajuda de pessoas que sempre querem
ver as grandes vitórias nas nossas vidas. Ele foi carregado até chegar ao encontro com
Jesus.

Conclusão : O resultado depois de todas estas barreiras foram :


O Povo viu o milagre aconteceu devido a fé daquele homem e Deus foi glorificado;

A fé foi aumentada naquele lugar onde muitos viram o Senhor Jesus fazer grandes
maravilhas e foi declarado que Jesus era mesmo o enviado do Pai ( O Messias ).
Quando vencemos as barreiras Jesus na nossa vida é glorificado e pessoas que estão ao
nosso redor comtemplam o milagre de Jesus na nossa vida e reconhecem que só Jesus
mesmo para fazer essas maravilhas.

Enchendo as mãos de brassas e espalhando pela cidade


Tipo: Esboços e estudos bíblicos / Autor: Pr. Luis Carlos Dicara

ENCHA AS MÃOS DE BRASAS ACESSAS SEJA REVESTIDO DE PODER E ESPALHA SOBRE A


CIDADE
Ez 10.1-6 / Lc 24.49

Depois, olhei, e eis que no firmamento, que estava por cima da cabeça dos querubins,
apareceu sobre eles como uma pedra de safira, como o aspecto da semelhança de um
trono.E falou ao homem vestido de linho, dizendo: Vai por entre as rodas, até debaixo do
querubim, e enche as mãos de brasas acesas dentre os querubins, e espalha-as sobre a
cidade. E ele entrou à minha vista. E os querubins estavam ao lado direito da casa, quando
entrou aquele homem; e uma nuvem encheu o átrio interior. Então, se levantou a glória do
SENHOR de sobre o querubim para a entrada da casa; e encheu-se a casa de uma nuvem, e
o átrio se encheu do resplendor da glória do SENHOR.E o estrondo das asas dos querubins se
ouviu até ao átrio exterior, como a voz do Deus Todo poderoso, quando fala. E sucedeu,
pois, dando ele ordem ao homem vestido de linho, dizendo: Toma fogo dentre as rodas,
dentre os querubins, que entrou ele e se pôs junto às rodas.

E eis que sobre vós envio a promessa de meu Pai; ficai, porém, na cidade de Jerusalém, até
que do alto sejais revestidos de poder.

Deus nesta última hora quer colocar brasas em muitas mãos, o profeta Ezquiel vê agora
acontecendo algo tremendo , é a ordem de Jeová, mas para entendermos este texto que
citamos acima precisamos conhecer um pouco de Ezequiel
Ezequiel – 25anos em Jerusalem cinco anos mais tarde Deus o chama-o no meio dos cativos
de Babilônia 10.000 ano 597 a.C. juntamente com Ananias Misael e Hazarias ,que fora
levado junto com Daniel ao palácio de Nabucodonossor, Deus revela-se a Ezequiel nas
margens do rio Quebar- E aconteceu, no trigésimo ano, no quarto mês, no dia quinto do
mês, que, estando eu no meio dos cativos, ajunto ao rio Quebar, se abriram os céus, e eu vi
visões de Deus.- Deus começa a mostrar a gloria e a revelação do céu a Ezequiel , eu visões
de Deus (Ez 1) Deus Jeová revela-se ao profeta , E logo em seguida vem a chamada do
profeta Ez cap. 2 E disse-me: Filho do homem, põe-te em pé, e falarei contigo.

Então, entrou em mim o Espírito, quando falava comigo, e me pôs em pé, e ouvi o que me
falava. Fala da posição que Deus requeria de Ezequiel, chega de se lamentar , chega de
murmurar, chega de desculpas . ( fala da posição que a igreja deve assumir neste dias ) ,
falarei contigo fala das instruções reveladas e deixadas na palavra de Deus para nós
executarmos a obra e a tarefa missionária – ENCHA AS MÃOS DE BRASAS ACESSAS SEJA
REVESTIDO DE PODER E ESPALHA SOBRE A CIDADE.

Brasas acessas é o poder de Deus que quer habitar em voce e temos que repartir este pode
com outros que estão desfalecidos ( quem sabe você está igual aos 10.000 cativos , está
desanimado , abatido , sem fé
Mas Deus quer que recebemos brasas acesas na nossa vida espiritual
I. PODER PARA DETERMINAR A BENÇÃO NA VIDA DAS PESSOAS.

a) Eliseu pela autoridade que Deus tinha lhe dado determinou a benção na vida da viúva
pobre ( II Rs 4 ) Deus nos tem dado autoridade para sermos bênçãos neste mundo em
desespero , onde os recursos se esgotam , ai está o homem de Deus , a mulher de Deus ,
Deus conta com um remanescente para levar a palavra aos desesperados neste mundo sem
solução.( Ezequiel viu depois aglória do novo templo medida por medida)

b) O país em crise mesmo assim Eliseu profetizou e a benção foi liberada ( II Rs 7.1,2 )
Então, disse Eliseu: Ouvi a palavra do SENHOR; assim diz o SENHOR:Amanhã, a quase a
este tempo, uma medida de farinha haverá por um siclo, e duas medidas de cevada, por um
siclo, à porta de Samaria. Porém um capitão, bem cuja mão o rei se encostava,respondeu ao
homem de Deus e disse: Eis que, ainda que o SENHOR fizesse janelas no céu, poder-se-ia
fazer isso? E ele disse: Eis que o verás com os teus olhos, porém daí não comerás.

O que aconteceu? Samaria foi cercada , Israel perdera a verdadeira fé , passava por uma
grande crise a crise quando o mundo não conhece Deus, ou se desvia do Criador dos céus e
da terra

Era uma crise terrível ( II Rs 6.24-30 ) mas em crise sempre vai surgir o homem de Deus
para dar uma palavra ao povo e Deus vai honrá-la. ENCHA AS MÃOS DE BRASAS ACESSAS
SEJA REVESTIDO DE PODER E ESPALHA SOBRE A CIDADE FAZENDO MISSÕES EM BRASAS
ACESAS ( Deus quer fazer voce utilizar a autoridade profética da palavra , (não falamos de
profetadas)que aproveitam situações de dificuldades para se tornarem conhecidos e falar
coisas vãs, mas homens de Deus onde falarão Tão certo como vive o Senhor isso é a
determinação da benção segundo a palavra do Senhor, sem ela é vã abrir a boca

II. PODER PARA LIBERTAR OS OPRIMIDOS DO DIABO , E DESMASCARAR AS OBRAS


OCULTAS DO DIABO.

Jesus veio com esta missão –I Jo 3.8 Para isto o Filho de Deus se manifestou: para desfazer
as obras do diabo.At 10.38 como Deus ungiu a Jesus de Nazaré com o Espírito Santo e com
virtude; o qual andou fazendo o bem e curando a todos os oprimidos do diabo, porque Deus
era com ele. Lc 4.18- O Espírito do Senhor é sobre mim, pois que me ungiu para evangelizar
os pobres, enviou-me a curar os quebrantados do coração – Deus nos deu esta missão NOS
CAPACITOU ,com seu Espírito Santo . At 1.8- Mas recebereis poder , virtude , recebemos
poder para desfazer as obras do diabo , libertar os oprimidos , evangelizar , levar a missão
adiante , que Jesus outorgou , parece que eu vejo – Jesus ia ascender ao Céu ele deixando
as instruções aos seus discípulos .Mt 28.18-20 E, chegando-se Jesus, falou-lhes, dizendo: É-
me dado todo o poder no céu e na terra. Portanto, ide, ensinai todas as nações, batizando-as
em nome do Pai, e do Filho, e do Espírito Santo;ensinando-as a guardar todas as coisas que
eu vos tenho mandado; e eis qu e eu estou convosco todos os dias, até à consumação dos
séculos. Ele já nos deu esta autoridade , esquecemos as vezes que temos ela foi dada a
igreja e fazemos parte da igreja .Is 52.10 - O SENHOR desnudou o seu santo braço perante
os olhos de todas as nações; e todos os confins da terra verão a salvação do nosso Deus.Lc
24.47- e, em seu nome, se pregasse o arrependimento e a remissão dos pecados, em todas
as nações, começando por Jerusalém. Rm 10.18 Mas digo: Porventura, não ouviram? Sim,
por certo, pois por toda a terra saiu a voz deles, e as suas palavras até aos confins do
mundo.Cl 1.23 se, na verdade, permanecerdes fundados e firmes na fé e não vos moverdes
da esperança do evangelho que tendes ouvido, o qual foi pregado a toda criatura que há
debaixo do céu, e do qual eu, Paulo, estou feito ministro.
ENCHA AS MÃOS DE BRASAS ACESSAS SEJA REVESTIDO DE PODER E ESPALHA SOBRE A
CIDADE
Mc 16.15-17 E disse-lhes: Ide por todo o mundo, pregai o evangelho a toda criatura.Quem
crer e for batizado será salvo; mas quem não crer será condenado.
E estes sinais seguirão aos que crerem: em meu nome, expulsarão demônios; falarão novas
línguas;pegarão nas serpentes; e, se beberem alguma coisa mortífera,não lhes fará dano
algum; e imporão as mãos sobre os enfermos e os curarão.
Esta era a missão deixada por Jesus aos seus discípulos – e voce é discípulo , estás
esperando o que ??? Não foi voce que escolheu esta missão mas ele –Jo 15.16 Não me
escolhestes vós a mim, mas eu vos escolhi a vós, e vos nomeei, para que vades e deis fruto,
e o vosso fruto permaneça . Deus conta com voce – ainda para a grande obra . ENCHA AS
MÃOS DE BRASAS ACESSAS SEJA REVESTIDO DE PODER E ESPALHA SOBRE A CIDADE, está
na hora de colocar em prática e Deus vai começar a te usar.

III. PODER PARA MINISTRAR UNÇÃO PARA OUTRAS PESSOAS.

a) Podemos levar poder de Deus , para as pessoas que não tem e não sabe o que é isso
Paulo chegou na cidade de Éfeso, e lá inicio um grande avivamento poderoso onde houve
muitas conversões e perguntou se alguns varões tinham recebido o poder do batismo com o
Espírito Santo ? At 19.1-6 - 1 E sucedeu que, enquanto Apolo estava em Corinto, Paulo,
tendo passado por todas as regiões superiores, chegou a Éfeso e, achando ali alguns
discípulos,disse-lhes: Recebestes vós já o Espírito Santo quando crestes? E eles disseram-
lhe: Nós nem ainda ouvimos que haja Espírito Santo.Perguntou-lhes, então: Em que sois
batizados, então? E eles disseram: No batismo de João. Mas Paulo disse: Certamente João
batizou com o batismo do arrependimento, dizendo ao povo que cresse no que após ele
havia de vir, isto é, em Jesus Cristo. E os que ouviram foram batizados em nome do Senhor
Jesus. E, impondo-lhes Paulo as mãos, veio sobre eles o Espírito Santo; e falavam línguas e
profetizavam. Eles nem sequer sabiam o que era aquilo , o poder da unção que Paulo tinha
recebido ele transmitiu para as demais pessoas, iniciou um grande e poderoso mover de
deus e Deus mais para frente coloca por terra a idolatria da Deusa Diana dos Efésios , uma
igreja surge e a obra de Deus é feita com ousadia e poder da unção de Deus – Testemunho –
Uma mulher na casa dos irmãos acabou de aceitar a Jesus como Salvador NA ORAÇÃO ela
recebeu a palavra e disse que acreditava no batismo na mesma hora,O Senhor disse
ncoloque as mãos sobre ela e diga receba o Batismo agora Jesus batizou com fogo aquela
irmã... e ela começou a falar e a profetizar , hoje é uma pessoa cheia do Espírito Santo,
precisamos ter nossas mãos cheias e espalhar sobre a cidade

ENCHA AS MÃOS DE BRASAS ACESSAS SEJA REVESTIDO DE PODER E ESPALHA SOBRE A


CIDADE .

A unção de Deus está aqui nestes dias finais ele quer espalhar a unção faz a diferença – voce
é pentecostal voce nasceu no fogo , se voce quer ter um ministério poderoso e ver
grandiosas coisas prepare para recebre brasas, Deus quer derramar poder ,comece a
glorificar a Deus hoje na oração se creres e pedires e sentir a necessidade comece a
glorificar sua vida vida vai recebre este poder, o Espirito está ai ele vai encher a sua mão de
brasa para voce espalhar , Jesus disse eu vim lançar fogo sobre a terra – distribuir poder – é
a ultima hora - recebe agora - ENCHA AS MÃOS DE BRASAS ACESAS SEJA REVESTIDO DE
PODER E ESPALHA SOBRE A CIDADE

Interesses relacionados